17 Comentários

  1. Rogerio

    Philipe, no meio do texto comecei a te xingar… “ele vai acabar com a historia! nao! nao!”; e ae, no final…. esta surpresa! CONTINUA!!!!!!

    Responder
  2. Carlos Dente

    Eu (com confessa) tristeza achei que o conto estava em seu último capítulo, mas eis que mais uma vez sou (ainda bem!) surpreendido!

    Responder
    1. Carlos Dente

      “A cadeira apareceu no meu quarto de hotel…”. Aposto que se fosse a morenaça dos primeiros capítulos ele não tinha saído de lá.

      Responder
  3. Leonardo Gabriel da Silva

    kkkkkkkkkk aposto que ele vai coloca-lo para sentar na cadeira, passando assim a maldição para outro!

    Responder
  4. Lucas Maldonado

    Parabéns Philipe ,estou esperando a próxima parte,e o Leonard como sempre aparecendo para salvar o dia;agora fiquei curioso,nessa sociedade de caçadores de bruxas que o Leonard é membro,você já pensou em escrever sobre outros caçadores ?

    Responder
  5. wagner

    aaahh jurava que você ia finalizar a historia aqui, tava a dias sem postar nenhum capitulo e no decorrer parecia que estava caminhando pra um desfecho meio apressado, mas não. continua assim que ta muito boa.

    Responder
  6. Thiago Andrey

    bom, se estamos lendo a historia que o cara escreveu pelo menos da pra saber que ele sobreviveu. Já o Renato…

    Responder
  7. Daniel Silva Pinheiro

    Já estava eu aqui preparando as foices e as tochas achando que era o último capítulo, tenho essa maravilhosa surpresa. Continua, que esse conto fica cada vez melhor a cada capítulo. Curioso demais para saber o que aconteceu com o Leonard e também para saber quem é o Chi, no começo, achei que fosse aquela entidade lá que o Wilson via quando pegava a Kuran em A Busca de Kuran.

    Responder
  8. Michele Hill

    Como fico muito ansiosa pelos capítulos de “A cadeira obscura” e tendo visto comentários sobre o Leonard aparecer em outro conto teu, me joguei na leitura de “A Caixa”. Devorei a história em duas madrugadas!
    Philipe, tu escreve muito bem! Não pensa em lançar um livro? Se fizer, eu quero, mas autografado, hein?!
    Abraço!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.