A vida ficou mais fácil para os atores de Hollywood

Antigamente quando um personagem precisava ser forte, não tinha jeito. O ator precisava malhar feito um condenado para obter os músculos que o personagem exigia. Hoje, os cérebros privilegiados dos matemáticos da computação gráfica dão uma ajudinha para que os Brad Pitts da vida não precisem mais malhar. Dá só uma olhada neste software, apresentado na última edição da Siggraph e veja qual será o futuro dos filmes de ação:

Apesar da piadinha com os músculos, o programa faz bem mais do que apenas deixar um cara mais forte. É possível fazer praticamente qualquer coisa com o personagem. Deixá-lo mais forte, mais fraco, mais alto, mais magro, mais deformado e etc.
Este tipo de aplicação será extremamente útil no campo dos esfeitos especiais e certamente será de grande valia para filmes em que personagens com proporções estranhas são necessários, como nos do Harry Potter, Senhor dos Anéis, etc.
fonte

Related Post

8 comentários em “A vida ficou mais fácil para os atores de Hollywood”

  1. Ahá, agora fudeu, “photoshop” dos vídeos, sei que o After poderia fazer coisas parecidas, mas isso ja está ficando escroto demais de tao maneiro, malhar pra q? contratar um cara com 2,5 metros pra q? modelar um juggernaut pra q? ahuahuauha agora seus problemas acabaram, chegou o novo distorpceitor tabajara! 😀 Sacanagem, é coisa é interessante demais mesmo, sinistro. E ai Philipe, quando que sai o seu filme em 3d?

    • No caso de Esparta, foi usado muita maquiagem, é muito “truque” de luz, não a luz em sí, mas truques de pintura na pele que realçam os musculos, fazendo parecer que o cara bombou mais do que realmente é.

  2. Pelo que vi no video o software apenas expande ou diminui as formas, ja definir musculos do nada não acontece. E creio que de perto o efeito fique muito artificial.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

shares