Vi no Scooby Doo!

secret-space


Quando eu era guri, vi muito desenho do Scooby Doo. E uma das coisas que mais me fascinavam (e confesso, ainda hoje me fascinam) é a possibilidade de construir uma casa com uma passagem secreta. Estantes que com o puxão no livro certo revelam passagens para laboratórios obscuros, cehios de magia e perigos são uma ideia constante que me acometem desde que eu era criança. Ao imaginar a ideia de construir uma casa, sempre penso: “meu escritório terá uma passagem secreta”.

Pode me chamar de maluco, de criança, de retardado que não cresceu, mas nos dias de hoje, com a criminalidade do jeito que está, a ideia de ter meu estúdio com meus computadores e materiais protegidos de uma possível invasão da casa por uma estante ou parede falsa é cada vez mais cativante.

A novidade que eu li reativou essas ideias:

Estantes que se movem revelando escadas, paredes falsas que levam a salas secretas, lareiras que conduzem a saídas ocultas e outros elementos de fugas cinematográficas tornaram-se realidade. A norte-americana Creative Home Engineering, especializada em aparelhos de segurança, une criatividade e alta tecnologia e vende saídas de emergência nos lares para situações de perigo.

Por US$ 1,5 mil você pode comprar um kit básico que contém todos os mecanismos necessários para uma passagem secreta, incluindo dispositivo de identificação e transmissão de dados sem fio. Por US$ 10 mil, a Creative Home Engineering instala um sistema de fuga completo para cineasta nenhum botar defeito.

A companhia também desenvolve dispositivos de segurança contra invasão de casas como portas de aço com identificação por voz, portas que abrem apenas com reconhecimento das impressões digitais, monitoramento de interiores por câmeras de calor ou infravermelhas, entre outros. Para ver o funcionamento dos dispositivos, veja os vídeos no site da empresa, no endereço www.hiddenpassageway.com/

Obviamente não tô rico e nem tenho pra gastar com babacas norte-americanos, então eu mesmo projetarei minha estante secreta, que será igualzinha a dos desenhos do Scooby Doo, com a diferença que provavelmente contará com um livro falso na estante, que conterá um sensor de reconhecimento de digital e a estante só abrirá para mim ou para a Nivea.
Show, né?

Receba o melhor do nosso conteúdo

Cadastre-se, é GRÁTIS!

Não fazemos spam! Leia nossa política de privacidade

Philipe Kling David
Philipe Kling Davidhttps://www.philipekling.com
Artista, escritor, formado em Psicologia e interessado em assuntos estranhos e curiosos.

Artigos similares

Comentários

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Advertismentspot_img

Últimos artigos