Red Sonja – Mais uma escultura

Um cliente colecionador apaixonado pela Red Sonja *(quem não é?) me pediu que fizesse uma escultura da icônica personagem.

A personagem

Chafurdando na ignorância de sempre, eu pensei que a Red Sonja fosse uma personagem do mesmo criador do Conan, o Robert E. Howard. Mas na verdade ela é uma criação de Roy Thomas para a Marvel Comics. De fato ela é uma versão feminina do Conan, por ser uma guerreira irrascível e indomável, e viver também na Era Hiboriana. No fundo, há algo ali do DNA do E. Howard, porque segundo consta, a Sonja é baseada em uma personagem dele, chamada “Red Sonya de Rogatino”, do livro “The Shadow of Vulture”.  A Red Sonya, era uma personagem de fantasia situada na Renascença, que Roy Thomas reescreveu como uma história de Conan para a Marvel Comics e que foi publicada na edição numero 23 (1973) da revista do Cimério. Para forjar a Sonja, Thomas também se baseou em outra personagem de Howard, chamada Dark Agnes de Chastillon, uma espadachin francesa do século XVI.

Sonja é nascida em uma família bastante modesta, e sua mãe era uma mulher de grande fibra. Já seu pai, um mercenário aposentado. Juntos com seu dois irmãos, eles compunham um lar feliz.

Todos os dias, o pai de Sonja pacientemente ensinava aos filhos homens o manejo da espada, enquanto à menina só era permitido assistir às instruções. A bela ruiva, contudo, não aceitava aquilo e, quer por orgulho, quer por ciúme dos seus irmãos, todas as noites saía escondida para praticar o que lhe era proibido. Treinando sozinha.

De repente, num agradável dia de outono, uma tropa de mercenários surgiu das montanhas. Eram antigos companheiros de seu pai, convidando-o a unir-se a eles para a campanha de inverno, onde iriam agir no reino de Khitai. Recusando o convite, o velho foi morto pelos ex-companheiros. Em seguida, os criminosos chacinaram sua mulher e filhos, e o líder deles violentou a linda Sonja. Depois atearam fogo à casa.  Os mercenários partiram e, por milagre, a jovem ruiva conseguiu escapar das chamas, enrolando seu corpo em um cobertor molhado. Deixando a casa, desesperada, ela tombou no chão quase desfalecida, quando a visão de uma deusa chamou-lhe a atenção. Com uma voz que lembrava música e o ribombar de trovões, a divindade falou à jovem que poderia conceder-lhe força para vencer seu sofrimento e assumir a emocionante vida de guerreira. Para que isso acontecesse, Sonja teria que fazer um juramento de jamais permitir que homem algum tocasse seu corpo, a não ser aquele que a vencesse numa batalha. Aceitando as condições propostas a ruiva foi tocada pela espada da deusa e, a partir de então tornou-se outra pessoa. Cheia de coragem e empunhando uma lâmina como ninguém, ela saiu a vagar por todo o continente, oferecendo seu serviços de guerreira ao exército que melhor lhe pagasse.

Em resumo, um ótimo personagem com um belo background, o que nos leva a estranha conclusão de que há algo errado em Hollywood, pois com um personagem desses dá pra fazer um filmaço. (não aquele lixo de “Guerreiros de fogo”, com o Conan Genérico)

Sacanagem o filme ser da Sonja e metade do poster é o Arnold.
Sacanagem o filme ser da Sonja e metade do poster é o Arnold.

Há quem diga que Sonja é uma das primeiras heroínas “empoderadas da história”. outros Atacam sua excessiva sensualidade como uma submissão aos padrões culturais patriarcais vigentes e blá,bla,blá-não-pode-ser-gostosa-nhé-nhé-nhé. Alheio a tudo isso, está a Guerreira na Era Hiboriana, lutando cotra monstros, demônios e criaturas fantásticas, numa eterna vingança do trauma da destruição de sua família e corrupção de seu corpo infantil.

A escultura

Como cliente que eu gosto é cliente que me larga solto pra fazer “o que eu achar melhor”, eu rapidamente resolvi que ia fazer essa peça num estilo de simetria espelhada. Pensei na Sonja com duas adagas grandes em cima de uma pilha de ossos (bem Hiboriana). Eu esculpi a peça numa tacada só no Zbrush. Fiz relativamente rápido, ao todo deu cerca de doze horas de modelagem.

sonjmodel3dlo

Próximos passos

O passo seguinte deverá ser definir com o cliente se essa peça será impressa em 3d na escala de 1/4 ou 1/8. Eu torço por uma peça grande, para realçar os detalhes. Devo pintar ela em 3d para o cliente ver uma simulação de como pode ser a peça finalizada. Assim que eu tiver feito isso, eu atualizo o post com a imagem dela aqui.

sonja8 sonja7 sonja4 sonja5_full

fonte

Related Post

1 comentário em “Red Sonja – Mais uma escultura”

  1. Comentário extremamente “avultozo” (não sei o que quer dizer isso mas pareceu bem apropriado, hehe), sobre o assunto todo.
    Ficou top….”bala”, como dizia um amigo meu! Se eu tivesse grana encomendava uma!

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

shares