Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp

Aqui estão algumas alterações no boneco do Seu Madruga. Rinoplastia total, decepei as orelhas e refiz, aparei o bigode, arrumei o queixo, fiz um chapeuzinho novo porque aquele igual ao de vaqueiro nordestino tava muito feio.

Aproveitando o ensejo, quem é o Seu Madruga?

Você conhece ”Don” Ramón Valdéz?? Ou melhor Seu Madruga!! O pai de seu madruga trabalhava com teatro, e então desde criança nosso seu madruga já tinha uma veia artística (ele era dos únicos do seriado que já tinham alguma experiência anterior com teatro/tv/cinema). Infelizmente Ramón Valdéz não está mais conosco. Ele morreu no dia 16 de agosto de 1986 de câncer no pulmão devido ao fumo em excesso. Antes de ser ator, seu madruga era dono de uma lanchonete na Cidade do México, que acabou falindo. Então Ramón Valdéz se inscreveu em um concurso para ser comediante e passou no teste. Fez tele novelas, um seriado de comédia (tipo Casseta e Planeta) que em pouco tempo saiu de moda, pois era pouco assistido. Então surgiu a obra prima: Roberto Gomez Bolaños, que convidou-o para fazer um seriado (Chaves e Chapolin). Aí sim fez muito sucesso e a produção deu uma grande renda. Assim a estrela de Seu Madruga brilhou! A super produção faturou muito e Don Ramón juntou dinheiro para comprar sua casa própria e foi ficando famoso e ficou conhecido mundialmente e ficou milionário. Don Ramón saiu do Chaves e Chapolin em outubro de 85 (que após sua sua saída só gravou mais 13 episódios) e foi fazer um programa com o Quico. Resultado:um fracasso. Só passou duas semanas no ar pela rede Tele Uno. Em janeiro de 86 seu madruga descobre que está com câncer em estado avançado e que dali pra frente só durou até 16 de agosto do mesmo ano, falecendo de câncer no pulmão por excesso de fumo.

Quando Seu madruga morreu o pessoal do seriado tentou colocar a bisavó da Chiquinha no lugar dele. Mas não deu certo, pois nada e ninguém conseguiria substituir o Ramon Valdez (Seu Madruga). Só ele conseguiria fazer aquele papel.
Quando houve a sua morte, o grupo se dispersou sendo que o pessoal continuou na carreira solo, mas no começo de 90, se juntaram e fizeram uma nova série de Chesperito. Hoje o “Chaves” é casado com a “Dona Florinda” o “Quico” e a “Chiquinha” tem um circo e a “Bruxa do 71? morreu de velhice.

Com certeza foi um comediante sem igual, conhecido em muitos países, e que trás uma grande número de fãs.

Fonte

Seu Madruga 2

Comments

comments

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

16 ideias sobre “Seu Madruga 2

  • 10 de dezembro de 2008 em 16:35
    Permalink

    Putz até hoje adoro o seu madruga. É uma pena ele ter morrido dessa maneira

    Resposta
  • 10 de dezembro de 2008 em 16:57
    Permalink

    Eu acho que o nariz ainda tá grande e linha do maxilar tem que ser mais proeminente. Tomei a liberdade de usar as suas próprias imagens para explicar o que quero dizer:

    http://img508.imageshack.us/img508/1222/madrugaig4.jpg

    O queixo dele é tá bicudo e é mais quadradão…
    Em todo o resto, arrebentou, como sempre

    Resposta
  • 10 de dezembro de 2008 em 17:16
    Permalink

    Seu Madruga ainda é um dos personagens que eu mais gosto na televisão (e também tem o maligno Alma Negra!). Eu gosto muito de chaves e chapolin, vejo até hoje, mas a história do grupo é meio que tomado pela inveja.
    O Bolaños “expulsou” o Kiko do seriado pois ele estava aparecendo demais e então o seu madruga, achando isso injusto, saiu junto com o kiko. Florinda era namorada do Kiko mas depois ela acabou se casando com o “Chaves”.

    “Não existe trabalho ruim, o ruim é ter que trabalhar.”
    By Seu Madruga.

    Resposta
  • 10 de dezembro de 2008 em 19:13
    Permalink

    Sensacional! Não sei quem é mais ídolo, Seu Madruga ou Mussum. Eu acho que vai demorar muito tempo até aparecer outro humorista tão cativante quanto esses dois.

    Resposta
  • 10 de dezembro de 2008 em 19:28
    Permalink

    Porra velho, não tem absolutamente NADA A VER com o nosso madruga !

    Resposta
  • 10 de dezembro de 2008 em 20:45
    Permalink

    Haa!!
    Agora ta muito bom!! 😆
    Gostei da matéria, não sabia da maioria das coisas… bom não sabia de nada, a não ser que seu nome era Don Ramón

    Resposta
  • 10 de dezembro de 2008 em 23:45
    Permalink

    ainda falta algo pra ficar parecido, a imagem que mindu postou mostra bem.

    e eu nunca gostei de chaves =]

    Resposta
  • 11 de dezembro de 2008 em 0:48
    Permalink

    entre trapalhões e chaves, eu fico com o chaves. e olha que os trapalhões – aqueles, de tempos passados, da minha infância, com o incrível Mussum e o espetáculo do Zacarias – eram de arrasar a galera, matava todo mundo de rir. Tá meio deprê, vai no youtube e assiste os episódios dos trapalhões. Quer rir mais ainda, assista Chaves e Chapolin. Principalmente aquele episódio da infância do quico – aparece o pai marinheiro dele, muito massa ele no berço! riso inocente e inevitável: muito bom. :happy:

    Resposta
  • 11 de dezembro de 2008 em 5:32
    Permalink

    Chaves (e Chapolin) é tipo “literatura boa”. Cada vez que vejo, descubro uma piada nova e um novo modo de ver as historias. Classico geral.

    “Dona Florinda, velha Ridícula”

    Resposta
  • 11 de dezembro de 2008 em 10:19
    Permalink

    O Philipe é multi-tarefa, psicólogo, designer, roteirista, escultor e agora… Cirurgião Plástico! 😆 Abraço!

    Resposta
  • 11 de dezembro de 2008 em 13:25
    Permalink

    Oi Philipe como sempre estou vendo as novidades….
    ta fera o madruga, e da p ve q eh meio ruim de trabalha em certos detalhes pq eh do tamanho da ponta do dedão a escultura !!
    mas ta show de bola cara….
    tenta da uma pinturinha.. talvez fique mais parecido !! 😎

    Resposta
  • 11 de dezembro de 2008 em 15:28
    Permalink

    Caraca, eu tinha pensado semana passada pq não há bonecos realistas do chaves/chapolin, seria demais, e olha o que eu encontro aqui hahahah muito bom.

    Resposta
  • 11 de dezembro de 2008 em 15:46
    Permalink

    [quote comment=”61589″]Eu acho que o nariz ainda tá grande e linha do maxilar tem que ser mais proeminente. Tomei a liberdade de usar as suas próprias imagens para explicar o que quero dizer:

    http://img508.imageshack.us/img508/1222/madrugaig4.jpg

    O queixo dele é tá bicudo e é mais quadradão…
    Em todo o resto, arrebentou, como sempre[/quote]

    Ótima observação, Mindu. Eu acordei cedo hoje e vi seu comentario e alterei o boneco seguindo a dica e acho que melhorou significativamente. Mas a Nivea levou a camera pro trabalho dela e eu não pude registrar o boneco.
    Assim que ela chegar (daqui a uns minutos) eu fotografo a peça e coloco aqui.

    Resposta
  • 11 de dezembro de 2008 em 15:51
    Permalink

    [quote comment=”61611″]Porra velho, não tem absolutamente NADA A VER com o nosso madruga ![/quote]

    Tô tentando ainda, hehehe. Mas é foda de fazer igualzinho. Parece difícil, e é bem mais difícil do que parece. O problema é que o Madruga (Ramon Valdez) era alguém real e muito visto, de modo que ele está bem gravado na mente das pessoas, o que complica ainda mais, pois qualquer vacilinho (e nesta escala, 1/8 de mm muda tudo) a cabeça vira de outra pessoa.
    Talvez a pintura contribua para ficar mais realista. (ou destrua tudo)
    Além do mais, eu ainda sou meio pereba em escultura, tenho que comer muito arroz com feijão pra chegar na metade do knowhow do Mark Newman.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Alerta: Conteúdo protegido !!