Primeiro de abril

Acabou a pobreza do Brasil.
Os políticos não roubam mais
Ninguém sabe o que é corrupção
A morte voltou atrás
E devolveu os heróis da Nação

O radio toca Elis Regina e agora Tim Maia faz show no Canecão
Cazuza venceu a Aids e Ayrton é campeão
Raulzito mistura rock e jazz
E tem novas poesias do do Vinícius de Moraes

Tem golfinhos na Baía da Guanabara
E nos céus o colorido duma arara
A mata atlântica recuperou o viço
E o nosso padrão de vida agora é suiço
 

Eu que não esperava, fiquei bolado
Quando vi o imposto ser bem utilizado
De plano de saúde ninguém precisa mais
Já que o atendimento ficou bom nos hospitais

O ar ficou mais puro
E andar de noite já é seguro
As pessoas até conversam mais
Passeiam pelas praças, como há muito tempo atrás

O trânsito não é caótico
Embora ainda apoplético,
deixou de ser neurótico
de um jeito não hipotético

E todo mundo se entende
também há mais compreensão
E compromisso, gratidão.
A bandidagem tomou chá de sumiço
E não tem espaço para agressão
O que evita nossa aflição

Todo mundo sabe ler
E tem grana pra gastar
E casa pra morar
E comida no prato
Graças ao fim do estelionato

Nós construímos a paz
O tempo das guerras ficou para trás
No Brasil tá todo mundo feliz
E agora agente ajuda outro país
Sem fazer por presepada
A gente ajuda em troca de nada

Todo mundo quer ser como nós
Animado, bonito, com grana feroz
Chique, elegante, saudável e e gentil

Mas aí nos damos conta da traquinagem vil
ao saber que tal ardil
Que te faz sentir um imbecil
São flores da mentira pueril
que brotam dos desejos, de um primeiro de abril.

Receba o melhor do nosso conteúdo

Cadastre-se, é GRÁTIS!

Não fazemos spam! Leia nossa política de privacidade

Philipe Kling David
Philipe Kling Davidhttps://www.philipekling.com
Artista, escritor, formado em Psicologia e interessado em assuntos estranhos e curiosos.

Artigos similares

Comentários

  1. valeu Philipe por nos dar parte de um sonho, mas estamos longe que se torne realidade com tantos problemas que nosso pais tem hoje… mas o que seria de nós se não tivéssemos sonhos? aceitaríamos tudo sem desejar algo diferente!? Sonhe o primeiro passo para que ele se torne realidade. É simplesmente sonhar…

  2. valeu Philipe por nos dar parte de um sonho, mas estamos longe que se torne realidade com tantos problemas que nosso pais tem hoje… mas o que seria de nós se não tivéssemos sonhos? aceitaríamos tudo sem desejar algo diferente!? Sonhe o primeiro passo para que ele se torne realidade. É simplesmente sonhar…

  3. “O trânsito não é caótico

    Embora ainda apoplético,

    deixou de ser neurótico

    de um jeito não hipotético”

    Muito bom.
     

  4. phelipe,voçe e incrivel,de tao azarado :) kkkkk conheci o site pela sorte,to rindo ate agora das vezes que vc ficou cego o_O

  5. Meoooooooooo Meu é Renato

    tava procurando num sei oque na net e achei seu site e gostei muito!
    e esse poema , ,usica  ou sei-la oke é isso kkkkk
     é seu? ou vc copiou de algum lugar?
    Gostei muiiiiiiiiiiiito mesmo parabens!

  6. quem dera se fosse de verdade, pena que dificilmente essa situação do texto se torne real. ótimo texto! ah, esqueci de dizer: parabens a voce e a Nívea pelo Davi.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Últimos artigos

Gripado

O dia da minha quase-morte

Palavras têm poder?

Um clipe musical 100% AI

Linha 3 do Metrô Rio