Estamos de volta, finalmente!

Ao longo dos treze anos desse blog, eu tive muito trabalho. Entre posts que sozinhos ocuparam mais de 150 paginas de word e artigos que eu levei semanas inteiras vasculhando histórias e fóruns russos, para criar, eu já ralei muito aqui mas não me recordo de ter tido tanto trabalho nesse site até hoje. A razão para todo este trabalho, foi uma migração para um novo servidor, instalação de um novo tema de wordpress, otimizações de velocidade e performance, e soluções de alguns bugs. Em alguns momentos o trabalho foi tão cansativo que cogitei desistir e apagar este site.

Um dos maiores problemas que tive que resolver está relacionado ao volume incomensurável de  imagens do Mundo Gump. Com 13 ano nas costas e milhares de imagens linkadas no banco de dados, esse troço começou a ficar tão monstro que estava dando problema. Ocorre que o wordpress cria um monte de replicas para cada imagem enviada ao blog. E foi assim que o numero de arquivos de imagem do Mundo Gump ultrapassou a marca de um milhão e lá vai bolinha imagens. Fazer um site com tantas imagens carregar rápido é um belo desafio de gerenciamento de dados.

Em termos de layout, você notará que pouca coisa (intencionalmente) mudou. Eu não mexi no que funcionava. Se você conhece bem o mundo gump, sabe que isso aqui que você vê quando entra é basicamente um iceberg de conteúdo. Como todo iceberg que se preze, o Mundo Gump  só mostra uma pontinha do que ele realmente é. Para dar uma ilustrada melhor em como tem bagulho aqui neste blog, eu criei quatro portais temáticos que tratam dos eixos que norteiam o Mundo Gump: Artes, Textos, Descobertas e Mistérios. Fique à vontade para clicar em cada um desses links e ver uma pequena fração do que eu já produzi para cada eixo.

Questões eternas

Algumas questões do Mundo Gump parece que serão eternas. Me refiro ao problema com as imagens. Desde 2006, após reviravoltas, mudanças de servidores, backups corrompidos e serviços interrompidos port empresas canalhas, perdemos milhares de imagens que (quase sempre) eram de posts antigos, anteriores a 2011. Encontrar essas imagens e consertar esses posts é uma tarefa que demanda muito tempo, coisa preciosa, que tenho cada vez menos. Portanto, não se espante ao achar paginas sem imagens ou com links de imagens quebrados. Ainda tenho mais coisas para ajustar, que farei com calma ao longo deste mês.

Related Post

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

shares