Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp

Como fazer uma igreja dar dinheiro?

Fluxograma de uma igreja caça-níqueis

Comments

comments

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

43 ideias sobre “Fluxograma de uma igreja caça-níqueis

  • 6 de maio de 2009 em 14:03
    Permalink

    Muito bom… Na Desciclopédia tem um manual: como fundar uma igreja evangélica… um “livro” de dez capitulos… te ensina como ganhar dinheiro… x_x

    Resposta
  • 6 de maio de 2009 em 14:08
    Permalink

    UAU…… pior do que isto somente quando o catolicismo veio junto com a coroa portuguesa explorar o Brasil… viva o vaticano…

    Resposta
  • 6 de maio de 2009 em 14:12
    Permalink

    Nem todas as igrejas cobram dizimo hehe.

    Resposta
  • 6 de maio de 2009 em 16:14
    Permalink

    Genial, melhor do que o do fudeu! haha

    Resposta
  • 6 de maio de 2009 em 18:24
    Permalink

    Poxa cara seu blog e tao legal pra postar isso
    Esse monte de coisas de religiao(seja ela qual for)
    Voce vai perder leitores assim
    Ah muito tempo queria dizer isso
    Me desculpe se o ofendi

    Resposta
  • 6 de maio de 2009 em 20:20
    Permalink

    Todo esperto, as vezes é babaca, vive da audiência do Blog e fala mal de religião, é lógico que vai gerar um tipo de discussão que vai ofender alguém….. como disse vovo, religião e futebol não se discuti… politica pode xingar…hehehe…. e quem me apresentou o blog é um evangelico que trabalha comigo… e ele falou deletou o RSS do site, pois acha que o blogista não gosta de crente… hehehe;;; eu gosto das crentes… hehehee……

    Resposta
  • 6 de maio de 2009 em 23:40
    Permalink

    Pois é…. fazer o que, o Blog até tem coisas interessantes, mas quando não se sabe respeitar a liberdade alheia como parte da constituição…. não vai longe e não me refiro ao blog…

    Excluindo dos favoritos

    Resposta
    • 7 de maio de 2009 em 0:12
      Permalink

      A questão Athur é que não é por causa de uns bananas, que abrem igrejas só pra ganhar dinheiro e enganar o povão, todos tenhar que pagar a tiração de sarrro e a falta de respeito. temos um trabalho sério em minha cidade, e temtamos manter ao maximo a transparência e a ordem.

      Resposta
  • 6 de maio de 2009 em 23:43
    Permalink

    O pessoal não devia levar isso a sério, parece que não sabem reconheçer uma brincadeira (neste caso, talvez seja a realidade, ahhahahha)
    Eu sou ateu, mas já frequentei igrejas, e isso aí do post infelizmente é verdade.
    AUHUAHUHA

    Resposta
  • 7 de maio de 2009 em 0:11
    Permalink

    Gente, gente … ele não tá discutindo principios religiosos , mas apenas se refirindo a instituições malditas que se dizem de Deus e na verdade soh querem faturar.

    É claro, se não for so uma brincadeira …

    Resposta
  • 7 de maio de 2009 em 1:16
    Permalink

    Não tem o que negar.
    99,9% das ”igrejas” evangelicas são fruto da ganancia de alguns que dizem ser iluminados pra enganar meia duzia de bebados, pobres e pessoas sem cultura que passam a adorar não seu deus e sim a figura do pastor.

    Resposta
  • 7 de maio de 2009 em 8:53
    Permalink

    Olá, esse site é muito legal mesmo, na minha opnião existem IGREJAS e igrejas, que na verdade nós somos a igreja e o templo é o local onde a igreja se reúnem, enfim, sou evangélico e é bem verdade que existem falcatruas mas não são todos, no templo onde faço parte não existe essas falcatruas, pq na verdadade essa sujeira parte do carácter da pessoa, tb existem PROFISSIONAIS e profissionais (honestos e safados), infelizmente algumas pessoas não são honestas, eu entendo o Philipe que de certa forma fica indignado ou faz brincadeiras com um fundo de verdade ele não é o único, eu não me ofendo pois eu não faço parte deste contexto de safados, cada um conhece a si mesmo, eu não estou defendendo e nem condenando ninguém, não sou ninguém para julgar, a única verdade que eu sei é que JESUS se sacrificou na cruz por todos, e no terceiro dia ressuscitou e até hoje vive e viverá eternamente!!!! a palavra está sendo pregada, agora parte de cada um querer ouvir a palavra que vem de Deus e se quizer confirmar orando a Deus e conferindo na bíblia, ou não querer ouvir nada!!! vlw, não sou melhor que ninguém , um abraço a todos!!!

    Resposta
  • 7 de maio de 2009 em 9:14
    Permalink

    A maior merda é ficar criticando reigiliao… coisa de brasileiro mesmo…. os EUA é o que é pois foi colonizada por Cristãos não catolicos, nao tinha riqueza que nem o Brasil , mas ficou mais rico….. a Inglaterra e a revolução industrial se deve aos cristãos nao catolicos… então se é para criticar vamos rever os fatos… É UMA DISCUSSAO BESTA… QUEM NÃO RESPEITA OS OUTROS GOSTA DE CRITICAR… SE FOR PARTITIR DESTA PRIMICIA TODA RELIGIAO SÓ QUER DINHEIRO…. Lá no centro de macumba perto de casa o cara cobra para fazer um “trabalho”….. na igreja catolica que minha mãe vai eles PEDEM O DIZIMO…. na no Alan Kardec e Chico Xavier, eles vendem livros e ganham muito com isto…. FUIIIIIIII…….

    Resposta
    • 7 de maio de 2009 em 19:14
      Permalink

      Não misture economia com religião, por favor, sem viagens na maionese…e fique sabendo que Chico Xavier nunca ganhou um centavo pelos livros que vendeu!

      Resposta
      • 7 de maio de 2009 em 22:57
        Permalink

        Chico Xavier por acaso fundou alguma igreja para explorar otários? Espiritismo nem sequer é religião.

        Resposta
  • 7 de maio de 2009 em 10:19
    Permalink

    Pelo visto muita gente não entendeu…

    Resposta
  • 7 de maio de 2009 em 11:07
    Permalink

    Aos nossos amigos que frequentam a igreja, acho que não tem motivo de vocês jogarem pedra. Esse fluxograma é um exemplo verdadeiro do que ocorre com a igreja, mais não quer dizer que é a igreja que você frequenta.
    Outro detalhe, o Philipe nem citou de qual religião representa esse fluxograma, sabe pq? Porque ele não está falando de nenhuma religião. Ouvi pessoalmente reclamações de evanjelicos que se ofenderam com esse tópico, mais onde ele citou que era uma igreja evangélica? Até onde eu sei, na própria biblía fala que existirão falsos profetas que usarão o nome de Deus para enganar (se eu estiver errado me avisem).

    O problema é que as pessoas tenque entender que esse fluograma não fala de todas as igrejas, fala de corrupção dentro de igrejas, e isso tem em todo o lugar. Pode ser com Médicos, Engenheiros, Juizes, Biomédicos, Policias, Politicos (esse ultimo daria um fluxograma bem interessante).
    Corrupção existe em todos os lugares, de todas as formas de todos os credos. Quem não entendeu esse fluxograma eu sinto muito. em compensação eu tenho amigos que frequentam igrejas, são muito devotos as suas religiões e mesmo assim quando viram esse tópico deram risada porque disse que é verdade. Ele não estava se referindo a igreja dele, mais sim a “falsas igrejas”

    Resposta
  • 7 de maio de 2009 em 11:16
    Permalink

    Esse fluxograma é do Edir Macedo? só pode ser plágio rs

    Adoro seu blog 🙂

    Resposta
  • 7 de maio de 2009 em 11:17
    Permalink

    será que todo mundo leu o título deste post com atenção???
    pq parece q foram direto pra imagem postada e não leram o titulo!
    não estou aqui pra defender ninguem ou criticar ninguem, mas infelizmente existem igrejas(e não são poucas!) que praticam esse tipo de “fé”!
    fazer o q né… esse povo q se aproveita da fraqueza de pessoas q as vezes estão realmente precisando de uma ajuda, e ao invés de ajudar essas pessoas aproveitam a fraqueza delas para extorquir!
    lembrando bem, como diz no titulo deste post, eu me refiro as igrejas CAÇA NÍQUEIS, e não a todas as igrejas como muitos interpretaram por aki!
    abraço a todos!

    Resposta
  • 7 de maio de 2009 em 17:21
    Permalink

    Galera eu n estava especificamente falando apenas deste post e sim de mais algum espalhados pelo blog,me senti mal de verdade lendo alguns deles
    N tirando a razao de vcs de falarem que algums igrejas que abusam das pessoas usando o nome de Deus pra ganhar dinheiro
    Eu amo o mundo Gump,mas so crista e n gosto disso
    Sou leitora assidua do blog mas ultimanente ta dificil
    Mas uma vez desculpe se ofendi alguem

    Resposta
    • 7 de maio de 2009 em 23:03
      Permalink

      Eu tb sou cristão, mas eu não sou otário. Eu meto mesmo o pau sem dó nem piedade em quem explora a ignorância alheia. Agora, vamos pensar, em quase 2000 posts tem uns 3 ou 4 sobre religião. Não dá pra ler outros não?

      Resposta
  • 7 de maio de 2009 em 18:58
    Permalink

    O cego de verdade é aquele que não quer ver.
    Toda igreja (toda, sem exceção, dê o nome que quiser: católica romana, ortodoxa, ou qualquer dessas neo-pentecostais) pede dinheiro (chamem pelo nome que quiser: sacrifício, dízimo, partilha, doação) e todas, sem exceção usam esse dinheiro sem qualquer transparência. Do total arrecadado (o valor sempre permanece incógnito, pois como toda igreja aqui não recolhe imposto, nem declara balanço, não há como confirmar nada, pois não existe auditoria independente), quanto é reinvestido em qualquer melhoria da comunidade? Se igrejas não tem fim lucrativo, pago o custo de manutenção (e se mantendo uma reserva emergencial para o caso da arrecadação ser menor que os custos fixos operacionais – o que eu nunca vi acontecer, diga-se de passagem), para onde vai a grana? Para bancar o luxo de Papas e Bispos e Pastores, com seus aviões e iates e casas luxuosas em lugares paradisíacos? Lautos jantares com políticos e personalidades mundiais?
    Quanto a igreja católica romana arrecada no mundo???
    Quanto a igreja universal arrecada???
    Quanto o islã arrecada no mundo???
    Quanto disso reverte à comunidade em ações efetivas básicas, como financiamento de casas e obras de infra-estrutura???
    Tenho certeza que é uma parte bem menor que aquela que vai para os bolsos de clérigos de alto escalão, seja de qual igreja, ordem ou seita religiosa for.
    Disse Cristo que onde estiverem duas ou mais pessoas reunidas em Seu nome, Ele estará entre elas.
    Agora, quem mostrar em qual livro no Novo Testamento, capítulo e versículo, está escrito que eu deva me filiar a essa ou aquela igreja, que o dinheiro doado a igreja deva ser usado sem transparência e/ou usado para garantir luxo e conforto de seu alto clero (alías, eu gostaria de solicitar que me dissessem também onde está escrito de maneira clara e determinada que a igreja deva ter qualquer hierarquia de comando), eu começo a pagar o dízimo!!! rsrsrsr

    Resposta
  • 7 de maio de 2009 em 19:09
    Permalink

    Concordo que há igrejas que funcionam dessa forma, é até legal divulgar isso pra galera ficar esperta, mas acho que o que não é legal é só falar do lado ruim das religiões!!! Tudo bem que não foi feita referência a nenhuma religião, mesmo assim o post anterior criticando o líder da IURD fez com que os leitores membros da IURD vissem este post como uma continuação da crítica! Não sou evangélico, mas acho que o blog poderia adotar uma postura imparcial com relação as religiões, apresentando os aspectos positivos e negativos…
    Com relação a ideia de levar na brincadeira: “Fala o que quer, ouve o que não quer”

    Resposta
    • 7 de maio de 2009 em 22:59
      Permalink

      Imparcial o caramba. Se os membros da Iurd se doerem é porque a carapuça serviu.
      E se serviu é porque tá na hora de repensar se vale a pena continuar lá. (ou aqui, afinal a porta da rua é serventia da casa)

      Resposta
      • 8 de maio de 2009 em 19:38
        Permalink

        É isso aí, Philipe.
        Tem que meter o pau nesse bando de safado que usa e abusa de gente susceptível a esse charlatanismo.
        Porra, será que ninguém vê que o Edir Macedo lava dinheiro coletado nas igrejas dele (e vai saber de onde mais!) ao comprar os horários de madrugada na Record num preço mais alto que o do intervalo do Jornal Nacional? Aliás, ele é dono da Record, não é? Então, a igreja dele paga para a rede de televisão dele? Ou seja, a grana sai dele para…..ele mesmo!
        kkkkkkk
        Quando pessoas muito simples, sem estudo nenhum, caem nesse caô, fico revoltado. É puro abuso da ignorância alheia. Mas quando pessoas que fizeram faculdade, ocupam posições importantes em empresas e/ou instituições entram nessa, ou são extremamente otárias ou estão nessa para levar uma grana também.
        Abraço

        Resposta
  • 8 de maio de 2009 em 0:42
    Permalink

    Quem se doeu é porque a carapuça serviu.Tão com medo de perder os clientes ;D

    Resposta
  • 8 de maio de 2009 em 2:15
    Permalink

    O humano possui um cerebro grande dotado de razao e imaginaçao devido sua consciencia abstrata. A religiao direciona essa consciencia abstrata quando as pessoas nao foram devidamente educadas para raciocinar. A maioria dessas igrejas usam e abusam de um livro chamado Administração de Marketing de Philip Kotler. Criaram o Deus executivo para saciar a ganancia humana, sem falar dos demais de Progamação Neurolinguistica que usam para profetizar o cotidiano.

    Resposta
    • 8 de maio de 2009 em 10:24
      Permalink

      Na faculdade onde a Nivea dá aula, tá cheio de pastor estudando Psicologia. Eles nem se acanham em dizer que é para “aperfeiçoar a prática profissional”

      Resposta
      • 8 de maio de 2009 em 14:00
        Permalink

        É Philipe, as igrejas se tornaram verdadeiras lojas de conforto espiritual. tipo entre, participe da dinamica de grupo, anestesie-se e pague no final. O enriquecimento desse pessoal no Brasil é velado, mais la fora é descarado. Esses dias vi na tv um pastor portugues que pregava direto do jatinho eheheeh. Ha um tempo fiquei sabendo que a igreja catolica é socia majoritaria da GM.desde que o homem é homem, o ser humano deturpa as coisas para lhe prover beneficios.

        Resposta
  • 8 de maio de 2009 em 10:19
    Permalink

    Enquanto as pessoas quizerem COMPRAR DEUS, para que ele realize curas, arrume emprego, conserte todos os problemas, haverá quem queira ser o caixa de “deus”.
    Para não cair nas ciladas devemos nos perguntar sinceramente: O que Deus quer de mim? E não -” o que Deus pode dar pra mim…
    Até porque o Filho Dele disse: “De GRAÇA recebeste de graça DARÁS”.
    Mas essa passagem não interessa muito…

    Resposta
  • 8 de maio de 2009 em 13:26
    Permalink

    É a velha história de apontar alguma coisa e o sujeito olhar pro dedo…

    Resposta
  • 8 de maio de 2009 em 14:23
    Permalink

    Boa Vamos ler outrOs entao
    Mas longe daquele Deus o eminente assassino
    Esse eu me arrepiei
    Pra um Cristao..

    Resposta
  • 8 de maio de 2009 em 16:48
    Permalink

    Muito bom o fluxograma.
    É triste, mas é bem verdadeiro.
    Tudo de ruim é o “demo” e o que acontece de bom é uma passe de mágica das igrejas.
    Alguns parentes meus acreditam nisso, que pena!!!!!!

    Resposta
  • 9 de maio de 2009 em 22:38
    Permalink

    entao,
    o blog nao tem que ser imparcial.
    o que tenho notado no mundo é que cada vez mais pessoas sao frescas pra caralho, se falar disso ofende um se falar daquilo ofende outro.
    eu pelo menos, venho aqui porque gosto das ideias e opinioes do sujeito que escreve.
    se ele vai abalizar os posts pelos leitores que tem, ai perde a graça.
    aí nao se pode criticar nada, o que o cara colocou ta certo ja vi essa realidade.
    aqui tem uma rádio, meus colegas de trabalho sao evangelicos e acabo acompanhando a programaçao.
    eles pedem dinheiro TODO dia, TODA hora, em cada um dos programas.
    e dizem: faz prova de Deus, da o dinheiro e veja se as coisas nao melhoram. e nao é qualquer quantia nao… é CEM REAIS
    se nao melhorar? pode pedir o dinheiro de volta?
    de um tempo pra ca isso tem virado praga, essa coisa de crente.
    falo praga porque, é todo mundo no culto, todo mundo irmao, deus isso, deus aquilo…
    mas e a prática?
    uma roubava comida la no restaurante. CRENTE
    outro trabalhou 6 meses de salario minimo, foi posto pra fora e botou o patrao na justiça pedindo 14 mil reais. CRENTE
    outra sai com um monte de cara casado. CRENTE
    o que se ve hoje em dia é so clubinho,entao ser crente é estar no clubinho.
    nao sei como estao as outras cidades, aqui em Recife ta foda
    enche o saco e se voce nao é o povo insiste pra voce conhecer, ir na igreja e se voce nao vai é excluido, tido como infiel.

    Ah Philipe, amei o post de deus o assassino.
    UmPonto

    Resposta
    • 12 de maio de 2009 em 9:20
      Permalink

      Não podemos generalizar. A palavra “crente” é muito abrangente e coloca num mesmo saco pessoas honestas e profundamente religiosas e pessoas que seguem verdadeiros estelionatários da fé.

      Resposta
  • 11 de maio de 2009 em 12:34
    Permalink

    Acho que a carapuça serviu pros crentinhos idiotas, né?!? BANDO DE OTARIO!

    Resposta
    • 11 de maio de 2009 em 18:23
      Permalink

      Por favor, vamos pegar leve. A generalização de “crente” é sacanagem pois tem mais religiões de crentes honestas do que picaretagens. O post não se refere a uma determinada igreja e sim ao uso deplorável que uma meia dúzia de estelionatários fazem da religião visando enriquecer.

      Resposta
      • 12 de maio de 2009 em 22:04
        Permalink

        Tá certo, foi mal…

        sei que tem gente legal e que segue com sinceridade, de coração mesmo.

        eu mesmo ja vi algumas coisas bem fortes em matéria de fé e ja vi altas enrolaçoes tambem.

        mas é que tô mesmo abusado com esse assunto.

        se peguei pesado foi mal mas nao retiro o que disse.

        dizia meu avô:
        “crente é quem crê que deus existe… até o diabo é crente´´
        UmPonto

        Resposta
  • 15 de março de 2011 em 10:45
    Permalink

    Cristo nunca pediu dinheiro.Como comiam e vestiam no seu tempo?Doações das pessoas que seguiam-no.Depois de sua morte os discipulos já começaram pedindo dinheiro(Atos dos apostolos mostra isso).Cristo multiplicava pão para comer e os pastores dizem que fazem milagres mas não multiplica os pães.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.