15 Comentários


  1. Estes textos são geniais! O que sinto ao ler cada capitulo dos teus textos é o que eu sinto quando leio qualquer obra de Julio Verne, ou seja, sinto como se estivesse dentro da história, da narrativa, como se eu fosse um espectador passivo. Tive imensa pena do Nareba. Com consegue ser tão calmo levando porrada por todos os lados, moral e fisicamente e ainda aguentar um par de espetos na cabeça.

    Muito bom Philipe, espero que daqui surja um livro e quiçá um filme. Genial!

    Responder
  2. Thiago chipset Andrey Ferreira

    Acho que não é um sapo igual os daquele post de dias atrás né?

    Responder
  3. Richard

    O Philipe tá empolgadão, escrevendo um capítulo atrás do outro. Assim é que é legal! Quase não acreditei quando entrei aqui e vi o terceiro capítulo.

    Russo pro Nareba: -Relaxa, cara. Vamos tomar um café e botar a cabeça no lugar. Se ela topou te sacanear assim, na frente de geral, ela não te merece, cara! Toma, come uma torradinha. Bebe um cafezinho aí! Tá fraco…
    kkkk rachei!

    Responder
  4. Yusef Khalil

    Que droga! Por que tinha que terminar na parte mais interessante? Hehehe! Tá ótimo! Continue assim.

    Responder

    1. Eu sempre termino o capítulos em momentos-chave, porque só assim eu fico com tesão de continuar no dia seguinte.

      Responder
  5. Khalil Yusef

    Conto sensacional Philipe, como disse o amigo acima, me sinto na estoria.
    Engraçado como um conto desse pode provocar tantas emoções, to com uma puta raiva desse Greg ai, coitado do Marcelão.

    Responder
      1. Diego

        Me parece o personagem mais FDP, mas ao mesmo tempo, o mais sincero. Tenho a impressão de que cada um dos outros fará uma escrotice em algum momento, e que muitos ali escondem algo. Bom, é impressão minha, quem está escrevendo o conto é o Philipe!

        Responder
  6. Daniel Bart Pinheiro

    Tô adorando esse conto, já estava com saudades dos seus contos. Esse tá seguindo um caminho bem diferente dos seus últimos contos. Você está escrevendo daquela mesma maneira de escrever sem saber o final?

    Responder

    1. Sim, do mesmo jeito de sempre. Mas dessa vez eu tinha pensado a história até esta parte 3. De agora em diante a História segue sozinha.

      Responder

  7. Parabéns Philipe, eu já estava com saudades de suas histórias. Sempre muito boas e com um final surpreendente.
    Você é um grande escritor.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.