Pilotos e cientistas pedem retomada de pesquisas sobre OVNIs nos EUA

Pilotos militares e civis, que afirmam ter visto objetos voadores não identificados (OVNIs), e cientistas reunidos em Washington fizeram um apelo nesta segunda-feira para que as pesquisas sobre o fenômeno, abandonadas há cerca de 40 anos, sejam oficialmente retomadas.

“Queremos que o governo americano pare de divulgar o mito de que existe uma explicação lógica e convencional para todos os fenômenos OVNI. Nosso país deve retomar a pesquisa oficial que abandonou em 1969”, declarou em uma entrevista à imprensa Fife Symington, ex-governador do Estado do Arizona e ex-piloto da Força Aérea, ele mesmo testemunha da aparição de um OVNI em 1997.

O pedido foi feito por um grupo internacional de 19 pilotos, cientistas e líderes políticos. A maior parte deles falou publicamente sobre suas experiências com OVNIs nesta segunda-feira em Washington.

Entre eles, um piloto reformado da Força Aérea, que em 1994 cruzou com um “enorme disco voador” durante um vôo Nice-Londres; o piloto de um caça iraniano que tentou atacar um OVNI em 1976, sem sucesso; e um ex-alto funcionário da administração da aviação civil (FAA, na sigla em inglês), que teve confiscada sua pesquisa sobre um OVNI avistado no Alasca em 1987.

“‘Quem acredita em OVNI?’ é a típica atitude sistematicamente tomada pela FAA. Quando perguntei a um alto funcionário da CIA o que pensava a respeito, ele me disse: ‘é realmente um OVNI, mas não podemos dizer isso aos americanos, todo mundo entraria em pânico”, declarou à imprensa.

dab/ap/sd

Fonte: Ultimo Segundo (enviado por email pelo Josiel) 

 

Related Post

7 comentários em “Pilotos e cientistas pedem retomada de pesquisas sobre OVNIs nos EUA”

  1. Pois é Philipe, achei essa matéria interessante, e tambem concordo com esses pilotos em dar uma retomada com pesquisas em relação a UFOS.

    Ja ouvi muitas histórias sobre OVNIs, e acredito que 99,9% delas sejam resultados de uma mente criativa ou até mesmo explicações plausiveis, ou seja, realmente não sejam.
    Mais em compensação, não sou 100% cético, pois o 0,1% das histórias que acredito, são bem interessantes e plausiveis, inclusive umas das histórias foi o que meu pai viu quando era criança, e ele não é de brincar com essas histórias.

    Mais sou a favor de esconder se algo realmente existe, pois isso causaria um caos total. Muitos não teriam a mente aberta, seria um pânico total, com muitos suicidios, pois iriam contradizer muitas ideias.

    mais quem sabe quando o mundo estiver mais preparado, não poderemos adquirir um vasto conhecimento que pode dar melhorias ao nosso mundo, em relação a outros tipos de tecnologias, só espero estar vivo até lá!

  2. otimo post, é realmente interessante essas historias de contatos, mais que não acredite na maioria desses casos, concordo com o lopudov, é muito egocentrismo acreditar que somos a única forma de vida no universo…

  3. Eu sei lá. Acho que já até passou da hora de mostrar a verdade. Assim que a verdade for esfregada na cara das pessoas, talvez até acabem as guerras imbecis entre os humanos. O problema é que a maioria das religiões vai ter que ralar para se adaptar a realidade extraterrestre.

    Não acho que uns poucos tenham o direito de esconder a verdade de milhões de pessoas. Doa a quem doer.

    Nós civis que não vivemos de voar podemos escolher entre crer ou não. Mas astronautas, controladores e pilotos muitas vezes não podem fazer esta escolha. Eles convivem com o fenômeno.

    A minha opinião é que a verdade não é exposta por outra razão. Não é o pânico… É o cagaço dos militares da pressão popular da sociedade por ter sido feita de otária todo este tempo, além da pressão deles saberem que não podem fazer NADA, ABSOLUTAMENTE NADA para impedir a invasão do “espaço aéreo” e soberania, que são pagos para defender e tb não podem fazer nada que impeça a atividade ufológica (que em alguns casos é violenta e agessiva) contra as pessoas que pagam os salários deles.

  4. Philipe, entendo vc e sua razão em “saber a verdade”, mais ja é uma opinião minha. mais supondo, se os Militares exporem a existencia de uma entidade biológica extraterreste, concordo com vc que muitas pessoas engoliriam aceitariam. Mais algumas pessoas humildes,e algumas pessoas dos tipos mais religiosos (não estou criticando, muito menos sendo contra), iria contra todos os principios.

    ma vez, um primo meu fez umas filmagens de luzes no céu. E apareceu em um noticiario, e uma senhora conhecida minha ao ver a matéria, começou a chorar, pegou um terço e começou a rezar.
    Tambem meu pai quando era criança, que teve a experiencia de presenciar um OVNI em uma distancia inacreditavel, ele teve uma certa curiosidade em ver, mais minha tia avó brigou com ele e mandou entrar em casa (meu pai era de sitio), e minha tia chorava achando que o mundo ia acabar.

    Enfim, fora alguns que acham que isso é “coisa do capeta”.

    Então Colega Philipe, eu ainda acho que´o motivo de não ser anunciado a existencia de seres de outro planeta, é que Não haverá forças militares o suficiente para conter o pânico e caos no mundo inteiro.

    Mais à uma nova geração de pessoas nascendo e crescendo mentalmente, e acredito que quando nós formos a maioria, não haverá motivos para esconder isso do mundo.

    abs a todos
    Lopudov

  5. Amigos o problema maior não é o pânico e sim o caos economico !!todo o sistema economico quebraria!!! Imaginem o que seria da tão propalada tecnologia de ponta das nossas industrias nas diversas areas!!!quando se depararem com a tecnologia alienigina !!!acho que nossa sociedade já vem sendo preparada para este …contato !!a midia vem colaborando de certa maneira!!!Falar em ebes hoje não é tão tabu quanto a 50 anos atraz!!

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

shares