Águas-vivas impressionantes

Uma das coisas que sempre me deu um medo mortal é de ser queimado por uma água-viva. Lembro que eu era criancinha ainda quando em Cabo Frio, vi sair da água uma mulher carregada por dois homens. Ela gritava em desespero, pois havia sido queimada por águas vivas, que costumam vir nas correntes que sobem a costa da América do Sul em janeiro.
images (48)

Junto com as águas geladas que banham a região, justo no período mais quente do ano, as águas-vivas se tornam um grande incômodo para os banhistas. Muita gente compartilha deste medo dessas criaturas, mais antigas que uma parte significativa de todos os demais seres da Terra.  Mas é um engano pensar que as águas-vivas são todas perigosas. Muitas delas são inofensivas…

As águas vivas presas neste lago, perderam o veneno ao longo de milhares de anos. Hoje muitos turistas vão até lá para nadar no meio delas!
As águas vivas presas neste lago em Palau, perderam o veneno ao longo de milhares de anos. Hoje, muitos turistas vão até lá para nadar no meio delas!

Mas é fato que por outro lado, na lista das criaturas mais perigosas do planeta Terra está uma minúscula água viva, capaz de matar com a maior facilidade.

Elas tem muitos nomes populares:  medusas, mães d’água, águas-vivas ou alforrecas. Esses animais incríveis  são a forma de vida livre dos cnidários adultos, que se encontram nas classes Scyphozoa, Hydrozoa e Cubozoa. Quase todas as medusas vivem vagando nos oceanos, como componentes do zooplâncton.

Como todos os cnidários, o corpo das medusas é basicamente um saco com simetria radial formado por duas camadas de células – a epiderme, no exterior, e a gastroderme no interior – com uma massa gelatinosa entre elas, chamada mesogleia e aberto para o exterior. A forma pode variar desde um disco achatado até uma campânula quase fechada; na margem livre deste disco, que pode ser lisa, fendida ou ondulada, as medusas ostentam coroas de tentáculos com células urticantes, os cnidócitos, capazes de ejectar um minúsculo espinho que contém uma toxina, o nematocisto.

Em algumas medusas, principalmente nos Scyphozoa, onde são mais desenvolvidas, a boca, chamada arquêntero, está munida de tentáculos, também com células urticantes e, por vezes, um véu chamado manúbrio

As medusas usam estes “aparelhos” não só para se defenderem dos predadores, mas também para imobilizarem uma presa, como um pequeno peixe, por exemplo. Mas muitas vezes elas podem comer até outras águas vivas. Sim, o bicho é canibal! Veja:

91f8e0cdf4c377762df8f8a43567303f

 

O nome água-viva vem do fato que o corpo desses animais é formado por 95 a 99% de água.

Elas estão espalhadas por todo o mundo, não somente nos oceanos, mas até em lagos!

Neste post veremos algumas águas-vivas bastante curiosas.

Veja que legal esta Água viva colorida (Cyanea capillata with Navaga). Muitas vezes, quando pensamos em águas-vivas, vem à nossa mente um bicho gelatinoso e transparente, com um manto em forma de abóbada e tentáculos. Essa é a imagem mais comum de uma água viva, porém, existem aquelas que quebram esse estereótipo, seja por sua forma completamente estranha , ou por seu arco-íris de cores variadas:

6f8e31e26a0b647923493d4feebb9cc6

 

Água-viva de bolinhas – É curioso que além de muitas delas serem coloridas, as águas-vivas podem ter padrões, como esta incrível, com bolinhas no manto:

8e52891b2cfa7beb2f1669a86d7cb173

Existem várias águas-vivas com bolinhas e padrões curiosos.
9d592b140846822fd9bf057e06c2a1b8

820092c71aa831be2bba98a03d5f636f

 

Existem também algumas espécies com marcas rajadas, detalhes intrincados…

 

 

4bbe48c129171456712f3acfd042d651

 

e6ff02bf6aba045ba59a57ae6d9870f2

 

Certos padrões são tão estranhos, que lembram de rodas de carro ao olho de Sauron!

7a6cb4ce99765cd7d014969951ab7c3b

b0d3e896a5c397344fc64cf9897847ef

39910578548257fa8f6d3cae3e94da00

d9d6671fb6eb0002a1ae6f66e033a2dd

 

…e até mesmo bioluminescência (quando o animal brilha no escuro). As bioluminescentes são interessantes demais. Algumas brilham inteiramente e outras só em parte, como esta abaixo:

5844b118420cbda040b66c21fa64cd9e

57ebc4561e7756601a538d9e72d01a5a

Algumas águas-vivas também se destacam por suas formas bastante estranhas:

80015f2a8860c4ad7f7dd0f4c9b26a5a

e6f5724cb5d5a73c8b2e4b30f7c97242

332892a4d490111f0672317bc3a043c4

54f1c23b3aed70458a2c4a81154dcfad
e917412d7e90ac4a026e012c9998f3bd 640b3b87d4e85333e14aa3c99b6047f2

4dd93ef14fb655dfb11b6f27f87902d2

 

10b4d151288972c4cc2523e4e2887744

008366a84cfc3cbae4b89cfd29613004

3f9d86a7a8696a4f6792663884fe5795

aabf24d4aaa57d948060445dddd8ce74

aebc219dca7d6b96abe8f1c5e6f8bcd9

549298638ff6a812ac1af30b74ab852e

10949d5f5567c6cc1b7fc15609f6263b

069e3546b9fbedf9a44f1c8b83e8c747

Abaixo podemos ver um animal que muita gente pensa (erroneamente) que é uma água viva. Não é, mas é um parente delas. Trata-se da “Caravela”, que é uma colônia de 4 tipos diferentes de pólipos.  Esse bicho é TINHOSO do que diz respeito à queimar as pessoas. Ele é um perigo, porque seus tentáculos são enormes, e podem atingir uma pessoa bem longe da “boia”.

O que eu chamo de bóia é literalmente uma bóia que essa colônia de criaturas tem. A “bóia” composta também de uma “vela” que funciona como a de um barco, empurrando a caravela com o vento:

52941c7318ef68e09484c6a254f916c2

Outras são singelas e lembram até as lanternas chinesas:
f88d5c74a7ff46b3c6100c599fa61ca8

 

Eventualmente, algumas águas vivas são usadas como “taxi” por alguns animais pequenos, como este malandro camarãozinho:

c692621ca9e394a64e5e6359f1c714ce

Mas algumas águas vivas gigantes servem até de “busão” para animais maiores:

343e6d87d5c9e25cd402681d548a8ed4

 

 

Aliás, no que tange aos formatos estranhos, algumas são verdadeiro show, como as que lembram flores…

184d2130851a5e9d82126e4e95d82b33

9f55308247b850b98e78a06aed884db5

 

E tem as que lembram coisas curiosas, como um ovo frito!



0f32b1b973f52bad2e726af8a940eeea ab0ef798cf6a45c04397bbaf871277a0

 

Muitas espécies de águas vivas atraem nossa atenção por suas cores muito bonitas:

 

7cf80915214c61d4fd90d92afd0debb4

96e24cdef71045d3ae474fa1481e4c3f

c6214af4ef38d2f97a759f983f47cf80

bd8e7291ca2d4c61a700d207fa35409f

429457b6e4ca77d66089c7319c5baff3

2438cd1471913d96b3c1b2ca83aaeefb

00830c441e72070aec84a7fb9bc3f00d

820fce127b3757f43eae03698b18078c

 

Algumas tem cores psicodélicas em tons de neon, como esta caravela:

08a32b68d78e260da114429e7203297c

Há também as que conseguem emular as cores do espectro luminoso, criando um verdadeiro show de luzes na escuridão do abismo.

d58555d5233b79b18c70f13a9503379a

 

São diferentes estratégias de sobrevivência. Enquanto na escuridão abissal é uma boa atrair presas com shows de luzes, as águias vivas que habitam uma certa faixa tentam ser transparentes feito vidro, para que possam evitar de ser comidas. Muitas vezes, as tartarugas marinhas, que são animais que comem muito as águas vivas, acabam morrendo sufocadas, ao ingerir sacolas de plástico transparentes, que confundem com águas vivas desse tipo:

30734f2f3e6fc2a035b7da6588649cb9

Outra estratégia de camuflagem que funciona é ser quase totalmente preta, para ficar oculta na escuridão:

b7d0f919050f15c1e81db221c3318cd0

Também chama a nossa atenção a incrível multiplicidade de filamentos. Algumas tem centenas deles, que podem ser finos como a espessura de um fio de cabelo:

2ac7118cc0fbec5bda8c912ff9e9fadc

Água viva gigante?

Na verdade, esta última foto desse monstro aqui em cima só pode ser uma montagem, porque esse animal é realmente muito grande, chegando a dois metros e meio, mas nunca tão maior que uma pessoa. Há uma enorme controvérsia sobre a origem dessa montagem na net, com pessoas sugerindo que era uma montagem do worth1000.com . Já as duas fotos acima dela, são verdadeiras e mostram o real tamanho desse monstro.

 

Esses filamentos podem ser também bastante compridos…

d47eaf31de48a58589667d58e8c6a99b

26ef40d7ae95aa8c914db99ec0b816ff

2e997cba4391fc432b1f1f9042cd36fb

Algumas são mistas, com filamentos grossos e finos:

cb5465c1c00f09864db68917ecf8c3e1

56fdea0f4d5ba70c5b7512f5d2f69e3f

 

 



80853c035b607ea26c95b4f7b5c94ea8

7fca065217e5e88bf0ce6feb2c7a404f

Algumas tem tentáculos franjados muito bonitos, que dão um belíssimo espetáculo quando elas se movem.

58e7352689976e04b365e0bbc3794218

fc6ae3272e282877ee2d7b1f8d2e2d18

dcc7051b795ffeca0b9d8b3b4396d869

7e2616315afa1c13ae293a2d56c0c6c9

c4c82e0016450d0a8bafb816ab72e647

e50b29e2937f00792bb03e7092ce9fb7

 

Já outras espécies tem seus tentáculos grossos e curtos:

b45b29fa48faa89ac9884d09ada6a62d

7C9AE6E7D486DD259A11EFEF517335

30cddd5d7fa761f692c90fd59408efd2

fb44a67e6d59553d4d6e0cd5ad09f5ae

Algumas são verdadeiros fractais vivos:

 

b98063161af05aff9bfec610ee3e2e33

da7ab49ab06430e62371d1b3e41eb9c7

 

E há as que exibem pontas coloridas nos filamentos:b59e89b9cb45c65e462a91acc13bd1d0

03e1e77c53b6fad01da92b9cc71c0520

46bfae9b7c44b7aa9c5a954d7f989220

Algumas espécies de medusas costumam ter um volume colossal de tentáculos, como a famosa água viva “juba de leão”:

23fev2013---a-agua-viva-juba-de-leao-acima-e-uma-das-especies-do-mundo-pode-chegar-a-um-diametro-de-dois-metros-com-tentaculos-contendo-milhoes-de-celulas-que-queimam-mas-nao-sao-letais-1361971099845_956x500
E tem até aquelas que não tem tentáculos, como a Scyphomedusa deepstaria, que parece até uma medusa com defeito:

tumblr_mzo4m8JFJr1rxyvj1o1_500

 

Já outras tem poucos.  Mas em compensação,  os poucos que ela tem, vou te contar! Se esse bicho te encostar, “meufí”… Tu tá FERRADO!

Essa é a famigerada água viva caixa! O capiroto da natureza!

água viva

Pra começar, embora muitos considerem esta criatura uma água-viva, ela não é exatamente uma água-viva comum. Ela é da classe cubozoa, do filo cnidária, do qual as águas vivas fazem parte.  Pra começar, esse bicho sabe para onde quer ir e VAI! (a maioria das águas vivas está a mercê da corrente). Outra coisa estranha é que este animal consegue se deslocar incrivelmente rápido para sua classe, percorrendo um quilômetro emk meia hora! Por nadar rápido, ele para para descansar algumas vezes!

Outra coisa estranha é que esse bicho TEM OLHOS! Sim, ela vê! Estes animais têm 24 olhos agrupados em conjuntos de seis e dispostos nas quatro faces que compõem o “sifão do cubozoário”. Cada um destes conjuntos tem dois tipos de olhos: fossas que detectam a luz (semelhantes às observadas nos outros cnidários) e olhos propriamente ditos, extremamente complexos e com a mesma estrutura que o olho humano composto por lente, retina e córnea. Apesar desta complexidade, não está claro como é que estes animais processam a informação adquirida pelos olhos, uma vez que não possuem cérebro. Em vez de um sistema cognitivo central, os cubozoários têm zonas de elevada densidade de nervos junto aos conjuntos de olhos, que podem ser centros de processamento de informação. Para justificar a evolução de um sistema visual tão elaborado foi sugerido que os cubozoários procuram e caçam ativamente as suas presas, que incluem krill, pequenos caranguejos, camarões e peixes.

Justamente por caçar peixes, que esse bicho evoluiu para ser a criatura mais venenosa do mundo. O tipo de presas que os cubozoários consomem é a provável explicação porque como eles são de constituição frágil,  têm obrigatoriamente que matar a sua presa depressa, para que esta não se debata e não tenha oportunidade de lhes provocar danos. Muitas pessoas que deram o azar de esbarrar nesses carinhas pequeninos, morreram, mas nem todos morrem. Tem gente que escapa.

Pensa na "dilícia" que deve ser!
Pensa na “dilícia” que deve ser!

As vítimas descrevem um intenso mal estar, acompanhado por dores lancinantes na área afetada, vômitos, náusea e tensão arterial extremamente elevada. Estes sintomas foram descritos como síndrome de Irukandji . Até agora não se conhece  nenhum antídoto para esta toxina. Alguns encontros com cubozoários resultam, na melhor das hipóteses, em cicatrizes permanentes de cor vermelha na pele da vítima.

Se liga no tamanho da bostinha que pode ser fatal!
Irukandji: Se liga no tamanho da bostinha que pode ser fatal!

Embora seja pequena, a medusa irukandji (caurukia barnes) , também conhecidas como vespas do mar, tem um veneno até cem vezes mais potente que o de uma cobra, segundo especialistas. Dois turistas morreram em 2002 por causa da picada dessa espécie, que habita as águas do nordeste da Austrália.

Bicho imortal

Você pode se surpreender de saber que a água-viva é (até onde se sabe) o único animal literalmente imortal do planeta Terra!

Sério mesmo! Há uma espécie de água-viva, chamada Turritopsis nutricula, que realmente NÃO MORRE!  (sacanagem não terem batizado de highlander!) 

Turritopsis nutricula não consegue morrer de causas naturais, porque ela é tipo o WOLVERINE! Sua capacidade de regeneração é tão “X men” que ela só pode morrer se for completamente destroçada ou comida.

Como a maioria das águas-vivas, essa imortal  passa por dois estágios: a fase de pólipo, ou fase imatura, e a fase medusa, na qual pode se reproduzir de forma assexuada. A água-viva imortal foi descoberta por puro acaso por um estudante de biologia marinha chamado Christian Sommer em 1988, enquanto ele passava suas férias de verão na Riviera Italiana.

O jovem alemão,  que coletava espécies de hidrozoários para um estudo, acabou capturando a pequena criatura misteriosa, ficando espantado com o que observou no laboratório. Após examiná-la durante alguns dias, Sommer percebeu que a água-viva simplesmente se recusava a morrer, regredindo ao seu estado inicial de desenvolvimento até reiniciar o seu ciclo de vida outra vez, sucessivamente, como se sofresse um envelhecimento reverso no melhor estilo Beijamin Button!

Os pesquisadores já descobriram que ela ativa o mecanismo de rejuvenescimento quando se encontra em uma situação de estresse ou ataque, e que durante esse período, o organismo passa por um processo conhecido como transdiferenciação celular, ou seja, um evento totalmente atípico no qual um tipo de célula se transforma em outra, tal como ocorre com as células-tronco humanas.

Não obstante, a maldita ainda parece um ET!

7764546152_99d7a6e594_z

Auto clonagem

Enquanto muitos cientistas passam a vida estudando técnicas para tornar a clonagem humana possível, as águas-vivas já fazem isso naturalmente. Se uma água-viva é cortada em dois pedaços, ela é capaz de se regenerar e criar dois novos organismos completos.

fonte fonte 

E aí? Curtiu o post? Então me dá uma força aí e conta para seus amigos!



 

Related Post

17 comentários em “Águas-vivas impressionantes”

    • è pq o controle de “pensamento” dela é muito primitivo, tão primitivo, que ele pode ser descentralizado, espalhado ao redor do corpo. Curiosamente, isso é justamente o que parece ser a grande tendência do futuro para a computação: Distribuir e não superconcentrar. Visto desse ponto de vista a água-viva está com tudo!

      • … Noutras palavras, aquilo que “era primitivo”, agora é avançado? e aquilo que achávamos que era avançado, descobrimos ser primitivo? Se olharmos pra tendência autodestrutiva da humanidade, teremos certeza que sempre estivemos errados! Excelente matéria.

  1. Philipe, muito maneiro o post!!! Tenho pavor de agua viva mas acho todas lindas! Morei em Cingapura por dois anos e lá tem um aquário muito maneiro de ser visitar e uma das principais atrações é Sea Angel, é uma criaturinha bem pequenina, mas linda, pois ele se parece MESMO com um pequeno anjo, e ele é transparente com “asas” nas lateral, que “batem” como anjo! Não acho que seja uma agua viva, mas por transparente como elas, me lembrei logo dele, e por ser bem gump e bem raro, resolvi comentar! Depois dá uma olhada, quem sabe vira um post, ou um adendo a esse post!!!
    Bjos
    Juju

    • Sea angel é um parente distante da água viva. Habita grades profundidades. Quase coloquei ele no post pq é lindinho. No mundo existem (pelo que se sabe até agora) mais de 30.000 espécies de aguas-vivas.

  2. Sem duvida um dos seres vivos mais incrível conhecido pelo homem, que habita esse planeta.

    Se eu não fosse humano eu gostaria de ser uma água-viva.

  3. adorei seu poster Philipe
    um pedido vc pode fazer um poster sobre animais híbridos ( n sei se ja tem aqui) tem cada cruzamento de especies sinistro rsrs.
    gosto muito tanben das suas aventuras reais haha principalmente dos seus cagaços ( em um bom sentido 😀 ) muito engraçado as suas historias tem uma que eu n me esqueso de seu problema com o queijo qui vc joga uma bola de queijo nojenta com agua de privada derretida no bolço i papel higiênico hahaha i joga na janela i so esculta um voz “taka na mãi filho da puuta” kkkk nossa cara muito onda . se vc pudesse fazer umas novas ai rsrs di preferencia daquelas bem malucas.
    n acompanho a tanto tempo o blog mais gostei muito já vi vários poster seus de 2006 a 2014 de suas historias reais a de animais pois são aqu eu mais gosto

    • Ja fiz sim de animais híbridos, lá pelos anos de 2006, 2007, eu acho… Quando aos contos, fica ligado que eles entram a qualquer momento, sem aviso. São como diarréia!

  4. Philipe, essa água viva aqui dessa foto que você colocou é desse tamanho mesmo ou essa foto é montagem?

    http://s3?sa?east?1.amazonaws.com/mundogum/wp?content/uploads/2014/10/2ac7118cc0fbec5bda8c912ff9e9fadc.jpg

    Se for de verdade, eu nunca mais quero entrar no mar…

    • Cara eu não sei te dizer com certeza absoluta se é montagem ou não. A última foto eu suponho que tenham dado uma “malandrada” numa foto real, que é de perspectiva forçada. Nessa foto, eu suponho que o mergulhador estava atrás da água viva, que é realmente um bichão enorme, chegando a 2 metros e meio – essa em especial é muito apreciada como comida lá no japão – e algum malandro resolveu escurecer um pouco o mergulhador e puxou aquela câmera dele para parecer na frente da água-viva, criando a ilusão de que ela é do tamanho de uma baleia. Mas águas vivas neste tamanho gigantesco nunca foram vistas, pelo menos que eu saiba.

      • Eu ainda fico abismado com uma coisa: uma água viva que chegue a 2 metros, deve ter aqueles tentáculos fininhos com uma base de uns 20 metros.

        Esses mergulhadores/fotógrafos realmente têm coragem de chegar perto de um monstro desses.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

shares