Top lista de Professorinhas travessas

Originalmente o titulo ia ser “professoras de sacanagem” mas o Google é extremamente puritano e não curte muito esses termos que lembram os títulos daqueles filmes não exatamente bíblicos.
Ontem me deparei com uma notícia de uma professora (bonita) que foi “descoberta” fazendo sexo com o aluno adolescente. Se tem uma coisa que a gente aprendeu a ter certeza na vida é que todo ano tem o repórter perguntando pra modelo se ela tem samba no pé, o Ex BBB dizendo para o TV Fama que “está com muitos projetos”, a matéria da seca do nordeste com o repórter no meio do açude ressecado e… As notícias de mais uma professora gostosa descoberta fazendo sexo com aluno, para gerar quase que compulsoriamente aqueles comentários: “No meu tempo eu não dava uma sorte dessas”, entre outras frases dignas de porta de zona.

A ligação entre um professor e o aluno é sagrada. Em todas as culturas um professor é encarado como alguém que transmite conhecimento e mostra empenho em ajudar, inspirar e ensinar às gerações vindouras. Vários casos de crimes realizados por professores de natureza sexual têm colocado em xeque a posição do professor. É curioso olhar essa lista e pensar em como essas mulheres são presas, processadas e condenadas porque os crimes ocorrem em países cuja lei e fiscalização é mais severa. No Brasil é FATO que isso também rola solto, mas aqui, se nem assassinos confessos vão para a cadeia, que dirá professora que pega aluno… Mas a lista é impressionante.

O fato de serem bonitas, algumas poderiam facilmente estar na capa de qualquer revista, parece um atenuador em muitos desses casos, mas pergunto com sinceridade. Será que existe algum atenuante pelo crime de assedio sexual ser cometido por uma mulher bonita?

Fica claro pra mim  que essas mulheres são pessoas doentes que violam gravemente a sagrada relação de professor-aluno. Este post explicita claramente o tamanho do problema. O fato de só haver mulher bonita nessa lista é um sintoma claro de que estamos aqui num problema muito sério, porque a midia é essa merda que todo mundo conhece e gosta de dar manchete quando é mulher bonita no crime.

Jovens e crianças são abusadas diariamente e nosso sistema é tão tosco e incompetente que não pegamos isso. E os professores abusadores do sexo masculino? E os funcionários pedófilos? Com certeza, eles existem aos montes. Estão aí em busca de vitimas. Essa lista é apenas a “bonita” e também trágica ponta do tenebroso iceberg. Todo ano é a mesma coisa. Volta e meia uma mulher linda nas paginas dos jornais tendo caso com alunos ou menores de idade sob sua responsabilidade.

Comecei pensando que talvez conseguisse dez. Mas estarrecido, vi que a lista passa fácil de 50! E isso só os casos de escândalo nos jornais. Pense no que não é noticiado, no que passa batido… É incrível. A sensação é de um permanente dejavu. Assim, resolvi fazer essa que é uma das listas mais bizarras deste blog:

1- A reincidente

47indlhtgn_81awitdlx3_file

Pamela Joan Rogers dava aulas de Física na Centertown Elementary School em McMinnville (EUA), quando se envolveu no escândalo que mudou sua vida. Pamela teve um relacionamento com um garoto de 13 anos, que era um de seus alunos. De acordo com o tribunal que a condenou, ela o procurou e e os dois fizeram sexo em pelo menos 12 ocasiões. Mesmo após ser presa e pagar fiança, ela aproveitou sua liberdade condicional para se enroscar ainda mais com a Justiça.

2- Aulas de “línguas”

professora

Allison Marchese, 37 anos, está chegando ao fundo do poço. A professora de inglês de Madison, nos Estados Unidos, tem enfrentado um problemão na Justiça por ter transado várias vezes com um aluno menor de idade. Ela, que era casada, já viu ir por água abaixo o seu relacionamento. Além das relações sexuais com o estudante, a professora também tirava fotos picantes de si mesma e enviava para alunos. De acordo com investigações da polícia, Allison vinha mantendo relações sexuais com o aluno há meses. A professora também atraía o estudante com mensagens provocantes. Allison foi presa e liberada logo em seguida após pagar uma fiança de cerca de R$ 400 mil.

3- Engravidou a “tia”

blog_teacher_1

Caroline Berriman, que admitiu ter tido um relacionamento sexual com um aluno de 15 anos, em Manchester (Inglaterra), foi condenada a dois anos de liberdade condicional. O caso teve uma reviravolta, anunciou o “Manchester Evening News”. Depois que a opinião pública e um deputado se manifestaram contra a “leveza” da punição, um juiz de Tribunal de Apelação decidiu que a pena aplicada inicialmente fora muito leniente e condenou Caroline a dois anos de prisão. De acordo com o processo, Caroline e o menor fizeram sexo mais de 80 vezes. O relacionamento só chegou ao fim quando a professora engravidou. Ela acabou sofrendo um aborto.

4- Viajou para dar

jenifer

Em abril, a professora de inglês Jennifer Caswell, de 28 anos, pediu demissão da Hollis Middle School, na cidade de Hollis (Oklahoma, EUA), após suspeita de que ela estava tendo um relacionamento ilegal com um aluno. A promotoria disse, inicialmente, não ter prova contundente de crime e relatou ao “Oklahoman” apenas “comportamento suspeito”.

Entretanto, em junho, tudo mudou. A polícia de Olive Branch (Mississippi, EUA) recebeu uma denúncia e foi a um hotel da rede Best Western na cidade. Em uma suíte, agentes encontraram uma mulher adulta e um menor de 15 anos. Eram Jennifer e um aluno. Eles estavam a mais de mil quilômetros de onde moram. Investigação descobriu que a professora e o aluno fizeram sexo várias vezes entre abril e maio, incluindo duas vezes na escola, de acordo com o “Lawton Constitution”. Em depoimento a autoridades, o adolescente disse que, em uma oportunidade, ele e Jennifer tiveram relação sexual em sala de aula três dias antes de a professora pedir demissão.

5- Fessora se ferrou por causa da lei maluca

professora (1)

De acordo com as leis estaduais do Colorado, uma pessoa de 17 anos pode ter relações sexuais com adultos de qualquer idade, desde que seja consensual. No entanto, o adulto não pode ser considerado uma “pessoa de confiança” do menor. “Pessoa de confiança é qualquer pessoa que é responsável por determinados tipos de cuidados com a outra, o que aplica-se a professores”, explica o xerife do condado, Mike McWilliam. Se condenada, Lauren pode pegar entre quatro e 16 anos de prisão. Lauren Redfern, de 26 anos, e o menor foram vistos pelo diretor de Esportes do colégio no meio do ato carnal. A mulher é ex-aluna e ex-atleta do time de basquete da instituição. Deu ruim.

6- Hermana deitou e rolou

102_442-blog-lucita

Um vídeo picante que mostra uma suposta professora fazendo sexo com um aluno foi divulgado através do WhatsApp e viralizou na Argentina. A mulher foi identificada como Lucita Sandoval, 26, professora de uma escola de Santiago del Estero, foi suspensa após um vídeo em que ela aparece fazendo sexo com um aluno de 16 anos vazou na internet. De acordo com algumas fontes, Lucita, que chegou a ser presa, já tinha sido envolvida em outros cinco casos de sexo com menores de idade.

7- Procurando vagas no estacionamento (se é que me entende)

287A6E1700000578-3074349-image-m-156_1431140238886

A professora Katerina Bardos, de 24 anos, enfrenta graves problemas na Justiça. A mulher, que dava aulas na Brentwood Middle School, em Greeley, no estado do Colorado (EUA), é acusada de ter um caso com um aluno da 6º série. O adolescente, de 12 anos, que não teve o nome divulgado, disse que fez sexo com a mulher no estacionamento da escola e em outros lugares. A professora ainda deu maconha pro moleque.

8- Outra que engravidou do aluno

blog_teacher_1 (1)

Esse é quase um roteiro de pornô soft. Alexandria Vera, uma professora de 24 anos engravidou de um aluno de 13. Alexandria admitiu ter um relacionamento sexual com o adolescente desde setembro do ano passado. De acordo com reportagem da emissora KPRC, a professora o o seu aluno na Stovall Middle School não escondiam o relacionamento, que teria o apoio da família do menor.

“(O aluno) agarrava o bumbum dela e todo mundo via”, comentou um outro aluno da escola. A investigação descobriu que Alexandria e o aluno fazem sexo praticamente todos os dias. O primeiro encontro se deu no carro de Alexandria. Eles apenas se baijaram. No dia seguinte, professora e aluno foram para a casa dele, quando os pais não estavam presentes. Então, eles fizeram sexo pela primeira vez.

9- Passou o rodo no molequinho

Stephanie-Seabury

Uma professora de 22 anos de idade teve relações repetidas com um aluno de 13 anos de idade, quando os dois frequentavam a mesma escola. Stephanie Seabury, que nasceu em Long Island, levou o aluno até sua casa depois da aula, em pelo menos uma ocasião. Ele foi acusada de abuso íntimo e foi suspensa pelo distrito escolar em que trabalhava. De acordo com a polícia de Dover (EUA), ela e o jovem foram vistos por meio do vídeo de vigilância em fevereiro, caminhando até o carro da acusada. A professora e o aluno também trocavam mensagens picantes pelo celular. O aluno da oitava série estava tendo aula de inglês com Seabury.

Seabury, que foi acusada de abuso íntimo, foi suspensa pelo distrito escolar. Segundo o seu perfil no LinkedIn, Seabury participou da Hauppauge High School em Long Island, e se formou na Universidade de Delaware no ano passado, antes de assumir o cargo no ensino médio.

10- “Caminhada”, sei.

professora-alunos

Segundo o jornal “NY Daily News”, a história veio à tona quando um dos adolescentes disse ao seu pai sobre o as relações sexuais depois de saber que a professora de matemática tinha feito uma “caminhada” em um parque privado com outro adolescente, de acordo com as autoridades.

Haeli Wey, 28 anos, foi demitida em outubro da escola Westlake High School, em Austin, e presa esta semana. De acordo com a polícia, a professora passou a ter relações sexuais com um dos alunos em agosto.

O outro adolescente começou a trocar mensagens com ela em setembro. Aos policiais, a vítima disse que Haeli Wey o convidou para fazer uma caminhada depois da aula. De acordo com os documentos, ela ainda escreveu numa mensagem que sabia de “algumas trilhas isoladas”. Foi num desses passeios que os dois começaram a ter relações sexuais.

11-Didática profunda

102_2513-blog-teacher

Uma professora de educação especial foi presa por fazer sexo oral em um aluno – contra a vontade do jovem. Saralyn Gayle Portwood, de 30 anos, preparou uma “armadilha” para o adolescente, após assediá-lo ao longo do ano letivo e ser rejeitada pelo jovem. Como última cartada, a professora chamou o aluno em sua sala na escola de ensino médio Princeton, no condado de Colin (Texas, EUA). O garoto, de 17 anos, que não pertence à turma de educação especial, contou à polícia que, ao entrar na sala de Saralyn, ela o surpreendeu, jogando-o contra a mesa e começou a praticar sexo oral.

Durante as investigações, a professora foi suspensa do colégio. Após o relato da vítima, Saralyn foi presa. A suspeita é casada com um professor que também trabalha na escola (ffffuuuuuu!). Se condenada, a professora pode pegar até 20 anos de prisão.

12- Beijo técnico e outras coisas mais…

Sem zoeira! É ela mesmo!
Sem zoeira! É ela mesma!

A britânica Kelly Burgess está encrencada com a Justiça britânica. A professora de teatro, de 26 anos, foi acusada e julgada por levar um aluno de 16 anos a um hotel em Warwickshire, região central da Inglaterra, e fazer sexo com ele. O adolescente confessou que transou com a professora e que teve um caso com ela.

13-Ela nega

537c9e57-5a7d-44bf-a706-9145285a7599

Uma professora identificada como Shannon Fosgett, de 44 anos, foi presa pela polícia dos Estados Unidos, sob acusação de manter relações sexuais com um de seus alunos que é menor de idade. No país, isso é considerado crime.  Os pais do adolescente souberam de rumores de um possível envolvimento do filho com uma professora. Insatisfeitos, procuraram a polícia que acabou decretando a prisão de Shannon, considerada uma das mais competentes e belas professoras de Valley High School. Um dos alunos, que não teve o nome divulgado, defendeu a professora ao afirmar que a mesma seria incapaz se se envolver com um aluno. “É o tipo de professor que não iria causar esse tipo de polêmica”, afirmou. “Ela é discreta e bem-humorada”, acrescentou durante entrevista à uma TV americana.

O caso ganhou repercussão em sites e jornais. No entanto, ela preferiu não se pronunciar sobre o assunto. Shannon encontra-se afastada de suas tarefas e poder ser impedida de ministrar aulas.

14-Educação…Física.

f800fd15-e93c-428c-91e8-58ceee5bad5e

A americana Lindsay Himmelspach, 33 anos, que é professora de Educação Física em Oroville, Califórnia (EUA) está sendo julgada acusada de ter relações sexuais com dois menores – o que é crime no estado americano. Se condenada, ela pode pegar até dez anos de prisão. A professora foi descoberta após uma denúncia anônima relatando o caso da docente com os dois alunos que possuem 16 e 17 anos de duas escolas onde ela dá aulas.

15-Educação sexual!!!

medonho

Uma ex-professora de educação em saúde e sexo foi condenada a dois anos e meio de prisão após se declarar culpada de aliciar e manter relações sexuais com um estudante menor de idade. O caso ocorreu em Fitchburg, Estados Unidos. Segundo Rachelle Gendron, o relacionamento começou quando ela tentou aconselhar o garoto de 14 anos de idade que dizia sofrer de solidão. A ex-professora era sua conselheira. O caso ocorreu em outubro de 2012, mas a condenação da professora ocorreu na última semana, em Massachusetts. No tribunal, Rachelle disse lamentar profundamente suas ações.

Os promotores disseram que Gendron teve encontros sexuais com o garoto em 2012 e fotos dela “em estados de nudez” foram encontradas em seu celular. (IG).

16- Se ferrou graças ao Google

derf__707377_1742016_derf (Copy)

Nem novela é mais inverossímil que isso. Saca só: A professora de Inglês Sara Domres, de 28 anos, foi presa na semana passada em New Berlin (Wisconsin) após ser descoberto que ela mantinha um caso com um aluno seu, de 16 anos. Segundo a investigação policial, Sarah e o menor fizeram sexo pelo menos dez vezes – em motéis da região e no carro da professora em estacionamento.

De acordo com o “NY Daily News”, Sara enviou um selfie para o noivo, que estava curtindo a sua despedida de solteiro naquele momento, quando estava no Brookfield Motel 6 com o aluno. Sara e o noivo se casaram pouco depois. Policiais descobriram, analisando o celular de Sara, que a professora fez a seguinte busca no Google: “Qual é a pena de prisão para professora que dorme com aluno?”.

17 –  A devassa do estacionamento 2

slide_328107_3184518_free

Uma professora de educação física de Washington, nos Estados Unidos, está sendo acusada de convidar dois alunos para fazer sexo em sua caminhonete. Ela teria usado o celular para enviar a mensagem e teria concretizado o ato com um dos estudantes. Michele Taylor, de 31 anos, esteve no tribunal nesta semana e voltará a encarar o júri na próxima segunda-feira (21), quando se defenderá das acusações.

Ela teria encontrado um de seus alunos do East Valley High School num estacionamento próximo da escola.

18- Mais uma ensinando línguas

NATIONAL PICTURES: Image supplied as a service, National does not claim copyright of this image but will charge if used. Pic of: Ruth Vaughan. A pretty young teacher who had sex with a sixth former at one of Britain's top boarding schools has been banned from the profession. Ruth Vaughan, who was 24 at the time, began a steamy affair with the lad after first kissing him and exchanging phone numbers at the leavers' ball at £30,000 a year co-ed boarding school Oakham in Rutland in June 2013. Former pupils at the school, founded in 1584, include actor Matthew Macfadyen, England cricketer Stuart Broad, comedian Miles Jupp and England rugby stars, Lewis Moody and Tom Croft. The sixth former - named only as "Student A" - told a disciplinary hearing that he began a sexual relationship with Miss Vaughan the following month before he went on holiday. Miss Vaughan, who gave evidence to the hearing via videolink from Saudi Arabia where she now lives, claimed she had first kissed and engaged in sexual activity with Student A only after she returned from holiday in Thailand at the end of August 2013. Although she had not taught Student A, she had contact with him at the school's combined cadet force (CCF), the hearing was told. Miss Vaughan, a newly qualified design and technology teacher who started at the school in September 2012, told the hearing she had sex with Student A during his second week of University. She accepted during her evidence that it did not make any difference to the appropriateness of the relationship that he was no longer at the school. Miss Vaughan expressed regret that it had ever happened, but had kept it secret. She was found guilty of unacceptable professional conduct and banned indefinitely from teaching in any school, sixth form college, youth accommodation or children's home in England.

Ruth Vaughan dava aulas de design e tecnologia em Oakham School, onde ganhava mais de 30.000 libras por ano. No baile de formatura, em 2013, a professora começou a ter um caso com ex-aluno – seis anos mais novo que ela –, onde se beijaram e trocaram telefones. No mês seguinte, eles se encontraram na universidade que o rapaz havia acabado de ingressar e tiveram relações sexuais nas dependências do campus.

Em audiência, a professora confirmou a história, mas alegou que as relações íntimas só começaram quando o jovem havia saído do colégio.

19- Basquete…né?

Megan-Mahoney-02

 Megan Mahoney, de 24 anos, é uma professora de educação física e técnica de basquete. Ela dava suas aulas na Wagner College e foi presa após a polícia descobrir que ela mantinha relações com um jovem rapaz de 16 anos.

O caso dos dois começou em outubro de 2013, durou 4 meses e foi descoberto pois uma ex-namorada do aluno denunciou os dois para a polícia. Segundo investigação, os encontros aconteciam no carro da professora e nas dependências da Moore Catholic High School.

20-Aula de religião

20160509091831article20557050e9b87080000057883_1024x615_large

Ela não foi “às vias de fato”, mas assediou sexualmente um aluno. Em Bolton, na Inglaterra, uma professora de ensino religioso foi condenada depois de um caso, no mínimo, curioso. Katheryn Roach, de 24 anos, foi acusada de ter mandado 205 mensagens de texto com conteúdo sexual para um aluno de 14 anos.

21-Levou dura

20130923200409__fee_for_use_sex_case_teacher_eppie_sprung_dawson_2265592

Em dezembro de 2012, a professora Eppie Sprung Dawson, de 26 anos, foi flagrada fazendo sexo com um aluno de 17, dentro de um carro, em Dumfries, na Escócia.  De acordo com o “Daily Mail”, o veículo estava estacionado em uma estrada quando um policial, abordou o casal, flagrando o ato sexual.

A professora, que era casada, dava aula no St. Joseph’s College. Depois do ocorrido, Eppie perdeu emprego e o casamento foi por água abaixo. Mas ao que parece a relação com o jovem não foi mera casualidade. Eppie está vivendo com o ex-aluno, Matthew Robinson, hoje com 18 anos. O caso ganhou repercussão pelo fato de Eppie Sprung Dawson, ser casada à época com o filho do ex-procurador-geral da Escócia, Lord Dawson.

22- Mudou a nota do moleque depois de uma carga de 220

police_teacher

Kalyn Thompson é uma professora de segundo grau com 25 anos de idade, em Oklahoma, que foi acusada de ter relações sexuais com alunos em troca de boas notas. As autoridades disseram que a dupla começou a ter um relacionamento quando o adolescente tinha 17. Segundo ela, eles começaram a ter relações sexuais logo após o aluno completar os 18. Dois estudantes testemunharam a professora sentada no colo do aluno num veículo. Eles tiraram fotos e funcionários da escola foram notificados. O adolescente supostamente admitiu ter relações sexuais com sua professora em duas ocasiões, uma vez em um lago nas proximidades e uma segunda vez em um hotel em Tulsa, segundo a polícia.

23- Era casada, mas ainda assim “Namorou” com o aluno (na verdade 3)

102_244-blog-brianne

A professora Brianne Altice, de 35 anos, confessou em tribunal de Bountiful, nos Estados Unidos, ter feito sexo com três alunos adolescentes quando ensinava em uma escola no estado do Utah. Na época, Brianne era casada. Dois dos alunos tinham 17 anos, e o outro 16. Um deles afirmou que já considerava a professora uma namorada, já que mantiveram relações sexuais por aproximadamente um ano. Brianne será sentenciada no dia 28 de maio. Cada condenação poderá render até 15 anos de cadeia.

Brianne foi presa em outubro de 2013, após um aluno revelar publicamente que tinha um relacionamento com a professora. Logo depois, os outros adolescentes procuraram a polícia. Com o escândalo, Brianne foi demitida da escola e se separou do marido.

24- Professora de escola católica passou o cerol!

RTEmagicC_professora_fatima_EUA.jpg

Segundo informações do site britânico ‘Daily Mail’, Fatima Grupico, 24 anos, manteve relações sexuais com o adolescente dentro da escola diversas vezes, entre os dias 4 e 30 de maio. Fatima foi acusada pela promotoria de agressão sexual e abuso infantil. De acordo com o ‘Daily Mail’, a professora já havia perdido o emprego no final do ano letivo, em junho, quando a escola fechou por causa de problemas financeiros. Fatima continua presa, aguardando a audiência que estipulará o valor da fiança.

25- Álgebra…

Jennalin-M.-Garcia-Calle-fe

Jennalin Garcia-Calle, de 28 anos, professora de Nova Jersey, foi presa no sul da Flórida acusada de manter relações sexuais com um aluno de 16 anos. No momento da prisão ela dava entrada em uma clínica de reabilitação. A professora havia fugido para a Flórida após ter sido emitido um mandado de prisão em seu nome, mas os policiais conseguiram rastreá-la por meio de seu celular. A fiança para o caso é de US$ 200 mil. A mulher, que ensinava álgebra na Plainfield High School, havia tido relações sexuais com o estudante no ambiente escolar. Segundo o promotor de Nova Jersey Theodore Romankow, os encontros eram realizados depois das aulas, em uma sala com a porta trancada e janelas bloqueadas. A polícia soube do acontecimento depois que o menino contou a seus pais sobre o relacionamento. Jennalin foi afastada da escola.

A acusada participará de uma audiência sobre seu caso na próxima segunda-feira e deve ser transferida de volta para Nova Jersey.

26- Foi pros finalmente e CASOU com o aluno

professora-casada-que-fez-sexo-com-aluno-decide-viver-com-ele-5328

Em dezembro do ano passado, Eppie Sprung Dawson, de 26 anos, foi flagrada fazendo sexo com um aluno de 17, dentro de um carro, em Dumfries (Escócia).

O veículo estava estacionado em uma estrada quando um policial, que recebera denúncia de outro estudante, abordou o casal. A professora, que era casada, dava aula no St. Joseph’s College. Após o episódio, Eppie perdeu emprego e o casamento naufragou. De acordo com o “Daily Mail”, Eppie está vivendo com o jovem flagrado no carro com ela. Hoje Matthew Robinson já tem 18 anos.

Registrada pela Justiça como “agressora sexual”, a britânica teve que passar por sessões de aconselhamento com médico, psicólogo e assistente social.
O caso não foi tratado pela imprensa britânica como mais um simples episódio envolvendo professora e aluno menor de idade. O incidente ganhou mais repercussão pelo fato de Eppie Sprung Dawson, de 26 anos, ser casada à época com o filho do ex-procurador-geral da Escócia, Lord Dawson.

27- Mais uma de línguas

o-KALEE-WARNICK-facebook

Kalee Warnick, de 22 anos, que dá aulas de inglês na Wall High School, em Wall Township (Nova Jersey, EUA), foi presa logo no seu primeiro ano como docente. A polícia acusa a jovem professora de manter um relacionamento sexual com um aluno de 15 anos.  A professora formou-se na mesma escola secundária em que dá aulas. O direcção do colégio irá reunir-se para decidir o que fará com Kalee, de acordo com reportagem do “Huffington Post”.

A professora alega inocência. Um grupo de apoio foi criado no Facebook: “Kalee Warnick is innocent until proven guilty” (Kalee Warnick é inocente até prova em contrário), que tinha uma larga adesão até ser retirada do ar.   Kalee foi solta após pagar fiança de 50 mil dólares. No Twitter, a popularidade de Kalee disparou e muitos internautas lamentam não a terem tido como professora…

28-Matemática

150142025a

Ashley Nicole-Anderson é professora de Matemática na escola secundária de Aplington-Parkersburg, na cidade de Iowa, no estado norte-americano com o mesmo nome. Segundo a acusação, além das relações sexuais com os alunos, teria enviado fotografias suas completamente despida para para vários alunos durante um ano.

Os alunos com quem a professora manteve sexo oral tinham 16 e 17 anos de idade. Os casos aconteceram entre agosto de 2011 e 30 de junho último.

29-Outra que se deu mal com fotos

Justin-Fosters_Anna-Michelle-Walters

A professora Anna Michelle Walters, da Virgínia, foi demitida após o aluno Justin Foster postar no Twitter fotos de Anna nua e mensagens que teriam sido trocadas pelo casal, que mantinha um relacionamento sexual. Depois de ter sido demitida, Anna foi presa sob acusação de ter feito sexo com um segundo aluno, também menor de idade.

30- Foi com dois e Rodou

professora2

Sarah Rutherford (de rosa) foi condenada a dois anos de prisão por fazer sexo com dois dos seus alunos, em colégio do ensino médio em Barbour County (Virgínia Ocidental, EUA). Além disso, Sarah forneceu drogas e álcool aos menores, de 16 e 17 anos.  Alguns dos encontros sexuais, de acordo com a promotoria, ocorreram na própria casa da professora, de 23 anos, de acordo com a emissora WBOY.
“A ré disse a uma das vítimas para que ela não contasse a ninguém sobre as relações sexuais porque estaria encrencada, já que ela é uma professora e a vítima é um estudante”, afirma o processo.

31- Sequestrou e mandou ver no moleque

EXCLUSIVE PICTURE. STRICTLY NO PUBLICATION BEFORE PRIOR FEE AGREED. Picture shows Reece Washington in bed with Sarah Pirie. See Dennis Rice Media for copy. Noble Draper Pictures **BYLINE: NOBLE/DRAPER**

Sarah Pirie, 27, do condado de Lancashire e que hoje vive em Luxemburgo, confirmou perante a corte de Preston Crown que tirou o jovem da tutela de seus guardiões legais em 22 de maio de 2009, o que configurou crime de sequestro, segundo relatos na imprensa britânica. Não foram dados mais detalhes sobre as circunstâncias do suposto sequestro nem de uma eventual conivência do jovem, mas, de acordo com o jornal Daily Mail, Pirie teria tido encontros com o garoto apesar de ter sido advertida para se afastar dele.

A Justiça arquivou outras acusações que recaíam sobre Pirie, de ter mantido cinco relações sexuais com o menor durante quatro meses – acusações que ela negava. A Promotoria afirmou que não havia perspectivas realistas de condená-la por abusos sexuais, por, entre outros fatores, relutância do garoto em prover provas dessas acusações.

32- Teve caso e caiu na net

professora (2)

Uma professora americana de Ensino Médio teve uma selfie íntima vazada na web e compartilhada entre estudante após ter tido um caso amoroso com um aluno de 17 anos, em Passadena, nos Estados Unidos. Ashley Zehnder, de 24 anos, foi presa depois de ter o envolvimento com o menor descoberto, mas pagou fiança e está à espera de sua sentença em liberdade. As informações são do jornal The New York Daily News. A professora começou seu caso com o estudante, cujo nome não foi divulgado, em maio. Segundo o rapaz, Ashley dava assistência ao coordenador da equipe de líderes de torcida, da qual ele fazia parte. O envolvimento entre eles teve início quando ele perdeu o celular e usou o aparelho da professora para localizá-lo. O celular dele foi achado. Eles, então, começaram a trocar mensagens.

Entre maio e agosto, eles começaram a se encontrar para ter relações sexuais no apartamento da jovem. Foi quando Ashley usou um aplicativo para enviar uma selfie íntima para o rapaz, que salvou a imagem em seu celular e, em seguida, espalhou para outros estudantes. Logo, o caso foi descoberto por funcionários da escola. Ao ser confrontada por seus superiores na instituição, Ashley confessou o envolvimento com o aluno e pediu demissão.

33-Se ferrou graças ao celular

hot_teachers_that_were_involved_in_affairs_with_their_students_640_02

Hope Jacoby foi acusada de manter relações sexuais com um garoto de apenas 14 anos de idade. O fato foi confirmado após as autoridades encontrarem fotos da moça no celular do jovem. A professora de educação física de apenas 23 anos foi solta sob fiança, mas foi julgada por sexo ilegal com um menor.

34- Pegou o aluno e depois pegou uma cadeia

hot_teachers_that_were_involved_in_affairs_with_their_students_640_04

Após ficar presa por 1 ano, a professora Lisa Glide ganhou liberdade condicional. Motivo? Se envolveu com um rapaz de 17 anos de idade e manteve relação sexual com o mesmo por duas vezes. O jovem declarou: “Sinto que esse caso ganhou proporções maiores que a razão. Eu inciei o contato, não Lisa Glide. Eu não era uma criança e Lisa não era uma predadora sexual”.

35- “Acampamento da sacanagem”

hot_teachers_that_were_involved_in_affairs_with_their_students_640_05

Carrie McCandless professora da Brighton Chater High School, foi acusada de manter relações sexuais com um estudante de 17 anos durante um acampamento promovido pela escola. Ela forneceu as crianças bebidas alcoólicas e abusou do jovem sortudo. O rapaz afirmou as autoridades que eles não mantiveram relações sexuais, o que livrou a professora de uma pena pesada. Ela foi sentenciada a 45 dias de prisão.

36- Um é pouco, dois é pouco, três é demais

hot_teachers_that_were_involved_in_affairs_with_their_students_640_07

Michelle Preston, 27 anos, professora em uma escola do Kansas, Estados Unidos, foi acusada de manter relações sexuais com três alunos de sua escola, os jovens tinham entre 16 e 17 anos. O caso se tornou público após os alunos trocarem fotos intimas da linda professora.

37-Essa escapou

hot_teachers_that_were_involved_in_affairs_with_their_students_640_10

A professora Debra Lafave foi acusada de manter relações sexuais com um aluno de 14 anos. A moça não foi a julgamento porque a mãe do rapaz não quis que seu filho enfrentasse o “tumulto emocional” de todo esse processo. Atualmente Debra está casada e tem filhos.

38- Acampamento da devassidão 2

hot_teachers_that_were_involved_in_affairs_with_their_students_640_11

Heather Daughdrill, 28 anos, foi acusada de manter relações sexuais com um jovem de 13 anos, após conhecê-lo em um acampamento de verão, detalhe que esse era um acampamento onde as pessoas se reuniam para eventos cristãos. A investigação revelou que a professora buscava constantemente o jovem na escola, sem o conhecimento dos pais. Foram encontradas mensagens de texto picantes entre ela e o rapaz. Ela enfrenta acusações como agressão sexual, sequestro e comportamento indecente.

39-Espanhol

amy-mcelhenney

A professora de espanhol de 25 anos, Amy McElhenney, foi acusada de manter relações sexuais com um estudante do sexo masculino de 18 anos. A maioridade no Texas, onde ocorreu o fato, é de 18, mas existe uma lei que proíbe professores de manter relações sexuais com estudantes, independentemente da idade. O júri se recusou a condena-lá, uma vez que mensagens no celular do estudante e da própria professora demonstravam que existia um romance entre eles. Mesmo assim Amy perdeu o direito de exercer a profissão.

40- Essa botou pra quebrar (em família)!

female_teachers_accused_of_having_relationships_with_their_students_640_01

Amy Northcutt e seu marido, Justin Northcutt, foram presos por enviar mensagens de texto lascivas a uma estudante de 16 anos de idade e, em seguida, organizar para ter sexo em grupo com ela.

41- Mais umazinha

female_teachers_accused_of_having_relationships_with_their_students_640_02

Em Stockton, Califórnia, Christina Oliver 24 foi preso por ter relações sexuais com um estudante de 16 anos. Os pais do adolescente avisaram a polícia com preocupações sobre o relacionamento sexual dela com seu filho. Ela foi presa perto de sua casa. 125.000 doletas de fiança.

42-Prova oral

female_teachers_accused_of_having_relationships_with_their_students_7bIk6_640_41

Cameo Patch foi presa por ter feito sexo oral seu aluno de 17 anos. A professora de ensino médio substituta de 29 anos foi presa em janeiro de 2006 depois que a polícia ouviu que patch tinha ido a um encontro com um aluno de 17 anos e fez sexo oral no carinha naquele encontro.

43- Ensinou o bola-gato e rodou

female_teachers_accused_of_having_relationships_with_their_students_640_04

Amy Beck, 33, um professor de Estudos Sociais e Inglês, e mãe de três filhos, pode pegar até sete anos de prisão por ter relações sexuais e “ensinando sexo oral” a seu aluno de 14 anos.

44- 3 é demais

prof_06

Elizabeth Stow, aos 26 anos era uma professora de Inglês do ensino médio que foi presa em abril de 2005, depois de os funcionários da escola investigaram os rumores de relações sexuais entre Stow e alguns estudantes do sexo masculino. Stow passou o rodo em 3 alunos. Os promotores alegaram que Stow teve relações sexuais com três alunos de 17 anos e foi acusada de relação sexual ilegal e “coito oral” com menores de idade.

45- Futebol

female_teachers_accused_of_having_relationships_with_their_students_640_08

Christine Scarlett, 40, foi declarada culpada de cinco acusações criminais por sedução de menores, ao dar em cima de Steven Bradigan, que passou a ser o capitão da equipa de futebol Strongsville da High School quando a relação começou em 2002. Ela também engravidou do moleque.

46- Romance

female_teachers_accused_of_having_relationships_with_their_students_640_10

Em junho de 2008, a professora Cara Dickey, que mais parece uma cover da Anna Kournikova foi demitida de seu cargo de professora após os funcionários da escola desvendarem um “romance” expresso em mensagens entre Dickey e um estudante do sexo masculino de 14 anos de idade. Eles desapareceram juntos, e posteriormente, na manhã seguinte, os textos foram encontrados. Dickey foi encontrada dormindo em seu carro e o menino foi encontrado em um shopping local, provavelmente, celebrando, certo? 

47- Festa do pijama deu ruim

female_teachers_accused_of_having_relationships_with_their_students_640_13

Carrie McCandless dava aulas em Brighton Charter High School, no Colorado. Ela foi acusada de ter relações sexuais com um estudante de 17 anos, durante uma viagem de acampamento da escola onde rolou uma “festa do pijama”. Ela tascou goró na molecada e “fez tudo, exceto a ter relações sexuais” com um estudante do sexo masculino, enquanto outro estudante  dormia nas proximidades. Ela foi condenada a 45 dias de prisão.

48- Gata

female_teachers_accused_of_having_relationships_with_their_students_640_14

Christine McCallum era a tutora de um molequinho de apenas 11 anos e o irmão dele! Depois de um período de 20 meses, os dois moleques começaram a viver com McCallum e seu marido em tempo parcial. McCallum teve relações sexuais com o mais velho, de 13 anos, pela primeira vez em fevereiro de 2006, e usou álcool e maconha para persuadi-lo.

49-Ciências

female_teachers_accused_of_having_relationships_with_their_students_640_15

A professora de ciências Deanna Higgins, 27, foi presa por ter relações sexuais com um estudante de 16 anos depois que os detetives encontraram sua roupa de baixo no carro do adolescente, que ele manteve lá como uma “recordação”. A relação foi descoberta quando o corno do marido  de Higgins encontrou textos do menino em seu telefone. Aí a casa caiu.

50- Um sorriso malicioso…

female_teachers_accused_of_having_relationships_with_their_students_640_18

Heather Shelton foi acusada de atividade sexual com um aluno de 19 anos, o que não é ilegal, mas ainda viola a regra confiança milenar que diz que “professores não devem fazer sexo com os alunos”. As autoridades disseram que Shelton fez sexo com um cara que nem sequer era seu aluno, mas eles tiveram relações sexuais em abril, e na Carolina do Norte é um crime para qualquer professor de uma escola ter relações sexuais com um aluno daquela escola. Então, ela dançou sem musica.

51-Velcro

female_teachers_accused_of_having_relationships_with_their_students_640_20

Jaymee Wallace é uma professora de 28 anos, que foi acusada de ter uma relação lésbica de 18 meses com uma adolescente. As autoridades dizem que a estudante, que tinha 15 anos quando conheceu Wallace, voluntariamente teve relações sexuais com a treinadora mais de 50 vezes, em um estacionamento no Busch Gardens e muitas vezes no apartamento da professora.

52- Polivalente

female_teachers_accused_of_having_relationships_with_their_students_640_23

Jill Lewis, 26, Jornalista, Oradora e professora de computação foi presa em fevereiro de 2008 após ter relações sexuais com um estudante de 17 anos em uma estrada deserta. Um anônimo provavelmente ciumento, relatou a relação com a polícia e deu ruim.

53- Faiô

female_teachers_accused_of_having_relationships_with_their_students_640_26

Joy Blackstock, 23, foi acusada de relação imprópria entre professora e aluno. Ela é acusada de ter tido uma relação sexual com um estudante do sexo masculino de 18 anos de idade, enquanto trabalhava como professora na escola… Agora ela enfrenta entre 2 e 20 anos de prisão.

54- 15 meses de xilindró

female_teachers_accused_of_having_relationships_with_their_students_640_27

Com 26 anos, a professora Helen Goddard, muitas vezes saía para um café e uma lição de trompete depois da escola com sua aluna na London School for Girls, uma escola famosa por ser muito cara. Pegou 15 meses na cadeia.

55- Mais uma

female_teachers_accused_of_having_relationships_with_their_students_640_37

Stephanie Ragusa, uma professora Florida, foi condenada por ter relações sexuais com dois de seus alunos. Ela foi condenada a 10 anos de prisão. Ragusa era um professora de Matemática em Tampa e se declarou culpada também em três acusações de indecência e “assédio” a um menino de 14 anos e duas acusações de sexo ilegal com um estudante de 16 anos.

56- Podia ser novela das 9…

female_teachers_accused_of_having_relationships_with_their_students_640_38

Pamela Smart impressionou um grupo de calouros do ensino médio com seu amor pela música metal, ela então, em seguida,  começou um caso com um deles. Smart namorou Billy Floyd. A casa só caiu pra Smart porque um dia, seu marido (a dona era casada) foi encontrado morto a tiros, e ela e Billy Floyd, juntamente com três amigos de Floyd, foram presos por suspeita de assassinato.

Durante o julgamento, a promotoria alegou que o Smart tinha friamente conspiraram para seduzir Floyd e assim convencê-lo a assassinar seu marido. Smart alegou que Floyd atirou no corno por sua própria vontade, depois que ela ameaçou terminar seu affair com o aluno. Coisa de novela, cara!

57-Striptease, textos e “medidas”

female_teachers_accused_of_having_relationships_with_their_students_640_39

Rebekah Todd, 25, foi sentenciada a seis meses de cadeia. Todd participou de uma festa de formatura do ensino médio fora do campus onde o álcool estava envolvido e mostrou aos moleques uns vídeos dela fazendo um striptease. Ela também teve relações sexuais com um estudante de 17 anos, embora muitas vezes a condução, seu local de trabalho e até mesmo mensagens de texto comentando sobre como ele parecia “grande”.

58- Presentinhos e algo mais

female_teachers_accused_of_having_relationships_with_their_students_640_41

Teresa Engelbach foi presa em novembro de 2007, após acusações de que ela teve relações sexuais em vários locais ao longo de um período de dois meses com um estudante de 14 anos de idade, que também era amigo de seu irmão. Segundo as autoridades, ela também comprou os vários presentes para o menino, incluindo um telefone celular, peças de roupa, e uma arma de paintball cara.

59- “Professora do ano”

k7HFOsY3LJal

Detentora do cobiçado premio de “Professor do Ano” Janelle Batkins era uma mãe de dois filhos, com 42 anos quando foi presa. Isso aconteceu depois que a mãe de seu aluno encontrou a evidência da sua relação sexual com a professora no computador do filho, de 17 anos. Ai foi um merdelhê só.

Ela foi acusada de relação imprópria entre um educador e educando pelo seu relacionamento com o menor. Ela não se declarou culpada e foi colocada em liberdade condicional de três anos. Ela também foi obrigada a pagar uma multa de US $ 500 por violar os termos de sua liberdade condicional.

60- Estupro?

9126055-large

Lisa Lavoie era um professor de 24 anos quando os pais de um estudante de 15 anos pediu às autoridades para investigar a relação entre os dois. Quando questionado Lisa e o menino desapareceu em uma ‘viagem’ por duas semanas. Várias semanas mais tarde eles foram apreendidos pela polícia e entregue às autoridades locais. Lisa foi indiciado por seis acusações de estupro e uma acusação de seduzir um menor. Ela foi posteriormente,  acusada de três crimes de violação e abuso agravado, bem como três acusações de estupro.

61- Essa era doente mesmo!

SmES2bKI-iel

Abbie Jane Swogger tinha 34 anos quando foi presa pela polícia em um quarto de hotel. Havia vários moleques de 14 e 15 anos de idade na cena do crime, incluindo um que estava escondido no quarto dela. As imagens divulgadas no seu “show da internet” mostravam a “ex-dançarina exótica”, sendo acariciada por pelo menos seis garotos menores de idade. Ela recebeu  39 acusações separadas e foi registrada como uma agressora sexual.  Para além destes encargos, ela também foi acusada de fornecer drogas a menores, bem como ter relações sexuais com um jovem menor de 16 anos e atrair duas adolescentes do sexo feminino para fazer sexo no quarto dela. Abbie se declarou culpada e foi condenada a três a seis anos de prisão, seguidos de 36 anos de liberdade condicional.

62- Longa história

Zowf8J3dtWwl

Mary Kay Letourneau era uma professora de 34 anos que conheceu sua vítima, Vili Fualaau, quando ele ainda estava na segunda série. Ela começou um caso com Fualaau quando ele chegou na sexta série, aos 13 anos. Ela mais tarde foi presa por estupro de um menor de idade quando seu marido descobriu o caso. Letourneau se declarou culpada e teve que integrar um programa de criminosos sexuais com duração de três anos.

Ela foi considerado culpada em duas acusações de estupro em segundo grau de criança e foi condenada a uma pena de prisão de sete anos. Mas não resolveu! Depois de tudo ela foi encontrada se atracando em um carro com Fualaau e foi enviada de volta para a prisão. Quando libertada da prisão depois de cumprir sua sentença, Letourneau casou-se com Fualaau que também era, pai de seus filhos, que nasceram na prisão.

63- Erin “três é melhor”

Top lista de Professorinhas travessas

Erin McAuliffe, de 25 anos, foi presa na semana passada após ser denunciada por colegas de trabalho por ter feito sexo com três alunos adolescentes – dois de 17 anos e um de 16.

Erin lecionava matemática na Rocky Mount Preparatory, escola pública de ensino médio na Carolina do Norte (EUA).

A polícia investigava o caso desde o mês passado, quando recebeu a primeira denúncia.

Os alunos confirmaram à polícia ter vivido relacionamento sexual com Erin. A primeira audiência judicial do caso está marcada para esta semana, segundo a emissora WTVD. fonte

64- Dá pra passar?

Top lista de Professorinhas travessas

Uma professora foi acusada de abusar sexualmente dos seus alunos em troca de boas notas. Segundo informações do Daily Mail, a mulher é suspeita de estuprar adolescentes de 16 e 17 anos, em Medellín, na Colômbia, entre janeiro e abril deste ano.Segundo o portal, a professora abordava os alunos por meio das redes sociais, questionando se eles estavam precisando de ajuda com a “lição de casa”. Identificada apenas como Yokasta M, a mulher de 40 anos enviava fotos íntimas e propostas sexuais para os estudantes por meio do WhatsApp. A mulher então recebia os alunos em sua casa e, caso houvesse recusa em manter relações sexuais com ela, os jovens ficavam sob ameaça de perder de ano. Uma das vítimas denunciou a professora aos seus pais e a suspeita foi detida. Seu marido já pediu o divórcio e, se condenada, ela pode pegar até 40 anos de prisão. fonte

65- Manda nudes

Top lista de Professorinhas travessas

 

A professora Brittany Zamora foi presa na manhã da última quinta-feira (22) acusada de ter feito sexo com um de seus alunos, um garoto de 13 anos. A jovem, de 27 anos, dava aulas no colégio Las Brisas Academy, em Goodyear, Arizona, nos Estados Unidos. Segundo os policiais, os abusos aconteciam também fora da escola. Os pais do estudante descobriram mensagens no celular do filho e informaram o diretor do colégio, que acionou a polícia. Brittany é casada há três anos e ensinava inglês a estudantes não nativos.

66- Todo mundo sabia

Top lista de Professorinhas travessas

Presa, na última sexta-feira (22), por manter relações sexuais com um aluno de 17 anos, a professora Mary Beth Haglin, de 24 anos, disse que parte da culpa é da direção da escola, que preferiu manter o caso em sigilo para não manchar a imagem da instituição.

“Eles provavelmente sabiam desde fevereiro, quando me questionaram pela primeira vez”, disse ela, segundo o Mirror. “Todas essas pessoas sabiam o que estava acontecendo, mas fingiram não ver porque queriam proteger a escola e não queriam colocar isso no centro das atenções”, acrescentou.

Segundo o jornal “The Gazette”, a professora e o aluno começaram a ter relações sexuais em outubro de 2015. Embora a direção da Washington High School, em Cedar Rapids, no estado de Iowa (EUA), tenha ficado ciente do envolvimento, em fevereiro deste ano, e chegado a substituir a professora, a polícia não foi acionada para investigar o caso. Assim, Mary só foi presa após denúncias feitas por uma pessoa sem ligação com a instituição.

Às autoridades, a norte-americana ainda disse que também culpa relacionamentos anteriores e o ambiente escolar pelo envolvimento com o estudante. Embora alegue tantas justificativas, ela diz que não pretende fugir das acusações: “Eu não vou fugir disso. Eu estou enfrentando a cabeça erguida”.

Mary será julgada por exploração sexual de um menor. Caso seja condenada, ela pode pegar até dois anos de prisão e ter o nome incluído na lista de agressores sexuais por até dez anos. (Obs: Foi julgada pegou três anos e saiu direto para a industria porno)  fonte

67- “Matemática”

Top lista de Professorinhas travessas

Aconteceu na escola Lincoln High School, em Tacoma, nos Estados Unidos.

Meredith Powell de 27 anos, foi acusada e presa por abusar sexualmente de dois alunos.Ela enviava fotos e vídeos eróticos para seus alunos. Nos cliques encontrados pela polícia, ela aparecia de lingerie, nua e até fazendo danças sensuais. A professora foi descoberta ao trocar torpedos com a namorada de um de seus alunos, pedindo desculpas por sua conduta ‘promíscua’. A polícia confirmou o assédio e, após investigações, comprovou o abuso com fotos e vídeos com conteúdo sexual. Durante as investigações, a polícia encontrou um vídeo em que a acusada faz uma dança erótica para um de seus alunos. Nas cenas, ela inicia até um striptease. De acordo com a imprensa local, a professora admitiu sua conduta ilegal e se declarou ‘inocente’ na sexta-feira, 11. Powell foi acusada de estupro e já está presa. Ela usava o Snapchat para seduzir seus alunos. fonte

68- Rapidinha

Top lista de Professorinhas travessas

Uma professora de 23 anos foi presa por ter tido relações íntimas com seu aluno de 18, apenas 7 meses depois de ter se casado com outro homem. Jessica Bonnett Acker estava trabalhando na Escola Bryant, no Alabama, nos EUA, quando o incidente aconteceu. A professora e o aluno foram interrogados pela polícia, que acabou prendendo Jessica pelo adultério e desvio de conduta. Acredita-se que a professora tenha se casado no dia 31 de maio de 2014. Jessica renunciou ao cargo na escola depois que as revelações se tornaram públicas. fonte

69- fotinha só de calcinha

Top lista de Professorinhas travessas

Jessie Lorene Goline, de 25 anos, foi presa na última quarta-feira (20) após ser denunciada pelo pai de um dos quatro de seus alunos em que ela levou para cama. As informações são do R7.A professora americana que também é casada enfrenta acusações de abuso sexual em primeiro grau.Um dos alunos interrogados pela polícia afirmou que a professora mandava mensagens de cunho sexual, que se tornaram cada vez mais picantes. “Queria ir para cama com você, mas você é muito jovem”, diz ela em uma das mensagens.Ainda segundo o aluno, Jessie pedia para que ele fosse ao apartamento dela, onde acabaram mantendo relações sexuais.A professora foi acusada de transar com outros três adolescentes, que estudavam na escola onde ela trabalhava. Um deles revelou à polícia que Jessie enviava fotos de calcinha, além de levar dois estudantes para casa, em um único dia.Após o escândalo vir à tona, a professora foi xingada e insultada nas redes sociais, deletando sua conta no Facebook. Jessie foi solta após pagar fiança de aproximadamente 15 mil. O julgamento da professora está marcado para o dia 31 de outubro. Se condenada, ela corre o risco de pegar de 10 a 40 anos de cadeia ou até prisão perpétua.

70- Allena Ward

Top lista de Professorinhas travessas

As autoridades dizem que Allenna Ward, de 24 anos, abusou dos jovens (com idades entre 14 e 15 anos) em Laurens, na Carolina do Sul (nos Estados Unidos), em diversas ocasiões -num motel, num parque e num restaurante.
“Peço desculpas do fundo do meu coração”, afirmou Ward perante os juízes.
A polícia iniciou a investigação no ano passado, após diretores da escola terem encontrado um bilhete que teria sido escrito pela professora a um dos garotos.

“Sinto que a Justiça foi feita”, disse a irmã de uma das vítimas ao final do julgamento. “Estamos satisfeitos que isso acabou.” fonte

71- Com dois

Top lista de Professorinhas travessas

Uma professora americana foi presa após ser acusada de ter relações sexuais com dois alunos, dentro de um escola de Chicago, nos Estados Unidos. Os estudantes eram menores idade. June Kendall, de 29 anos, foi denunciada às autoridades por uma testemunha que flagrou uma troca de mensagens entre ela e um dos rapazes, na última segunda-feira, combinando um encontro sexual. As informações são do jornal “Chicago Tribune”. De acordo com a publicação, a professora fez amizade com os rapazes no ano passado. Eles, então, passaram a trocar mensagens íntimas pelo aplicativo Snapchat, por meio do qual ela chegou a mandar fotos nuas para os jovens e propor um encontro sexual com um deles.  Na última segunda-feira, Kendall transou com os dois estudantes, em momentos diferentes, dentro de uma salinha anexa à sua sala de aula. O caso foi descoberto por uma testemunha que flagrou a mulher trocando mensagens com um dos rapazes combinando o encontro sexual. Posteriormente, a testemunha diz ter visto o aluno entrar na tal salinha e ficar por cerca de meia hora sozinho ali dentro, com a professora. A testemunha procurou a administração da escola que, no dia seguinte, abordou o aluno. O rapaz, então, confirmou o encontro íntimo com a professora. Ela acabou denunciada para a polícia e presa.  A professora segue detida e ainda não falou com a imprensa sobre o caso. fonte

72- O Carro do prazer

Top lista de Professorinhas travessas

Alice McBrearty, de 23 anos, usou as redes sociais para entrar em contato com o garoto de 15 anos e os dois saíram juntos para jantar. Ela também lhe comprou presentes, segundo foi informado. A professora o beijou em uma sala de aula, o levou para um motel e teve relações sexuais com ele – como um “presente de aniversário”. Ela também levou o adolescente para a casa de seus pais em Manor Park, East London, onde eles fizeram sexo. Ela foi presa em Snaresbrook Crown Court, onde ficará detida por 16 meses, depois de ser declarada culpada por sete acusações de atividade sexual com um aluno menor de idade. fonte

Related Post

12 comentários em “Top lista de Professorinhas travessas”

  1. JÁ SEI, vai dizer que fez de propósito pra ver se a gente estava prestando atenção, não é? Deu certo. Eu estava. Você repetiu a mesma história nos textos 21 e 24.
    Voltando aos textos, você deve ter percebido que a maioria das gurias foram “entregues” por pura “dor de cotovelo” de uns e outros, né mesmo?
    Quem é que não ia querer uma “boquinha” dessas, nespá?
    Vai dizer que nunca ficou de zóio naquela gostosa!

  2. Caramba. O que eu não daria para ter uma professora dessas naquela época. Iria manter no mais absoluto sigilo e se alguém dedurasse, iriam ser dois presos e um no hospital, depois da surra que eu desse no dedo-duro.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

shares