Noite com emoção

Compartilhe

Essa noite eu tava tão pregado que nem consegui ver televisão. Acabou aquele filme la do Tela Quente fui dormir. Eu tinha comido um panelão de angu e ja estava caindo pelas tabelas de cansaço. Felizmente o Davi estava dormindo bonitinho, coloquei ele no moisés e deitei.

Lá pelas tantas, não vi a hora (tive que tirar o relógio por causa do Davi), mas me parecia ser umas quatro da madruga, fui no banheiro dar um mijão.

Eu me lembro que estava fazendo xixi quando tive um calafrio. Uma sensação estranha. Fechei os olhos.

Eu tava na cama. Ouvi um trovão longe, e então escutei a Nivea falando… Ela parecia aflita, me chamando. Lembro que pensei em ignorar ela e continuar dormindo, mas podia ser pra fechar a janela por causa da chuva.

Aí eu abri os olhos e ela estava chorando, do meu lado, assustada, perguntava o que houve.

Eu não entendi nada, mas então olhei em volta e eu estava no chão do banheiro. Não estava na cama onde eu pensava.

-Você desmaiou! – Ela disse, e foi chorar na sala.

Sim, eu desmaiei fazendo xixi. Não sei como, caí para trás ao invés de cair pra frente e acertei as costas na porta de blindex que não sei dizer como que não explodiu. “Era o trovão”. A Nivea contou que tava dormindo tranquila quando acordou com a explosão. Ela levantou assustada e me viu caído no banheiro. Ela disse que achou que eu tinha tido um infarte. Que estava morto.

Coitada, que perrengue. Levantei meio zonzo e fui la na sala consolar ela.

Curiosamente, com todo o barulhão e gritaria, o Davi nem fez menção de acordar. Continuou ferradão no ronco.

Depois voltamos para o quarto e eu não conseguia mais dormir. Agora estou com uma dor nas costas do caramba. É a primeira vez que desmaio de verdade.  Teve pelo menos outras duas vezes que eu quase desmaiei, que foram bem ridículas.

Na segunda eu ainda era solteiro, tinha que fazer um daqueles exames de sangue “com tudo que tem direito”, e acabei perdendo a hora. Dormi demais e quando vi, o laboratório já estava quase na hora de fechar. Pra piorar eu estava sem dinheiro. Saí correndo desesperado, em jejum. Acho que corri uns dois km para chegar a tempo do laboratório não fechar. Deu certo. Fui o último da fila. Cheguei lá a Nivea (ainda namorada) estava puta da vida comigo, pelo atraso. Lembro que agradeci a Deus pela enorme quantidade de velhinhos em Icaraí…

Chegou minha vez tirei aquele montão de sangue lá e ignorei a sugestão da enfermeira de tomar o mini-cafezinho que tinha na salinha anexa à sala de coleta.

Voltei para casa.  No caminho comecei a ver as coisas meio e câmera lenta. As vozes das pessoas começaram a parecer que vinham de dentro de um armário. Quando notei que não tinha mais visão periférica e que só conseguia enxergar no centro da visão, percebi que aquele era o desmaio.

A sorte que a Nivea estava comigo, e abaixou minha cabeça. Fechei os olhos e fiz força para o sangue subir. Comecei a suar frio feito um condenado.
Quando o risco de cair na rua passou, fomos tomar um café numa padaria e levei meia hora de esculhambação por correr 2km em jejum, tirar sangue e não tomar o cafezinho do laboratório.   Depois daquilo passei a ter um mini trauminha de exame, o que me fez ficar uns cinco anos só fazendo exame em casa, deitado na cama vendo o desenho do Bob Esponja.

Mas ridícula mesmo foi a primeira vez que quase desmaiei. Eu contei esta situação vexaminosa para o Jô Soares quando fui lá. Foi na sauna de um motel em Três Rios. Nessa eu achei que ia morrer, meu. Uma morte digna de Dawin Awards, com meu amendoim defumado para deleite de todo o planeta Terra.

Bem, hoje eu posso dizer que desmaiar não é tão ruim quanto eu achava que era. O perigo mesmo de desmaiar no banheiro é meter a cara numa louça. Ou me explodir na porta de blindex. Se ela não tivesse aguentado a minha paulada a coisa teria sido grave. Eu teria caído para trás com os cacos, bateria a cabeça na parede do banheiro ou pior, no ressalto de mármore do piso.. E aí só Deus sabe no que ia dar.

Até agora não sei dizer as razões do desmaio. Vou fazer uma visita no cardiologista para ver se ainda está tudo bem (estava ótimo até o fim do ano passado). O que eu sei é que não eram 4 horas da manhã como eu pensava e só havia se passado duas horas da hora que me deitei. Talvez por comer muito e levantar depressa, tenha dado algum tilt aqui no sistema operacional.

Seja como for, fiquei feliz de ter desmaiado na minha casa, e não na rua, dirigindo, escalando ou fotografando na beira de precipício…

E você já desmaiou alguma vez?

 

Artigos relacionados

49 comentários em “Noite com emoção”

  1. Só para confabular com um teoria de maluca…
    Voce pensou na hipótese de ter sido abduzido e devolvido ao mesmo local? Ta cheio de relatos de pessoas que voltaram com sintomas de tontura e desmaios. Não leve a sério, só pra curtir mesmo.

  2. Ola, Philipe. Também sou de Tres Rios e frequento seu site diariamente. Tenho um problema relacionado a desmaios quando perco sangue. As vezes a quantidade e minima, como quando arrancar um dente ou fazer exame de sangue, ou ate mesmo um pequeno corte. Começo a suar frio e a tonteira e desmaio vem na hora.
    Meu medico diz que e Hipotensão.

  3. Eu já apaguei uma vez, a muito tempo atrás… E tive uma convulsão logo em seguida. Até hoje a causa do problema é algo meio desconhecido, mas pelo o que me contaram, eu quase morri naquela noite por que: Minha glicose chegou a 300 graças ao surto de adrenalina no sangue (não foi por exageros de comida, que aliás, eu estava em jejum), meu coração acelerou a ponto de ficar quase fora de controle, e o mais óbvio, eu desmaiei foderosamente no chão, enfiando cara a dentro e quase morrendo da porrada na cara.

  4. 2 vezes…. a primeira qdo fui doar sangue em jejum. OK, prêmio para mim!

    na segunda, foi qdo tirei os sisos e fui tomar banho mais de noite. Como perdi muito sangue, ainda estava fraco e não me liguei que poderia cair no banho. Desmaiei em cima do box, que foi oq me sustentou pra eu não dar de cara na bacia sanitária, mas com a queda abriu um pequeno talho na cabeça. O melhor foi chegar no pronto socorro com a boca toda inchada e com o sangue na cabeça e explicar q era cirurgia de sisos com finalização de desmaio no chuveiro 🙂

  5. Já. Até hoje fico na dúvida se eu desmaiava quando criança porque o médico gagá que minha mãe me levava me tacava gardenal minha mãe nem sabia para que. Era o que me fazia desmaiar. Porque quando eu parei de tomar, foram raríssimas vezes. Geralemente por baixar a pressão. Agora, desde que levei uma pancada no lado direito num acidente de carro eu nunca mais nem senti nem tontura kkkkkkkkkk

  6. cara uma vez tava ajudando a descarregar uma mesa, só lembro de ter tropeçado na quina da porta traseira da camionete e caído com o peito na borda da mesa, a ultima coisa que me lembro foi levantar completamente sem folego e ver meu tio rachando de rir da minha cara, dai só lembro de acordar com um balde de aguá na minha cara, levantei meio tonto, todo babado com uma espuma branca, minha mãe se descabelando, todo mundo correndo de um lado pro outro, e meu velho pai, naquela tranquilidade dele tomando aquela gelada sentado numa cadeira vendo a bagaceira toda.

  7. Já quase desmaiei uma vez. Eu tava com muita cólica e me sentindo tonta. Eu não conseguia respirar direito, mas consegui chamar minha avó e disse que achava q ia desmaiar. Eu tava tão zonza que queria era desmaiar mesmo pra descansar um pouquinho, mas minha vó ficou me abanando me mandando respirar fundo, até que eu fui recuperando o fôlego e nem cheguei a desmaiar. 🙂

  8. Não sei necessariamente o que aconteceu, mas durante um tempo em minha vida eu “apagava” e aparecia em outro lugar diferente, como se nada tivesse ocorrido.

    Numa dessas vezes, tinha acabado de tomar banho e senti uma dor muito forte no peito quando tava no quarto da minha mãe, procurando minhas roupas pra vestir.

    Eu lembro que tava só de cueca quando caí na cama da minha mãe. Acordei no outro dia, na minha cama, vestido e como se nada tivesse acontecido… e ninguém se lembra de eu ter desmaiado na cama, senão teriam me levado no hospital.

    Tem uns 10 anos e nada disso aconteceu novamente.

  9. Bom Philipe, já aconteceu algo parecido comigo. Fui me levantar para ir no banheiro de madrugada, eram umas 3 da manhã. Comecei a sentir uma zonzeira e minha visão foi escurecendo aos poucos e eu ouvi um barulho muito grande. Quando fui ver, eu havia caído e uma escada de madeira pesadona que tem no banheiro caiu na minha cabeça. O médico diagnosticou Síncope vaso-vagal

  10. O mais engraçado é q quando a gente desmaia, pelo menos foi o meu caso na unica vez em q desmaiei,a gente acorda numa paz, sem entender nada daquele desespero em volta.

  11. Algo semelhante a isso aconteceu comigo uma vez. Eu estava no banheiro e derrepente apaguei, acordei com minha mãe aos prantos !. No meu caso isso se chama exaustão, se passo um período longo sem dormir bem, então chega uma hora que meu corpo não aguenta.
    ~
    Abdução é ????? kkkkkk
    Olha só, quando eu era criança, tinha o costume de dormir na sala, eu apagava e acordava na minha cama, mas os Aliens neste caso eram meus pais, engraçado que eu nem me lembrava disso no dia seguinte, dormia feito pedra. Velhos e bons tempos !
    Hoje se eu dormir no sofá, fico por lá mesmo, máximo que mamãe pode fazer é levar um cobertor.

  12. Por falar em desmaios, alguém ja passou por uma situaçao a noite e no outro dia nao saber se foi sonho ou realidade?

    Comigo ja aconteceu de eu acordar do nada sentado na beira da cama dos meus pais de frente pra porta …
    Acontece que quando eu olhei pro lado(ainda era de noite) minha mae nao tava la.
    E eu me lembro de que ela tava em casa antes de dormir (eu fui o ultimo a dormir).
    So me lembro de que a luz da suite estava ligada…
    Mas sem me questionar, eu levantei, abri a porta, voltei pro meu quarto, e me joguei de peito na cama…

    No outro dia eu acordei de costas, minha mae estava em casa SIM, e meu pai que tem sono levissimo disse que nao viu nada…
    Cara, eu JURO que esses poucos fatos de 2 min. no máximo FORAM MUITO REAIS !!!
    E o pior e que minha mae disse que nao se levantou a noite…
    Será que isso foi um sonho dentro de um sonho?
    INCEPTION….

    • HEhehe valeu. Eu nem acreditei quando o diretor disse que o Jô tava rindo com meu livro no camarim e por isso resolveu fazer dois blocos. Isso causou até uma confusão na grade.

  13. Nossa, já desmaiei incontáveis vezes…. eu tenho um troço que chama síncope vaso-vagal, que é uma alteração resposta neurológica do sistema nervoso autônomo que controla a pressão…. às vezes pifa e eu desmaio…. do nada e independentemente de outros fatores…. é muito louco….

  14. vc tá ligado que existem grandes chances de vc só ter dormido mesmo né?

    Quanto estamos muito cansados, dormimos – não importa a condição! eu (e muitos brasileiros, imagino) já dormi em pé no busão segurando no apoio – é engraçado que agente não larga por nada! hahaha

  15. Aff eu já desmaiei 3 vezes, a primeira fui descer a escada do serviço e direção ao estacionamento, torci o pé no último degrau e senti uma dor tremenda, a visão começou a escurecer e fui andando até o carro, quando vi eu estava caido entre dois carros no estacionamento e com a porta do meu carro aberta e com um belo corte na cabeça do impacto. A segunda eu parei o carro na porta da casa da minha mãe e por uma distração fechei meus dedos na porta do carro, a dor for intensa e eu percebi a mesma sensação de escurecer a visão da primeira vez, fechei o carro, consegui abrir a porta da casa da minha mãe, ela estava na entrada, só lembro que encostei na parede e falei para ela que ia desmaiar, dai já acordei no chão com ela e minha irmã gritando e chorando desesperadas. A terceira foi a pior, eu rompi meu ligamento cruzado do joelho jogando futebol, a dor foi muito grande mas na hora pensei que podia ser só uma torção e fui para casa, ao tomar banho, a dor era muito intensa e só lembro que ja acordei no meio do box todo quebrado (sorte que era de acrilico), pelado e com meu irmão arrebentando a porta e minha mãe, tia, avó, irmã, primo, prima, todo mundo me vendo naquela situação e chorando rsrsrs, resultado, tive que fazer cirurgia no joelho e até hoje ainda estou em recuperação (já tem 7 meses).

  16. Eu ja desmaiei feio, mas também ja cai de sono! Sera que não foi o teu caso??

    (Soh por curiosidade, tenho uma amiga que mora em Londres que sofre de narcolepsia. Ela me contou que parece um desmaio, mas na verdade a pessoa vai do estagio de vigilia direto pro sono REM! Louco, né? A tempo: nao acho que é teu caso).

    Beijo pro nenezinho!

    • Alguns amigos meus sugeriram que poderia ser o cansaço por causa do Davi e tal, mas eu acho que foi desmaio por dois motivos: Um que eu praticamente não ouvi a explosão que deu quando acertei a porta de blindex com toda força. Se eu tivesse dormido e caído, teria acordado, mas a Nivea veio e ficou me chamando um tempo até eu dar um reboot e voltar sem saber onde que eu tava. A outra razão é que me lembro claramente de estar fazendo xixi e sentir um estranho calafrio antes de perder a consciência.

  17. Já desmaiei na fila do restaurante uma vez. Tive uma virose e dai antes de ir ao hospital fui almoçar (achava que não era nada sério), daí quando comecei a comer , notei que tava passando mal, fu para a fila do pagamento e quando notei já estava acordando sendo levantando pelas pessoas perguntando se estava sentido me sentindo bem. Engraçado que não senti nada entre a fila e a queda. Só fiquei com um galo na cabeça, ainda bem!

  18. Já fiquei no quase, duas vezes, como vc, mas nunca desmaiei de fato. A última eu vi tudo escurecer quando uma enfermeira que me foi tirar o sangue prum exame pré-operatório ficou brincando com a agulha debaixo da minha pele.

  19. Ah sim, conta “desmaio” por fadiga? Eu apaguei uma vez na mesa do PC e no outro dia acordei por cima do teclado. Quando? Na época que eu e o Philipe estavamos migrando o MG de servidor… Eu naquele desespero danado, virei a noite futucando no server, e passei o dia nisso, no outro dia de madrugada, eu ainda sem dormir meu corpo ligou o “procedimento padrão de shutdown” sem eu sair do PC! hahahaha

  20. Já desmaiei por causa de um caso agudo de balancite na testa. Fui passar atrás dos balanços na escolinha, tinha uns quatro anos de idade… Daí, só me lembro de estar deitado com a cabeça no colo de uma das professoras dentro do carro, correndo pro pronto-socorro. Dava pra ver vagamente o sangue misturado com as lágrimas quando eu abria os olhos.

  21. Um conhecido meu desmaiou no banheiro enquanto urinava por causa da dor de um cálculo renal. Vc tem cálculo e sentiu um calafrio enquanto urinava. Não pode ser isso?

  22. Eu só desmaiei uma única vez em toda minha vida. E claro que foi tirando sangue. Foi tão escroto, mais tão escroto, que tenho até vergonha de acordar. Mas garanto que toda a culpa foi da enfermeira. Foi principalmente pelo fato de ter um cagaço lvl 80 de agulhadas e também pela enfermeira ser novata e ter peneirado meu bracinho. É foda alguém penetrar algo no seu corpo – sem malícia, seus maliciosos. Quando eu vi, sentia um puta dum frio e as vozes todas abafadas, e pûm! Num momento eu tinha desmaiado. Acho que fiquei uns vinte minutos desacordado. E o pior: quando eu levantei, tive a pachorra de perguntar para minha mãe se o café-da-manhã estava pronto =/ Veio até um médico examinar-me. Uma outra vez eu quase desmaiei devido a uma crise de tosse, mas essa eu estava no hospital e tudo ficou bem =)

  23. Não se preocupe philipe,o que vc teve foi um mal subido pós mijada chamada,”decepção do pinto pequeno”causa esses desmaios mesmo hehehe,brincadeira amigo….

  24. deve ser foda desmaiar! minha sorte q isso nunca aconteceu!
    a minha família inteira já desmaiou pelo menos uma vez mas eu não!
    eu já quase desmaiei, de tanto dançar(3 hrs dançando é fodaço, mais depois a porra fica séria)
    :p

  25. Eu já tive um negócio desse em 2005, eu tinha chegado na casa da minha vó que fica a 10 horas do Rio e eu dormi praticamente a viagem inteira, mas quando eu cheguei na casa dela e fui ficar um pouco na área de serviço, eu sentei lá e comecei a olhar as árvores e depois só lembro da minha vó falando pra eu deitar na cama lá dentro, eu tava deitado no chão da área de serviço e com o sol pegando em mim.

  26. Philipe, vc não perdeu nenhuma das suas amadas pedras dos rins? As vezes foi emoção rs.

    Comigo foi só uma vez, e nem foi um de verdade e tals. No meio do casamento do meu irmão. Eu lá no altar, ele me chama pra assinar nas testemunhas e eu nao to mais ali pois fui carregada pra longe. Digo sempre: eu não sou testemunha do seu casório. rs.

  27. Nossa mente é muito louca. Ela inventa desculpas plausíveis para as situações que estão acontecendo ao nosso redor, mas não estamos conscientes para ver.
    Eu lembro a segunda vez que desmaiei, como já tinha desmaiado antes, já sabia o que estava por vir. Eu estava fazendo xixi, sentada no vaso sanitário, e só deu tempo de abrir a porta e gritar pra mãe me acudir. Eu não caí porque estava sentada, mas acordei na cama, com minha mãe abrindo minha boca, desesperada. Ela me contou que estava delirando e falando coisa e parecia que eu ia engolir a língua. E eu só respondi “não, eu sonhei que tava no show das Spice Girls e tava cantando!” Eu tinha uns 15 anos na época.

  28. Ta, esse post é antigão, mas eu estou nem aí XD. A história é o seguinte: Eu levei uma bateria para a escola, que tinha dois polos e um fio. Meu amigo, suuuper filho da mãe, me disse que se eu juntasse os dois fios, a cidade explodiria(eu tinha uns 7 anos) e como eu era uma criança muito impressionável, acreditei! Aê veio a professorinha e pum! Ligou. Foi demais para mim, levantei da carteira, dei um grito e saí correndo, não deu nem tempo de andar 3 metros e caí de cara no chão e comecei a me remexer todo(convulsão?). Cara, foi horrível, depois eu acordei chorando, andei para fora da sala e fui para fora da escola e os meus pais tinham vindo me buscar, eu não faço ideia de como eu sabia!

    O que que vocês acham?

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.