Buraco misterioso em Marte

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
Categorias
Night mode

Olha só esta imagem:

O ponto preto aí é um buraco na superfície do planeta. O buraco é do tamanho de um campo de futebol e tão fundo que a luz do sol não penetra. A foto foi tirada em 28 de maio de 2007 e está sendo analisada pelos peritos em astrogeologia da NASA.
Não há evidência de atividade vulcânica para que ele seja considerado a chaminé de um vulcão e também não parece haver grandes evidências de se tratar de uma cratera. O que será? A Nasa supõe que seja uma das varias entradas para uma rede de cavernas que eventualmente afloram á superfície do planeta. O buraco está perto de um vulcão extinto.
Outras estranhas cavernas foram descobertas em Marte e a Nasa acredita que estas cavernas constituam um ambiente seguro para sustentar vida.
Fonte

Comments

comments

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

19 respostas

  1. o c* de marte.

    se a Terra tmb tem pq Marte não pode ter?

    ;p

    brincadeiras a parte, niguem tira da minah cabeça que marte já foi habitado, deve ter acontecido algo muito tenso lá que deixou o planeta “estéril”… a não ser que todo mundo tenha corrido pra dentro dessas cavernas.. 🙂

  2. são os “vermes malditos” de marte….. ou então os et’s que fizeram aquele buraco lá p os lados da russia, devem ter passado em marte no meio do caminho…

  3. Existem coisas assim aqui, desabamentos e colapsos de origens naturais levando a formações como essas como o buraco das araras (e não me refiro a penosa nem sua digníssima cloaca). Entretanto seria necessário mais informações geológicas. Mas que parece sujeira na lente, parece.

  4. Isso aí foi os marcianos q fizeram. Acabaram com os recursos naturais de Marte, o planeta entro em colapso, e eles entraram pra de baixo da terra! huahauhuauh

    Mas sério, deve ter sito o tiroteio do RJ. xD

  5. Seus cagões, vão procurar o que fazer!!!

    Os pseudo cientistas gostam de crer em coisas cientificamente impossíveis (Não desmerecendo a verdadeira ciência). Marte não passa de um planeta seco e árido. Se “Deus” ou a “Natureza”, como preferem alguns, colocaram vida lá isso já teria sido mais do que evidente!

  6. Calmaí Skywalker, Recentemente a sonda confirmou que tem água líquida lá. E as bactérias fossilizadas naquele meteorito da Antártida são mesmo de lá, o que prova que vida existiu. Agora, se ainda existe e como é o tipo de vida, ninguém sabe dizer.
    Concordo que tem muita gente que viaja na maionese querendo ver pirâmides, esfinges e etc no planeta vermelho. O buraco aí em cima é só uma curiosidade geológica.

  7. lendo os textos antiquissimos do pasado traduzidos por eruditos arqueólogos e antropologos percebe-se que a vida é ciclica e o tempo é a semente da criaçao.

  8. Meu Deus!
    Será que algum maluco (ou fanático religioso) acha mesmo que estamos sozinhos no universo?
    Ou mesmo no sistema solar?
    É claro que Marte já foi habitado. Só que a vida na superfície acabou 10 milhões de anos.

  9. Nao precisa ser nenhun genio para descobrir marte ja foi habitada, assim como outros planetas do sistema solar. O problema esta em como os planetas sao criados sempre da mesma forma, voces sabem que no centro da terra existe fogo e lava pois e um dia isso tudo vira a tona e vai transformar a terra em um planeta muito parecido com os outros cheio de crateras; crateras essas que foram vulcões que entraram em erupção e extinguiram a vida nos outros planetas;Da mesma forma que vai acontecer aqui também ;lamento muito mas e a real.

    1. Olha cara, eu não concordo com o que você disse…

      Os planetas podem ser formados do mesmo jeito, aquela história do acumulo de “poeira fazendo uma bola de terra”, mas não indica que foram formados com os mesmos elementos abundantes na terra.

      No planeta terra há um núcleo com minerais óxidos, o Ferro é um elemento abundante no núcleo, por isso a bússola funciona heehehehehe… Não é literalmente fogo queimando lá dentro, e outra, as “crateras” são resultantes de impactos de objetos externos, no espaço há muita besteira flutuando em direção de colisão com a terra, pedaços de meteoros entram em órbita e queimam antes mesmo de se tornarem mortais, da uma googlada em perseidas, vai gostar da parada.

      Provavelmente, esses planetas ainda são habitados, por micro organismos ou outros seres, mas nada que provem isso, apenas imagine como era na época de Cabral, vamos usar isso como exemplo, os caras achavam que no “final” dos mares havia demônios e que o sol queimava os náufragos, hahahahaha chegava na praia um cadáver em decomposição e falavam que ele havia sido queimado pelo sol ou tragado por um capeta dos mares hehehehehe

      Se pensar, é a mesma coisa, o medo do desconhecido afirma a existência de seres superiores a nós. Por isso falamos de sua extinção de modo natural e não de modo ocupacional, saca? xD

      Nestes planetas não há evidências de um desastre natural, se eu não me engano marte é bicolor, pode ser que houve um choque entre dois planetas, quem sabe? Vulcões são vulcões e não acredito que eles sejam capazes de destruir um planeta inteiro… Um desastre involuntário sim, natural não.

  10. em todos planetas a vida ñ importa se é microorganismo ou bactérias animais seres marinhos polares ultra avançados primitivos etc….oq importa é q cada orgânismos organicos desse de desenvolve de acordo com ambiente….falando nesse buraco na camada de martekkkkk os marcianos viu q o ambiente dos seus recursos foi fikando estéreis e cavocou até ñ poder mais e montaram aparatos tecnólógicos e laboratórios de ultima geracão lá……pois é pensem mentes minusculas…

Deixe um comentário para Thiago Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

© MUNDO GUMP – Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução sem autorização.