fbpx

Arte, ciência, Curiosidades, incrível

Veja o neném que nem nasceu ainda no seu Ipod

Escrito por Philipe Kling David · 48 segundos de leitura >

Mamães grávidas e ansiosas receberam com felicidade a notícia de que já é possível ver fotos e videos do seu neném no iPod.

A novidade, lançada hoje pelo Portland Hospital é um serviço de scanner que acaba com aquelas imagens preto e branco complicadas de entender. O sistema agora chamado de 4D realtime ultrasound oferece um alto nível de detalhes do bebê dentro da barriga da mãe e é melhor para detectar problemas.
O sistema 4D funciona como um scanner tradicional, com a diferença que as ondas de ultrassom são emitidas para múltiplas direções. Isso faz com que o scanner obtenha muito mais dados e imagens em movimento quando a informação retorna.

As mulheres visitam a clínica na hora do almoço e durante 40 minutos são escaneadas. Posteriormente, as imagens de alta definição são baixadas para os Mp3 players, MP4 ou até mesmo telefones celulares.

O scanner 4D pode ser usado a partor de 12 semanas de gestação para download em Cd e DVD. Mas a criança só é totalmente reconhecível a partir da 18 a 20 semana.

Interessante, isso pode ajudar na pesquisa de prototipagem de fetos que está sendo realizada por amigos meus lá no INT.

Para quem se interessou e quiser saber mais, leia a matéria no Evening Standard

Escrito por Philipe Kling David
Designer, blogueiro, escritor e escultor. Seu passatempo preferido é procurar coisas interessantes e curiosas para colocar neste espaço aqui. Tem uma grande atração por assuntos que envolvam mistérios, desconhecido e tecnologia. Gosta de conversar sobre qualquer coisa e sempre tem um caso bizarro e engraçado para contar. Saiba mais... Profile

Hackers atacam a radio misteriosa UVB 76

em Curiosidades
  ·   33 segundos de leitura

O homem que levitava

em Curiosidades
  ·   8 Minutos de leitura

Uma resposta para “Veja o neném que nem nasceu ainda no seu Ipod”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.