Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp

Veja só o visual desta gigantesca caverna descoberta na China. Para entrar nela é preciso ter coragem para enfrentar mais de 1km de rapel para a escuridão do abismo!

Uma vez lá em baixo os espeleologistas* poderão encontrar cachoeiras e incríveis paisagens. Sempre entremeadas com rochas pontiagudas e fendas mortais.

*Espeleologia vem do latim spelaeum, do grego ????????, “caverna”, da mesma raiz da palavra “espelunca” é a ciência que estuda as cavidades naturais e outros fenómenos cársticos, nas vertentes da sua formação, constituição, características físicas, formas de vida, e sua evolução ao longo do tempo.

fonte

Estas incríveis fotos foram feitas pelo espeleologista Robert Shone, de 28 anos, proveniente de Manchester, que gastou cerca de dois meses explorando a imensidão subterrânea. A caverna é tão imensa que os grupos se dividiram, acampando no interior dela e revezando a cada 5 dias. Como toda exploração de cavernas, este trabalho exige preparação e conhecimento e NÃO deve ser feito por pessoas leigas. Em muitos casos os exploradores de cavernas tiveram que passar por fendas apertadas, rastejar, cruzar rios subterrâneos e atravessar trechos bastante perigosos.

Embora seja enorme, esta não é a mais profunda caverna conhecida. A caverna mais profunda do mundo fica em  Krubera, na Georgia, e é preciso descer 2,080 metros para chegar ao fundo. A segunda mais profunda caverna conhecida no Globo fica na Áustria, e se chama Lamprechtsofen com 1.631 metros.

Fonte

Exploração de cavernas:Você teria coragem?

Comments

comments

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

11 ideias sobre “Exploração de cavernas:Você teria coragem?

  • 30 de outubro de 2008 em 14:47
    Permalink

    Nossa q legal!
    Aja coragem para encarar td isso heim!
    Mas no final vale a pena, pelo visto 😀

    Resposta
  • 30 de outubro de 2008 em 15:42
    Permalink

    Eu teria coragem. Sou amarradão em espeleologia… Tá aí algo que eu faria até pagando.

    Resposta
  • 30 de outubro de 2008 em 16:02
    Permalink

    Se essa caverna ficasse no Brasil eu iria, sem duvida…
    Imagina a emoçao de descer de rapel no escuro, escutando a agua caindo e não enxergando o chao :ohhyeahh:

    Resposta
  • 30 de outubro de 2008 em 16:02
    Permalink

    cara… coisas com a natureza e deixam amarradão…

    descola umas fotos da mais profunda ai philipe… abração!

    Resposta
  • 30 de outubro de 2008 em 16:52
    Permalink

    Que massa isso, um dia vão achar o caminho pra Shambalah!!!
    Se não fizerem isso até os meus 50 anos, eu viro geografo e acho. 😀

    Resposta
  • 30 de outubro de 2008 em 19:48
    Permalink

    Cara entrei numa mina uma vez aqui sem lagoa santa, mg. É incrivel e excitante o ambiente nas profundezas da terra! A desci mais ou menos 1500 metros abaixo da terra e so deu para ouvir as constantes explosoes de dinamite que aconteciam nos andares mais abaixo, que alias os funcionarios apelidaram carinhosamente de “INFERNO”!

    Imagino que nestas cavernas deve ser incoparavelmente mais legal!

    Philipe, esta na hora de você tirar o traseiro da frente do computador r fazer umas materias em campo para nois apreciadores do mundo gump! Você falando que é da imprensa entra em qualquer lugar cara! Faz uma reportagem sobre as profundezAs da terra. :gasp: :gasp: :gasp: :gasp:

    Resposta
  • 31 de outubro de 2008 em 8:44
    Permalink

    Philipe, no interior de São Paulo, numa cidadezinha chamada Iporanga (perto da divisa com o Paraná) existe uma área que da última vez que vi tinha mais de 120 cavernas catalogadas, uma das mais visitadas se chama Caverna de Santana! Uma outra se chama Casa de Pedra e tem um portal (entrada da caverna) com uma abertura de mais de 100 metros de altura! coisa impressionante! E finalmente nas proximidades da cidade, fica a famosa Caverna do Diabo!
    Vale a pena conferir todas elas!
    Abraços
    Fernando.

    Resposta
  • 31 de outubro de 2008 em 10:30
    Permalink

    [quote comment=”52624″]Cara entrei numa mina uma vez aqui sem lagoa santa, mg. É incrivel e excitante o ambiente nas profundezas da terra! A desci mais ou menos 1500 metros abaixo da terra e so deu para ouvir as constantes explosoes de dinamite que aconteciam nos andares mais abaixo, que alias os funcionarios apelidaram carinhosamente de “INFERNO”!

    Imagino que nestas cavernas deve ser incoparavelmente mais legal!

    Philipe, esta na hora de você tirar o traseiro da frente do computador r fazer umas materias em campo para nois apreciadores do mundo gump! Você falando que é da imprensa entra em qualquer lugar cara! Faz uma reportagem sobre as profundezAs da terra. :gasp: :gasp: :gasp: :gasp:[/quote]

    Boa idéia, mas primeiro preciso comprar uma mini Dv que tenha um nightshot decente. A minha nem nightshot tem. Não ia dar pra ver nada.

    Resposta
  • 31 de outubro de 2008 em 10:48
    Permalink

    Puxa, fiquei impressionado mesmo.
    Mas isso logo me lembrou um filme tosco que assisti, chamado “A caverna”
    aeuheauheauhe

    Resposta
  • 1 de novembro de 2008 em 18:06
    Permalink

    Claro que teria, ainda mais que tem q fazer rapel pra desce, imagina 1 Km so de rapel.
    Tambem curto muito espereologia, em Sacramento MG onde moro fica a Gruta dos Palhare, a maior caverna de arenito da America latina, muito show la.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Related Posts