Estou de férias e vou viajar para a Argentina

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
Categorias
Night mode

Não estou 100% feliz, mas a vida continua…

Acho que em vista do ocorrido com meu avô, não terei tempo hábil para fechar o boneco do alien, pois vou viajar para a Argentina  de férias com a primeira dama amanhã. Vou postar de lá, mas não garanto a periodicidade de sempre, já que pretendo me divertir bastante. A minha viagem está planejada desde janeiro, e quando aquele vulcão maldito resolveu sacanear Bariloche, eu comecei a me perguntar se não seriam os efeitos gumps viajando pela ionosfera. (uma vez que quando eu fui viajar para a Espanha, perdi minhas malas, levei dura no aeroporto Francês, teve suspeita de mala-bomba, quase perdi o vôo, tendo que atravessar a cidade de um aeroporto a outro, e no Chile, deu terremoto. Sem falar de quando fui passear nos EUA, os Marines americanos pensaram que eu era um terrorista e apontaram fuzis pra mim)

Nunca esquiei. Tomara que eu consiga voltar inteiro, hahaha.

Se alguém tiver boas dicas de passeios em Buenos Aires e Bariloche, é só postar aí. Como sempre faço, se algum leitor me encontrar lá, ganha uma cerveja e uma camiseta de brinde do MG.

Comments

comments

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

38 respostas

  1. Bariloche é muito legal! Estive por lá com minha esposa em 2009, e a dica que deixo é alugar um carro no aeroporto para conseguir visitar cidades em volta de Bariloche, como Junin de los Andes e San Martin de Los Andes, indo por uma estrada que corta uma reserva natural, costeando vários lagos lindissimos, e voltando pelo caminho de estrada asfaltada, com paisagens igualmente fantásticas do meio pro final nessa parte. Ficamos no hotel Lirolay suites, que não é dos mais baratos, mas como estavamos em lua de mel, valeu muito apena. Boa viagem!

    1. VAleu a dica, Gustavo, mas como eu tava com receio das cinzas, aloquei só dois dias inteiros em Bariloche. Foi muito pouco. MAs consegui me divertir muito na neve e tirar boas fotos.

  2. Olá Philipe!
    Estive em Buenos Aires ano passado, meu marido queria uma jaqueta de couro e falaram que lá era barato. Não caia na bobeira de ir na Florida, pois lá tem vendedor catando brasileiro na rua oferecendo jaqueta de péssima qualidade e preços altíssimos. Vá até a Rua  Murillo, pois essa rua só tem lojas de artigos de couro, preços muito bons e uma infinidade de modelos.

    Segue link do Google Maps pra facilitar, espero que seja útil.
    http://maps.google.com.br/maps?q=Murillo,+Villa+Crespo,+Ciudad+Aut%C3%B3noma+de+Buenos+Aires,+Capital+Federal,+Argentina&hl=pt-BR&ie=UTF8&ll=-34.601192,-58.443484&spn=0.003122,0.004528&sll=-14.093957,-53.173828&sspn=57.814846,74.179688&geocode=FScQ8P0dijCE_A&t=h&z=18

    Boa viagem e boa diversão com as turbulências no avião.
    ;o)

    1. Valeu, Lilian. Ja tinham me dado a dica da Rua Murillo. EU sou bem comedido na questão das compras. Os caras da Florida estão chatos demais. Agarram a gente pelo braço, um saco!

    1. A esta altura vc ja está aqui. Fica ligada que aqui te 2 zoologicos. Num da pra entrar na jaula dos animais, no outro da pra dar comida pra eles.

  3. Dicas que eu considero:

    1 – Sr. Tango. O clássico dos turistas, ótmo pra conhecer a culutra sem ser old school demais.
    2 – Se der tempo, conhecer San Isidro. Um dos lugares mais bonitos que já conheci.
    3 – Puerto Madero pra jantar é bem legal, MUITOS restaurantes bons. Nos hotéis fazem vários “packs” com restaurantes de lá.
    4 – Não sei como está agora com a Argentina falidaça, mas passear na Florida de noite era bem legal. E, claro, o Palácio das Papas Fritas, o melhor bife do universo.

    O resto, é de praxe. Obeliso, Parques, Museu, Bar da Ferrari, etc.etc.etc.

    PS: Sim, sou gordo (ao menos mentalmente), metade das minhas dicas envolvem comida.

    1. O show de tango eu assisti no centro cultural da galeria da Florida, que é pertinho do meu hotel. E posso dizer, foi DO CARALHO. Bom demais!
      TAlvez eu vá a San Isidro ainda, Eu comi lá em puerto MAdero. Comida boa mesmo.
      Com a argentina quebrada a florida tá bombando absurdamente. Tudo parece riduclamente barato. Os brasileiros entram nas lojas falando alto, rindo, fazendo o maior auê, comprando tudo que vêem pela frente. Nego saca cada bolão de dinheiro que eu fico até assustado. As ruas estão lotadas de camelôs – a maioria bolivianos – vendendo de tudo que vc puder imaginar até cabelo usado (e sujo, tipo pentelho) acho que é pra fazer dreadlocks…
      Fui no imortais e no palacio das papas fritas, Mas no palacio o atendimento foi uma bosta. E estranhamente, todo mundo ficou olhando pra minha cara. Parecia que eu estava com o cabelo verde. Foi uma coisa mega-estranha, todo mundo olhando pra mim e pra nivea. Chegou a incomodar. E nunca descobrimos o motivo.

  4. Ah e se tu gostas de históris Gumps, conversa com os argentinos do “povão”.
    Geralmente eles são bem receptivos e tem cada um que poderia postar até aqui no blog, com umas histórias tensas.

  5. cara, vc precisa ir no morphy que é o melhor cachorro quente de bariloche! fica perto daquela loja de alfajor (acho que a loja chama bambi) tipo num beco que dá no lago… procura lá perto daquela praça principal que o morphy é muito bom! e fala português!!

    1. Quando eu fui lá estava fechado, mas comprei um monte de alfajor no BAmbi. (será que os caras não tem problemas legais com a Walt Disney Co.?)

  6. Boa Phillipe, estou indo pra la em Setembro.
    Me diz uma coisa: no aeroporto tem que apresentar RG com menos de 10 anos?
    Tenho medo de chegar la e ser barrado com o meu que tem 13 anos.
    No mais, boa viagem.

      1.  Não precisa ter menos de 10 anos; basta que esteja em bom estado e que seja possível identificar seu portador pela foto. Não há nenhuma regra, acordo, tratado ou lei no Brasil ou na Argentina por que se exija que o documento tenha menos de 10 anos. Isso é lenda que começou a partir de recomendações de agências de viagem e de companhias aéreas. São recomendações apenas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

© MUNDO GUMP – Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução sem autorização.