Não é uma foto!

Olha só que impressionante isso.

Parece uma bela fotografia, mas a verdade é que isso é uma PINTURA!
Esses são trabalhos do talentoso artista Craig Wylie. É praticamente impossível distinguir sua pintura de uma fotografia. Sua técnica inclui os menores detalhes do rosto de uma pessoa, que são pintadas com lápis de cor, óleo, tinta e até carvão sobre telas enormes, em seus mínimos detalhes. O cara quase sempre trabalha com telas grandes, medindo 2 por 3 metros.

Craig posa com uma de suas pinturas

 


Craig Wylie nasceu em 1973 em Masvingo, Zimbabwe. Ele estudou artes plásticas na África do Sul graduar-se com distinção em 1996. Tendo estabelecido sua reputação na África como um pintor de talento excepcional e habilidade indiscutível, Craig mudou-se para a Inglaterra em 1998, e dentro de um ano realizou a sua primeira exposição em Londres, na Galeria Park Walk, em Chelsea, onde continua a ser representado. Seu trabalho foi exposto em várias exposições significativas e galerias, incluindo a prestigiosa Galeria lido Everard, em Joanesburgo.

Tendo vivido a maior parte de sua vida na África do Sul, a luz e o espaço são partes importantes de seu trabalho. Muito do trabalho de Craig até agora está focado no corpo e, mais recentemente, ele expandiu seu assunto para cobrir paisagens urbanas, paisagens e marinhas.

Com esta série especial, Craig queria algo bastante rigoroso no projeto, portanto, a centralidade geral de cada peça.

 

 

fonte fonte

Receba o melhor do nosso conteúdo

Cadastre-se, é GRÁTIS!

Não fazemos spam! Leia nossa política de privacidade

Philipe Kling David
Philipe Kling Davidhttps://www.philipekling.com
Artista, escritor, formado em Psicologia e interessado em assuntos estranhos e curiosos.
Previous article
Next article

Artigos similares

Comentários

  1. O cara é mesmo muito “ninja”!
    Tão real que nos lembra pessoas conhecidas. Não conhecidads da mídia, conhecidas do nosso convívio, amigos ou amigos de amigos, entende?
    Também não tiveram essa impressão?
    Legal!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Últimos artigos

Gripado

O dia da minha quase-morte

Palavras têm poder?