Pescar: A velhinha boa de anzol

Se eu te dissesse que existe uma velhinha com 85 anos de idade consegue pescar peixes que deixariam os mais experientes pescadores profissionais boquiabertos, você acreditaria? Pois é.

Pescar: A velhinha boa de anzol

O nome dela é Janette Larsen e esta foto acima mostra o peixão (um linguado gigante) com 40,8kg que ela pegou sozinha, num rio do Alaska. Provavelmente Janette é a mais idosa pescadora do mundo. Ou talvez não, já que muitos idosos da Florida passam finais de semana em pesque e pague. De qualquer forma, se ela não for a pescadora mais velha do mundo, com certeza é a que foi melhor sucedida.

Pescar: A velhinha boa de anzol

A vovó e fera em pescar e preparar os peixões. O freezer dela sempre tem peixe para fazer sucesso nos almoços para a família.

Pescar: A velhinha boa de anzol

Olha o tamanho desse salmão! Imagina o tamanho do filezão grelhado com molho de alcaparras que isso dá…

Pescar: A velhinha boa de anzol

Pescar: A velhinha boa de anzol

Não dá pra ser apenas sorte. O fato é que ela é fera mesmo. Eu gostaria de saber que tipo de equipamento de pesca que ela usa: Vara, molinete, linha, anzóis e principalmente, as iscas.


No site dela tem mais fotos de peixões.

Related Post

6 comentários em “Pescar: A velhinha boa de anzol”

  1. Cara, isso é montagem! Dá pra ver de cara que os peixes tem um aspecto estranho. A luz que bate neles não é igual ao resto do cenário. E a velhota nunca toca nos peixes. Eles sempre estão na frente de tudo. Pra mim, é fake.

  2. Galera, vocês são descrentes demais. A velha não toca os peixes porque ela não precisa tocá-los, já que estão suspensos por cordas. Sem falar que uma velha dessa idade não aguentaria levantar esses animais com um braço só.
    Como assim o peixe tem aspecto estranho? deve ser problema do seu monitor, porque no meu está certinho. O peixe é totalmente coerente com a iluminação e inclusive tem reflexão da cor da roupa dela na superfície dos peixes.
    Veja esta foto do site dela. è totalmente coerente. Ela reflete no peixe e ainda por cima a sombra do flash projeta a sombra da corda na roupa dela.
    http://www.al7fs.us/65140001%20crop.jpg

  3. Além do mais ela pesca isso no Alaska, onde quase não tem ninguém e a natureza está quase intocada. Os rios lá são lotados de peixes de água fria como o salmão.
    Então, nem é tão difícil quanto parece.

  4. Os peixes são 2-D demais! Vcs não acham estranho eles sempre estarem perfeitamente de lado em todas as fotos? A minha língua pode pagar, mas ainda acho que é balela!

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

shares