Kit de casinha

Eu estava pensando aqui em como seria legal criar um tipo de “Kit” parecido com esta casinha, para que fosse fácil e rápido colocar uma cabana dessas em algum lugar bacana e pagando pouco por um terreno microscópico.

Com um projetinho desses, dá para ter fácil uma casinha de praia e um chalé de montanha sem gastar muito nem abrir mão do básico em termos de conforto…

36a4b4259c04bfb3bd7fa986373657bd

Na verdade essa é uma reedição do projeto da casa esfera, que é basicamente a Irmã maior dessa cabaninha. Por ser modular, ela poderia se construída bem rapidamente com material compósito. Minha ideia seria desenvolver um sistema de construção que também pudesse ser rapidamente levantado em caso de desabamentos e realocação de vítimas, por isso o tamanho ser compacto, aliado à questão da velocidade de construção e barateamento do sistema como um todo, da construção à logística.

(Este é um post de testes para verificar uns paranauê aqui na engine do blog)

 

Receba o melhor do nosso conteúdo

Cadastre-se, é GRÁTIS!

Não fazemos spam! Leia nossa política de privacidade

Philipe Kling David
Philipe Kling Davidhttps://www.philipekling.com
Artista, escritor, formado em Psicologia e interessado em assuntos estranhos e curiosos.

Artigos similares

Comentários

  1. Boa Phillipe, gosto muito desse tipo de idéia e sempre guardo uns arquivinhos com coisas parecidas… aqui do blog mesmo já tenho alguns exemplos bem bacanas!

    abraço

  2. Philipe, a ideia é boa, porém (sempre tem um porém), não é possível comprar terrenos minúsculos, pois, a legislação na maior parte das cidades não permite. No Brasil o modelo urbanístico adotado na maior parte das regiões é composto por um terreno base de 250m² sendo possível dividi-lo em 2 de 125m². Existe ainda uma regra para fugir deste loteamento que é de poder dividir o terreno base em 3 desde que cada parte tenha 3,33m de frente. O terreno de 250m² normalmente seria um terreno com 10x25m portanto seria impossível fazer uma divisão com e x 3,33m. Assim somente em alguns casos particulares seria possível um terreno menor do que 125m².
    Claro que em casos de emergência como acontece com catástrofes naturais pode-se empregar os kits em arranjos emergenciais e temporários, mas para a casinha de praia é difícil.
    O kit seria legal por se tratar de uma construção de maior agilidade e menor custo, desconsiderando o custo do terreno que seria o mesmo de uma construção convencional. Existem alguns casos mundo afora que estão usando impressoras 3D para construírem kits residencias para esses fins.

  3. A ideia é muito boa, é verdade mas aqui no Brasil, você já deveria saber que não ia dar certo., porque os “caras” que mandam ver nessa área querem mais é ganhar dinheiro e mesmo em época de desástres e calamidade não abririam mão de ganhar algum. Mesmo em situações catastróficas como você disse. Justamente nessas horas é que os “FDP” iriam se aproveitar para explorar a população sem DÓ NEM PIEDADE . Infelizmente!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Advertismentspot_img

Últimos artigos