Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp

Um homem de 30 anos deu baixa em um hospital lituano depois de apostar que, por mil Lat, cerca de R$ 4,3 mil, deceparia seu pênis, de acordo com a esmissora LTV. Ele venceu a aposta.

O cirurgião plástico Aivars Tikhonov, do Centro Lituano de Microcirurgia e Plásticas, reimplantou o órgão em uma operação que durou três horas e meia. O homem havia perdido muito sangue, estava alcoolizado e havia fumado, fatores que influem negativamente no sucesso da operação.

De acordo com os médicos, o acidente foi “em função da estupidez do paciente”. “Acredito que a condição do paciente esteja melhor, mas só teremos certeza em alguns dias. Então veremos se o órgão se reintegrou ao corpo”, declarou Tikhonov. “O pênis estava coberto de areia e isto pode causar uma infecção séria”, completou.

Tais operações são raras. De acordo com Tikhonov, amputações penianas ocorrem raramente, já que o órgão está normalmente protegido por roupas.

Testículos
Em fevereiro de 2005, o britânico Geoff Hugh, 26 anos, apostou em um bar que se o time galês de rugby vencesse a Inglaterra, “cortaria suas bolas”. Há 12 anos o time inglês não perdia para País de Gales. A partida foi 11 a 9 para os galeses.

Após a partida, Hugh voltou em silêncio para casa, decepou seus testículos com uma faca e voltou para o bar para mostrar o “troféu” aos amigos.

Fonte

Homem corta o bingulim para cumprir aposta

Comments

comments

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

2 ideias sobre “Homem corta o bingulim para cumprir aposta

  • 1 de setembro de 2010 em 10:42
    Permalink

    E eh por isso q eu nunca faço apostas, (eh ruim hein, perder meus 15 cm)

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Alerta: Conteúdo protegido !!