Ufos fimados pela NASA?

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
Night mode

Um leitor me mandou a dica deste video, que trata-se de uma compilação com filmagens diversas, a maioria de órgãos oficiais e agências espaciais, como a Russa e a NASA.
Embora em alguns seja possível perceber que pode se tratar de claros erros de interpretação, tem umas coisas bem legais aí no meio. A começar por aquela torre gigantesca lá na lua registrada no fotograma da sonda Russa. Claro que pode ser algo de origem geológica, mas no meu ponto de vista, isso deixa a coisa ainda mais interessante!

Comments

comments

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

17 respostas

  1. Alguns ai podem ser claramente lixo espacial, outros deixa com uma pulga atrás da orelha, ainda mais porque alguns não parecem ter formato solido, fiquei aqui pensando na remota possibilidade de serem formas de vida desconhecidas que de alguma forma podem sobreviver no espaço.

  2. Ah, eu lembro do ano passado, que num site de conspiraçoes tinha uns malucos que ficavam o dia inteiro assistindo a live stream da ISS, até que começou a dar erro, a tela a piscar e a ficar branca.  Postaram lá no fórum e eu fui dá uma olhada, ficou assim por mais um tempo e dai deu uma filmada rápida antes de continuar, tinha algo atrás da ISS, num formato bem estranho. Tava meio difícil de ver, entao decidi virar a foto de ponta cabeça e o que eu vi lá era totalmente estranho. Uma viga de aço enorme, com várias coisas acopladas que poderiam facilmente ser salas ou tanques de combustível, e atrás uma coisa enorme virada pra cima num ângulo de 30°, começava como uma das salas mas era mais longa e se dividia em três, como tinha uma certa luz saindo daí eu deduzi que eram os motores. Vou ver se acho a foto aqui no meu PC, e se nao achar vou procurar lá no fórum mesmo, porque a coisa era GUMP!

  3. http://www.abload.de/img/unbenannt6iu9h.jpg Ela piscava imagens mais ou menos assim.

    http://imageshack.us/photo/my-images/844/issnasa091311.jpg/ A coisa estranha.
    http://www.abload.de/img/unbenannt7-kopie37od.jpg  Coisa estranha de antes da tela começar a piscar.

    http://h8.abload.de/img/unbenannt346d.jpg Se distanciando.

    http://h10.abload.de/img/unbenanntyryg.jpg Outra coisa.

    http://h10.abload.de/img/unbenannt2pq05.jpg  Imagem melhor da outra coisa.

    E por aí vai…

    Aqui, a página que tiraram as fotos. Veja a data em cima da foto deles, é a data do post. E pensar que eu estava lá no dia, pensando “fudeu”.

    1. Pietro, esse site só pde ser uma brincadeira!
      Imagens com essa qualidade em 2012 é demias, se eu estivesse lá até com meu celular eu conseguia fotos melhores!
      Essas fotos não servem nem para nada,a qualidade é tão ruim que qualquer um faria uma montagem no photoshop, gravaria em uma resolução pífia e publicaria como origianl.
      Mais, motores soltando foguinho no espaço me parece tão Star Wars.
      Alguns relatos de UFOs na terra não aparecem com fogo, mesmo estando em uma atmosfera com um monte de oxigênio e propícia a tanto, no espaço aparece um foguinho? Só faltou o som dos raio laser.

  4. Achei a “torre” na Lua o mais bizzaro, pelo tamanho. Para se destacar daquela forma na superfície lunar ela deve ter pelos menos algumas dezenas de quilômetros de altura. É como o Felipe colocou: pode ser uma formação natural, mas continua sendo interessantíssimo. Como uma coisa daquela poderia se formar naturalmente?

    1. Ah, eu gosto do assunto, mas não posso falar só disso. O leque de interesse dos leitores é muito amplo. Tento dar um pouco de tudo, incluindo um ponto de vista cético sobre o que é mostrado, para não virar uma sucursal da revista UFO.

  5. Gosto muito do assunto, mas novamente, meu ceticismo me faz pensar em provas.
    Como leitor assíduo do blog, sei que o assunto ótica é bem explorado aqui, com imagens capturadas da lua, com equipamento profissional feito para distâncias terrestres. Ainda assim, Philipe, vc conseguiu efeitos de zoom absurdos com inversão de lentes e o escambau.
    Meu objetivo contudo é o de comentar o seginte: ótica independe de tecnologia digital e é conhecida há no mínimo uns 200 anos. Desde 1935 produz-se equipamentos ópticos com resoluções absurdas, ao ponto de câmeras usadas em aviões da 2ª guerra para reconhecimento, capturarem imagens de altíssima fidelidade, zoom e resolução.
    Pergunto, porque as imagens de algumas fotos, não vídeos, mas fotos serem tão ruins já que em alguns momentos declaram que o objeto foi filmado ou observdo por vários minutos? As naves da Nasa ou até a ISS de tecnologia bem mais recente, não conta com câmeras de resol~ção e zoom absurdos? Vários dos registros feitos eram meros reflexos dos visores dos compartimentos da nave. Um deles era simplesmente a condensação de uma quantidade pequenina de umidade e trataram como UFO, era evidente que a gota estava se formando no visor da nave.
    Nos casos de objetos, porque nunca usaram uma câmera descente para registrar a imagens com resolução convincente? E os movimentos espirais típicos de uma massa vagando sem controle algum? Não podem ser tripuladas por uma inteligência extra-terrestre, são mero lixo espacial.
    Acho que em 2012 uma agência detentora de tecnologia e orçamento que beirão o absurdo, não conseguir obter imagens convincentes tem algum motivo e, um desses motivos pode ser simplesmente a falta do que registrar. Com imagens ruins a imaginação voa, afinal não tem como definir nada!
    Enfim o tema é interessante e a abordagem é muito legal do ponto de vista da ausência de fanatismo visto em outros blogs.
    A NASA poderia ler o seu blog e fazer umas trapizongas com lentes e obter imagens como os macros excepcionais que vc consegue, liga lé e vende um curso para eles!
    A solução de usar lápis ao invés de desenvolver uma caneta para uso no espaço. os russos já deram, mas a das câmeras ninguém falou nada ainda. rsrs
    Parabéns!

    Abs.

    1. São boas colocações. Acho que é importante deixar claro que é óbvio que muitas dessas filmagens presentes na compilação se tratam de erros de interpretação. No entanto, eu suponho que a explicação de “erro de interpretação” tem duas linhas aqui: Uma de coisas que parecem estar lá e não estão. É o caso de gotas, flares, aberrações ópticas e etc. A outra, é o caso de “coisas que estavam lá” e não deviam estar. Esse grupo é o que me interessa, pois eu penso que muitos deles sejam detritos espaciais, e condensação iluminados pelo sol forte no espaço. No entanto, temos alguns casos bem estranhos ali no meio, com objetos que parecem pulsar luminosamente enquanto objetos próximos não apresentam variação pulsante, o que poderia indicar que são objetos fotoluminescentes. Para um lixo espacial pulsar luminosamente com luz própria, ele deveria ter embarcado uma fonte de energia e um led ou coisa do tipo. Isso é algo complicado de imaginar em se tratando de lixo orbital. Então, eu não sei o que é, e aqui entra meu ponto de vista de “separar para curiosidade”. Sabemos que há muitos lixos no espaço, e isso é algo que até coloca em risco operações orbitais. Mas lixo espacial que muda de direção é algo novo pra mim.
      No caso, sua pergunta sobre “por que a Nasa não registra o fenômeno com melhor qualidade?” é boa, mas somente válida partindo do pressuposto que a Nasa não sabia do que se trata aquilo lá e tenha interesse em tornar público a existência do fenômeno afim de investigação. Este, no entanto, parece não ser o caso, baseando-nos pelo comportamento da Agência ao longo de décadas. A Nasa tenta a todo custo, evitar erros de interpretação e especulações em seu material, por conta disso, adulterava deliberadamente TODAS as fotografias do projeto Apolo. Caro que poderia ser com a melhor das intenções do mundo… Mas, na minha opinião, se uma agência desse porte adultera uma única imagem que seja, a credibilidade foi para o saco na hora.
      Não parece ser interesse da NASA abrir plataformas para especulação sobre vida inteligente interferindo ou apenas acompanhando o que se faz no espaço e na orbita da Terra. Então coo essas imagens surgem? Elas surgem porque a NASA transmite em tempo real para suas bases na Terra videos do que se passa lá. A ampla maioria desses videos chega aqui criptografados, como um sinal de Tv a cabo exclusivo. Porém, pelo que me consta, um especialista em Tv a cabo do Canadá conseguiu após algum custo e equipamentos sofisticados de decodificação (se não me falha a memória, ele trabalhava numa estação de decodificação de sinal de Tv) decodificar o sinal da NASA e passou a gravar horas e horas de material bruto, do tipo que nunca é exposto ao publico. E é neste monte de material que surgem as anomalias vistas em alguns trechos destes videos. Então, são filmagens da NASA, mas não registros da NASA para o publico.
      Quanto à questão de “por que com o avanço da tecnologia óptica, e a popularização de dispositivos de registro”, as fotos de ufos continuam mal tiradas, borradas e sem definição, eu posso dizer que esta e umas das grandes perguntas que ocorrem no ambiente ufológico. No entanto, pelo que me consta, nem tudo é assim como dizem, borrado e sem definição. Eu mesmo tenho na minha casa um mini-arquivo com uma penca de fotos impressionantes de ufos, muitos tão nítidos que refletem o ambiente abaixo deles. Porém, toda vez que alguém vê uma foto muito nítida de um ufo, tende achar que é fraude. E com razão! A maioria é.
      Ocorre que existem algumas poucas fotos que foram exaustivamente analisadas com o tempo e não puderam indicar qualquer indício de ser uma fraude. Isso efetivamente não elimina a chance de ser uma má interpretação, mas quando o caso é acompanhado de uma ampla pesquisa e demais dados técnicos, como registros de testemunhas oficiais, registros de rafar, filmagens e até documentos oficiais de interceptação governamental, a coisa muda de figura. Casos como a foto do ufo triangular da Bélgica, atendem a todos esses pré-requisitos para ser tratada como uma foto válida (sobretudo porque foi feita em filme e não em digital, tornando-se muito mais difícil de manipular) http://www.thelivingmoon.com/49ufo_files/03files2/1990_Belgian_Triangle.html

      Há outras fotos, algumas impressionantes, como uma obtida por um avião espião de aplicação cartográfica do governo da Costa Rica (ou seja, um avião equipado com a câmera boa que você havia mencionado). Numa das fotos sobre o lago Cote, surgiu um disco prateado, voando bem abaixo do avião. Da pra ver detalhes do ufo. Nunca foi possível explicar o que é aquilo. http://www.cifov.cl/fotografias/ovni_lago_Cote.JPG
      A foto foi estudada por laboratórios, especialistas da Marinha dos EUA, e ninguém soube dizer o que era aquilo. Estimou-se que a “coisa” estava entre 2000 e 3000 metros de altura, e como a foto era tirada automaticamente, não houve contato com um “fotografo” em momento algum. O troço não aparece em outros fotogramas, apenas no numero 300, o que indicou que ele estava em movimento bastante rapido. O troço foi registrado oficialmente no melhor papel disponível na época, ASA 80, o que gerou um manancial de detalhes. O que era aquilo? Até hoje não se sabe e a melhor hipótese é de um Ufo.

      Agora, uma foto detalhada de um disco não é nem prova que ufo exista quanto um monte de fotos borradas e sem nitidez não prova que eles não existam. A foto não é prova, é só um elemento, entre outros, que podem ajudar a esclarecer um caso. EU creio que não haja por aí boas fotos de ufos porque o fenômeno é errático. Quando ele surge, é raro ficar parado dando sopa para ser registrado, e mesmo que isso ocorra, é necessário haver: Uma testemunha calma o suficiente para fazer o registro. Que ela saiba operar o equipamento, que esteja de posse do equipamento, e que este tenha condições de registrar sem problemas.
      Há muitos casos onde o cara até está com o equipamento e ele é bom, mas na hora da emoção, o cara treme, erra a exposição, ou o objeto se move e a imagem perde o foco… Certamente que não é algo fácil. Para alguém estar com uma lente tele foda, com uma câmera bem regulada, em tripé, apontando para o ufo bem na hora em que ele aparece, é um conjunto de fatores tão específicos que o manancial de fotos borradas e sem qualidade me parecem mais corroborar a hipótese extraterrestre do que negá-la.

      1. Boa Philipe, me impressiona a quantidade de informação que vc detém.
        Acho que é por isso que leio seu blog há tanto tempo. Informação realista, sem fanatismo e mais ainda, a  atenção que vc dá aos comentários!

        Abç!

    1. HAhaha é mesmo. Logo que surgiu a moda eu fui lá, mas não achei grandes coisas. É um poço de inutilidades, como imagens pornôs de tudo que é tipo e pedofilia. De útil só achei um monte de warez e umas dicas de como fraudar impressões digitais. A deep web me parece um lixão, cavucando vc até acha algo de maneiro, mas haja saco.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

LUMINÁRIA UFO 

compre a sua em www.obscura.art.br

© MUNDO GUMP – Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução sem autorização.