A propaganda mais antiga do mundo?

Há um certo senso comum que institui que a prostituição seria a primeira profissão do planeta. Outros sugerem que a função de vigilante ou médico o seja. De qualquer maneira, este post aqui é sobre propaganda (embora seja propaganda justamente de atividades de lazer* com ela ) e não sobre a profissão mais antiga.

Acredite se quiser, isso aqui é um anúncio:

Esta escultura, que pode ser encontrada na antiga cidade de Éfeso, na Turquia, se não for a mais antiga, é uma das mais antigas propagandas existentes.

Ela remonta ao século I dC e estava localizada na Estrada de Mármore, uma estrada proeminente que levava da ágora à biblioteca, que era a segunda maior do Império Romano. Acredita-se que seja um bordel anunciado. Na escultura ele devia estar localizado do outro lado da estrada, acessível por uma passagem subterrânea.

A escultura retrata uma cruz, uma mulher, um coração, um pé, uma bolsa de dinheiro e uma biblioteca, bem como um buraco cavado na rocha. Uma interpretação dos símbolos é que o bordel estava localizado no cruzamento à esquerda, e apenas homens com um certo nível de recursos financeiros (simbolizado pela bolsa de dinheiro e o buraco) e de certa idade (simbolizado pelo tamanho do pé) seriam autorizados a entrar.

O buraco divide opiniões. Há uma suposição que ele seria também uma medida antropométrica (se é que vc me entende) ou possivelmente o preço da “brincadeira” pois naquele tempo cada moeda de um valor tinha um diâmetro e o furo devia corresponder ao preço.

Para quem não preencheu estes requisitos, a talha sugere a visita à biblioteca da direita como uma atividade alternativa e mais enriquecedora.

 

Receba o melhor do nosso conteúdo

Cadastre-se, é GRÁTIS!

Não fazemos spam! Leia nossa política de privacidade

Philipe Kling David
Philipe Kling Davidhttps://www.philipekling.com
Artista, escritor, formado em Psicologia e interessado em assuntos estranhos e curiosos.

Artigos similares

Comentários

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Advertisment

Últimos artigos