O único animal imortal na face da Terra

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
Categorias
Night mode

Deixe uma água-viva no sol por tempo suficiente, e ela irá encontrar uma das mais desgracentas mortes possíveis para um cnidário: irá evaporar.

Formada em mais de 95% de água, as medusas ou como são popularmente conhecidas, “águas-vivas” são criaturas ridiculamente simples. Eles não têm cérebro, nem pulmões e muito menos olhos. Junte um monte de tentáculos, uma cavidade estomacal, uma cabeça de guarda-chuva e você praticamente criou uma água-viva. Para a respiração, esses animais com cara de alienígenas têm somente a pele fina o suficiente para deixar passar o oxigênio. No entanto, nessa simplicidade há variedade e, em pelo menos um caso muto, muito GUMP, a imortalidade!

A Turritopsis nutricul é a medusa imortal.

Os adultos têm 5mm de diâmetro e são coisinhas transparentes. Ao olhar pra ela debaixo dágua, você veria uma pequena esfera cercado por algo entre 8 e 24 tentáculos espalhados, se balançando contentes. Porém, quando essa água-viva fica entediada, ou quando as coisas ficam difíceis, ela pode mudar. Ela apenas começa a ficar mais jovem!

Ele se move para a superfície e se contrai firmemente. Então lentamente ela se torna uma esferinha. Como uma bolota, ele executa um processo especial, chamado transdiferenciação. Isso é uma maneira pela qual alguns animais, como caranguejos, fazem regenerar seus membros. As células tornam-se simplificadas, então são refeitas como novas células, dando ao caranguejo um novo braço, ou uma estrela-do-mar uma nova perna. É quase que uma metamorfose reversa.

Mas a Turritopis nutricul é único bicho conhecido no reino animal porque faz isto com todo o seu corpo!

A água-viva ressurge como uma criança perfeitamente formada, pronta para começar a viver tudo de novo! Nada mal hein? Enquanto a água-viva não acaba sendo jogada na praia e morre por evaporação, ou é comida por algum predador, ela vai fazendo isso indefinidamente. Os cientistas acreditam que não exista limites para o numero de vezes que esse bicho pode se gerenerar completamente. Isso torna ela possivelmente, a única criatura imortal na face da Terra.

Dada a sua longa vida útil, não é nenhuma surpresa que elas queiram viajar. Esse tipo de cnidário está se espalhando de sua casa no Caribe para lugares tão variados como Espanha, Japão e Panamá. Enquanto houver água é quente, eles podem encontrar o seu caminho pra lá, trazendo uma dose de imortalidade para as águas perto de você.

Não deixe de ver este super post gump com as mais incríveis águas-vivas do mundo!
fonte, fonte, fonte

Comments

comments

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

2 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

© MUNDO GUMP – Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução sem autorização.