Drinkfinity chegou

Compartilhe

Hoje quando fui levar o Davi na escola, tinha uma caixa me esperando na portaria. Depois de voltar da minha função de pai-levador-de-bacuri-pra-escola fui ver o que era. Era uma caixa enorme. Até me espantei com o tamanho. Como assim uma caixa chegou do nada pra mim? Confesso que temi que fosse uma bomba, hahaha.

caixona 941x1024 Drinkfinity chegou

Levei pra casa e quando abri, uma surpresa:

abrindo 576x1024 Drinkfinity chegou

Dentro da caixa tinha essa bolsa branca, com uma coisa dentro.

bolsabranca 737x1024 Drinkfinity chegou

Retirei com cuidado a bolsa, e ali estava uma espécie de mochilinha cinza.

bolsacinza 735x1024 Drinkfinity chegou

Lá dentro, havia uma série de coisas. Eu já estava bolado, mas iria ficar ainda mais…

abrindobolsa 576x1024 Drinkfinity chegou

Fui tirando as coisas da mochila coo criança que abre o presente de natal. A primeira coisa que tirei foi a caixa da garrafa do Drinkfinity… Um belo design.

vessel 576x1024 Drinkfinity chegou

 

Depois tirei dois packs com cinco cápsulas do concentrado da bebida

unidades 576x1024 Drinkfinity chegou

E aí eu vi que ainda tinha outra caixa, bem maior. Quando eu tirei, que surpresa, era um porta retratos digital.

caixaptretrato 576x1024 Drinkfinity chegou

ptretrati 576x1024 Drinkfinity chegou

 

Na frente tinha um pendrive maneiro, com a forma da garrafa.

ptretrato 576x1024 Drinkfinity chegou

As instruções me mandavam conectar o pen drive ao porta retratos digital

video 1024x576 Drinkfinity chegou

E então rolou dois videos apresentando o produto. Muito massa. Eu ainda não achei os videos que vieram no pen drive, mas no canal do Drinkfinity no youtube achei este, que é bem bacana.

O Drinkfinity

O material que veio junto explica como funciona o sistema. Basicamente, você tem esta garrafa, que pode encher com água filtrada e tem também os “pods” ou cápsulas, que você coloca num compartimento especial que faz a mistura com a água. Achei essa ideia muito bacana, porque ela reduz a quantidade de plastico necessária, uma vez que o líquido que seria vendido normalmente numa garrafa pet misturado com água é vendido nos pods, superconcentrado, e você é que mistura com a água, do jeito que quiser. Isso também facilita o transporte, já que levar as capsulas é mais fácil que levar um monte de garrafão, num passeio, por exemplo.

acapsula Drinkfinity chegou

Dentro dos pods, há duas partes de material, uma em pó e outra líquida, que são responsáveis por fazer o sabor e o aroma das bebidas. Eles são mantidos separados para que aumentem assim a durabilidade. Segundo o material informativo do produto, os consumidores brasileiros serão os primeiros a poder comprar o vessel e os pods do drinfinity no mundo, através da loja deles que é www.drinkfinity.com.br.

Um processo de co-criação

Uma coisa que me chamou muito a atenção é justamente o design. As embalagens são muito bonitas e atraentes, e as cápsulas (pods) e principalmente o (vessel), como eles chamam a garrafa. A PepsiCo mandou bem permitindo que a equipe de desenvolvimento deste produto pudesse trabalhar num sistema similar ao de uma startup, com liberdade de explorar novas possibilidades, e trabalhando de um jeito mais livre e criativo. Pra isso, eles selecionaram 50 pessoas residentes em São Paulo, Nova York e São Francisco. As pessoas selecionadas eram marcadas pelo mesmo perfil: Jovens, criativos, empreendedores. Esses caras usaram o produto e foram convidados a fazer sugestões e contribuir efetivamente com a modelagem do sistema drinkfinity, principalmente na fase de testes, que foi chamada de “fase beta” da bebida.
O sistema foi sendo ajustado e aperfeiçoado até chegar no ponto que está hoje, bem aqui do meu lado enquanto escrevo isso. Segundo o paper, eles ainda manterão o Drinkfinity em estado de evolução.

Acho que o cerne da ideia é permitir a customização do produto, além de reduzir a quantidade de plastico no processo, o que é claro, vai ser vantajoso para o fabricante, não só por reduzir a água, mas também porque isso representa uma mudança brutal nos seus custos de logística, e também para o cliente, que sempre tem a água ao seu alcance e não precisará carregar água de um lado para o outro, misturando o produto da capsula bem na hora em que for beber. Já é assim com as maquininhas de café expresso que caíram no gosto do público, de modo que seria mesmo uma tendência natural que esse conceito do consumidor interagindo diretamente na construção da bebida se expandisse.

Eles ainda construíram um espaço físico chamado de Dtinkfinity lab, lá na Vila Madalena, que deve ser aberto em janeiro de 2015 para reunir ali os participantes da fase beta, onde os participantes poderão participar de eventos e atividades relacionadas ao tema conceito dessa bebida.

Tenho que dar os parabéns pela ideia a todos os envolvidos. A campanha de comunicação também foi muito bem planejada, e o design ficou lindo.

Pode ser até bobagem, mas abrir a garrafa, colocar a capsula ali dentro e “ativar” a bebida  dá uma sensação que estamos num filme de ficção científica danada!  Consigo imaginar direitinho o Han Solo fazendo isso dentro do cockpit da Millenium Falcon.

Quero aproveitar o ensejo para agradecer por terem lembrado de mim. Valeu PepsiCo!

Artigos relacionados

21 comentários em “Drinkfinity chegou”

  1. É uma boa iniciativa, sem dúvida. Mas ainda acredito que se deveria incentivar as pessoas a consumirem água sem aditivos químicos, simplesmente água. Incentivar o consumo de suco de frutas sem açúcar ou com bem pouco. O produto é belíssimo e a ideia genial, mas será que é uma alternativa saudável? Grande abraço!

    • Bem lembrado…me lembrou de qndo fui aos EUA e vi umas garrafinhas lindas no mercado, q lembravam uma gotinha, tipo o adoçante da línea…ai perguntei pra vendedor o q era e ela disse ser drops saborizantes para agua, vc leva a garrafinha na bolsa e com poucas gotinhas qlq agua vira suco, cha gelado, café…ai eu falei, miss, what the fuck is wrong with water flavored water? “Filha qual o problema de agua sabor agua?” rs…agua por si só eh o maior tchans!

  2. Olá Philipe, tudo bem?

    Legal este post!

    Como leitor de seu site, estava pensando em fazer uma sugestão de post bem interessante.

    Já parou pra pensar em como musicas antigas são plagiadas, parodiadas e regravadas sem sequer sabermos a origem delas?

    Segue abaixo uma lista:


    O Jipe do Padre (canção infantil popularizada pela cantora Eliana nos anos 90)
    https://www.youtube.com/watch?v=dYj6rNqXxII
    =
    The Battle Hymn of the Republic Glory! Glory! Hallelujah! – Versão Original de 1862
    https://www.youtube.com/watch?v=hrG0AwUJQDQ&list=RDhrG0AwUJQDQ#t=0


    16 toneladas (Quem nunca ouviu pelo menos o refrão?):
    https://www.youtube.com/watch?v=Beo_jHowU-I
    =
    Tennessee Ernie Ford – 16 Tons
    https://www.youtube.com/watch?v=RRh0QiXyZSk


    Sabe aquela canção que todo mundo conhece por causa de algum desenho da Disney ou por causa da famosa Van de sorvete norte-americana?
    https://www.youtube.com/watch?v=C9AXEt5anRw -> Episódio Pato Donald Fazendeiro
    https://www.youtube.com/watch?v=CZB6WXDuM1g -> Van de Ice-Cream
    =
    Turkey in the straw – 1820
    https://www.youtube.com/watch?v=VsnZxfkkoKQ


    Kill Bill Vol.1 (Marcou o filme)
    https://www.youtube.com/watch?v=E84OWq6z3IQ#t=50
    Ou
    The Killer´s Song – Carolina Marquez (Sucesso no Summer Eletro Hits)
    https://www.youtube.com/watch?v=2onQZgar1Z0
    =
    Twisted Nerve-Bernard Herrmann – 1969
    https://www.youtube.com/watch?v=qX4lBeRtexI

    Dentre tantos outros…

  3. Kisuco gourmet? Eu chego mesmo a achar engraçado a carga de “atualidade” que eles tentam passar na propaganda, mas que acaba sendo cômico. Não sei se sou só eu mas me soa meio ridiculo. Não vejo aonde pessoas jogando tinta uma na outra e assoprando foguinhos reflete o mundo atual. Muito menos se “comunicando” em grupo com celulares; Qualquer pessoa que ja esteve em bares, eventos e festas nos ultimos 5 anos sabe que o que se ve são grupos de diversos indivíduos em que boa parte usa o aparelho de forma solitária e concentrada. Não sei pra onde a sociedade caminha, mas certamente, eu quero acreditar, não é para um lugar aonde um refresco com corante seja alguma nova onda (procurando um pouco existe um excelente tópico neste site referente as mutretas do marketing ao consumidor).

    A imagem dos ingredientes é a chave de ouro. “Ingredientes em pó: Vitaminas, energia (oi?) e sais minerais. Elementos essenciais liquidos: Sabores, Adoçamento (?) e cores”. Essenciais pra quem? Eu fico imaginado pessoas de 22, 23 anos no marketing, com pouca experiência, poucos valores, jogando uma tremenda carga de futilidade concentrada que só atingirá os de similar atitude.

    • Obrigada, achei que só eu estava pensando assim. Fico imaginando quanto os responsáveis por isso gastaram suas energias, tempo e dinheiro pra produzir algo tão desnecessário, ao meu ver. Você paga 90,00 poresse kit: uma garrafa (bonita, realmente) mais esses potinhos de suco. Como já falaram, no site não tem as informações nutricionais sobre o suco em pó. E gente, WTF?! É pra falar de hidratação? VAMOS BEBER ÁGUA!

  4. III o pessoal não se deixou levar, acho que essa grana toda, mandando kits para comunicadores com influencia não vai gerar o retorno esperado… droga minhas ações vão despencar ajuda aeeee….

    • A gente nunca sabe se realmente as coisas vão emplacar, mas o custo desse tipo de ação é microscópico, comparado a uma única propaganda de Tv.

  5. Não se acha nada na internet que detalha o produto… informacoes nutricionais, etc… fique até interessado pensando ser algo saudavel… mas como pessoal disse ai acima, eh um frufru… kisuco gourmet… modinha….

  6. eu achei bem interessante… como diz no site, a parte em pó possui ingredientes específicos, como sais minerais, vitamina C, Zinco, cafeína e complexo B….
    pra quem pratica esportes, é uma opção pra substituir o gatorade… o mais interessante é que não é só pra quem pratica esportes…. e, na boa, apesar de beber mta agua, eu prefico qdo ela tem sabor… e sei que muita gente pensa o mesmo… e se ela é um ‘tang gourmet’, como muitos disseram aí, é gourmet com vitaminas que eu preciso [zinco, complexo b]…
    o ‘design’ vc so paga 1x, o resto, fica o preço do gatorade, ou menos.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.