Coma manteiga! Propagandas antigas eram bizarras

Olha só a propaganda, meu!

 

manteguinha

 

hahahaha olha o naipe da “dica nutricional”:

“É por isso que você deve comer o máximo de manteiga possível para lubrificar suas artérias e veias!”

Antigamente rolavam tb uns brinquedos Gump do nível deste laboratório atômico, com produtos realmente radioativos!

acgilbertset

E as propagandas de cigarro? Hahaha rolava ALTAS pérolas, com médicos receitando cigarros, e até bebês pedindo para o pai fumar:
propaganda-antiga-cigarro-5 0,,15659653-FMM,00

 

As propagandas antigas também eram boas para demonstrar a idealização e o “lugar” da mulher naquela sociedade machista da época:

propagandas bizarras (5)

propagandas bizarras (6)

Related Post

14 comentários em “Coma manteiga! Propagandas antigas eram bizarras”

  1. Por incrível que pareça, manteiga é BOM sim pra sua saúde: http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2014/06/o-fim-da-guerra-gordura-reportagem-da.html

    • Eu não estava vivo nessa época. Mas tendo por base quem conheci que estava vejo que muita coisa evoluiu.
      O professor do colégio do meu pai fumava dentro da sala de aula, isso ele tinha 14, 15 anos.
      Preconceitos em geral são mais enraizados em pessoas mais antigas.
      Há 60 anos bebes pedindo para os pais fumarem e homens pisando na cabeça de mulheres.
      Há 150 os reféns africanos ainda eram escravos.
      Acho que não sofro muito do “efeito nostalgia”, pois não acho que as gerações antigas eram melhores em absoluto do que a nossa.

  2. Muito curioso, isso me faz imaginar o que as pessoas do futuro dirão sobre a nossa época… Imagino algo do tipo: “nossa, eles iam de carro só para correr em uma esteira…”, “impressionante o tanto de agrotóxicos que utilizavam!”.

    As propagandas com mulheres eram muito machistas, mas hoje não é incomum se deparar com anúncios nos quais os homens são burros, preguiçosos ou submissos às mulheres (há alguns dias vi outdoor com um homem sentado e agarrado aos pés de mulher, por exemplo).

  3. Ho! eles pagavam para freqüequentar academia enquando podiam se exercitar em casa ou no trabalho mas reclamavam do chefe quando dava uma tarefinha de merda que fosse mais pesadinha? ha ha!

  4. Não sou feminista (e às vezes acho que algumas coisas chegam às raias da paranóia), mas aquelas da “pele de tigre” e do cara batendo na mulher… Tsc, tsc!
    A do bebê, também! Lamentável!

  5. mesmo hoje ainda existem o pensamento e praticas machistas. A diferenças são as formas de ocultação mais ou menos sutis. assim também muitas propagandas atuais não deixam de expressar a ideologias machista/ sexista.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

shares