31 Comentários

  1. Robson Lira

    Po, que bacana!
    Trata-se de um livro? Ou apenas vontade de escrever durante a madrugada?
    Curti muito, parabens!

    Responder

    1. aqui no blog eu escrevo contos. Tem uns enormes. Vou escrevendo e postando sem saber onde vai dar. (olha na seção de contos do menu principal que tem vários deles.Uns são curtos, outros gigantes)

      Responder
  2. Mike Maluco

    Legal… com claras influências do filme Arraste-me para o Inferno… mas começou bem…

    Responder
  3. Forrest

    Não é tão original porque copia o início do filme “Arraste-me para o Inferno”, (que por sinal não é lá essas coisas), onde uma analista de crédito, para impressionar seu chefe, recusa o pedido de empréstimo de uma velha cigana, que lança uma maldição sobre a analista, e a lenda urbana das BEKs – Black-Eyed Kids. Mas mesmo assim, curto seus contos!

    http://www.adorocinema.com/filmes/filme-133358/

    http://www.megacurioso.com.br/misterios/37965-misterio-voce-ja-ouviu-falar-das-criancas-com-olhos-completamente-negros-.htm

    Responder

    1. Ah, é. Super-copiei. Os dois tem… uma velha. No arraste-me para o inferno temos uma velha que quer pegar empréstimo. No meu conto tem uma velha que não quer pagar.
      Sobre o creepy pasta das crianças dos olhos negros é isso mesmo. São eles. E como a mulher está gravida, acho que vc deve dizer que copiei o bebê de Rosemary tb.

      Responder
  4. Diego Borges de Souza

    Deu um puta cagaço agora! Pelo começo, acho que é meio inspirado naquele filme ‘Arrasta-me para o Inferno’

    Responder
  5. cezar

    nossa, conto novo!! Gosto muito, mas não judia da gente como no conto da Caixa, rs
    Poderia vir inteiro, essa ansiedade de esperar o próximo capítulo me mata! kkk

    Responder
      1. Rogério Calsavara

        Criando enquanto escreve em tempo real?!?! Caraca!!! Mas fazendo assim não existe o risco de “se perder” na estória e ela ficar confusa e/ou ruim?

        Responder
  6. Evandro

    Texto muito bom, só encontrei esses erros.

    uma casa afastada, perto de um boque. (acho que é bosque)

    -Ah! Graças a Deus! Rogério! É você?

    Eles se despediram e Ricardo desligou.(o nome dele não é Rogério ?).

    Responder
  7. Rodolfo

    kra ki loko vei…estava lendo sobre isto esta semana e pensei,Vou mandar a idéia pro philipe que é muito gump estas estórias de crianças ambu ai…mt bom….

    Responder
  8. Richard

    Ooooobaaa! Conto novo! Mas pensando bem, não sei se isso é motivo de alegria ou tristeza, porque agora vai começar a tortura tudo denovo! kkkk A tortura da espera!

    Responder
  9. Priscila

    Olá, eu adorei seu ”livro” haha, adoro coisas de terror e vc é muito bom mesmo!
    Eu gostaria de perguntar quando vai continuar, hoje, amanhã… Estou morrendooo de vontade para ver o resto.. Tudo aliás!!!
    Sou sua nova fã pois não gosto de ler, e já li tudo!!
    Parabéns e continue o mais rápido que puder!!! =D

    Responder

    1. Valeu Priscila! Devo continuar a história ainda hoje, se eu conseguir acabar de instalar o 3d aqui e terminar um trabalhinho rápido que é pra amanhã.

      Responder
  10. BEZALEL

    Liga pra comentários negativos, não. Manda brasa, porque a gente já sabe do teu potencial.
    Estamos aguandando ansiosamente!

    Responder
  11. Fábio Fuzari

    Cara, andei lendo uns comentários aqui dizendo que você copiou o começo de “Arraste-me para o Inferno”.

    Quer saber?

    Não tô nem aí se você copiou ou não! O conto já começou me dando um cagaço!!! Está EXCELENTE até agora…

    MEDO!

    Manda mais, Philipe!!!!

    Abração e obrigado pelo conto!

    Responder
  12. Daniel Bart Pinheiro

    Caraca, agora que eu não durmo mesmo, lendo O Iluminado e As Crianças da Noite, pesadelos irão me visitar nas próximas noites kkkkkkkkkkkkkkkkk. Ótimo primeiro capítulo de um novo conto, já estava até com saudade deles. Não liga para os comentários que estão falando que é cópia, pois está muito bom mesmo.

    Responder
  13. Anderson

    Poxa, Philipe. Cadê a parte 3? Desse jeito você nos mata de curiosidade kkkkkkkkk.

    Responder
  14. Lelê

    Que isso, Philipe!!! Fiquei completamente arrepiada! Muitas imagens e cenas assustadoras reproduziram em minha cabeça, e já até sei que elas vão ficar martelando na hora de dormir…
    Minha admiração pelo seu excelente trabalho só aumenta a medida que leio seus textos, parabéns!!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.