Quanto tempo dá pra ficar sem piscar?

Ficar sem piscar pode parecer fácil nos primeiros minutos, mas após uma hora a sensação é de enfiarem uma faca no seu olho!

Piscar é extremamente importante para a saúde ocular. Desempenha diversas funções. As pálpebras, fechando e abrindo, limpam os olhos de detritos: pequenas partículas de poeira do ar, lágrimas secas e células mortas. Piscar também promove hidratação.

Além disso, os cientistas acreditam que é benéfico não só para os olhos, mas também para o cérebro. Quando você fecha as pálpebras, nenhuma informação visual entra e isso ajuda a descansar. Normalmente, as pessoas piscam entre 14.400 e 19.200 vezes por dia, gastando meio segundo em cada piscada. Então, essencialmente, você passa 10% do seu tempo acordado no escuro.

Além disso, a córnea não possui vasos sanguíneos, por isso necessita de oxigênio do filme lacrimal, que se renova quando piscamos. E se você não fechar os olhos por muito tempo, ele começará a inchar por falta de oxigênio, o que causará dor e visão turva. Além disso, você aumenta o risco de introdução de patógenos nos olhos.

Frequentemente, as pessoas começam a piscar com menos frequência quando ficam sentadas em frente ao computador por muito tempo.

Existe até esse termo – síndrome da visão computacional. A pesquisa mostra que as pessoas que olham para uma tela têm 66% menos probabilidade de fechar e abrir os olhos.

Por exemplo, em 2011, na cidade australiana de Darwin, foi realizada uma competição para ver quem conseguia aguentar mais tempo sem piscar. 

Participaram 45 pessoas, mas duas chegaram à final – Stephen Stagg e Fergal Fleming. No final, Fleming venceu, mantendo as pálpebras imóveis pela força de vontade por 40 minutos e 59 segundos. E seu oponente finalmente vacilou e piscou.

Ambos alegaram que aos 10 minutos seus olhos começaram a lacrimejar muito. E depois de meia hora de observação contínua, Fleming admitiu: ele se sentia como se estivesse sendo tatuado diretamente no globo ocular. É exatamente assim que o edema da córnea se sente quando ocorre devido à falta de umidade.

Mas Fergal Fleming não é o competidor mais resiliente do mundo. Em 2016, Julio Jaime, do Colorado, não piscou por 1 hora, 5 minutos e 11 segundos. Ele gravou seu desafio em vídeo, segurando um telefone com cronômetro em frente à câmera.

O recorde de Jaime não durou muito. Em 2019, ele foi espancado pelo ator Paolo Ballesteros, que disputou uma disputa de olhar fixo com sua coapresentadora Pauline Luna durante um programa de TV. Pauline durou 30 minutos e 44 segundos, e Paolo – 1 hora, 17 minutos e 3 segundos, embora copiosas lágrimas escorressem por seu rosto. Por que eles fizeram isso? Bem, algumas pessoas realmente querem competir até mesmo por ninharias.

Um ator nas Filipinas estabeleceu o que se acredita ser um recorde mundial não oficial ao manter os olhos abertos sem piscar por 1 hora, 17 minutos e 3 segundos.

Paolo Ballesteros estava competindo contra o comediante Allan K em um segmento do programa Eat Bulaga! programa de variedades que coloca celebridades umas contra as outras em recordes de desafios incomuns.

O Guinness World Records disse que não tem recorde oficial de não piscar, mas o site RecordSetter.com lista o recorde mundial como sendo de 1 hora, 5 minutos e 11 segundos, estabelecido por Julio Jaime, do Colorado, em 2016.

Porém, em 12 de julho de 2021, o indiano Anand Haridas superou todos esses recordistas. Ele fez isso não apenas por diversão, mas durante a meditação trataka. Esta é uma prática tântrica durante a qual o iogue limpa sua consciência observando continuamente algum pequeno objeto, a chama de uma vela ou apenas um ponto no espaço.

Anand ficou tão satisfeito que meditou com os olhos abertos por 1 hora e 31 minutos.

Provavelmente essa é a marca mais longa que um ser humano já conseguiu ficar.

Receba o melhor do nosso conteúdo

Cadastre-se, é GRÁTIS!

Não fazemos spam! Leia nossa política de privacidade

Philipe Kling David
Philipe Kling Davidhttps://www.philipekling.com
Artista, escritor, formado em Psicologia e interessado em assuntos estranhos e curiosos.

Artigos similares

Comentários

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Advertismentspot_img

Últimos artigos