Conheça o estupendo gafanhoto gigante da Malásia

Sharing is caring!

Gente, olha só o tamanho deste monstro!

 

 

 

Trata-se do Gafanhoto gigante da Malásia. Um bicho tão impressionante que deve dar até para fazer filme de terror com ele. O gafanhoto gigante (Macrolyristes corporalis) é um dos maiores insetos conhecidos e pertence a família Tettigoniidae. Ele corre risco de extinção porque as florestas que habita estão sendo destruídas pela ação do Homem.

Incrível, né? Aqui tem o video:

Fonte

Comments

comments

Luminária Ufo

19 comentários em “Conheça o estupendo gafanhoto gigante da Malásia”

    • Nada contra se evitar extinções de espécies, mas elas são benéficas, pois abrem espaço para outras espécies. Imagina se nenhuma espécie desaparecesse, o que seriam de outras?
      Nosso caso é um ótimo exemplo: se os dinossauros não fossem extintos, nós dificlmente estaríamos aqui, pois os mamíferos não eram páreo para eles. E os dinos, por sua vez, se aproveitaram de outra extinção, para surgirem e dominarem seu território.. Nesse caso, “bendita extinção”.

      Responder
      • Acho que o problema aí, John Doe, é que o animal não está desaparecendo por um processo natural, como aconteceu com os dinossauros, mas por ação do homem. Os dinossauros tiveram que sumir para os mamíferos e o homem aparecerem, mas o desaparecimento deles foi natural. A extinção desse grilo e outras espécies não será, e isso pode causar um desequilíbrio desastroso mais que ser favorável pro surgimento de outras espécies.

        Responder
        • Sinceramente, é nessa parte que eu não entendo. Se o homem é natural, veio da natureza, porque quando o home realiza ações que extinguem um animal, isso não é considerado natural?
          Óbvio que só por causa disto não vamos sair exterminando todos os animais da terra, mas quando um animal é extinto por consequência do que o homem construiu, eu considero um processo natural, é um animal exterminando o outro.

          Responder
  1. Poorra!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Se eu ver um bicho desse na minha casa fazendo aquele barulho, eu boto fogo na casa e depois mudo de país na mesma hora sem pensar duas vezes haha

    Responder
  2. A extinção de uma espécie não acarreta diretamente no surgimento de outra mas sim no desequilíbrio do ecossistema. O bichão aí, provavelmente ao ser extinto, levará seu predador natural a buscar outra fonte de comida ou a morrer também, e assim por diante. Nichos podem até ser ocupados por outros animais e plantas mas antes de ser ocupado rola um bocado de estresse no ambiente. Basta olhar a quantidade de pombos, ratos e baratas que devem andar pela sua cidade.

    Responder

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Apoie este projeto

Criar este website não é uma tarefa fácil. Mais de 5000 artigos, mais de 100.000 comentários e conteúdo próprio, demandam muito trabalho. Saiba como você pode ajudar a manter o Mundo Gump cada vez melhor e evitar que ESTE SITE ACABE
Ajuda aí?
MUNDO GUMP – © 2006 – 2020 – Todos os direitos reservados.