Rio cidade dormitório

Outro dia eu fui no Saara com a Denise e o Thiago e acabamos encontrando sem querer uma parada muito doida, que é esta beliche de oito andares, criada como uma “unidade urbana de repouso” para os mendigos.


Veja a felicidade do dingão abordo da octobeliche.


A ideia é bem legal. Na parede havia uma inscrição de autoria daquela “instalação”.

È uma ideia do artista Guga Ferraz e ao mesmo tempo uma crítica ácida ao estado de abandono e extrema mendicância que retrata o caos e a desordenação do centro da cidade do Rio.
Saiba mais sobre a obra

Receba o melhor do nosso conteúdo

Cadastre-se, é GRÁTIS!

Não fazemos spam! Leia nossa política de privacidade

Philipe Kling David
Philipe Kling Davidhttps://www.philipekling.com
Artista, escritor, formado em Psicologia e interessado em assuntos estranhos e curiosos.

Artigos similares

Comentários

  1. Imagino que o mendigo da cobertura deva se sentir superior ao mendigo do térreo. De certa forma è um microcosmo social ali, né?

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Advertismentspot_img

Últimos artigos