Alien – Parte final

Olá, pessoal. Promessa é dívida.

Aqui está (aos trancos e barrancos) a parte  de conclusão do boneco do alien.

Se você não viu as partes anteriores, aqui estão a parte 1 e a parte 2 e a parte 3.

Hoje de manhã ele estava assim:

%name Alien   Parte final

O boneco já estava assado e pronto para a pintura. Comecei aplicando uma camada de tinta preto-ébano acrílico. Eu uso muito essas tintas acrílicas de tubo, que se usa para pintar tela. Elas são espessas e brilhantes, mas podem ser diluídas facilmente com água. Não fedem como o óleo e o esmalte e pelo fato de estarem em tubos duram muuuito, o que é economicamente um bom negócio.

%name Alien   Parte final

Esta primeira capa de preto tem que ser com a tinta bem diluída, porque o boneco tem particularidades de muitos detalhes, e se a tinta estiver grossa demais, pode cobrir os detalhes finos como se fosse uma massa, (isso é um efeito colateral útil quando a peça tem pequenas rachaduras) mas neste caso aqui teve que ser bem diluída mesmo.  EU uso um secador de cabelos para aquecer o boneco um pouco antes de pintar, de maneira que quentinho, a tinta adere melhor a ele (não sei o porquê disso)

%name Alien   Parte final

Eu poderia ter usado o aerógrafo para acelerar esta etapa, mas como eu estava sob suspeita de penumonia, preferi não arriscar e fui com pincel mesmo.

%name Alien   Parte final

%name Alien   Parte final

Após mais ou menos meia hora, ele já estava todo pretinho. Sob a luz da mesa, parece um pretão chapado, brilhante. Mas essa tinta da um aspecto acetinado quando na luz do dia. Veja:

%name Alien   Parte final

Dá pra ver melhor o preto no detalhe abaixo:

%name Alien   Parte final

Após chapar o boneco todo de preto uniforme, eu acelero a secagem com o secador de cabelos e preparo um cinza fechadão. Na verdade, o tom de cinza que eu preparo é tão fechado que fica difícil de notar ele na peça, já que é quase um preto desbotado. Com a técnica do o pincel seco, eu “sujo” a superfície do boneco toda, com pinceladas rápidas feitas com um pincel de ponta plana. Eu vou intercalando essas aplicações de pincel seco no boneco, e com elas vou realçando os detalhes, dando sombra, criando profundidade em camadas na peça.  Isso nos permite “ver” melhor o alien.

%name Alien   Parte final

Partes mais fundas como o interior dos vãos entre as costelas, ficam no preto e isso ressalta os ossos.

%name Alien   Parte final

Depois que as camadas de tons de cinza secam completamente, vem o efeito que é o que eu considero que realmente “faz” o alien ganhar vida. Eu preparo uma combinação de tons terrosos e de sombra queimada, diluo bem e aplico com uma aguada sobre o boneco todo. Isso funciona como se fosse um layer de ferrugem no xenormfo, que por estar bem diluída fica transparente, mas aparece sob certas incidências da luz.

%name Alien   Parte final

Depois que esta camada seca, ela fica muito parecida com o tom que o monstro tem no filme, sobretudo no primeiro. Esta camada de tom oxidado é o que contribui ara que o Alien se confunda com as ferragens das aparelhagens da Nostromo.

%name Alien   Parte final

%name Alien   Parte final

Com tinta esmalte prata, eu pinto cada um dos dentes individualmente. Para isso uso um pincel bem fino. (não recomendo tentar fazer isso tossindo feito o catiço)

%name Alien   Parte final

Quando eu acho que o tom geral do boneco está bom, eu uso o “macete especial Giger”.

Pego velho lápis 6B e raspo ele numa folha de papel.

%name Alien   Parte final

Eu raspo muito mesmo. Essa etapa aí da foto é só o inicio da raspagem. Raspo até ficar pretão. Então, esfrego o dedo ali e com ele sujo de grafite, começo a esfregar o boneco, “polindo ele” com o grafite. Isso faz com que o alien ganhe um tom metálico que fica EXATAMENTE igual ao do bicho do filme. (vendo ao vivo, o efeito é muito, muito maneiro mesmo!)

%name Alien   Parte final

Veja como ficam os detalhes ressaltados com o pó do grafite:

%name Alien   Parte final

%name Alien   Parte final

Depois de valorizar os detalhes com o polimento de grafite, eu pintei as unhas do alien. Olhando os fdrames do filme, vi que a unha doi alien tem uma espécie de cor que varia entre casca de barata e bronze. Para chegar nesta cor, e manter um aspecto orgânico, eu usei um macetinho.

Primeiro pinto de prateado. O mesmo tom dos dentes. (fica estranho, eu sei)

%name Alien   Parte final

Depois eu pinto com uma camada de sombra queimada diluída em cima. Veja como muda o visual:

%name Alien   Parte final

Mas isso é só a base. A unha vem sobre isso aí. Aqui está o Macete Giger numero 2. Usar um produto que seja translucido o suficiente para parecer silicone polarizado orgânico.

Procurei na minha caixa de bagulhos e voltei com um produto químico bi-componente que é uma borracha de poliuretano. Esta borracha é caríssima, pois é usada para fazer fôrmas de concreto e gera um borrachão forte pra dedéu. Mas quando começa a reagir, ele tem uma fase que fica gosmento demais.

%name Alien   Parte final

Sua cor é âmbar e parecia ideal e suficientemente legal para eu correr o risco de usar esta coisa no alien. Após misturar num copinho e esperar alguns minutos a reação começar, usei um instriumental de dentista para aplicar uma camada do composto orgânico sobre as unhas.

%name Alien   Parte final

Quando chegou no ponto de gel, eu usei um pincel velho para aplicar uma camada espessa dessa gosma de aspecto orgânico na cabeça do alien. Olha que efeito curioso que deu:

%name Alien   Parte final

A gosma grossa estava tão espessa que não escorreu, e formou uma espécie de carapaça-mole-translúcida com um brilho-molhado sensacional.

%name Alien   Parte final

A camada espessa ajudou a dar uma alisada nas imperfeições do crânio. No monstro original, o Giger usou um domo acrílico de vaccum forming nesta parte.

Com uma pequena quantidade de resina de poliéster cristal, eu gerei o material da  famosa baba do alien. No filme, para fazer esta baba os caras batiam glicose com amido de milho. Esperei gelificar e com um instrumental, modelei a baba.

%name Alien   Parte final

%name Alien   Parte final
%name Alien   Parte final

Com o alien praticamente pronto, eu comprei uma base nova para ele.

%name Alien   Parte final

Apliquei um selante e pintei com tinta acrilica preto-fosco de um tipo diferente da usada no alien. Para poder destacar o alien da base.

%name Alien   Parte final

Após esta parte, vem a etapa mais estressante de fazer um boneco: Tirar ele da base de modelagem, para colocá-lo na base final.

%name Alien   Parte final

Usei um alicate, molhei a base e com muito jeito consegui remover o boneco da base de construção. (como esta era uma etapa crítica, não pude fotografar)

%name Alien   Parte final

Com a retifica eu marquei os pontos de contato dos pinos na base final e com super bonder, prendi bem o boneco na base. Agora que estava assado, eu não precisava mais de três apoios, e isso me permitiu deixar o alien com um dos pés no ar, o que deu uma sensação de leveza e dinâmica na peça.

%name Alien   Parte final

 

%name Alien   Parte final

Com os meus alicates, eu estabilizei o boneco até que a cola “fizesse sua parte”.

%name Alien   Parte final

E finalmente ficou pronto. Guardei a bagunça e fiz as fotos da peça:

%name Alien   Parte final

 

%name Alien   Parte final
%name Alien   Parte final

%name Alien   Parte final
%name Alien   Parte final
%name Alien   Parte final
%name Alien   Parte final

%name Alien   Parte final

%name Alien   Parte final

%name Alien   Parte final

Devido a sua cor peculiar, este boneco é um pesadelo para fotografar.
%name Alien   Parte final

%name Alien   Parte final

Aqui da pra ver os detalhes da coluna:
%name Alien   Parte final

E da cauda:

%name Alien   Parte final

Achei que como o pé levantado, a posição deu um gás na parada.
%name Alien   Parte final

O brilho do grafite, que varia de acordo com a posição da luz é um efeito muito bacana. Dá um contraste maneiro com a aparência pegajosa do domo.
%name Alien   Parte final

Aqui o alien visto de lado:

%name Alien   Parte final
%name Alien   Parte final
%name Alien   Parte final

Nas imagens de super close dá a sensação que ele vai atacar.

%name Alien   Parte final

%name Alien   Parte final

Bem, é isso. O alien acaba aqui. Espero que tenham gostado e se divertido de ver o monstrinho nascer tanto quanto eu. Até o próximo boneco.

Artigos relacionados

Comments

comments

64 comentários em “Alien – Parte final”

    • Valeu mesmo, cara. Esse deu trabalho, mas foi gostoso. Adoro o xenomorfo. Tem gente que tem asco. Mas eu teria uma porra dessa tamanho natural no meu escritório se coubesse.

  1. Realmente um magnífico trabalho. Acompanhá-lo através de suas descrições e fotos detalhadas torna-o ainda mais admirável. Obrigado mesmo por compartilhar! 😉

  2. Olá, acompanho o seu trabalho a 2 anos, e queria saber se você também faz bonecos de pessoas reais, como o Humberto Gessinger por exemplo…
    Obs.: Sinto falta do ‘contos do mundo gump’

    • O único boneco de pessoa real que eu fiz, foi o do Terry O´Quinn do Lost. Acho que não sou bom neste tipo de escultura. Preciso estudar mais, treinar mais.

    • Prometo que coloco um conto novo ainda esta semana. O boneco e as ferias atrapalharam colocar mais contos. Agora que o boneco acabou e voltei à ativa, vou colocar mais contos.

    • Não é impressão não. Ele não é tão detalhado quanto os bonecos da sideshow mesmo. A razão disso é que a Sideshow faz bonecos para colecionadores onde cada peça custa centenas de dólares. É um mercado milionário. Por isso, eles levam meses e meses para fazer uma peça, cuja matriz quase sempre é de cera. Já este boneco é um passo-a-passo aqui pro meu blog, cuja razão de ser é apenas demonstrar o processo de construção. Não é uma matriz e nem uma peça comercial para os aficcionados. Enquanto uma peça da sideshow pode levar até mais de um ano sendo feita, este aqui foi (tirando o falecimento do meu avô e minha viagem de férias) feito em dois dias e meio.

      Mas descontando tudo isso tem o mais óbvio. Os caras da Sideshow são muito mais fodas na escultura do que eu jamais conseguirei ser.

      • nao precisa magoar .a minha verdadeira duvida e: as fotos fazem justiça a beleza da peça ?eu tambem faço minhas miniaturas so que de durepoxi e ficam ate legalzinhas mas quando tiro fotos parece que a camera capta so os defeitos do brinquedo tanto que as mesmas pessoas que elogiam a peça na acreditam que seja a mesma quando ve as fotos e olha que eu improviso ate um mini estudio aqi em casa  para tira-las.e muito bom o que voce faz e as capas da ufo ficaram bem melhor com a sua arte.

        • Não maguei. Como eu disse, este tipo de escultura e as peças da sideshow são coisas bem distintas, tanto no material, nos processos, na qualidade e também no grau de detalhamento. Eu já havia notado isso que vc falou, sobre a foto nem sempre conseguir passar a percepção de como é de fato a peça. Eu acho que peças pequenas,sofrem por usarmos a foto em macro. O macro distorce a perspectiva. Em certos casos, o boeco parece sair um pouco deformado. Em algumas fotos desta peça em questão, o braço da frente parece ser três vezes maior do que na verdade é. Por ser uma peça comprida, o macro que eu uso para registrar os detalhes sacaneia tudo. Eu vi que tirando a foto de longe, tipo de uns cinco metros, com a maquina fora do macro, em foco no infinito, mas com o zoom fechado na peça, ela recupera a distorção.
          Um outro problema é que nossa visão é tridimensional. O cerebro mistura as informações de duas fontes de dados separadas para montar uma imagem. Quando a gente faz a foto, limitamos isso a uma só fonte de dados. Acho que este é o maior dos problemas. Eu havia prometido fazer uma foto estereografica deste boneco, mas como terminei ele quase meia-noite e queria cumprir minha promessa de postá-lo, não fiz a foto. Vou tentar fazer hoje para ver se olhando ele em 3d ele parecerá melhor ou não.

  3. Muito bom mesmo, cara. Estou impressionado. Gosto muito do seu blog e espero um dia poder ser capaz de fazer um trabalho tão bom quanto esse. Pretendo estudar design e o seu blog é uma fonte incrível de conhecimentos. Parabéns pelo awesome work!

  4. Phillipe! curti muito a peça, principalmente os detalhes intricados do corpo, a cauda e a cabeça, ficaram sensacionais! as únicas coisas que eu não gostei muito foi a mão do braço esticado, por que a posição que ela ficou não favoreceu muito a idéia de agressividade que a postura do boneco indicava (se ela tivesse mais “contraída” talvez ficasse melhor) – outra coisa! as aberturas dos 4 canos nas costas dele estão muito arredondadas e pouco detalhadas além de estarem muito diferentes umas das outras (claro que se vc quiser vc conserta com epoxi que seria rapidinho)

    Mas o trabalho geral é excelente, eu quero um dia poder fazer peças legais como essa. Vai postar no ArtMakers?

    Abraço

  5. Nossa, ficou muito bom, a baba e a “gosma” na cabeça dão um toque especial. A perna levantada realmente dá a ideia assustadora de movimento, adorei a dica do grafite também.  Parabéns.

    Agora pra te incomodar um pouco: Estou louco pra entrar nesse mundo, mas estou bem perdido em relação às massas. As que são vendidas no site da dim clay são aquelas que endurecem no forno? Eu queria começar com esse tipo de massa, pois fazer formas de silicone parece muito complicado e tenho medo de ser lerdo com epoxi e endurecer antes do tempo. O que você recomenda? Obrigado desde já.

    • OI Yuri, a dimclay é uma oil clay. Este tipo de massa não endrece no forno, na verdade, derrete. Mas recentemente, o Eduardo Cinta conseguiu colocar para vender as polyclays (que de fato endurecem no forno) da marca nacional Bozzi, lá no site da dimclay.

      Uma dica que eu te dou é entrar no forum artmakers : http://www.artmakers.com.br que tem bastante dicas e duvodas respondidas la sobre escultura e modelagem. Apesar do nome, é um site nacional.

  6. Acompanhar o processo de criação realmente é o melhor de tudo, nao foi dos melhores (eu curto muito o do viking e do monstro saindo da água), mas nao deixa de ser espetacular. Parabéns Philipe de novo, e nao demore para criar outro!

  7. Impressionante. Acompanhei vários projetos já, creio que o primeiro foi o do lobisomen. Uma sugestão diferente dos temas que já vi aqui – robôs (Gundam, Megazord, Gran Titan etc.).

    Parabéns

  8. cara ficou incrível! as desconfianças que eu tinha de que não fosse ficar bom sumiram completamente depois da pintura! mas me responda: você não sente vontade de fazer um predador não? eu tenho certeza que ia ficar super legal do ao lado do Alien em sua estante.
    e se você quiser ver, tem um blog muito legal de um cara que esculpe pra hottoys, ó o link ae:
    http://hk.myblog.yahoo.com/josephfigure

  9. espetacular… com o pezinho levantado deu a impressão de que ele esta correndo se esgueirando, pronto pra pegar o humano babaca de costas que quando perceber a aproximação não vai ter nem tempo de se virar, ainda mais usando equipamentos pesados como aquelas armas compridas (acho que eram lança chamas neh?)….

    mais um ponto pro Philipe…

    • Eu não sei dizer exatamente quanto isso custaria, pq como eu fiz por diversão, não calculei quanto tempo levei. Geralmente, uma peça única assim sai bem mais cara que uma copia feita de fôrma, provavelmente sairia por mais de mil pratas.

    • Foi justamente a ideia que a noiva do meu primo me deu, antes que eu pensasse em fazer o alien. Acho uma boa. O predador é um dos meus personagens preferidos. A merda é que ele é ainda mais complicado de modelar que o Alien, né? São muitos detalhes, elementos inorgânicos e tudo mais. Eu já modelei o predador algumas vezes, então conseguir eu sei que consigo. Vou pensar numa pose que seja suficientemente maneira. E então farei. Talvez eu até faça o predador ficando invisível. Vamos ver.

  10. Muito bom ! Figura fantástica e extremamente detalhada ! Acho que você podia ter tirado a foto com o fundo branco, talvez desse para ver a figura melhor, porém, iria tirar o “clima” de terror.

  11. Cara, eu estava ansioso pelo post, muiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiito show! DA HORA PRA CARAIO!!! Gostei da saliva dele, essa eu não esperava, essa baba ficou muito massa!

    Mano, isso é um dom que vc tem, ta de parabéns, você disse que fez em 2 dias, mano, eu levaria uma década pra fazer esse boneco! haehahehahhahahahaehehe.

    Brother, faça um do predador, please, vai ficar show! Você tem a moral.

    • Minha massa chegou dos EUA. Vai dar pra fazer o predador, a caçadora de lobisomens e vai sobrar massa para mais alguma outra peça. Pego a massa no fim de semana. Acho que começo a caçadora na semana que vem. Se eu acabar rápido, posso emendar no predador ficando invisível.(vai ser maneiro fazer uma peça invisível)

  12. Manero trabalho Philipe!
    Olha esse da Tailandia tambem.
    Um abraco!

    http://www.techtudo.com.br/curiosidades/noticia/2011/07/moto-customizada-em-forma-do-alien-e-assustadora.html

  13.  Do cacete, cara. Essa do grafite achei incrível. Imagino usar a mesma técnica pra fazer cabelos, sei lá, criar uma camada de brilho acobreado usando um daqueles lápis de maquiagem… Lembrei agora de umas caixas de  lápis de cor Faber-Castell que vinham com três cores especiais, prata, cobre e dourado. Sei lá qual era a textura do pigmento, talvez fosse mais difícil de fazer dar certo do que o grafite.

  14. Philipe, pq tu num faz um de algum personagem do anime “Naruto”?
    Muita gente gostaria. (Sem contar a turma do FFnet, q vai gostar se for do Sasuke. X.X”’)
    Se vc fizer, me avisa. Te passo alguns detalhes dos personagens q vc pedir. Alem de dar uma propaganda! XD
    Qualquer coisa, grite!

    • Oi Biih,
      Eu dei uma olhada no personagem, não me parece muito difícil, realmente. Mas eu não sei se sou bom em fazer bonecos em estilo anime. Eu atualmente ando muito interessado em estudar os processos de escultura realística, tipo os bonecos do Ron Muek. Andei pensando em fazer um boneco do Juca. O que me desanima é que sempre que eu mexo em algo do Juca os malucos voltam a entrar em fenesi.

  15. Realmente, te entendo X.X
    Mas, tipo, algo que acho bom é vc fazer uma especie de Juca, mais com modificações, tipo, olhos azuis, pele mais moreninha, um dedinho amais ou a menos, enfim, com essas modificações, não podem falar que é o Juquinha. Mais já experimentou criar algo diferente, tipo, dinossauros, OVNI’S, monstros, utilizando essa tecnica realistica? Porque to vendo essas fotos, e as texturas tbem são boas, acho que seria facil criar um monstro novo, tipo aquele dinossauro aquatico (Esqueci o nome X.X²), com escamas, ossos fortificados, uma coloração diferente, alguns machucados, uma presa na boca, etc. Assim fica facil, basta ter uma ideias e coragem! Alem do mais, se comparado a tudo, ficaria facil fazer isso. E se entram em frensi, vão pra p****! Afinal, isso é só um conto, se tivesse algo realista…. Pois bem, FAÇA! Isso anima a turma, e quem não gosta de ter um alienigena para assustar os sobrinhos? Não deixe eles te desanimarem, em qualquer caso, minha tia conhece muitos advogados bons ;D
    Bem, acho que esta bom. Se quiser ideias para fazer alguma escultura, me avisa que ando com tempo e pesquiso pa tu.
    Qualquer coisa, GRITE! -O-/

  16. Minha Nossa !!! Quem diria que um monte de ferrinhos retorcidos iria… Bom, isso é “DOM” e a palavra dom significa que ” a habilidade veio de Deus” Nem que eu fizesse um curso para tal, jamais conseguiria esta gama em riqueza de detalhes (músculos, nervos, tendões no bichinho. Lindo de ver, lindo de apreciar.

  17. show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show show

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.