Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp

Pois é. Absurdo como a carga tributária brasileira insiste em nos colocar em nosso insignificante lugar de subdesenvolvidos.

Um Ipod folheado a ouro na inglaterra:

Fonte

É mais barato que um Ipod comum de mesma capacidade aqui no Brasil.

BRASÍLIA – A arrecadação de impostos e contribuições federais alcançou em março a cifra de R$51 bilhões, seu terceiro recorde mensal no ano. Segundo informações da Receita Federal, o valor arrecadado representa um crescimento real de 7,67% em relação ao mesmo mês de 2007 e de 5,43% no comparativo com fevereiro deste ano. O montante recolhido no primeiro trimestre de 2008 já totaliza R$161,741 bilhões, o que significa um incremento de 12,97% frente a igual intervalo do ano passado.

Dentre os fatores que mais contribuíram para o resultado, está o recolhimento do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF), que cresceu 161,49% em relação à março de 2007, somando R$1,667 bilhão. No trimestre, o IOF registra alta de 142,3%, alcançando R$4,495 bilhões, contra R$1,885 bilhão dos três primeiros meses do ano anterior.

Já o Imposto de Importação arrecadado cresceu 10,73% no período, enquanto o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), vinculado às importações, subiu cerca de 7,25%. No caso do IPI de veículos, o volume recolhido teve alta de 43,86% em razão do aumento nas vendas de automóveis junto ao mercado interno. O IPI sobre o fumo também avançou 49,40% e a do IPI sobre outros produtos cresceu 28,97%.

A arrecadação do Imposto de Renda da Pessoa Física subiu 27,66% na comparação com igual mês do ano passado, enquanto o Imposto de Renda da Pessoa Jurídica subiu 14,43%. No entanto, houve queda de 1,82% no recolhimento da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL), em virtude da redução dos depósitos judiciais, que em março de 2007 foram de R$186 milhões, contra os atuais R$43 milhões. Já a arrecadação da Cofins aumentou 14,63% no mês avaliado.

Dos R$51 bilhões arrecadados em março, R$13,363 bilhões são receitas previdenciárias, as quais registraram um aumento real de 1,03% no comparativo com fevereiro e de 9,72% no confronto com o ano passado. No acumulado do primeiro trimestre, a receita previdenciária somou R$40,307 bilhões, alta de 12,99% em relação ao mesmo intervalo de 2007. Fonte

Enquanto isso, o dindim do nosso imposto patrocina farras como a frota de 11 carros de 130 mil reais cada que a Câmara dos Deputados comprou. Fonte

dica do Renato

Ipod folheado a ouro em Londres é mais barato que um ipod simples no Brasil?

Comments

comments

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

24 ideias sobre “Ipod folheado a ouro em Londres é mais barato que um ipod simples no Brasil?

  • 28 de abril de 2008 em 9:34
    Permalink

    Não é óbvio que um Ipod de Ouro em Londres vai ser mais caro que um Ipod normal no Brasil? Pior se fosse o contrario, dai sim me preocuparia. Não entendi a lógica da sua colocação em relação a matéria.

    Resposta
  • 28 de abril de 2008 em 9:48
    Permalink

    [quote comment=””]Não é óbvio que um Ipod de Ouro em Londres vai ser mais caro que um Ipod normal no Brasil? Pior se fosse o contrario, dai sim me preocuparia. Não entendi a lógica da sua colocação em relação a matéria.[/quote]

    Pelo que intendi ao ler a matéria, o normal no Brasil que é o mais caro!

    [quote comment=””]Pois é. Absurdo como a carga tributária brasileira insiste em nos colocar em nosso insignificante lugar de subdesenvolvidos.

    Um Ipod folheado a ouro na inglaterra:
    É mais caro que um Ipod comum de mesma capacidade aqui no Brasil.[/quote]

    Erro no título?!

    Resposta
  • 28 de abril de 2008 em 10:05
    Permalink

    Ufa… pensei que tinha entendido errado o título…
    Eu não tinha entendido qual era a ironia, porque era óbvio que um Ipod de Ouro iria custar mais caro.
    Erro de título mesmo.

    Resposta
  • 28 de abril de 2008 em 11:08
    Permalink

    Errei mesmo. È a pressa de escrever e sair correndo pro trabalho.
    Já arrumei aqui.
    Preciso largar essa cachaça, hehehe. :B

    Resposta
  • 28 de abril de 2008 em 11:23
    Permalink

    Pois é…
    Os líderes querem que a gente cresça com baixa tecnoiogia, por isso limitam tanto o nosso poder de aquisição…
    não dá pra comprar nem um gadget original aqui sem dar um braço em troca…
    …depois reclamam da pirataria…. :meh:

    Resposta
  • 28 de abril de 2008 em 12:10
    Permalink

    não que eu compre produtos piratas! O_O
    eu só não acho justo o preço que eles cobram (por causa dos impostom) afinal os impostos servem para quê (eu não sei mesmo, desculpe pela ignorância…)
    os impostos acabam isolando o que é bom (às vezes essencial) para nós…

    Resposta
  • 28 de abril de 2008 em 15:14
    Permalink

    Impostos deveriam ser usados para nosso bem estar… bem estar da população ( isso na teoria) porque na prática… a coisa é outra…

    Resposta
  • 28 de abril de 2008 em 16:05
    Permalink

    [quote comment=””]falando de dinheiro:
    http://g1.globo.com/Noticias/PlanetaBizarro/0,,MUL428663-6091,00-PEDREIRO+TOMA+CALOTE+E+DESTROI+OBRA+DE+R+MIL+A+MARRETADAS.html

    faria o mesmo Philipe, caso te dessem o calote em uma de suas criações?[/quote]

    Cara eu vi isso num outro blog e me fiz justamente esta pergunta. Eu acho que não faria isso. Eu já levei alguns calotes na vida e quando isso acontece, eu simplesmente nunca mais trabalho para o cara.
    Geralmente, calote assim é sintoma de erro do prestador de serviços. Se você faz um contrato, faz um esquema de pagamento com adiantamento e etc, raramente rola calote e quando rola, é questão para o jurídico resolver. O que acontece muito (e é uma merda) são os empecilhos burocráticos… Além do clássico problema do “muito cacique para pouco índio”.

    Resposta
  • 29 de abril de 2008 em 15:53
    Permalink

    Poxa, eu sabia dessa onda na época da ditadura – o computador importado era tão caro~, tão taxado que ficava impossível o pobre ( e até mesmo o rico ) comprar um.
    Dizia-se que era para proteger a indústria nacional, a fabricante daquela porcaria de computador Cobra e o scambau.
    Mas esse monte de taxa em cima do Ipod e de outros produtos originais de boa qualidade é para proteger que indústria?
    A dos PIRATANGAS DO PARAGUAI? Rá-rá-rá-rá-rá…

    Resposta
  • 30 de abril de 2008 em 4:02
    Permalink

    Eu nem me importaria se um Ipdo custasse 100x mais aqui que la fora, se eu ao menos tivesse onibus/metro descente para não ter de me sujeitar mais ao transito de SP e um bom hospital publico aqui perto que não me obrigasse a gastar mais de 300 mangos com plano de saude

    Resposta
  • 30 de abril de 2008 em 9:03
    Permalink

    Verdade… Se este imposto absurdo ainda valesse a pena…

    Resposta
  • 30 de abril de 2008 em 10:09
    Permalink

    O Leitor Abaixo ta prescisando de um oculos,
    porque Olha o Titulo “Ipod folheado a ouro em Londres é mais barato que um ipod simples no Brasil?”

    e ele intendeu que o Ipod Foleado a Ouro é mais caro,
    mas é ao contrario
    meu Deus por isso que pirataria domina no brasil
    quem vai paga um absurdo ,
    e ainda pra eles gastarem com inutilidades.

    Resposta
  • 30 de abril de 2008 em 12:45
    Permalink

    Não, cara é que no momento que eu postei, eu tava correndo e nem vi que ficou ao contrario. Depois eu voltei e consertei aqui, mas já tinham colocado lá no UEBA errado e assim ficou.

    Resposta
  • 30 de abril de 2008 em 14:47
    Permalink

    Posta o comparativo dos preços dos bichos que acaba a confusão 😀

    Resposta
  • 2 de maio de 2008 em 10:51
    Permalink

    Isso mostra claramente como somos explorados por nossos governantes e sempre digo que não somos cidadão e sim contribuinte na visão política! :shocked:

    Resposta
  • 2 de maio de 2008 em 11:05
    Permalink

    [quote comment=””]Isso mostra claramente como somos explorados por nossos governantes e sempre digo que não somos cidadão e sim contribuinte na visão política! :shocked:[/quote]

    Tsc… Tsc…
    Pelo menos chamastenos por um nome bonito e um tanto censurado!

    Resposta
  • 15 de maio de 2008 em 23:57
    Permalink

    Achei o post meio sensacionalista. Fiz as comparações usando a cotação da libra esterlina de hoje (R$3,234) e, com excessão do ITouch de 32GB, todos são mais baratos aqui (cotação do site buscapé) do que o dourado na Inglaterra.

    O que não quer dizer que eu não concorde que os preços aqui são bem altos. Sem dúvida o são.

    Resposta
  • 17 de julho de 2008 em 9:57
    Permalink

    :love: 😆 :lol2: eu gostei muitooooooooooo

    Resposta
  • 17 de julho de 2008 em 12:16
    Permalink

    [quote comment=”18281″]Achei o post meio sensacionalista. Fiz as comparações usando a cotação da libra esterlina de hoje (R$3,234) e, com excessão do ITouch de 32GB, todos são mais baratos aqui (cotação do site buscapé) do que o dourado na Inglaterra.

    O que não quer dizer que eu não concorde que os preços aqui são bem altos. Sem dúvida o são.[/quote]

    O Buscapé vai retornar preços bem baratos em geral, afinal ele é feito para isso.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Related Posts