Mum Rá final

Após a etapa de pintura, eu precisei remodelar os dentes. Fiz os dentes com epóxi direto sobre a boca de silicone. E descobri que é muito difícil de esculpir sobre algo mole assim. Após a dentadura de epoxi secar, eu retirei e usei um silicone denso de impressão odontológica para gerar uma forma instantânea dele. Com a forma nas mãos, eu coloquei resina autopolimerisável ali dentro e esperei catalizar. Isso resultou numa dentadura idêntica a que eu tinha feito em epóxi pra ele, só que na cor de dente, com a translucidez correta do dente e até com gengiva, também de polímero. Usando silicone eu prendi no lugar, onde havia premeditadamente deixado dois pontos de encaixe.

Depois dos dentes foi a vez dos olhos. Com o mesmo silicone denso odontológico eu tirei uma forma das esferas de rolamento que usei como olhos. Assim, eu garanti que o globo ocular encaixaria com precisão nas órbitas de silicone. O processo de criação do olho foi idêntico ao que eu usei la no lobisomem sinistro, gerando uma lente de resina de poliéster cristal. Deixei catalisar e depois apliquei com muita facilidade nos buracos das órbitas. Engraçado que o olho é gigantesco perto da cara do boneco,  mas como o material estica pra dedéu, entra com a maior facilidade. E como é esférico, permite até o reposicionamento.

Em seguida, eu achei que tava muito simples o processo e resolvi testar também a técnica de colocação de pêlos, que é uma das coisas mais chatas que existe. Eu nunca havia testado este material pra isso e sempre tive curiosidade de saber como seria. E realmente… É como todo mundo da área de FX diz: Um saco! Fiz essas sobrancelhas no Mum Rá, o que o deixou um pouco diferente do conceito original, mas era uma oportunidade de testar. Os pelos são fiapos de um pincel velho que eu tinha aqui. No caso a gente planta o pelo com uma agulha, de um em um. Tem que ter uma paciência de chinês, porque eu fiz com agulha normal e pra isso é necessário uma agulha especial. Eventualmente damos a sorte de espetar uns três ou quatro e isso faz um tufinho.

Eu ia cortar os pêlos, pra deixar mais humanizado, mas então me peguei admirando como aquilo deixou uma coisa meio exótica, meio animal no Mum Rá e resolvi deixar.

Também usei aquela fibra que não sei o que é, parece um nylon ou fibra de vidro, que vem dentro dos cabos de rede. Eu tinha um monte aqui que sobrou dos cabelos da vovó elfa. Desses eu usei só uns fiapos, como se fossem uns tufos que sobraram da decomposição do Mum Rá, que tem trocentos mil anos.  Queria que ficassem bem sutis.

A parte das bandagens são feitas com… Bandagens de verdade. Comprei na farmácia um rolinho pequeno de gaze, e cortando ao meio consegui amarrar ao redor dele. Mas com a gaze nova tava parecendo mais um paciente hospitalar pirado, e então eu tingi a gaze, envelhecendo ela usando aquarela nas cores ocre e marrom.

Como eu estava sem tempo de comprar tecido pra fazer a capa, usei o que estava mais a mão, que era um velho pano de chão que me pareceu bem apropriado pois tinha uma trama bem esparçada. Bem rudimentar, uma coisa que me pareceu compor legal o visual da múmia. Eu tingi o pano de chão usando uma mistura de água, tinta acrílica de tela e tinta de tecido.  No processo, acidentalmente tingi também o tupperware da minha mulher e tomei uma bela bronca.
Após o tecido secar, ele não ficava legal nem por decreto como um manto e então eu tive uma sacação de misturar cola PVA com água e embeber o tecido com a mistura. Uma vez molhado, consegui modelar manualmente o drapeado, gerando um “peso” que o pano não tinha originalmente. O resultado foi este aqui em baixo. Depois foi só deixar o boneco no sol algum tempo pro tecido guardar na memória a posição.

Mum Rá final

Mum Rá final

Mum Rá final

Mum Rá final

Mum Rá final

Mum Rá final

Pra fechar, um videoclipe do nosso vilão.

É isso aí. Espero que tenham gostado. Um abraço e até o próximo boneco.
Ah, talvez eu coloque o Mum Rá a venda em edição limitada de 5 peças -(R$200,00) que financiarão o próximo boneco. Ainda tô pensando se farei isso ou não

Related Post

15 comentários em “Mum Rá final”

  1. Ótimo, e deu um certo medinho desse Mum-Rá, e pegou bem a expressão!
    Imagino que se fizerem um filme em 3-D o conceito será exatamente esse, sem tirar nem por.

  2. Wow, wow, wow!!
    Que incrível!! A pele e os dentes ficaram… Wow. Tipo… ele tem PÓROS.
    Mas eu não gostei dos pêlos, de verdade…Sabe, para vender, acho melhor não colocá-los.

    Última foto = Mum-rá with lasers!!!

  3. kkkkkkkkkkkk

    Cara, admiro muito seus trabalhos e você fez bonecos incríveis como o lobsomem e aquele dinossauro que saia da água, mas esse Moom-Rá…

    kkkkkkkkkkk

    Juro como tô achando parecido com um gato deformado! Mistura de gato deformado com fofolete!

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Sério cara, espero que vc e os outros leitores não fiquem chateados com a sinceridade da crítica, mas o boneco ficou meio “rechonchudo” demais, dentes muito grandes… E aquelas sobrancelhas arrepiadas?

    Na boa, vc sempre faz bonecos incríveis, mas pra esse eu dou nota 5

    E como vc mesmo falou, vc fez o negócio todo usando sobras e com orçamento apertado, então é compreensível que este trabalho não tenha ficado tão bom quanto os outros.

    Abração e felicidades.

    😉

    • Tb acho que poderia ter ficado mais legal. Com as coisas que eu notei que podem ser aperfeiçoadas no processo, acho que vai dar pra chegar num bom resultado de realismo. Vou me empenhar mais no próximo. Fica ligado que eu acho que você vai curtir. Esse foi mais de estudo e testes mesmo. Fico feliz de ver que vc foi sincero e não tem medo de expor o que pensa. Se não curtiu, tem que dar pedrada mesmo. Senão eu não consigo evoluir.

  4. então philipe … já que o de cima já apedrejou o que tinha que apedrejar posso arriscar a umas dicas ?

    o tecido da mumia ficaria melhor se fosse gaze hospitalar … a sombrancelhas ficou como os bigodes de um gato … fios muito longos e muito separados … na minha opinião ficaria melhor com mais fios e fios mais curtos …

    falow philipe … e se for por duzentinhos eu quero

    • Eu até tentei ver se a gaze ia ficar legal, mas ficava muito parecido com as ataduras dele. Talvez veludo vermelho ficasse mais maneiro. Mas não sei se funcionaria moldar o drapeado como deu nesse tecido de algodão. Estou pensando aqui em fazer uma outra copia, tipo “mum ra classic” a partir dessa fôrma com ele cinza mesmo e com aqueles dentes estranhos do desenho, o olho do jeito do desenho e etc.

  5. Show, ficou bem natural, bastante “substancioso”. A transluscência ficou nota dez, e essa terceira foto, a pesar de estar com uma iluminação menos dramática, parece demais coisa orgânica! Lembra nosso amigo Sméagol. Talvez por causa dos olhos, eles ficaram puxando um pouco pro humano, com a esclera branca.
    Aliás, como é que vc faz pra eles saírem do molde lisinhos assim? Fiz um trabalho na faculdade uma vez onde a gente usou moldes de silicone pra fazer cópias de resina de algumas peças, mas elas sempre saíam meladas, e enquanto secavam acabavam meio enrugadas e foscas…

  6. Mudando de assunto um pouquinho, poderia rolar um boneco do nosso Zumbi preferido neh Philipe.

    Já estou com saudades das aventuras.

    Vai rolar a sequência?

    Abraços

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

shares