Viking Warrior I – O concept

Aqui está o concept da escultura que eu fiz no Photoshop . Tirei o Viking das costas do urso e coloquei ele num tipo de mata-leão, preste a tomar umas belas garras no tórax. Espero que vocês gostem. Para ver maior é só clicar na imagem.

Viking Warrior I - O concept

Related Post

23 comentários em “Viking Warrior I – O concept”

  1. O conceito esta otimo.
    so reparei duas coisas,

    primeira – pelo tamanho do urso o pesco;o dele seria maior e consequentemente ele nao conseguiria dar um mata leao como esse.

    segunda – a posicao do machado esta ao contrario do que levaria a uma futura machadada, pois nessa posicao o maximo que ele consegue e uma machadada na perna

    continue assim!
    ta de parabens philipe!

  2. Sem querer ser chato, mas já sendo… XD
    Sempre achei o Slaine mais interessante que o Conan, eu acho que ficaria algo mais original se fosse mais pro lado dos quadrinhos do Slaine (até porque o Slaine é menos conhecido) que pro Conan (visualmente falando, já que a peça é original!).

    Não sei se você conhece o Slaine, mas dá uma olhada numa imagem dele:
    http://images.epilogue.net/users/cquilliams/cqslaineukko.jpg

    Mas como base a imagem já tá boa! 😀

  3. Gostei do conceito, mas o machado, ao meu ver e breve pesquisa, não condiz com uma arma viking. A cabeça de metal poderia ter outro formato e o cabo não deveria ser curvo, pois um cabo curvo dificilmente aguentaria o impacto de uma arma desse porte.

    Apenas uma outra sugestão: AO invés do mata-leão no urso, pq não faz o urso em posição de ataque sobre as duas patas traseiras e o viking enfrentando ele frontalmente com um machado de duas mãos.

  4. Gostei da ideia, Philipe, mas esse urso, mesmo que pré-historico, ta parecendo mais aquele monsto de Star Wars que quase mata o Luke numa caverna. Outra coisa, mesmo com tamanha força do viking, o porte do urso impossibilitaria a sua imobilização.

  5. Foda a ilustração! As cores estão demais!

    Quero ver sua solução pra neve e pro pêlo deste monstrengo aí!

    Você tinha que viver destes bonecos bixo. Ficaria rico em pouco tempo.

    []´s

  6. Booooa! curti o desenho conceitual! Realmente uma patada desse urso arranca metade do viking…

    Pergunta: vendo que eles estão sobre um pico de neve, veio a minha mente que não me lembro de nenhuma peça sua (além do carinha do lost) com uma base diferenciada. Esse vai ter também?

    Abraços, boa sorte e resistência!!!,

    .faso

  7. Olá cara. Parabéns pelo trabalho!

    Aparentemente, a proporção do urso está incorreta, tanto em relação à sua própria cabeça, como em relação ao guerreiro.

    O que não significa que o conceito não está bom, pelo contrário. Entretanto o desenho mostra talvez eles na ponta de um abismo ou coisa assim.

    Para ser mais dramático, usando essa brecha, o que acha de pensar em uma cena de queda livre?

  8. Muito legal, mas também achei meio estranho a posição do sujeito, do urso e do machado. Não tem muito dinamismo, sei lá, Como ele vai acertar o urso com o machado naquela posição? E acho que a posição esconde um pouco o viking, ele fica meio “perdido” cercado pelo urso. Sei lá, é uma sugestão. ^_^

    Mas tô ansioso pra ver o que você vai arranjar. Manda bala, cara, tenho certeza que vai ficar du carai.

  9. Fala, Philipe!
    Tá demais a ilustração!

    Esse lance de proporção não deve ser muito levado em conta, pois acredito que você esteja realmente tentando criar algo um tanto quanto fantástico.

    Tá maneiríssimo!

    Gostaria de fazer um pedido / sugestão de post:

    Por que você não monta um tipo de tutorial pra quem quer começar nessa área de criação de dioramas e bonecos mostrando as ferramentas básicas para utilizar, os tipos de massa, etc e utilizando esses itens para fazer uma peça fácil para quem tá começando poder acompanhar?

    Fica a sugestão e pedido, pois sou um desses que gostaria muito de aprender.

    Mais uma vez, parabéns!

  10. Nossa, vocês deram muitas idéias legais. Não esperava tantas. Acho que exagerei no tamanhão do urso mesmo, hehehe.
    Mas de todas as idéias, a que eu gostei mais foi a da queda livre que o Carlos Correa sugeriu. Acho que dá bastante movimento mesmo. Já que não posso colocar a peça para levitar (bem, poder eu posso, mas não vou) estes dois tem que estar ligados a base de algum modo, mesmo que disfarçado.
    A peça vai ter a base decorada, já que é um diorama, e ela será este penhasco lá.

    O lance da posição é o seguinte, eu tenho que encontrar uma posição que seja suficientemente empolgante e forte, com bastante movimento, mas não pode ser só isso. A posição necessita permitir o desacoplamento do viking do monstro. No caso deste concept aí, a cabeça do monstro seria parte da peça do viking (peça A)e o resto do corpo do monstro seria outra peça (peça B).
    Isso é assim porque a peça precisará sem montada só no final, já que é grande demais para assar. O que me obrigará a fazer a parte volumosa em Apoxie e a parte detalhada em polyclay e juntar as duas depois.
    Então o trocinho é um pouco mais complexo do que parece.
    Colocá-los em queda livre vai ser alucinante, mas vou ter que esquentar a mufa pra projetar uma peça enorme em balanço, toda sustentada por um único ponto. Bem hardcore a parada.
    Para a peça em balanço acho que a idéia de fazer o cara em cima do bicho é melhor mesmo.
    Tanto o machado quanto o resto da roupa não tem garantias que serão assim. Este é só um concept, uma idéia ainda. Não é exatamente como vai sair o boneco.

  11. Caramba…. ANIMAL!!!!
    Simplesmente 😀

    com relação ao machado, não achei q era uma posição ruim pra um golpe. Tá é parecendo q ele vai dar uma bela machadada no meio das fuças do bicho (isso se ele n for retalhado pelas patas dele antes). E o formato do machado é irrelevante já q a sua proposta é fazer algo original seu, e não ter fielidade histórica. Qnto à cabeça do urso, tb n achei ruim pq uma cabeça pekena num corpo grande só mostra o qnto ele é gigantesco… e sinceramente, a cabeça NÃO ESTÁ pekena… ela é quase do tamanho do tronco do viking! A imagem tá com um dinamismo enorme! parece até q eles vão pular… quase ouço os urros do urso 😀
    heuheuh
    PARABÉNS MESMO, cara!
    Tô louco pra ver essa miniatura!
    Alguma possibilidade de ela ser duplicada e sorteada entre os leitores como foi a do John Locke? XD~~~~
    falow!
    fica com Deus!
    té +!

  12. Poxa, vai ficar maluco isso.

    So um outro detalhe: os elmos vikings de verdade não tem chifres: até onde eu sei isso foi ideia de uma opera europeia que queria mostrar eles como demonios.Acho que era isso.

  13. Essa idéia de fazê-los em queda livre é legal. Eu gosto muito de peças assim, em que um pequeno detalhe é o que une o personagem à base… O Olyntho (www.coalafilmes.com.br) é um cara fera nesse tipo de coisa. Veja essas Trinitys, do site dele:

    http://www.coalafilmes.com.br/olyntho/images/trinityagente/06.jpg
    http://www.coalafilmes.com.br/olyntho/images/trinitymanga/01.jpg
    http://www.coalafilmes.com.br/olyntho/images/trinitysd/frente.jpg

    abs

  14. Renan, é verdade, os vikings verdadeiros não usavam capacetes desse tipo, que foram popularizados na ópera do século XIX, mas este item se tornou tão popular e tão atrelado a imagem do guerreiro viking que é difícil resistir a isso.

  15. [quote comment=""]Renan, é verdade, os vikings verdadeiros não usavam capacetes desse tipo, que foram popularizados na ópera do século XIX, mas este item se tornou tão popular e tão atrelado a imagem do guerreiro viking que é difícil resistir a isso.[/quote]

    Concerteza é dificil tirar essa imagem!
    Mas a cultura Viking é demais, muito rica mesmo.

    Ja pensou em fazer tipo, nesse caso do viking, um modelo com um barco por exemplo?

  16. Renan, pensar eu pensei, cara. Mas o lance é que o barco já começa a entrar em outro segmento, que é o nautimodelismo. Área que eu curto também e tal, mas isso envolveria uma dedicação bem grande a outro segmento que está além dos bonecos conceituais, que é o assunto que eu gosto mais e que ajuda o pessoal a criar seus próprios bonecos. A maioria desses bonecos que eu faço tem mera função de tutorial, para a ajudar o pessoal a ver como é que se faz, ver o trabalho que dá e entender por que não é baratinho e por que é sacanagem comprar boneco pirata. Eu não sei se um barco iria ajudar muito, pq é uma coisa muito específica.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

shares