22 Comentários

  1. Muca Vianna

    Putzzz… Brasil tem lugares espetaculares. Você, na verdade, falou de alguns, digamos que peneirou e tentou buscar lugares diferentes. Por que tem demaissssss! hehehehehe

    Belíssimo…

    Ah… parabéns sobre a Ilha da Trindade, eu já li bastante sobre ela, mas creio que ainda seja algo que muito pouca gente conheça, visto tamanha importância.

    Abraço

    Responder

  2. Sensacional!!! Mas será que vc não é suspeito para falar que Angra dos Reis é um dos lugares mais bonitos do Brasil? hehehe… afinal você guarda boas lembranças de lá… hehehe…
    Curiosidade sobre os Rios Solimões e Negro: não só os peixes gostam da água barrenta, como o Solimões tem muito mais peixes que o Negro, ao ponto de alguns nativos e caboclos definirem o Negro como rio morto. Detalhe, já vi peixe pulando dentro de canoa no Negro, então imagina como deve ser o Solimões…
    Abraço!

    Responder
  3. Flávia

    No próximo post sobre lugares brasileiros, inclua o Parque Nacional Cavernas do Peruaçú, localizado no norte de MG. A principal caverna, a Gruta do Janelão, é fantástica! Vale a citação.

    Responder
  4. Henrique

    Iiiiii….!!!! Í Ibitipoca ?!
    Rio de mármore, banhado pela coca-cola! Ou mate, nacionalmente falando.
    Isso que dá ficar obcecado pelo número dez!

    Vai ter neguinho se queixando a dédeú… E tal lugar? E aquele outro…

    Responder
  5. Lfazzi

    Dá pra fazer agora um top 10 Gump do Brasil só com cidades e locais urbanos =D

    Responder
  6. Julia

    Só faltou falar que o Monte Roraima foi a inspiração dos animadores da Pixar para fazer o Paraíso das Cachoeiras em UP!
    Inclusive fizeram uma viagem de campo em 2004 com parte da equipe para fazer esboços de tudo o que tinha lá de modo a deixar tudo o mais realista possível.

    Responder
  7. Magali

    Olá, só complementando um pouco quanto ao Encontro das Águas. A explicação para os rios não se misturarem tem natureza química e física: há diferença no ph da água dos dois rios, sem contar que eles também possuem diferença de temperatura e velocidades das correntezas… o rio Solimões (o de águas escuras) é mais quente e corre em maior velocidade… e isso é notável (para aqueles que tiverem oportunidade) quando tocamos um rio e outro durante o passeio… Parabéns pelo Blog. 🙂

    Responder
  8. ADILSON

    Muito interessante mesmo.
    Faltou o monte dos 7 lagos (cada lago tem uma cor diferente) – perto de Maturacá, Pico da Neblina;
    Também Porto de Galinhas – PE;
    Ilha do Bananal – TO;

    Responder
  9. Tamara

    Gente, como assim, faltou Jericocoara!!!!! lá é espetacularrrrrrrrrrrrrrrrr

    Responder
  10. Eduardo

    Lençóis maranhenses é mesmo um lugar incrível cheguei de la não tem uma semana, fora o passeio nos proprios lençóis tem um tour de barco pelo rio preguiça que tbm é muito show, vale muito a pena conhecer.

    Responder
  11. MagaliPriscila

    Oi! Acompanho o seu site a um par de anos e curto demais as publicações… As águas do Rio Negro e Solimões não se misturam devido as diferenças de pH, velocidade e temperatura que são diferentes, o que torna a o encontro extremamente conturbado: Solimões possui águas mais frias, desce com maior velocidade e tem pH mais básico contrastando com o Negro. Abs.

    Responder
  12. Jessica

    Não acredito que tá faltando a Chapada Diamantina na Bahia, um dos lugares mais lindos sem a menor dúvida. Pesquise sobre o Poço Azul, Poço Encantado, Fazenda Pratinha… Entre outros lugares da Chapada, é maravilhoso.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *