Avião do dêmo

Olha só esta foto.

Trata-se do temível “Fire Edgehog”. Era um avião que durante a segunda guerra mundial fazia um voo rasante sobre o campo de batalha. Tão logo ele surgia, abriam-se as comportas na barriga do avião e ali estavam nada menos que 88 metralhadoras PPSH41 SMG com carregadores de tambor. O troço do inferno vomitava uma enxurrada de balas, mais ou menos umas 6160 por segundo para baixo do avião. Os soldados que estivessem em baixo, provavelmente nazistas, viravam carne moída na hora. Talvez esta arma tenha sido pensada para desentocar nazistas de trincheiras, uma vez que o avião precisava descer muito para o ataque com metralhadoras múltiplas funcionar. Seja como for, pode ter sido apenas alguns modelos de teste, uma vez que as bombas acabaram se mostrando mais efetivas no campo de batalha. Mas é bem maluco isso.

Fonte

Receba o melhor do nosso conteúdo

Cadastre-se, é GRÁTIS!

Não fazemos spam! Leia nossa política de privacidade

Philipe Kling David
Philipe Kling Davidhttps://www.philipekling.com
Artista, escritor, formado em Psicologia e interessado em assuntos estranhos e curiosos.

Artigos similares

Comentários

  1. As bombas podem ser mais “efetivas” e mais “eficientes”, mas duvido que dêem tanta satisfação (se você realmente odeia seus inimigos)… Imagina passar com esse troço em cima da casa branca, com o Jorge Moitinha e seus asseclas tomando banho de sol!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Últimos artigos