Canibalismo: Curso de sobrevivência na China? Não!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
Categorias
Night mode

A Nivea me mandou horrorizada, uma série de fotos num email gigantesco.

Nas imagens temos o que seria um curso de sobrevivência na China, mostrando cerca de dez ou doze pessoas no que parece ser um cemitério abandonado, cortando em pedaços e COMENDO um cadáver. As fotos são pra quem tem estômago forte.
Quer ver? Estão no fim do post.
A Nivea não aguentou ver até o final. Eu que já vi até cabeça de bacalhau, que consigo ver 2 girls and 1 cup tomando sorvete de chocolate, não me impressiono tão facilmente. Dei uma boa olhada e de fato, os caras estão mesmo cortando defunto em bifes.
Saca só o tamanho da alcatra:
Se bem que tá mais pra um coxão mole que pra uma alcatra, hehehe.

E de fato, nas fotos os caras estão ali, cortando, cozinhando e até comendo.

Daí que qualquer sacana mal intencionado pega isso e cria um problema diplomático. As pessoas pensam que Chineses comem gente. Então, vamos  por partes (piadinha infame, eu sei):

Primeiro: Esse morto aí é de verdade.

Segundo:Ele está sendo dissecado descarnificado. Verdade também.

Terceiro: Num cemitério mesmo.

Quarto: Não há montagem aqui. São fotos reais.

Mas…

Há algum Chinês aí? Não. Os caras que foram apontados como chineses são tailandeses. E são da Sawang Boriboon Foundation, que é um grupo formado por voluntários tailandeses para o atendimento de situações de emergência como acidentes, incêndios e enchentes. A fundação também participa de trabalhos de limpeza de cemitérios e preparação de cadáveres para rituais budistas. Sacou o negrito? Pois é exatamente isso que as fotos mostram. Os voluntários ajudando a limpar um cemitério, preparando o corpo do indigente para uma cremação digna.
Se há algo de bizarro que podemos criticar aqui é como alguém corta um defunto que já deve estar apodrecendo a poucos centímetros do prato de comida. Mas ainda assim, não estamos diante de um dos maiores tabus da humanidade. Os caras não são canibais.

É intrigante pra mim como que as pessoas pegam essas fotos e espalham entre elas, alegando que se trata de canibalismo.

Como que alguém pode imaginar que isso é um curso de sobrevivência, minha gente? Todo mundo de branco? Sobrevivência em cemitério? O site Hoax buster foi claro em desmentir os fatos que vem sendo espalhados no email.

Essas fotos foram feitas na cidade de Pattaya, Tailândia durante uma cerimonia budista de exumação dos corpos de indigentes, de pessoas de identidade desconhecida ou sem parentes próximos.

Os caras estão mesmo comendo nas fotos, mas não é o morto. A sugestão de que isso está acontecendo está no texto, não nas fotos. Foi um ato maldoso alegar que eles estão comendo o pobre do defunto, e isso reflete em parte o preconceito dos ocidentais contra os orientais. Tudo bem que os Chineses comem cachorro, comem animais vivos, silvestres ou não. Eles já foram acusados injustamente até de comer fetos humanos. Isso é tudo mentira. É uma generalização sacana que as pessoas incorrem por ignorância. Pensar que as pessoas comem bebês ou defuntos porque são chineses é a mesma coisa que pensar que toda brasileira é piranha.
A galera recebe, fica chocada e repassa pra todo mundo que conhece. E a ignorância vai se espalhando. O nome disso é hoax.
Não é por aí. Eu acho que antes de repassar fotos bizarras e grotescas, convém dar uma pesquisada antes para se certificar de que o fato é real.

As pessoas ficam tocadas em imaginar pessoas comendo cadáveres de semelhantes. Mas isso acontece mesmo. Não só em situações de emergência, como naquele filme -baseado no caso real – “Vivos”, ou em situações de desespero. O ser humano é em última instância um animal, é parte da natureza e o canibalismo é um mero mecanismo de sobrevivência.

O que pode ser repugnante para alguns, para outros é normal. É parte da vida. Por exemplo, existem pessoas que comem cadáveres mesmo, na Índia. Eles são tão pobres que se alimentam dos restos de carne que sobram das pessoas que são cremadas na beira do Ganges. Ocorre que famílias muito pobres não tem rúpias para comprar madeira de boa qualidade. Como resultado, o cadáver não queima completamente e esses miseráveis, que estão na sola do sistema de castas, sobrevivem da antropofagia. Em outras situações, são os Agori Saddhus que realizam o macabro ritual de ingerir restos humanos por razões religiosas.

Pessoalmente não consigo ver em que comer um ser humano possa ser tão repugnante. É carne. O ser humano se acha no direito de comer a carna dos animais, por que comer a carne de outro ser humano seria algo tão horrendo? Eu sei que o lance do tabu tem um peso forte, há também as questões ocidentais-religiosas e etc. Mas eu pessoalmente não vejo uma diferença tão grande entre comer carne de gente e comer um bife de contra-filé de boi. (o que significa que antes de atravessar a Cordilheira dos Andes num avião junto comigo, você deve pensar duas vezes, hehehe)

Aqui termina o post. Abaixo estão o resto das fotos. Só veja se tiver estômago.

Comments

comments

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

77 respostas

  1. Está lá em Isaías C.66 V.3 : “O que imola um boi é como o que mata um homem”.

    Também não vejo diferença de quem come bicho pra quem come gente. As pessoas fazem o que fazem com os animais porque eles são “inferiores”… Esse era o mesmo argumento dos nazistas para com os judeus.

    Agora, comentando as fotos… Perdem-se os amigos mas não a piada! Saca a mulher fazendo \^^/ com a mão do cara… Heavy Metal! 🙂

    1. Tu é vegetariano né rapah?
      aehuaehueiahea
      fique sabendo que as plantas também são seres vivos e esses não tem como revidar se forem atacados, no maximo soltar umas gosminhas que você pode evitar…
      Porque você não prende os leões? Eles comem os veadinhos ainda respirando, e porque você não aponta os jacarés como nazistas? Ou as larvas de uma espécie de mosca que só come carne “viva”?
      Qualé, não seje assim, você pode fazer o Brasil inteiro virar vegetariano porém, a matança nunca vai parar, agora, para de usar a palavra nazista a toa que você já ta trocando as bolas.
      (Jesus ajudou Pedro no genocídio das Sardinhas e você não citou).
      Não seje hipocrita, o que comemos é vida, as coisas que não tem vida só serve pra tempero.

      1. Phillipe, você falou essa parada aqui:

        “Pessoalmente não consigo ver em que comer um ser humano possa ser tão repugnante. É carne. O ser humano se acha no direito de comer a carna dos animais, por que comer a carne de outro ser humano seria algo tão horrendo? Eu sei que o lance do tabu tem um peso forte, há também as questões ocidentais-religiosas e etc. Mas eu pessoalmente não vejo uma diferença tão grande entre comer carne de gente e comer um bife de contra-filé de boi.”

        Aí eu te pergunto: vamos dizer que exista um país onde isso seja permitido e você viajasse para lá. VOCÊ TERIA CORAGEM DE COMER UM CHURRASCO DE GENTE?!

        Eu não. =P

        Abraço.

        1. Cara… Eu acho que eu tinha sim. Mas sei lá. Ia depender muito da aparência e do cheiro da parada. Não sei onde que eu li que carne de gente tem gosto ruim. (acho que foi num depoimento dos sobreviventes lá do vôo que agarrou nos andes, ou num dos vários materiais sobre naufrágio que eu já li)

      2. Caro Mubumba,
        Não sou vegetariano, mas estou me esforçando pra isso!

        No entanto gostaria de convidar você, amigo carnívoro, a assistir 2 documentários:
        A CARNE É FRACA: http://www.youtube.com/watch?v=IKIBmppiIvM
        TERRÁQUEOS (Earthlings): http://www.youtube.com/watch?v=tZ8oxD9WLNo

        Se após assistir INTEGRALMENTE esses dois documentários, você ainda conseguir encarar uma churrascaria, Parabéns! Você é um carnívoro de verdade! 🙂
        Do contrário passa lá no HortiFruti e vai de Repolheition-tion! 🙂

        1. pq vc chamou o outro de carnivoro?
          humanos são onívoros de natureza, nossa especie come carne e vegetais a milhoes e milhoes de anos e isso foi um fator de adaptação, você ser um vegetariano por questão de saude eu concordo, assim como quem come carne também é saudável, agora entrar nessa moda so pra dizer que é “cool” e “alternativo” é um tanto infantil nao acha? Existe algo chamado cadeia alimentar amiguinho, e não foi o homem que inventou são regras da natureza.

          nao tem nada de natural em ser vegetariano, voce está abraçando uma ideologia criada pelo homem, se quer estar de bem com a natureza ande nú, saia da cidade e va morar no mato catando seu próprio alimento.

          1. Larissa, eu não disse em NENHUMA parte do meu comentário que opto pela dieta vegetariana por MODISMO ou por ser COOL/ALTERNATIVO… Acho interessante como o povo adora colocar palavra na boca dos outros para poder dizer que estamos “errados”…
            Em todo caso, já que você mencionou o NATURAL, segue um vídeo mais lúdico, não tão “complicado” quanto os outros dois anteriores. De repente esse você entende, e quando estiver “preparada” você volta lá e assiste os outros dois.
            http://www.youtube.com/watch?v=rNrZKDpE3LE

      3. Mubumba:
        Mesmo sendo seres vivos, plantas NÃO TEM sistema nervoso central, por isto não sentem dor ao ser retirada da terra. Daí vem a expressão popular ”ESTADO VEGETAL” quando a pessoa não sente nada e nem PENSA.

      4. sempre tem alguém que vem com justificativas idiotas do tipo: “vc é vegetariano né? plantas tambem morrem e blábláblá” aí seu otário, planta nao tem sistema nervoso, por isso não sente dor. Nao tem cérebro, por isso nao sente medo, nem tem consciencia do mundo ou da vida. quer comparar quem mata animais com quem come plantas? seus argumentos são imbecis igual vc. a carne da sua mãe tem proteínas também. pq vc não come ela, ou me dá um pedaço pra eu comer? se vc come um boi, pq não come gente? nao come seu braço, o meu braço, o braço do seu pai, da sua mae? é tudo carne

    2. posso te dar varias razoes para Nao ser vegetariano, dentre elas a facilidade de infecção, a possibilidade de anemias, a falta de mioglobina.

      é so reduzir a ingesta de carne.

      Mas vc ja reparou, que quanto maior a ingesta de vegetais, maior o gasto com adubo e organofosforados ? e sabe o resultado disso ? aumento do consumo de petroleo e poluição ambiental.

      vc mata o mundo envenenado.

      Ps- eu disseco bem melhor que eles.

      1. caramba, esses argumentos são a prova de que cada ponto de vista é só a vista de um ponto…e que qualquer idéia pode ser defendida com alguma hermenêutica. é o fim.

  2. Bem trash o lance do hoak.

    Mas sobre comer gente, é no minimo natural que canibalismo seja tabu. Outros animais também só comem os da mesma espécie em ocasiões bem especificas (normalmente casos extremos de fome, ou instinto de algumas fêmeas para prezar a limpeza do ninhos, tipo as gatas) Só que os humanos são os únicos providos de uma consciência inútil pra pensar nessas coisas. >D

    Mas na teoria, comer carne humana e de animal não deve ser muito diferente mesmo não. 8D

  3. A única coisa que me incomodou é que a galera tá na maioria trampando sem luvas… se bem que o sangue foi todo retirado, mas mesmo assim, uma luvinha cai bem. E outra, o próprio cristianismo tem menções ao canibalismo, afinal, não tem aquele negócio de “beba o vinho que é meu sangue” e a hóstia (ou pão) que representa o corpo de cristo? Lembremos que em tribos primitivas, comer o corpo do guerreiro abatido era comum para “receber” a energia e a força dele. É a mesma alusão do cristianismo, devemos “comer” Cristo para recebê-lo.

    1. Mas aí eu acho que é no plano simbólico. Mas mesmo no simbólico, é sim uma referência aos rituais antropofágicos ancestrais de comer o outro para adquirir seu poder. Bem lembrado.

  4. Muito, muito errado. Galera sem luvas, sem máscara de proteção, sem jaleco, num ambiente completamente inadequado, desrespeitando o morto…

    e quando eu digo “desrespeitando” não falo de “sacralidade da vida humana”. Sou ateu praticante. Mas todo mundo merece respeito, ninguém deveria ser dissecado e exposto desta forma. E pelo pouco que eu sei sobre o Budismo, os budistas entendem esse princípio muito bem. Tá na cara que com a maioria destas pessoas esse ritual de cremação não está cumprindo sua meta, não está sendo refletido sobre ele. x_x

    1. eu concordo com vc com o que disse no começo
      vai que da uma infecção no cadaver!!!!!!
      ele pode até morrer!!!!!!
      é perigoso
      os caras mexendo no corpo se luva
      sem mascara
      meus deus
      isso é lamentavel
      ele podem magoar os cadaveres

    2. Eu acho que no início até pode ser uma parada assim, solene, mas imagina lá pelo décimo sexto cadáver, num lugar ermo, pobre, sem a mínima condição de trabalho. É difícil manter a galera empenhada. Não estou justificando os atos deles, está errado, eu concordo com você. Mas acho que isso tá mais pra faxina do que pra autópsia.

  5. O pratinho ali perto é ruim, trampar sem luvas é pior mas o que eu acho o mais incômodo de tudo isso é a descontração do pessoal… Tem até uma voluntária fazendo sinalzinho do demo com uma mãozinha (decepada) do morto ali. Qualé, eu tinha lido nas primeiras linhas algo como dignidade não? Pois é, mas eles estão tão a vontade ali que é inegável afirmar que essas fotos só podiam resultar em um hoax preconceituoso mesmo.

    1. É verdade, neguinho se excedeu. Mas não podemos confundir a instituição com as pessoas. A instituição prega a dignidade, mas na hora da galera reunida, é muito difícil conter certas atitudes.
      O trabalho sem luvas no cadáver me impressionou muito. Imagina se este cara morreu de algo contagioso, algo sério. A chance do corpo contaminar uma pessoa sadia é enorme.

  6. Sendo dissecação ou não, essas pessoas não estão tendo o mínimo de respeito com o cadáver. No Brasil, isso é vilipêndio! Tudo bem que não conheço um caso de condenação por isso, mas enfim… Olha a mocinha sacaneando o morto! :X

  7. Pode observar que sao monges budistas mesmo, em algumas fotos aparece o tiozao com aquele “rosario” no pescoço que os budistas sempre carregao.
    Mais tbm me preocupa eles estarem sem luvas ou mascaras de proteçao.
    E Philipe na verdade o cadaver nao esta em inicio de decomposiçao como vc cita no post, pode-se ver que ele deve ter morrido a poucos dias.

    1. Verdade, pela cor não parece estar muito velho, mas eu estou certo ao firmar que ele está no início do processo de decomposição, pois o mesmo se inicia poucos minutos após a morte. O copo já deve ter cheiro de podre, o corpo humano degrada muito rapidamente, ainda mais ali, no sol, né?

  8. Tem gente comendo coisa muito pior que os Aghori da índia e não sabe, hehehehehehe. Mas ainda sim é um tabu, pior foi achando que veria algo do nível “Faces da Morte”, aluguei um filme escrotícimo chamado “Nova Guiné, a ilha dos canibais”, e abaixo vinha escrito “Cenas reais de Canibalismo”, fui ver empolgadão… e… nada, tinha um cara que foi pego comendo um braço, e uma velha que comia as larvas de um cadáver! Pior, na nova Guiné tem muita falta de mulher, então o homossexualismo é incentivado, imagina o canibalismo que tinha no fim do filme.
    Cara, na boa, até hoje meus amigos me zoam porque eu aluguei essa porcaria!

  9. então…..eu faço biologia..
    jah tive anatomia humana na facul e tal….esses corpos ai nao tao com cara de velhos nao…pelo contrario…
    tao bem novinhos….^^
    shsauasha…..jah taxidermizei um lobo guara tbm….olha que eh bem parecido com isso….tiramos a pele…limpamos o crânio(cérebro, olhos e tudo mais)….

    sobre comer carne de gente….se eu tivesse morrendo de fome…tipo…questão de sobrevivência ….comeria carne humana numa boa…

    na real acho que qualquer um comeria….

  10. Hello!

    Ainda não acredito nessa história de preparação para ritual budista…não conheço a religião, mas isto está parecendo uma prática de aula de anatomia e com gente descuidada, sem respeito e sem cuidados (luvas) sei lá…

    Falando agora em comer carne humana,já que o hoax era sobre isso…No caso do acidente nos Andes, a carne humana salvou aqueles rapazes. Mas o que ninguém falou ainda é sobre a vaca louca. Lembram disso? A doença degenerativa das vacas ocorria por causa da ingestão constante de carne de vaca ou boi, enfim, misturadas na ração. Pesquisadors constataram a mesma doença em uma tribo indígena que tinha o costume de comer o cadáver daqueles que morriam na tribo, fazia parte de um ritual. Os índio tinham os mesmos sintomas que vacas-loucas, perdiam a cordenção do corpo e etc…horrível.
    Não sou vegetariana, mas a cada dia que passa, vejo que nosso corpo não foi feito para comer muita carne.
    Abraços!

    1. Giovanna, se nosso corpo não fosse feito pra comer carne só teríamos incisivos e molares. O ser humano é uma evolução de um animal onívoro altamente adaptado a comer de cascas a raízes, passando por insetos, plantas e animais.
      Certamente que o tabu de não comer o semelhante deve ter uma origem na questão da contaminação. Se há um cadáver doente e ele é comido, há uma chance maior das doenças se espalharem. Já entre animais, esta chance ainda existe, porém em menor escala, pois certas doenças são restritas a determinados tipos de animais. Há inclusive uma teoria de que a aids poderia ter atingido a humanidade dessa forma, já que ela é nativa dos macacos e neles não causa a morte. Em regiões como Congo e Zaire, na África, os macacos são uma fonte de alimento comum.

  11. Cara, também ouvir dizer que carne humana é ruim e dura. Alias dizem que parece muito com carne de macaco que é apreciado em alguns locais da Africa. Nao sei se eu experimentaria, só na hora eu ia saber. Eu achava nojento os chineses comendo inseto até provar gafanhoto defumado com um primo que ganhou de um amigo chines. Era salgadinho e com o chopp que a gente tomou juntos ficou uma delicia. Depois disso já comi outros animais silvestres como cobra, gambá, gato, etc. Todos feitos em churrasco e, tirando o gato que parece carne de coelho que eu nao gosto, os outros eram gostosos.

  12. Alias…. que porra de preparação de cadáver é essa ?!
    Preparar para que ?
    Qual é o ritual depois dessa preparação ? Alguem sabe ?!
    Será que eles enterram ou cremam um pedaço em cada lugar diferente ao mesmo tempo ?

    É, porque se for para enterrar ou cremar todos os pedaços no mesmo lugar ao mesmo tempo eu vou ficar puto: Um trabalhão do cacete de esquartejar o presunto em vão ?!

    Agora fiquei curioso….

    1. Eu acho que é pra facilitar o processo de cremação. Ao aquecer a carne, sai água do corpo, o que exigiria muito mais energia para dar conta de muitos corpos. dessa forma, eles provavelmente limpam os ossos da carne por isso. Para acelerar o processo.

  13. Era uma vez um grupo de trabalhadores, a esses trabalhadores foi emcubida a tarefa de montar 3 esqueletos de ossos verdadeiros, acharam corpos aptos, foram até o local e começaram o trabalho…
    Num certo ponto, todos com fome resolveram almoçar.

    Teoria da conspiração demais até pra vc phillipe

  14. concordo com vc Philipe, não vejo diferença entre comer um boi e um ser humano, as pessoas ficam horrorizadas em comer um ser humano pq elas se veem da mesma espécie, imaginando como seria se fosse com elas ou um parente e também por aspectos culturais principalmente.E também não axei nada demais as fotos (também pra quem viu o post de comidas nogentas, em especial o cérebro de macaco, ugh!),são apenas cadáveres, assim como muitas pessoas já viram e ainda vem em filmes.

    Abraços

    Lucas B

  15. Eu sei que estou no meu inferno astral (1 mês inteiro antes do aniversário) e o inconsciente tem me avisado de coisas. Ontem sonhei que estava no fundo de um poço gótico cheio de pernas cortadas do joelho para baixo e um cara sem uma parte da perna sentado lá nú, ele parecia não estar nem aí, enquanto caíam montes de cocô em cima de nós(?) e um sujeito fantasiado de Gene Simons do Kiss compartilhava meu assombro pendurado num cabo de alpinista. Hoje de manhã, antes do nascer do sol sonhei com um enorme morcego vermelho pendurado de cabeça para baixo na torre de um castelo, enquanto um cientista louco acompanhado de dois anões fazia experiências com um terceiro anão. Esse anão tinha longos cabelos pretos, era musculado e usava uma tanga de pele. Ele estava deitado em cima das pernas quebradas. Em seguida foi arrastado pelos outros dois para uma canto da torre e devorado vivo. Graças, os raios de sol penetraram minha janela e afastaram aquele pesadelo.

  16. Chocantes não são não… as fotos do Tsunami, do terremoto, da bomba, foram piores, aquele monte de corpo inchado boiando, estilhaçado, rasgado, enfim… Esses aí ainda são uns cortes organizados… 2 Girls 1 Cup foi feio… credo… e o outro do cara arrancando as próprias bolas??? affff!!!! Mas o pior vídeo da internet que eu já vi… aquele que eu passei mal mesmo foi o dos casacos de pele… os caras tirando a pele dos animais vivos… Esse aí eu passei mal.. acho que foi o pior que eu ja vi…

  17. Tabus são úteis. Além de ser um sinal que a gente ainda dá a mínima, refletem certas praticidades biológicas que tão descobrindo só nos últimos cem anos, tipo o por quê você não deve transar com seus parentes (levante a mão quem quer ter um filho que nunca vai aprender a limpar a própria bunda) ou esse lance aí da vaca louca e dos príons tortos que derretem cérebros. Tá, não vou dizer que nunca tive tesão por uma prima ou que no caso de eu sobreviver a uma hecatombe nuclear, que nem naquele filme novo com o Aragorn, eu não acabaria devorando uns pedaços de mortos por aí, mas neste caso o que eu teria a perder? Não que houvesse alguma sociedade pela qual lutar ainda.
    Ah, e se eu não me engano usar a mão de um cara morto pra fazer chifrinhos em uma foto é sinal de espírito de porco em qualquer cultura, e fazer um bandejão do lado de um cadáver sendo destrinchado é de um puta mau gosto, tanto faz que eles estejam comendo outro morto que não seja o referido.

  18. Na boa, eu comeria…
    Mas esse daí parece já meio podrinho x_x …
    Se eu estivesse numa situação extrema, e não tivesse que matar nada, nem ninguém, pra comer, como no caso do acidente nos Andes, eu comeria SIM!!!!!!
    Vê lá se eu sou boba de morrer de fome com tanta proteina dando sopa!!! :B
    Mas eu sinceramente não tenho a mínima coragem de matar NENHUM bicho pra comer, s fosse parar eu e uma galinha numa ilha destra, eu iria dividir minha comida com ela!! 🙂

  19. Cara, que ritual budista é esse em que retalham um cadáver??? Credoooo. Não sou vegetariana, mas também jamais comeria carne de gente, isso é loucura.Adoro comer carne de boi e frango, mas nada de humanos por favor, não vamos virar o mundo de ponta cabeça.

  20. só nao entendi por que precisam tirar toda a carne dos ossos… pra cremar? não se crema gente com osso tb?

    outra coisa, nós humanos seremos muito mais humildes e conscientes quando nos dermos conta que no fim, somos apenas um monte de carne animada, como todos os outros bichos.
    acidentes de trânsito e outros tipos de mortes (em vão) acontecem porque pensamos que podemos tudo. mas não podemos.
    respeito, culpa, tabus, são todas coisas da nossa cabeça…

  21. Isto é uma istupidez, como um ser ainda por cima humano é capaz de comer outro. Onde esta a consciência, o rasciocínio, porra isto é só para pessoas que pensa como animais selvagems

  22. Me disculpem a ignorância mas este ritual não tem sentido nenhum… Será apenas ritual? Brincar com um cadáver humando faz a dignidade de outro humano? repare que eles até brincam com partes do cadáver acham isso digno? Olhem para a moça o gesto que faz, que significado pretendem transmitir a humanidade? Um ritual que desaprovo… será necessário uma trabalheira assim para cremar um corpo? Para mim isto não tem sentido…

  23. TIO TÃO COMENDO SIM O DEFUNTO …E QUE PORRA DE CREMAÇÃO E ENTERRO DIGNO O CASSETE, OS CARAS TÃO FAZENDO ATÉ BRINCADEIRAS COM PARTES DO CORPO, E PELO Q PARECE ESSE DEFUNTO TA FRESQUINHO SE NOTA PELA COR DA CARNE , UM CARA ESTUDADO COMO MOSTRA SEU PERFIL VC TA FALANDO MUITA MERDA…ISSO OCORRE COM FREQUENCIA NA AFRICA E MISSIONÁRIOS TEM DENUNCIADO ESSE FATO JA FAZ 1 TEMPO, ESSES PESSOAL DO ORIENTE É TUDO TARADO, INVADE O TIBET, TOCA FOGO EM MONGE E COME GENTE SIM, EU JOGAVA 30 BOMBAS ATÔMICAS NAQUELE LUGAR DE FDP

  24. Meu caro, a imagem é clara não se trata de um ritual coisa nenhuma, o corpo esta sendo descarnado ou desossado não sei a palavra que melhor se encaixa, mas é clara a retirada apenas da carne pois os ossos, pele e viceras estão sendo descartados o mesmo que fazemos quando tratamos um animal seja ele peixe, frango e etc. E dá pra se perceber que o difundo não tá em decomposição “como por você alegado” você pode até ser um simpatizante pela causa, pode até tentar distorce a imagem mas só um individuo muito leigo não vê que se trata de um ato de canibalismo e um ato como esse no século em que vivemos sem duvida é um ato abominável e toda e quaquer justificativa pra isso ainda sim será injustificável !!

  25. Alguns comentários:

    1. Ainda me impressiono com gente que comenta sem ler o post inteiro! O Philip mostrou logo que as fotos não retratam canibalismo;

    2. Há costumes funerários realmente estranhos ao redor do mundo. Já vi um documentário sobre um lugar onde os mortos não são enterrados, no cemitério colocam apenas algumas ervas sobre os corpos e o mais interessante é que o lugar não tem cheiro ruim. O ritual tradicional funerário do Tibete consiste em esfacelar o cadáver a golpes de martelo e jogar os pedaços da carne ao ar livre para que sejam devorados por aves carniceiras. Em algumas tribos polinésias os corpos eram assados. Algumas tribos indígenas brasileiras cremavam os mortos e misturavam as cinzas numa espécie de sopa que era consumida pelos familiares do falecido. Ah, há muitos registros que mostram que em diversas culturas o morto era cozido e comido por familiares…

    Enfim, acho que as fotos do post mostram um ritual funerário semelhante ao praticado no Tibete.

  26. Uma vez alguém perguntou a um cacique canibal, que gosto tinha a carne humana e ele respondeu “carne de branco bem assadinha tem gosto de banana madura”. Devia ser muito gostoso, para ele, né?
    Essa história me lembrou do filme “PERDIDOS NOS ANDES”e também daquele documentário “ASMIL FACES DA MORTE”.
    Não é o fato de comer carne humana ou não, mas o fato de não estarmos acostumados a essas p?atica. Veja um exemplo: certa vez em uma estrada rural, atrolelamos uma raposa (cachorro-do-mato) e um empreiteiro que morava no sitio que visitávamos disse que comeria o bichinho. Levou para casa, limpou e temperou. Mais tarde levou para a gente experimentar algum pedaço. Fritamos. O cheiro estava muito bom. e a aparencia também. Lembrava carne de porco bem fritinha. Mas na hora de comer….quem disse que descia?
    Nãp é o fato de ser bicho-do-mato, já comi outros “bichos” diferentes em diferentes ocasiões, mas a palavra “cachorro” fica martelando na cabeça da gente. Cachorro é um animal doméstico e a gente não tem costume de comer os animais domésticos, acho que é isso!
    Claro que se fosse uma situaçâo de emergência e muito necessário, eu comeria tranquilamente, tanto carne humana como de qualquer outro bicho que fosse, mas comer por comer eu acho um pouco desnecessário na atual “conjuntura’, levando em conta que ainda temos alimento à vontade. Quanto a ser carnívoro ou vegetariano…eu concordo que ser vegetariano é bem mais saudável, embora eu particularmente não seja. Gostaria de ter sido, mas agora…já é tarde, né?
    Paciência! Adoro e não dispenso um ‘belo churrasco”!

  27. Repúdio e digo sou carnívoro mas senti repúdio total , asco carne humana nojento , sou ateu sem convicções religiosas mas para comer carne humana só mesmo em caso de sobrevivência . A raça humana tem que acabá para que as outras,espécies vivam , cenas de canibalismo sai vistas só em alguns répteis em caninos alguns peixes aves .em quase todas as classes de animais mas em poucas espécies .comam uns ao outros ou vão.pra la pra china comer carne humana seus dementes.

  28. essa raça deveria queimar no inferno,odeio chines a cultura dessa porra,desse país é um horror,e outra eles fazem sopa com fetos,a raça humana é a pior que já foi criada e principalmente essa raça maldita…..!!!!! e se achou ruim algum de voçes usa a lógica em vez de achar que isso é cultura….

  29. É tudo mentira pessoal! Vamos acordar e parar de acreditar em tudo que se vê na internet! Esse grupo nada mais é que alunos do curso de Medicina da faculdade de Beijin: aula de anatomia!

  30. Comer uma pessoa, eu penso o que se passa na cabeça de uma pessoa pra chegar a fazer isso?
    Certo que comemos animais e etc… Mas diga-me então, se comer pessoas (já que comemos animais) não parece tão ruim, por quê então existem os animais que consumimos?
    Deus os fez e não se importou ao ver uma pessoa comer um, então seria certo comer outro da sua mesma espécie? Mesmo que seja questão de sobrevivência ainda sim haveria algum tipo de verme, inseto que poderia enganar sua barriga até conseguir uma comida “maior”.
    Até mesmo se a pessoa estiver “falecida”, qual o “prazer” que te da ao comer uma pessoa já morta? E ainda sim existem os legumes, vegetais e frutas, mesmo que você esteja em um deserto ou algum lugar que não lhe ofereça alimento e você avistasse um homem morto a 30 minutos você o comeria ou resistiria? Pois para conseguir sair de um deserto ou coisa parecida ou “pior”, você desistiria ou continuaria em frente sem se importar com a fome ou sede?
    Como diz na bíblia, Salmo 91:7, “Mil cairão ao teu lado, dez mil à tua direita, mas tu não serás atingido”.

  31. Por isso que tem doenças terríveis e casos bizarros de falhas genéticas. O povo chinês comem muita porcaria, claro que não posso dizer de toda a população lá tem gente de todo tipo como em todo o globo, há vegetarianos também.

    Esses aí depois pegam uma doença grave sem cura aí começar a “chorar o leite derramado”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

© MUNDO GUMP – Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução sem autorização.