Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp

Imagina a bizarra situação: Em 1973 um indiano do nada resolve levantar o braço e nunca mais abaixar. E ele cumpre. Este é o estranho resumo da vida de Sadhu Amar Bharati. Após todo este tempo com o braço para cima, o braço de Sadduh é apenas rígido e ereto pedaço de osso recoberto de pele. A unha dele cresceu tanto que virou uma espécie de espiral. Veja a foto:

Até 1970, Amar Bharati era um indiano de classe média, que vivia uma vida normal. Ele tinha um emprego, uma esposa, uma casa e três filhos para criar. Um belo dia ele acordou e…

Pã!  Este ser humano executou uma operação ilegal e será fechado.”

Deu tela azul no maluco, meu. Desde este dia ele se converteu a seguidor do Deus Indu Shiva e saiu vagando pela beira das estradas com quase nenhuma roupa. Durante três anos que vagou por lá se tornando uma espécie de faquir, Amar Bharati diz ter conseguido tamanho contato com o mundo espiritual, que conseguia se desvincular quase completamente desta dimensão de prazer e sofrimento que estamos presos. Para demonstrar o poder na fé em Shiva, ele resolveu nunca mais abaixar o braço. Hoje, mesmo que quisesse ele não seria capaz de baixar o braço.

Ele dorme com o braço para cima e se você está curioso, ele também não toma banho!
Ele dorme com o braço para cima e se você está curioso, ele também não toma banho!

Para você ter uma ideia do que é a força de vontade de um homem tomado pela fé, levante seu braço e veja o quão desesperador pode se tornar a dor de mantê-lo na vertical por muito tempo. O indiano diz que no início a dor era insuportável, mas ele não cedeu. Hoje seu braço já não dói mais. Os ossos calcificaram e ele já não consegue mais dobrar o cotovelo.

Esse aí é Gump. Na mesma categoria do indiano que está sem comer nem beber há mais de 60 anos!
fonte

O indiano que está com o braço levantado há 38 anos

Comments

comments

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

23 ideias sobre “O indiano que está com o braço levantado há 38 anos

    • 5 de maio de 2011 em 17:40
      Permalink

      HAUHAUAHUAHUAHUAHUAHUAHAUH essa do garçom foi massa

      Resposta
  • 5 de maio de 2011 em 15:55
    Permalink

    Ai Phillipe, tem varias casos desses entre os hindus ( Lembro que na revista Trip saiu uma matéria com varios), seria um ótimo post para o mundo gump.

    Resposta
  • 5 de maio de 2011 em 17:13
    Permalink

    Philipe vendo este post me lembrei de um bem antigo que vc botou aqui que era um video de uma mulher num auditorio de programa que estava batendo palmas com as pessoas do auditorio e de repente , tinha dado “tela azul” nela ou algo parecido e ela parou de bater palmas do nada.
    se poder me ajudar a encontrar esse post no seu site ficaria agradecido! faz tempo que procuro mas nao consegui achar.

    Resposta
  • 5 de maio de 2011 em 18:51
    Permalink

    Philipe, o post “O homem que levita pelas ruas ”
    ( abril 30, 2008 ) está com aquele problema das imagens. Abs

    Resposta
    • 6 de maio de 2011 em 14:59
      Permalink

      Consertei. Valeu por informar o problema.

      Resposta
  • 5 de maio de 2011 em 19:30
    Permalink

    Já tinha visto esse cara num livro, anos atrás… ele faz partes de um grupo de ascetas indianos chamados sadhus (ou seja, Sadhu não é o nome dele).

    Os sadhus passam por provações infligidas por eles mesmos. Segundo eles, quanto maior o sacrifício, maior a iluminação.

    E Amar não é nenhuma celebridade entre seus amigos. No livro haviam vários, desde o cara que nunca cortou o cabelo até um que enfiou uma faca de madeira atravessando o braço e ela permanece lá até hoje. Aí tem o cara que colocou um osso atravessando o pênis e por aí vai. Nada fácil pra nossos estômagos ocidentais.

    Resposta
  • 5 de maio de 2011 em 21:12
    Permalink

    Seria muito legal se fosse verdade.
    Esse cara me lembra o outro tal indiano que afirma que não come nada há décadas.
    Charlatanismo é uma cultura arraigada naquela terra.
    Pena!

    Resposta
    • 6 de maio de 2011 em 8:52
      Permalink

      …isso é real, meu caro.

      E acredite se quiser, tem gente que vai muito mais longe.

      Resposta
      • 11 de maio de 2011 em 16:42
        Permalink

        O Papai noel por exemplo?

        Resposta
  • 5 de maio de 2011 em 21:16
    Permalink

    Não copia do boca aberta meu OVO!

    Resposta
    • 6 de maio de 2011 em 15:03
      Permalink

      A fonte do post é o Oddycentral. Certamente o boca aberta que repercurtiu de lá tb.

      Resposta
  • 7 de maio de 2011 em 20:16
    Permalink

    Alguém leve esse cara pra Brasília e coloque uma placa atrás dele,escrito assim:
    E o salário,ó…

    PS:do povo,é claro!

    Resposta
  • 16 de maio de 2011 em 9:56
    Permalink

    Que eu saiba os Sadhus na índia são considerados santos. Apenas há o detalhe de que eles são consumidores inveterados do haxixe, uma droga que costuma ser poderosa.
    Pode ser que de tanto usar haxixe algumas partes do cérebro simplesmente se desliguem, pum!
    Sem contar que eles dão uns peguinhas antes de amarrar pedras no saco, ou saborearem nacos de defunto assado pela manhã…ééé´…o fumo é forte…

    Resposta
  • 18 de novembro de 2013 em 16:00
    Permalink

    HÁ 38 anos… ( se refere a um fato no tempo passado, então se usa o verbo “haver”…)

    Resposta
  • 14 de fevereiro de 2014 em 22:29
    Permalink

    me kkkk imagina quando ele ta na rua e ve um taxi e ele quer que ele pare ele levanta as duas mãos vão achar que ele esta despreguiçando kk sem ofensas {*_*}

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.