Pato do pé de galinha e galinha do pé de pato

Compartilhe

Existe um pato que nasceu com pés de galinha. Curiosamente ele tem medo de água.

duckchickenfeetkf5 Pato do pé de galinha e galinha do pé de pato

Só podia ser na tera da mutação, a China. O fazendeiro Fu Haiwen quem primeiro notou esta peculiaridade no pé do pato. Daí percebeu que ele nunca entrava na água. As pessoas da cidade de Xicheng em Huangjin correram parava casa de Fu para observar o pato. fonte

Curiosamente, eu havia colocado no Mundo Gump, há mais de um ano, a bizarra galinha que nasceu com pés de pato.

10881330240x180nk3 Pato do pé de galinha e galinha do pé de pato

Acho que basta fazer uma cirurgia de transplante cruzado e reslvemos o problema deles. É nisso que dá essas surubas no galinheiro.

Artigos relacionados

16 comentários em “Pato do pé de galinha e galinha do pé de pato”

  1. Na realidade o problema dos dois foi que o pato nasceu sem as membranas entre os dedos e a galinha nasceu com elas.
    Provavelmente uma pequena mutação é a responsável por isso…

  2. Nao vai me dizer que a galinha é uma ótima nadadora? Pq, se o pato nao entra na água por causo pés, entao a galinha . . . . sei lá né. É impressionante como a China é bizarra, tudo q é lixo mutante aparece lá. Apesar q a India nao fica atraz. http://www.mundogump.com.br/wp-content/plugins/smilies-themer/xpressions-grey/wow.gif

  3. “É nisso que dá essas surubas no galinheiro.”

    Essa frase ganho o post.

    Viva a terra dos mutantes! 😛

    Pois se não fosse ela, o Mungo Gump provavalemnte não teria tantos post Gump.

    :B

  4. Se a pata for mais nova que as galinhas pode ser que ela não seja lésbica. Ocorre que ao nascer, no cerebro do pato acontece um efeito chamado “inprinting”. Isso cristaliza numa programação na cabeça dele que ele deve seguir a primeira coisa que se mexer na frente dele. Geralmente, em 99% dos casos, é a mãe.
    Só que se um pato nascer e der de cara com uma galinha, vai seguir a galinha pensando que é a mãe dele. A mesma coisa com uma bola, com um cachorro, com uma pessoa.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.