Os Leonardos Davinci da Pré história

Sempre que a gente lê sobre pintura rupestre, acabamos vendo aqueles desenhos já batidos de figuras humanas estilizadas e cavalos, felinos e corsas feitos com uma qualidade similar ao de uma criança de 5 anos. Algo mais ou menos assim:

Daí é fácil ficarmos com a percepção que numa época anterior, a qualidade artística das representações primitivas era igualmente primitiva. Essa sensação sempre me incomodou um pouco, porque eu não sinto que a arte se desenvolva dessa maneira totalmente linear. Pra mim, é um erro pensar que todos os egípcios só conseguiam representar figuras de perfil. Não sei, me parece meio forçado isso. Claro que perspectiva foi uma invenção da renascença, não vamos exagerar também, mas tenho dúvidas sobre se alguém nunca tentou fazer uma representação frontal de um ser humano em quase 4000 anos de história (só no egito).

Esta imagem ilustra este meu posicionamento. É uma das raras imagens egípcias em que uma figura humana é representada de frente:

Talvez, numa época em que nem todos podiam se expressar artisticamente, a “moda artística” da época acabava ficando melhor preservada, e como só conhecemos o passado baseado nas coisas que se preservaram, temos uma ideia vagamente distorcida de como realmente era.

Veja por exemplo, que as esculturas gregas que todos nós hoje imaginamos que eram feitas em mármore branco, em sua ampla maioria, eram pintadas e decoradas com muito cuidado para se parecem reais. Entretanto, por não conhecer ainda a tecnologia de construção de tintas e corantes de longa duração, muitas dessas cobertura se perderam ao longo dos séculos, só sendo descobertas em fragmentos microscópicos hoje em dia graças a alta tecnologia aplicada ao campo da restauração. Seja como for, a ideia de estátuas apenas brancas é resultado de uma percepção distorcida de que todos os gregos só faziam estátuas assim.

Extrapolando este pensamento, acho que se reduzirmos a produção artística recente humana em termos de ilustração para as limitações dessa época ; e se imaginarmos nossa civilização sendo estudada por aliens vários milênios no futuro, eles poderiam pensar que nós só sabíamos fazer arte no estilo mangá.

Acho que eu viajei bonito agora. Mas este post é só pra mostrar que nem todas as pinturas rupestres eram tosquinhas. Já haviam “Davincis” naquele período paleolítico, representando animais com precisão incrível. Nada mal para artes de 32.000 anos atrás.





Fonte

15 Comentários

  1. kbbin 25 de junho de 2008
  2. Pedro Padilha 25 de junho de 2008
  3. Philipe 25 de junho de 2008
  4. Sarcastic 25 de junho de 2008
  5. Philipe 25 de junho de 2008
  6. Hunteriunn 26 de junho de 2008
  7. Ed 26 de junho de 2008
    • Fernanda Frs03 24 de abril de 2012
  8. Fernando 26 de junho de 2008
  9. Philipe 26 de junho de 2008
  10. Zezão 26 de junho de 2008
  11. Philipe 26 de junho de 2008
  12. Leonardo 31 de agosto de 2011
    • Philipe3d 31 de agosto de 2011
  13. BEZALEL 12 de março de 2013


Deixe seu comnetário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *