Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp

Essas são mulheres viciadas em drogas diversas. A maioria é viciada em heroína. Outras em crack e cocaína. A maioria das fotos são mugshots, feitas pela polícia ao prenderem as prostitutas de rua, vendendo seus corpos muitas vezes em plena luz do dia, em terrenos baldios, becos ou carros infectos em busca de trocados para se drogar ainda mais. (incrível como essas figuras ainda conseguem clientes!)

Parece até maquiagem de filme de zumbi, meu!

Mais imagens a seguir.

Está aí um triste retrato do que a droga é capaz de fazer com um ser humano. Olhe bem para essas fotos. Quando um amigo te oferecer drogas, lembre da degradação física dessas mulheres e mande o cara ir tomar no cú. Mais fotos podem ser vistas no site The Street no link abaixo:
fonte

Drogada e prostituída

Comments

comments

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

44 ideias sobre “Drogada e prostituída

  • 10 de novembro de 2009 em 13:52
    Permalink

    Philipe,
    muito muito foda esse post.
    Acho que vc faz muito bem em de vez enquando mostrar para as pessoas, qual é a realidade da rua …

    Triste.

    Abratz

    Resposta
  • 10 de novembro de 2009 em 14:33
    Permalink

    Cara, não tenho muito o que falar, mas, sem sacanagem, falando sério mesmo, me deu até ânsia de vômito só de imaginar que alguem “pega” uma mulher dessas. É muita secura mesmo poha e olha que não tah dificil pegar uma mulher aceitável hoje em dia.
    :B

    Resposta
    • 8 de dezembro de 2013 em 22:40
      Permalink

      Ânsia de vomito me dá a sua falta empatia sobre esses seres humanos nesse estado deprimente.. Pois sem duvida, o mais absurdo aqui na sua visão é sobre como alguém consegue usar AINDA MAIS essa pobres mulheres por causa de suas aparências resultantes de anos de abusos de drogas, exploração e abandono?!
      Você me enoja.
      As pessoas estufam o peito ao falar de amor ao próximo, mas mais rápido do que vejo alguém estendendo a mão, vejo o julgamento, a hipocrisia, e os dedos apontando.
      Deprimente certos comentários que tenho o desprazer de ler aqui.

      Resposta
  • 10 de novembro de 2009 em 14:47
    Permalink

    Chega fiquei mal!
    x_x Cada coisa horrivel!

    Resposta
  • 10 de novembro de 2009 em 15:07
    Permalink

    Philipe, muito bem em mostrar as verdadeiras faces das Drogas, em minha cidade tem um pessoal que está nesse ponto (até parecem Zumbas do R.Evil.5), ironizo mas é sério, é triste saber que cerca de 208 milhões de pessoas (aprox. ~5% da população mundial) usaram drogas ao menos uma vez nos últimos 12 meses, e 26 milhões (0,6% da população) são dependentes de drogas. Fonte: FolhaOnline.

    É triste, minha vizinha com duas crianças lindas perdeu a guarda das mesmas devido as Drogas, ela usava as crianças para levantar uma grana para depois queimar, o pessoal ficava comovido com ela (ficou muito conhecida na cidade) pois pessoas que doavam (ela só pegava grana, alimentos, roupas, não pegava…) viram que ela ia até as bocas de fumo com as crianças para comprar a dita cuja. Final da história, não pode ver mais seus filhos… e mesmo passando por tratamentos etc, etc, ela não se “curou”, embora os filhos tenham perdido sua mãe hoje eles estão bem melhor moram com os avós, estudam, brincam todos os dias aqui na rua de casa… a droga ela destrói em todas as esferas, destrói os que usam e os que amam os usuários…
    x_x x_x x_x

    Resposta
  • 10 de novembro de 2009 em 19:13
    Permalink

    Pior que tem mulheres ali que se nao estivessem tao judiadas x_x seriam bonitas, pois eh mas fazer o que escolheram o caminho errado.

    Resposta
  • 10 de novembro de 2009 em 21:04
    Permalink

    Rapaz, não sei se vou conseguir dormir hoje!

    Ah, eu sei que só foi pra reforçar, mas vale lembrar que “cú” não tem acento. :B

    Resposta
  • 10 de novembro de 2009 em 22:41
    Permalink

    Parece que a maioria é viciada em “methadona”, a pior droga de todas. A pele fica cheia de feridas e os dentes ficam podres.

    Resposta
  • 10 de novembro de 2009 em 23:21
    Permalink

    pô, na 15ª foto a menina da direita eu pegava…da uma olhada lah, vai dize q tuh naun pegava tb?

    Resposta
  • 11 de novembro de 2009 em 0:28
    Permalink

    Cara… Tem algumas alí que possuem deformações ósseas na face (na minha humilde e leiga opinião). Será que as dorgas são capazes de fazer até isso?

    Fora as vesgas e outras que parecem ter levado um soco no olho…

    =P

    Resposta
  • 11 de novembro de 2009 em 9:14
    Permalink

    Bah, muito triste ver estas pessoas que perdem a dignidade por causa das drogas…

    Resposta
    • 11 de novembro de 2009 em 12:52
      Permalink

      Dignidade é a primeira coisa que vai pro ralo. O que me assusta é que tem umas aí que estão claramente entrando em decomposição ainda vivas!

      Resposta
  • 11 de novembro de 2009 em 9:23
    Permalink

    tem uma que parece o smeagol, meu deus ._.

    Resposta
  • 11 de novembro de 2009 em 9:36
    Permalink

    Excelente post. Se alguém usa ou pensa em usar drogas “just for fun” talvez pense duas vezes ao ver essas fotos do “depois”…

    Resposta
  • 11 de novembro de 2009 em 9:43
    Permalink

    Coé pô, tem altas gatinhas aí no meio…

    Resposta
    • 11 de novembro de 2009 em 12:13
      Permalink

      Concordo rapaz… Claro que falando na sinceridade nem todas são gatíssimas, mas MUITAS ali poderiam até ser modelos se não tivessem escolhido esse caminho! :/

      Resposta
      • 11 de novembro de 2009 em 12:59
        Permalink

        Verdade. Tem uma ali no meio que mesmo cavucada pela droga é muito bonita. È bem possivel que ela tenha começado a vida como modelo e acabou viciada, daí virou puta de rua e terminou na sarjeta.

        Resposta
  • 11 de novembro de 2009 em 19:24
    Permalink

    Cara, pode até parecer bizarro, mas esse post me lembrou muito a abertura da série “Os Normais” da Globo(sta).

    …Vc é doida demais….

    Resposta
    • 12 de novembro de 2009 em 8:02
      Permalink

      HAhaha. “Vc é doida demais” seria um bom titulo para este post.

      Resposta
  • 11 de novembro de 2009 em 21:32
    Permalink

    sinto muito phillipe por dizer sem ofensa mas tem umas que são horriveis sem ofensa é isao que as drogas fazem acho que algumas foram agredidas

    Resposta
    • 12 de novembro de 2009 em 8:01
      Permalink

      Com certeza. Tem umas aí que levaram altas bifas na cara. Será que foi o cafetão, o cliente ou a polícia?

      Resposta
  • 11 de novembro de 2009 em 22:12
    Permalink

    Eu não sabia que o crack estava pegando geral no Brasil inteiro. vi uma reportagem hoje em um canal qualquer que me deixou assustado: de 1.000 crianças que nasceram numa maternidade, 64 estavam com problemas graves por causa das mães viciadas piparem o crack.
    Os bebês tem ataques terríveis de tremores, nervos e cérebro avariados para sempre e não tem nem o reflexo de mamar.
    São maels irreversíveis do sistema nervodo, uma espécie de talidomida versão invisível 2000.
    Agora estão ferrando os carinhas na barriga da mãe.
    As vezes penso que a solução para este mundo, só mesmo uma guerra nuclear acabar com tudo.

    Resposta
    • 11 de novembro de 2009 em 23:04
      Permalink

      A solução para esse mundo não é uma guerra nuclear. É só os nossos governantes TOMAREM VERGONHA NO FUCINHO, seguidos de nossa MÍDIA MEDÍOCRE QUE AGE COMO ABUTRES EM CIMA DE CARNIÇA.

      Resposta
      • 12 de novembro de 2009 em 9:57
        Permalink

        Eu fico com a guerra nuclear :/

        Resposta
  • 12 de novembro de 2009 em 2:46
    Permalink

    Este post me deu uma sensação estranha. Não dizer bem o que pensar. Fica no limite entre o “que dó, coitada” e o “bem-feito, quem mandou agir assim?”.

    Mas das senhorinhas eu tive muita dó, com certeza…

    Resposta
  • 13 de novembro de 2009 em 9:38
    Permalink

    Isso devia ir pra TV, em vez daquela mãozinha do “diga não às drogas”.

    Resposta
  • 13 de novembro de 2009 em 12:55
    Permalink

    O Crack é foda mesmo ,parece até aquele filme “epidemia” que as pessoas ficam dominadas por uma bactéria e se relacionam apenas com os que também estão doentes ,porque acho que ninguém são consegue nem pagar por uma porra dessas.
    O pior é que às vezes ,são mulheres que escolheram ir para as ruas pois apanham do marido ou têm uma família problemática,e acabam deprimidas e preenchem o vazio das suas vidas com drogas .

    Resposta
  • 13 de novembro de 2009 em 22:49
    Permalink

    Tem duas que parecem com a Madona sem maquiagem e uma parece com a minha tia!!! :B

    Resposta
  • 13 de novembro de 2009 em 23:39
    Permalink

    Imagina as daqui do Brasil como devem ser! Ou melhor, nem imaginem! hehehehe

    Resposta
  • 16 de novembro de 2009 em 11:52
    Permalink

    Deu um troço ruim de ver essas fotos rs. Aliás, notei que muitas dessas mulheres têm várias feridas pequenas no rosto, tipo picada de mosquito que a gente coça, mas espalhadas pelo rosto, nariz. O que seria isso? Algum sintoma das drogas que elas usam?

    Resposta
  • 16 de novembro de 2009 em 12:28
    Permalink

    Um amigo meu disse que é da droga ,mas pra mim parece aquela doença que dá por causa de cocô de cachorro ,e nota-se que elas parecem mesmo que não têm higiene nenhuma ,pois as pessoas fumam crack geralmente sentadas em calçadas sujas .

    Resposta
  • 17 de novembro de 2009 em 3:40
    Permalink

    Notaram que todas parecem olhar pro “além”, um olho parece enxergar a frente, o outra parece enxergar o lado. Isso sim é um problema sério e sem retorno, elas estão entre os seres que sofrem das piores dores, conseguintemente a morte (na verdade, essas pessoas já não possuem vida).

    É triste ver isso, sabre que além de serem seres humanos, são mulheres que se perderam, muitas vezes em promessas jamais cumpridas.

    Sinceramente, têm razão de muitas pessoas não suportarem mais tantas crueldades (com qualquer ser vivo), e acreditarem na chegada de um “novo” mundo em 2012. Quem sabe?… Só Deus.

    Sinceros abraços a todos, ;]

    Resposta
  • 17 de novembro de 2009 em 8:37
    Permalink

    a segunda foto parece aquela bixa do Leave Britney Alone!

    hahahah

    Resposta
  • 20 de novembro de 2009 em 17:57
    Permalink

    Conheço de perto, ao vivo e a cores!!! O efeito das drogas é devastador. Ao longo de 32 anos, vi muitos colegas sucumbirem ao que chamo de “alimento negro”, sim, pq é o pão de cada dia do viciado. Quando era palestrante, começava o papo perguntando aos pais e alunos: “Droga é ruim?” A resposta sempre era “Sim!!!” Engano!! A droga é uma delícia!!! O efeito é imensuravelmente maravilhoso!!! A sensação é deliciosa!!! Quem usa, troca mil orgasmos por uma linha, uma cachimbada ou um “baque”. Família, antigos amigos, viram obstáculos, pedras no caminho!! Enfim, droga é tudo de bom!!! É essa a verdade absoluta de todo viciado, e cada um deles significa milhões de dólares, reais, yenes, liras, libras, etc… pro grande bam bam bam fornecedor. O grande problema, que passa em branco pra qq viciado, é a morte social, emocional, espiritual, totais e absolutas de cada um deles. Isso, pra quem está sob o efeito do alimento, pra quem está digerindo a plena e absoluta satisfação, passa despercebido. O triste de tudo isso, é que não há interesse verdadeiro de ninguém, mas de ninguém mesmo, pra que isso acabe. Afinal, é o tráfico, crime organizado, que sustenta dos mais baixos aos mais altos escalões da polícia, governo e o que chamamos(se é que existe) de Estado, em toda a sua estrutura. Maconha, merla, cocaína, heroína, ópio, ice, extase, aff… uma lista sem fim. Se não houver a vontade individual, nada feito. Não há interesse, acreditem!!!

    Resposta
  • 20 de novembro de 2009 em 18:20
    Permalink

    P/ Underlost

    Diversos fatores, na verdade. Infelizmente, 99,99% desses infelizes vivem nas ruas. A droga destrói, gradativamente, o sistema imunológico, como tb, sistema nervoso, capacidade motora e perceptiva, etc… Tb existem as queimaduras, pq a grande maioria das drogas injetáveis, o que conhecemos, dentre outras designações, por “baque”, são diluidas de forma rudimentar, com colheres, isqueiros, etc…, e daí, os usuários acabam se queimando. E tb têm as picadas de insetos. Vc nota que quase todas têm ferimentos, não é? Amiguinho, nem que vc quisesse, vc não conseguiria ter a mais vaga idéia do que é a vida dessas pessoas nas ruas. Dentre os fatores acima mencionados, o pior, é o abandono, a mais profunda solidão, pq, na maioria das vezes, as pessoas que estão em volta desistem.

    Resposta
  • 22 de novembro de 2009 em 13:50
    Permalink

    eu fumo maconhaaaaaaa cheiro cocaaaaaaina bebo cachaça e baforo lança

    SÓ n fumo pedraa

    hauahauahau

    mais meeeo deus se eu veer uma dessas na rua eu desmaio HAUHAUA

    Resposta
  • 4 de maio de 2010 em 9:12
    Permalink

    Deveríamos divulgar este post para todos os usuários de drogas, já que avisando eles não escutam, então que olhem o que a droga faz.
    Acho que vou até ver outra coisa, senão não vou conseguir trabalhar, vou assistir a um filme de terror que tem menos coisa feia. rsss.

    Resposta
  • 14 de setembro de 2010 em 20:48
    Permalink

    Que merda, fiquei depre agora, vou fumar um crack para ver se tudo melhora =o(

    Resposta
  • 16 de abril de 2012 em 14:05
    Permalink

    Saiba que aquele que fizer
    converter do erro do seu caminho um pecador, salvará da morte uma alma, e
    cobrirá uma multidão de pecados. 

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Alerta: Conteúdo protegido !!