UFO cilíndrico estranho mergulha em vulcão em erupção

O meu brother Vinicius deu a dica deste video, que mostra um enorme objeto cilíndrico, uma forma que é bastante avistada voando nos céus em altíssimas altitudes.

UFO cilíndrico estranho mergulha em vulcão em erupção

O estranho deste video é que ele foi registrado por um canal de Tv que cobria a erupção de um vulcão. O estranho objeto voador não identificado vem numa velocidade impressionante, aparentemente do espaço e desce na vertical, mergulhando na boca do vulcão.  Podemos perceber que a velocidade de deslocamento daquela “coisa” é altíssima, apesar de seu tamanho enorme, pois uma câmera de Tv padrão betacam grava em media numa taxa alta de quadros por segundo, o FPS. Em media o padrão broadcast é de cerca de 30 Frames por segundo. O objeto aparece se deslocando em poucos frames, quatro ou cinco apenas, o que pode nos dar uma noção aproximada de sua velocidade descomunal.

O vulcão em questão é o  Popocatepetl, que fica a cerca de 60 km da capital do México. O seu cume atinge 5.482 metros de altitude e é o segundo mais alto do México. Curiosamente, o México é o país do mundo com mais avistamentos bizarros de UFOS no mundo, sendo campeão absoluto em registros proporcionais ao seu território. A razão disso ninguém sabe ainda.

Aqui está o Video:

 

Segundo as estimativas feitas pela sua dimensão registrada no video, o UFO tem cerca de 1km de comprimento por 200m de largura!

O canal de Tv mexicano pediu para que uma astrônoma dissesse sua opinião pelo que ela vê no video e a cientista chamou a atenção para a particularidade mais óbvia:

O mais espetacular é que ele está entrando e não saindo do vulcão. Espera-se que objetos sejam ejetados do vulcão, e não que entrem nele.

Como em qualquer outro dia, Ángel Brenes deixou o trabalho na Subestação de Energia Elétrica de Tres Rios.(Costa Rica) Mas em 24 de Junho foi diferente. Nessa noite ele captou com seu celular um vídeo de um OVNI sobre as 2 torres elétricas mais altas da Subestação. Ángel assegura que a luz se moveu de uma forma que ele não pode explicar e consequentemente ele afirma que era um OVNI. Para Oscar Sierra, um expert no assunto OVNI, é necessário fazer análises adicionais do vídeo, entretanto, ele apresenta características que o tornam verdadeiro. O físico José Alberto Villalobos pensa diferente. Ele acha que é um OVNI porque não pode ser identificado, mas não pode dizer que seja uma espaçonave extraterrestre. Uma imagem similar foi capturada perto ao vulcão Arenal em 2006.

UFO cilíndrico estranho mergulha em vulcão em erupção

UFO cilíndrico estranho mergulha em vulcão em erupção

fonte

 

 

Ao analisar o video, podemos também notar certas características bastante interessantes que chamam a atenção.  Se fosse um video passado de trás para frente, do vulcão emitindo uma enorme bola de fogo (tdo bem que uma bola de fogo de 200 metros por 1km já é algo inédito, mas tudo bem) o objeto ejetado deixaria atrás de si um rastro. E isso não acontece. Não há presença de rastro (comum em meteoros) nem no sentido de descida e nem no sentido oposto. Igualmente estranho é o fato do objeto ser totalmente luminoso, de maneira uniforme. Se fosse um meteoro, ele teria uma “frente” mais iluminada e um longo rastro em forma de cauda, que vai perdendo o brilho de forma gradativa. No entanto, olhando os frames, podemos ver que a luminosidade amarelada forte do UFO é constante, ele tem bordas definidas e parece até colorir as nuvens brancas de vapor que sobem da caldeira do vulcão.

Com o fato de não haver rastro eliminando completamente a possibilidade de ser um meteoro, as hipóteses sobre o que é esta coisa se tornam um pouco mais limitadas. Veja, uma forte possibilidade pode ser a de fraude. Se alguém desenhar a nave por cima dos fotogramas do video, isso seria realmente possível, e é justamente assim que são produzidos muitos efeitos especiais de hollywood.  Outro fator que causa ao menos em mim uma forte curiosidade é como algo destas dimensões penetra num vulcão, que supostamente está cheio de lava, lama e gases e não sobe de imediato uma nuvem de fumaça e detritos piroclásticos?

Veja, é impossível imaginarmos que um objeto sólido dessas dimensões, trafegando nessa velocidade não produza impacto algum nem gere uma perturbação atmosférica em sua passagem. Como isso não ocorreu, temos duas hipóteses, uma é que isso corrobora a hipótese da fraude. A segunda é que o Ufo não estava completamente materializado. Isso pode parecer um desvario completo, e com base na nossa ciência atual de fato é, já que hoje em dia ou algo existe ou não existe. O meio termo existencial parece fisicamente improvável.

Podemos também pensar que talvez o Ufo seja apenas um fenômeno atmosférico desconhecido. Seria aquilo um tipo de raio ou descarga elétrica absolutamente incomum, descendo dos céus e entrando no vulcão? Mas é justamente este detalhe em particular que me faz perguntar qual a probabilidade de um evento atmosférico descer exatamente na boca dum vulcão em erupção.  Aquela trajetória me parece excessivamente definida para a de um raio.

A favor da teoria do fenômeno elétrico inédito estão os estudos que mostram que nuvens piroclásticas emitidas pelos vulcões são acompanhadas de alterações elétricas. Quase sempre ocorrem raios no meio das nuvens de fumaça, gases, vapores e partículas dos vulcões.

 

UFO cilíndrico estranho mergulha em vulcão em erupção

Na foto, relâmpagos que não são de chuva, pois o céu está limpo, iluminam as cinzas que jorram do vulcão Eyjafjallajökull na famosa erupção de 2010.

 

 Mas se olharmos na foto acima como os relâmpagos e raios são irregulares, notaremos a absurda diferença do fenômeno registrado em video no México.

UFO cilíndrico estranho mergulha em vulcão em erupção
Popocatéptl, há alguns anos atrás.

Uma outra coisa curiosa a respeito do objeto mexicano, é que olhando quadro a quadro, podemos ver uma sombra escura ao redor das bordas iluminadas do objeto. Isso ocorre porque o CCD compensa a intensa luminosidade. É como um efeito colateral do registro, que só fica gravado no video. Eu arriscaria a dizer que acho improvável que aquilo estivesse ali se o objeto tivesse sido inserido posteriormente. O sombreamento é um indício de que a coisa foi registrada de uma só vez. Mas isso não significa que não seja uma fraude, apenas indica que pode não ser uma manipulação digital deliberada, como poderíamos supor apressadamente.

A favor da hipótese ufológica está o fato de que Ufos são registrados em todo mundo ao redor de erupções vulcânicas. A razão disso? Ninguém sabe.

UFO cilíndrico estranho mergulha em vulcão em erupção
Luzes circularam o vulcão popocateptl e foram registrados pela Televisa no dia 11 desse mês

Um detalhe curioso é que quando um vulcão entra em erupção, o espaço aéreo nas redondezas é fechado (por motivos óbvios) e isso nos leva a uma situação mais insólita ainda, já que não sabemos o que são essas luzes, mas pelo menos sabemos o que elas não são: Aeronaves humanas. A instabilidade localizada numa área de atividade vulcânica também praticamente exclui aquela hipótese do balão meteorológico, pipas ou coisas do tipo.  Aqui tem um video com algumas compilações interessantes sobre esse aspecto:


OVNIS e Vulcões em Erupções por forbiddenplanet2012

UFO cilíndrico estranho mergulha em vulcão em erupção

Essa é uma das mais famosas fotos de ufos aos arredores do Popocatepetl. Há quem creia que está diante de uma incrível imagem de um ufo registrada em longa exposição, mas ao mesmo tempo, há quem duvide disso. Da fato, uma imagem similar poderia ser obtida com uma dupla exposição, o que não é um truque muito convencional, mas em tese, poderia ser feito.

Voltando ao estranho ufo de forma de charuto que entrou no Vulcão do México, ninguém soube até agora dizer o que é esta coisa. O que nós sabemos é que dentro da casuística ufológica  o Ufo com forma de charuto é uma das formas mais comuns, quase sempre em dimensões colossais, é visto voando alto, estacionário, ou entrando no mar, acompanhado de luzes menores. Por suas características há quem os considere como “naves-mãe”.  A hipótese de uma “nave-mãe” faz um certo sentido, na medida em que naves pequenas seriam bastante limitadas para trafegar por longas distâncias. Dessa forma, as naves em forma de charuto funcionariam como bases avançadas, capazes de se alojar e mudar de lugar, de onde chegariam e partiriam as naves menores de suas “missões”. Caro que isso é tudo especulação construída com base em relatos.

O meu próprio avô viu um desses uma vez. Ele disse que estava olhando o céu, quando viu uma nave comprida enorme, prateada, quase um “submarino” que ele disse parecer muito com um “ônibus da Rapidão Cometa” (um ônibus de viagem antigo que era todo prateado e arredondado que fazia a rota Rio -SP) sair de uma nuvem e entrar na outra. Ele chegou a dar um grito e chamar os outros na praça para ver, mas só ele viu, já que a coisa entrou na nuvem e não saiu do outro lado.

Os ufos de forma de charuto já foram vistos por milhares de pessoas no mundo. Um caso recente e curioso com esse tipo de nave é o ocorrido com o astrônomo Allen Epling. Esse mês agora ele estava usando seu telescópio quando aconteceu aquilo que muito leigo costuma dizer que não acontece: O astrônomo viu o Ufo. Não somente viu como fotografou e registrou por um longo tempo. E ele era desse formato:

 UFO cilíndrico estranho mergulha em vulcão em erupção

Virgie, Kentucky (WYMT) – Um objeto foi visto no céu por várias pessoas em todo Condado de Pike na semana passada. Ele ainda não foi identificado. Um astrônomo local, capturou imagens e vídeo do mesmo através de seu telescópio. Ninguém parece saber do que se trata. Segundo Allen disse aos jornais:
 
Não era qualquer coisa que eu reconheça. Definitivamente não é um avião, e eu nunca vi um helicóptero parecido com aquilo
 Avistamentos de objetos estranhos têm sido relatados em Kentucky, Virgínia e Tennessee, mas ainda precisam, ser identificados. Epling diz que mesmo com a sua formação em astronomia, aquilo é diferente de tudo que ele já viu.
 “Parecia duas lâmpadas fluorescentes, laterais a lado, em paralelo, brilhando muito intensamente. Ficava tão brilhantes que pareciam se fundir, e você podia ver isso claramente com o olho nu. Então ficava fraca e quase invisível “
 Ainda mais estranho, o objeto mal se movia. Pairou na mesma área por mais de duas horas.
Eu não entendo como ele pode ficar lá em cima em um só lugar. Não havia nenhum sinal de hélices ou qualquer tipo de sistema de proporção. Nenhum gás saindo . . . .
O misterioso objeto registrado por Epling teria sido visto de três estados diferentes. A polícia local chegou a receber diversas ligações. Questionados, os aeroportos informaram que nada foi registrado. A distância do Ufo registrado pelo astrônomo foi de 30.000 metros, cerca de duas vezes a altitude normal dos jatos comerciais, e uma altitude bastante improvável para balões de pesquisa (que tem formato diferente, inclusive).

WKYT 27 NEWSFIRST
fonte

UFO cilíndrico estranho mergulha em vulcão em erupção
Ufo em forma de charuto cruza o céu na frente de um caça soviético

Um caso envolvendo um avião comercial e um ufo do tipo charuto ocorreu no Brasil em 2004. Ele envolveu a tripulação de um avião comercial durante um vôo entre Bauru e Araçatuba, no estado de São Paulo. Os protagonistas revelaram o caso à outro piloto comercial que por sua vez repassou ao Grupo de Estudos de OVNIs (GEO), de Pará de Minas (MG). O relato completo pode ser encontrado diretamente no site do grupo no link:
http://www.geogrupo.com.br/?load=mod4&idm=22&pag=0&id=7&acao=v
A seguir transcrevemos os trechos mais significativos do relato:
“Havíamos decolado de Bauru e então subimos para o 120. No 120 atingimos o topo da camada. Havia alguns cúmulos isolados. O horário era por volta das 18:40. Acima de nós estava tudo muito limpo.
Aí eu observei um tráfego na posição de 10 horas em aproximação. Foi então que eu perguntei ao ZM.

– Você está vendo o que eu estou vendo?

– Capitão, eu estou e estou com MEDO

Era algo que à distância parecia vermelho. Mas estava se aproximando e então pude observar que o mesmo era da cor prata, e que tinha em volta de si diversas luzes vermelhas que ficavam piscando. Seu formato e tamanho era como de um 737, mas sem as asas. Na posição que ele se encontrava, não dava para ver o seu lado de tras, se havia alguma outra coisa tipo uma deriva… mas estava se aproximando mesmo, a tal ponto, que tive que tirar a aeronave para a direita. O objeto se aproximava muito rapidamente da aeronave e pouco antes de entrarmos em contato com Curitiba, fomos obrigados a efetuar a manobra de evasão. O grau de proximidade do objeto fora realmente muito alto, a ponto da cabine ter clareado. Então indaguei Curitiba.
Entrei em contato com o Centro Curitiba e indaguei a respeito do tráfego no setor. Curitiba negou a existencia do tráfego. Então eu insisti que havia um tráfego se aproximando de nossa aeronave. Curitiba continou alegando desconhecer o mesmo. fonte

Related Post

39 comentários em “UFO cilíndrico estranho mergulha em vulcão em erupção”

  1. Em relação aos relampagos no vulcão da islândia, o atrito das partículas no ar pode provocar descargas elétricas, exatamente como em uma nuvem de tempestade.

  2. O cagaço os pilotos deve ter sido épico! Uma história de ufo que ouço muito é da minha mãe da época que ela foi daqui de PE pro Ceará de ônibus quando ela e um cara do exército viram pela janela do ônibus uma bola laranja pairar no céu e depois explodir num flash de luz piroclástico!

    • Uma vez peguei carona com um cara e na viagem que durou duas horas, papo vai, papo vem, descobri que ele era controlador de trafego aáreo. Era a oporunidade de ouro. Ele me contou vários casos fodas, desde uma coisa do tamanho de um jipe que desceu três vezes na cabeceira da pista de pouso de um aeroporto causando o maior fusuê até o caso de um piloto que literalmente abriu a boca a chorar no radio porque d lado de fora tinha uma nave preta que estava vindo em rota de colisão contra o avião. Ela desviou no ultimo segundo.

  3. Fiquei pensando na dimensão desse troço, o meu prédio é relativamente alto e deve ter por volta de uns setenta e cinco metros de altura, quer dizer, se enfileirassem dez prédios iguais ao meu, ainda ia sobrar uns 250 metros… Se fosse alguma nave, iam caber E.Ts pra cacete! Isso sem falar na largura…

    • Hã? Vc está confundindo a umagem exibida em câmera lenta pelo telejornal com o video de tempo real. No video de tempo real é tão rapido que só da pra ver um borrão.

  4. Achei uma matéria sobre o caso dizendo que o objeto registrado por Allen Epling pode ser um brinquedo que, em contato com a energia solar, se infla de ar. Esse balão, assim como citado no seu texto, pode chegar a 30 mil metros de altura e é parecido com um saco de lixo gigante inflado com gás hélio, que, alias, foi a primeira coisa que me veio a cabeça quando eu vi a foto tirada pelo astrônomo, porém tranparente. A matéria, no caso, é esta aqui:
    http://nesaraaustralia.com/2012/10/28/was-the-cigar-shaped-ufo-actually-a-giant-toy-glowing-object-witnessed-by-thousands-across-three-states-may-have-been-solar-powered-airship/

    • E se desmancha o rico imaginário dos ufólogos de plantão com um simples balão transparente, como o caso recente do tubarão inflável….Ta pra aparecer um caso inexplicável (devidamente retratado, nada de meros testemunhos, avistamentos distantes, coisas borradas, enfim, nada como todo o material questionável que sempre é apresentado) de ufologia. O imaginário é rico e vasto, com muitas possibilidades mas a ufologia infelizmente não passa disso.

      • Até agora não vi nenhum balão deste tipo que atinja esta altitude, mas tudo bem. Você tem direito de pensar o que quiser, já que nossa opinião pessoal (eu tb penso que era um balão, apesar de não explicar como ele fica geoestacionário nesta altitude e nem como voa sendo transparente) não faz a menor diferença.

  5. Achei uma matéria sobre o caso dizendo que o objeto registrado por Allen Epling pode ser um brinquedo que, em contato com a energia solar, se infla de ar. Esse balão, porém, só pode alcançar a altura de 9 mil metros. Ele é parecido com um saco de lixo gigante inflado com gás hélio, que, alias, foi a primeira coisa que me veio a cabeça quando eu vi a foto tirada pelo astrônomo, porém tranparente. A matéria, no caso, é esta aqui:
    http://nesaraaustralia.com/2012/10/28/was-the-cigar-shaped-ufo-actually-a-giant-toy-glowing-object-witnessed-by-thousands-across-three-states-may-have-been-solar-powered-airship/

    • Freak, é muito possível que seja um balâo, pelo menos no meu julgamento, mas há algumas questôes aí que precisariam ser respondidas:
      1- Este tipo de balão “salsicha” atinge no maximo 30.000 pés. O registrado estava a 100.000 pés.
      2-Este tipo de balão “salsicha” é SEMPRE preto. A razão disso é simples. Ele sobe copm o ar quente, que é aquecido pela ação do sol. Qualquer cor que não seja preto, tira enormemente a capacidade de subida desse tipo de balão. A menos que seja inflado com hélio, o que também se revela um problema, devido a expansão do hélio na alta altitude, o que faria o balão estourar.
      3- Os ventos nesta altitude são fortíssimos. Não há uma justificativa logica para um balão se manter estacionário, e é isso que a filmagem do cara mostra e que as tstemunhas relataram.
      4- O objeto não estava subindo continuamente, o que também é algo que se opõe ao comportamento de um balão com hélio.
      5-Sendo transparente, a baixa temperatura externa nesta altitude resfriaria facilmente o ar interno de um balão tipo “salsicha” e ele iria descer.
      De todos os aspectos, acho que a questão do vento é a mais insólita nesse avistamento. Os ventos de altitude são contínuos e fortes, além de congelantes. Neste link que vc sugeriu, há o comentario de um especialista em brinquedos que diz que ele mesmo não acha viável ser um balão desse tipo neste caso.

  6. Quezacoatl voltando pra toca!
    Será que não foi algo disparado por um satélite? Algum pulso curto de energia que incendiou o ar já cheio de gases e calor na boca do vulcão?… Imagino que uma coisa desse tamanho se fosse sólida, caindo nessa velocidade, geraria um boom sônico do cacete. Além de provavelmente esmigalhar a montanha com o deslocamento de lava ali dentro. Sei lá, deve ser uma fraude feita com algum apuro técnico a mais. Esse pessoal do programa Terceiro Milênio, eles são meio sensacionalistas, sem muito critério, não são?

  7. Pra mim é algum tipo de atividade elétrica ainda não conhecida, como um feixe energético ou algo parecido, provavelmente a atividade vulcânica provocou alguma alteração elétrica na atmosfera.

  8. Tudo isso faz pensar muito na hipotese da Terra Oca (que em geral tenho muita dificuldade pra acreditar).

    Aproveitando, tem esse depoimento do Piloto aposentado Varig/Vasp, relata inclusive avistamento de um ser dentro de uma nave::

    http://www.ufo.com.br/artigos/encontro-nos-ceus

  9. essa tal nave mãe extra terrestre deve usar os vulcões como forma de passar para outra dimensão, usando o calor da lava do vulcão como energia para ativar
    um portal vórtice dimensional ou seja lá o que for, para poderem atravessar para outro mundo. Eu acho que essa nave só passou por aqui pra pegar um atalho…

  10. tomando como exemplo os relatos conhecidos e experiências envolvendo “sondas” em diversas cavidades das “vitimas” abduzidas, isso tá mais pra um supositório cósmico adentrando o c* do mundo …

  11. Cara, na hora que eu vi a suposta nave, lembrei do caso do piloto australiano que desapareceu sem deixar rastros enqunto informava o avistamento de um ovni que estava seguindo ele, cuja descrição bate exatamente com este do post, um objeto cilindrico parecendo um charuto muito grande e com superficie metalica brilhante. Coincidencia?

    • O legal do caso deste piloto é que ele sumiu enquanto falava com a Torre e a abdução dele ficou gravada para a história. Dá pra ouvir o som de metal raspando em metal antes da gravação silenciar. Até hoje o pai do cara procura por ele. Uma coisa que pouca gente sabe é que neste exato dia, um cara fotografou o tal ufo, mas ele estava muito longe par pegar detalhes. Tem pelo menos duas testemunhas que tb viram o ufo de terra… Mas o melhor de tudo foram os céticos que sugerira que o cara estava voando de cabeça para baixo e achou que o reflexo do avião no mar fosse o ufo… Sem nem verificar se era possível voar de dorso com aqeuele cessna. (não era)

  12. No início de 1996, vimos algo muito parecido nos céus da minha cidade, no interior do Rio Grande do Sul. Foi noticiado até no jornal local, pois várias pessoas testemunharam o fato.
    As descrições: ”Parecia duas lâmpadas fluorescentes…”, “uma nave comprida enorme, prateada, quase um ´submarino´” e “Seu formato e tamanho era como de um 737, mas sem as asas” coincidem bem com o que vimos, mas até hoje evito comentar muito isto por aí, sempre tem algum engraçadinho para debochar. Detalhe: sabemos que era um objeto não-identificado e nunca afirmamos que fosse alienígena. Mas que foi uma experiência inesquecível isso foi!
    Ah, e teu site é fenomenal, visito sempre!
    Abraço!

  13. Philipe,

    Em primeiro lugar, parabéns pelo novo “layout”. Ficou excelente!

    Gostaria da sua opinião, como ufólogo, sobre os seguintes pontos:

    1. Seria possível, levando em conta a desconhecida tecnologia alienígena, que seres extraterrestres estejam pesquisando nosso planeta internamente?

    2. Poderiam ser os famosos “seres intraterrenos”?

    3. Quero iniciar meus estudos na ufologia, pois sempre me interessei pelo tema. Por onde começo? (livros, artigos, documentários etc.)

    Um abraço!

    Fábio.

    • Fabio, obrigado pelos elogios quanto ao Layout.
      Sobre as suas perguntas, eu suponho que uma civilização que domine essa tecnologia em tal ponto, como sugerem as pesquisas ufologicas dos ultimos 50 anos sugerem, não precisariam entrar num vulcão em atividade somente para se esconder. Os oceanos da terra oferecem um ambiente muito mais seguro e tranquilo para uma nave dessas proporções se ocultar, e de acordo com muitos relatos de naves decolando do mar, isso vem sendo assim desde os tempos da descoberta das Américas (Colombo em pessoa descreveu naves decolando do mar à frente de sua Caravela) Então, a julgar que aquilo ali seja realmente real como parece ser, eu pensaria em algum tipo de atividade científica ou coleta de minérios na área do manto.

      Intraterrestres (na minha opinião) são elementos de fantasia, como os muitos que orbitam ao redor da ufologia. Sabemos que o planeta é sólido, bem como são sólidos os planetas rochosos, porque a Física que descreve sua criação é bastante lógica, e não faz sentido algum planetas como geodos, vazios por dentro com s´pois internos. Isso são ideias que surgem da fantasia de ficção científica do século XIX. No entanto, se pararmos para pensar na complexidade envolvendo a viagem ao espaço, mesmo que para uma civilização sofisticada, seria extremamente lógico manter Bases remotas nos planetas que pretendem estudar/colonizar/explorar. Por conta disso, eu admito a possibilidade de bases enterradas no nosso planeta, com portas de acesso para entrada e saida de objetos voltados para ações pontuais. No entanto, intraterrestres no conceito de civilizações que evoluíram num planeta dentro do nosso eu penso que só tem lugar na fantasia.

      Se você gosta de ufologia e gostaria de iniciar seus estudos nessa área, eu sugiro buscar elementos de estudo de boa qualidade, o que é um problema, dada a profusão de babaquices e teorias sem pé nem cabeça, crendices diversas, misticismos new age e toda sorte de ufolotrias espalhadas pela internet. Se quer saber MESMO do assunto, eu indico a ufologia científica (a ufologia é uma paraciência, logo o termo “ufologia científica” soa quase como uma piada) que é aquela que busca o esclarecimento do fenômeno insólito dos UFOS e suas correlações diretas (abdução, alienígenas, exobiologia, etc) seguindo metodologias que possam ser rastreáveis, com o máximo de método científico possível. O pessoal da MUFON segue nesta linha, alocando cientistas, professores, institutos de pesquisa, laboratórios, financiadores privados, Phds e tal no esclarecimento de alguns casos.
      Em seguida, eu recomendo veementemente os livros do Carl Seagan, sites como o do Kentaro Mori (ceticismo Aberto) te ajudam oferecendo um outro lado da moeda, pois a pior coisa que existe para um ufologo é a síndrome do Agente Mulder. (eu quero acreditar). Também indico alguns livros da Biblioteca UFo. ( a revista ufo piorou muito de qualidade ao longo do tempo. POr precisar vender, ela se tornou uma maquina de propaganda da existência de discos voadores, o que abalou profundamente seu lado imparcial. No entanto, a revista UFo costuma publicar livros de ufologos respeitáveis, como o Ubirajara Rodrigues, Bob Pratt, entre outros. Esses livros são bons, pois são repletos de casuística, que dão um panorama abrangente do fenômeno aplicado ao Brasil) A Revista ufo também revende coletânea de avistamentos de ovnis do mundo todo, sob o selo “Verdades incontestáveis” que também é um material bem interessante.

  14. Tem um livro cientifico de C. G. Jung (ele foi psiquiatra e psicologo) que se chama: Um Mito Moderno Sobre Coisas Vistas no Céu. E ele tenta explicar tudo com base psicológica, através do incosnciente coletivo e histeria em massa. Muito interessante para quem se interessa no assunto. Esse livro faz parte de suas obras completas. Ele corresponde ao volume 10/4. Alan

  15. Caro Sr. Philipe,
    Acompanho o Mundo Gump desde quando era um humilde blog, mas somente há pouco tempo comecei a postar alguns comentários. Aprecio o seu estilo de escrever e me interesso particularmente sobre os fenômenos ufológicos e a existência de vida extraterrestre inteligente.
    É facilmente perceptível pelas suas idéias e pelo modo de escrever, que és uma pessoa com uma capacidade intelectual maior que a média da população. Trata-se realmente de uma pessoa inteligente, uma pessoa erudita.
    Acredito que pelo seus interesses pessoais (um cientista curioso) e pelo poder aquisitivo de sua família, desde criança acumulaste um banco de dados cerebral muito rico em se tratando de assuntos e conhecimentos gerais.
    Compartilho algumas de suas idéias, mas nem todas.

    Sucintamente, em minha paranóica opinião, acredito que espécies alienígenas mais evoluídas que o homem, chegaram ao nível tecnológico de realização das viagens interestelares (as futuras missões interplanetárias tripuladas, que serão realizadas pela NASA e um Consórcio Internacional, serão os projetos que utilizarão a tecnologia mais avançada que estará disponível. Agora imagine a tecnologia necessária para uma viagem tripulada interestelar…).
    Então suas naves deverão possuir um sistema de propulsão ultra-avançado (fusão nuclear controlada, propulsão iônica, à laser, anti-matéria ou outro tipo muito mais avançado) e uma estrutura ultra-resistente (paredes de grafeno por impressão 3D, redes estruturais de níquel-titânio, campos de força invisíveis e outras divagações deste louco) capaz de suportar todos os tipos de riscos e intempéries espaciais (radiações de todos os tipos, colisões com meteoritos e outros bólidos espaciais hiper-velozes, pressões colossais, vácuo espacial, oscilações colossais na temperatura externa e etc). Se as suas naves suportam tudo isso, então adentrar em um vulcão ativo não seria problema algum. E em minha insanidade mental, se os extraterrestres chegaram à esse nível tecnológico (milhares de anos mais evoluídos do que nós), então pra eles se disfarçarem de humanos (máscara de silicone, lentes de contato, uso de pele humana artificial com micro-estruturas que simulem folículos pilosos, glândulas sudoríparas, variação térmica corporal e holografia 3D hiper-realista com sensação tátil e etc) para realização de operações de campo e talvez interação com seres exobiológicos antropóides (no caso nós) seria uma tecnologia totalmente viável e absolutamente necessária para a consecução deste objetivo. Lembrem-se que a tecnologia avança rumo aos dois mundos de percepção (construção de estruturas automáticas funcionais nanotecnológicas e construção de estruturas de dimensões colossais).

    • Falcão, o MUndo Gump ainda é um blog. Obrigado aí pelos elogios. Não me vejo como alguém com capacidade intelectual acima da media. Pra falar a verdade, pelo contrario, em certos aspectos, como na lógica Matemática, eu sou sofrível.
      Mas realmente sempre tive um interesse fora do comum por “coisas”. Eu lia os livros de ciências da sétima e oitava série quando estava na quarta, lia enciclopédias, dicionários e muitas revistas. Acabei virando uma cria dos Bibliotecários, sempre enfurnado em meio a livros poeirentos, em busca de “coisas”. Comecei cedo a colecionar revistas Seleções do período da Guerra, lendo tudo que caía nas minhas mãos. Felizmente os sebos estavam cheios delas e elas eram baratíssimas. As Seleções antes dos anos 60 eram incrivelmente melhores.
      Mas voltando ao tema tecnologia dos ufos, eu sequer posso imaginar qual o grau de avanço tecnológico disponível a eles. Seria como um índio imaginar de que árvore é feito um navio de Guerra. O Gap deve ser abissal. A minha percepção do gap gigante advém da simples constatação do quanto nossa tecnologia já evoluiu em somente 100 anos. E isso com ambientes nem sempre favoráveis à inovação.
      Me parece lógico, considerar que a lei da evolução natural das espécies não se restringe ao nosso planeta, sendo muito mais que uma constatação local, uma regra cósmica da adaptabilidade da vida ao meio. Se é assim, é muito provável que existam seres completamente diferentes da constituição humanoide, sendo que talvez ela seja apenas uma das constituições do qual somos parentes em algum grau e por isso nosso ecossistema atraia seres dessa linhagem. O que me intriga são os relatos (e são muitos e expressivos) de observações de seres EXATAMENTE como os humanos dentro de naves. Existem diferenças muito sutis, como forma de pálpebras e etc, mas é recorrente a afirmação de que se você pegar o alien e botar roupas normais nele, ele sai na rua e ninguém percebe.
      São esses alienígenas que mais me intrigam porque com tamanha semelhança, eles podem ser nossos verdadeiros “pais”, ou “irmãos”. Podemos ter uma origem comum. Hoje, há pessoas desaparecendo em todos os continentes e somente uma parcela muito pequena, quase desprezível ante o volume total dos que somem são encontrados, vivos ou mortos.
      Estariam essas pessoas sendo conduzidas para habitar outros orbes?
      Eu não duvido disso.
      Hoje planejamos algum dia terraformar Marte. Uma espécie mais avançada já pode ter “terraformado” diversos planetas. Talvez até este aqui. Podemos ser como plantas de um jardim, questionando se nascemos espontaneamente ali ou se fomos plantadas por uma consciência superior. Talvez nunca chegaremos a esta resposta, mas o mistério permanece: De onde viemos, para onde vamos?

  16. Sei que é um post relativamente velho, mas ao ler me lembrei de uma ocasião em que vi um objeto como o descrito no céu, cilindrico e brilhante, mas tava tão alto que eu não poderia nem imaginar a dimensão daquilo, ficou simplesmente lá se movendo lentamente no céu até que sumiu, mas não do nada, sumiu porque parei de ver e não consegui mais achar porque tava muito alto mesmo.

    Só dava pra distinguir que era um formato esticado, podendo ser cilindrico, e que era brilhante por causa da luz do sol, podendo ser prata já que essa cor reflete bem.

    Faz muito tempo também, não lembro data e nem onde foi. Quando vi fiquei olhando durante um tempo imaginando o que poderia ser, mas no fim das contas nem me importei muito com o fato, pois poderia ser qualquer coisa, na época pensei ser algum lixo espacial caindo lentamente, tanto que nem comentei ou mostrei pra ninguém.

    E agora leio isso kkkkk

  17. Minhas maiores considerações pelas suas palavras.

    Acredito que a criação do Universo em si, tem como objetivo ou finalidade, abrigar, sustentar, desenvolver e evoluir a vida e todos os seres vivos que por aqui aparecerem. O maniqueísmo é definido pela necessidade e pelo nível de evolução. Creio que a vida quando surge(numa aceitação pessoal de um Universo panspérmico e pluralista de vida inteligente) segue um caminho evolucionário de forma semelhante em qualquer planeta que a sustente. Quem sabe a Teoria Evolucionista de Darwin não segue um padrão universal? E se assim for, temos que considerar a extinção de alguns seres e o desenvolvimento de outros, proporcionado pelo impacto do grande asteróide da era jurássica.
    O acaso muito ajudou ao desenvolvimento dos mamíferos. Se não fosse isso, provavelmente répteis antropóides (seres reptóides/reptilianos) seriam os dominantes…(sem incorrer às loucuras de David Icke…)
    Mas não foi por isso que eu vim até aqui.
    Quando eu coloquei da necessidade de uso de “disfarces” humanos(numa concepção e aceitação pessoal de existência de diversas tipologias exobiológicas inteligentes), isso não vale para os humanóides. Eles não precisam, pois se parecem muito com os humanos. Precisariam apenas de roupas humanas da nossa época.
    Por exemplo, em minha loucura pessoal, em algumas de suas matérias ( “Portas do Desconhecido”, Monte Shasta, relato da Brad, homem alto com roupas coloridas, sotaque britânico. E “Zona do Silêncio”, homens com capas amarelas, trio que fala espanhol sem sotaque), algumas dessas figuras humanas que aparecem nesses posts poderiam se tratar de seres humanóides (sem incorrer às loucuras de Giorgio Tsoukalos, kkk).
    Quanto a possibilidade de termos “irmãos” universais, acredito sim em uma fraternidade universal.
    Pergunto: Seremos capazes de aceitar nossos “irmãos mais velhos”?.
    E quanto à existência das abduções, creio e percebo a periculosidade que há nesses eventos.
    Analisando as obras do Dr. Budd Hopkins (sem incorrer ao esoterismo e superficialidade de alguns sites da internet.) percebe-se que os principais responsáveis seriam Greys de tipologia Alfa. Mas isso é somente para os loucos que acreditam, como eu.
    Talvez a verdadeira história da humanidade seja tão fantástica, tão incrível, que por si só já daria um filme de ficção científica.

    “Tolos e sábios são igualmente inofensivos. Perigosos, são aqueles que são meio tolo e meio sensato e vêem apenas a metade de todas as coisas…”

    • Concordo com você. Eu acredito nas abduções. Falando nelas, nesse fim de semana estive num churrasco de amigos meus evangélicos e surpreso ouvi um deles contando que dois parentes dele bateram desesperados na casa dele chorando tarde da noite. Eles estavam em choque, mas após um tempo, água com açúcar e etc, contaram que estavam na rua guiando viram uma coisa luminosa passar. Eles pensaram ser um balão caindo, e montaram na moto para tentar pegar (algo bem comum no Rio). O treco voou para uma área desabitada, e eles de moto atrás. Então, acontece o negócio Gump da história: O “balão” que estava caindo subitamente decolou pra cima deles a toda,m metendo um puta dum facho de luz sobre a moto que varias vezes quase os derrubou. Os caras meteram o pé, fugindo pela estrada enquanto a coisa, descrita como um “colosso” cheio de luzes vinha mais atrás, disparando o feixe de forma intermitente. Eles tiveram certeza que a coisa ia pegar eles, mas numa manobra esperta, eles jogaram a moto dentro da cidade. Quando saíram da estrada, o objeto não parou, mas subiu e continuou a “caçada” mais do alto. Eles chegam até a tal casa e invadem, pulando o muro. Ninguém teve coragem de ir la fora ver se a coisa tinha ido embora.

      Outra que esse mesmo senhor me contou é que ele se encontrou com um velho (ancião) que lhe confessou ter tido a visita do “espírito santo” em sua casa, durante a madrugada. Intrigado, e já ligando um fenômeno a outro (na mesma localidade) ele pediu mais informações. O Ancião contou que acordou com uma luz fulgurante azul que iluminava seu quarto. Ele pode ver as horas normalmente no relógio de cabeceira e era quase quatro da manhã. Nenhum animal latiu ou deu qualquer sinal. Ele foi ate a janela e viu uma bola de luz azul vagando a esmo por seu terreno, baixando e parando perto de certas coisas, como se procurando alguma coisa. Há uma enorme mangueira no quintal e a luz voou por baixo da mangueira. O velho contou que a luz era linda, super forte e muito azul. Ele teve certeza que algo tão bonito só poderia ser manifestação da Divina Providência. O que confirma todas as teorias antropológicas as quais nos dizem que o ser humana interpreta o mundo de acordo com sua organização mental cultural prévia. O que o fez pensar que talvez fosse Jesus ou Deus, é o mesmo mecanismo que levou os índios brasileiros a pensar que os conquistadores eram deuses.

  18. A uma semana atrás vi algo que não consegui identificar, voando em uma velocidade constante e totalmente silencioso, na forma de um cilindro de Gás GNV , metálico sem brilho a uma altitude de uns 250 metros, se alguém viu algo parecido ou saiba o que é me relate.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

shares