Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp

Você sabe dizer o que é uma Katana?

5…

4…

3…

2…

1…

péééééééééé. Acabou o tempo.
Uma Katana é uma espada. Uma espada oriental que é feita da mesma maneira há vários séculos. Também é conhecida como espada de samurai.
Se você leu Musashi, então você provavelmente sabe o que é e também como é feita uma katana legítima. E de quebra você sabe do que uma boa katana é capaz.
Assim, deve ter respondido sem pestanejar logo após a interrogação da primeira linha deste post.

A boa katana é feita a partir de um bloco quase cúbico de aço. Esta pequena caixinha de metal é levada a uma fornalha até incandescer. Então ela passa a ser suavemente batida, em movimentos ritmados por incontáveis vezes até começar a afinar. Quando ela finalmente afina, o artesão começa a bater de modo a dobrá-la. E volta a bater vigorosamente até ela voltar a se compactar. Então, o processo se repete com a beleza sincronizada da fornalha e batidas.
Após dias neste processo, o metal ganhou estruturas fibrosas em sua estrutura molecular. O bloco de metal agora parece ser uma lâmina. Mas é ainda aquecido e resfriado em seqüências repetitivas. A repetição de calor e batidas tem por objetivo formar microscópicos filamentos de aço que percorrerão a estrutura da lâmina, conferindo-lhe enorme flexibilidade.
desde os imemoriais tempos dos Shoguns, a katana é o símbolo máximo da disciplina, honra e dedicação. Seu corte preciso aliado a sua maleabilidade em combate fizeram da espada mais que uma arma. Mais até que o mero prolongamento do corpo de um guerreiro. Fizeram uma obra de arte única.
Veja o que a katana é capaz de fazer.


Ela corta o tomate como se fosse um sabre de luz jedi. E eu que achava que a cena em que o personagem tem a cabeça cortada em 2 ( mas só vemos quando ela – aparentemente inteira, desliza e divide-se em duas metades) nos animes era só um exagero narrativo!
Neste video, é possível ver a fabricação da legítima katana japonesa . Infelizmente está em japonês sem legendas. Mas pelo que eu entendi, eles estão fazendo espadas com metal proveniente de meteoros!

É praticamente impossível não desejar uma espada dessas. Felizmente, eu já tenho a minha.(eu coleciono espadas)
Compre uma Katana pra você. Ou melhor, FAÇA a sua.




Merchã:

O corte da Katana

Comments

comments

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

11 ideias sobre “O corte da Katana

  • 29 de março de 2007 em 23:56
    Permalink

    Philipe, você quer dizer que tem uma dessas RÉPLICAS que vendem ali perto da Carioca, que custam entre 150 e 250 pratas, né? Porquê uma katana de verdade hoje em dia, só vendendo um rim e metade do fígado…

    Resposta
  • 30 de março de 2007 em 10:57
    Permalink

    Boa pergunta a do Ananias?
    É katana de verdade ou a réplica de loja de aeroporto? =)

    Grande post esse teu, principalmente por citar Musashi, um dos melhores livros que já li.

    Vou recomendar o post no Muito Firme!

    Ah! estou de endereço novo:
    http://www.muitofirme.net

    Resposta
  • 30 de março de 2007 em 11:02
    Permalink

    uma legitima dessa é loco e caro… não se acha no mercado livre heeh,
    alias, alguem sabe como conseguir uma dessa.. verdadera assim?

    Resposta
  • 30 de março de 2007 em 12:31
    Permalink

    As verdadeiras Katanas são feitas somente no Japão, por artesãos que passam o conhecimento para seus filhos, mas como hoje em dia não existe mais a demanda, a Katana tornou-se menos procurada.
    E tem mais uma coisa, a verdadeira Katana não enferruja, o que para muitos é um mistério e na verdade trata-se da cultura milenar de um povo que sempre cuida de sua história.

    Resposta
    • 24 de agosto de 2011 em 19:13
      Permalink

      as katanas vrdadeiras enferrujao sim!oque acontece é um processo de manunte
      nção com com uns produtos como:óleos, pó tecido de seda e etc…  que são comprados ou eles veem com a propria katana 

      Resposta
  • 31 de março de 2007 em 15:31
    Permalink

    È claro que eu vendi meu rim, ué.
    Mas não só isso. Vendi meu fígado, uma parte do baço e ainda meu olho esquerdo é de vidro.

    Lógico que quando eu digo que tenho uma, quero dizer que tenho uma réplica. Não uma dessas aí. Mas considerando que:
    1- Não vou usar a espada
    2- Não tenho dinheiro pra queimar
    3- Não sou samurai

    A réplica resolve bem a minha necessidade, hehehe.

    Resposta
  • 2 de agosto de 2009 em 11:42
    Permalink

    x_x :argh: 😐 :$ :B 😎 :*( :curious: :gasp: =D :happy: :/ 😀 :injured: 😆 :lol2: :love: :X :meh: O_o :ohhyeahh: D: :omg: :raisebrow: 😛 🙁 0_0 :shocked: :sly: 🙂 :] ;] :worry: :wow:

    Resposta
  • 20 de julho de 2011 em 6:48
    Permalink

    eu daria ate 500.000 reias en uma espada legitima feita por  um verdadeiro ferreiro japones. e olha que tenho mais que isso no banco , por uma espada legitima daria ate mais que isso

    Resposta
    • 26 de julho de 2011 em 12:04
      Permalink

      Cara fica de olho no ebay que volta e meia rola leilão de katana real lá.

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Alerta: Conteúdo protegido !!