Somos todos otários

Compartilhe

Recentemente, estourou na midia que a atriz Taís Araujo sofreu ataques de racistas imbecis no Facebook. Você sabe. Você leu, ouviu, viu na Tv.

O Facebook enquanto rede social democrática, permite democraticamente que os imbecis exteriorizem suas imbecilidades, e quando essas imbecilidades ultrapassam o legal-socialmente aceitável, a coisa pode degringolar como foi o caso das ofensas a Taís Araujo – que curiosamente está em cartaz com uma peça que trata de um assunto relacionado ao racismo. Não estou levantando teoria da conspiração, ocorre que o negro sofre constantemente na mão de um monte de gente preconceituosa retardada ao ponto de achar que pode falar o que quiser que não pega nada.

taisaraujo Somos todos otários

Sou solidário à atriz. Deve ser uma merda postar uma foto toda produzida e ver um sei lá quem dizer que seu cabelo é bombril de ariar panela.
Daí alguém achou que seria super importante criar uma hashtag de indignação, e assim surgiu mais esse estranho fenômeno da pós modernidade global:

#somostodostaisaraujo

Eu fico completamente impressionado como as pessoas conseguem ser criativas, né minha gente? A moça sofreu preconceito? Vamos criar uma hashtag “somos todos”, afinal, somos todos é cool!

Lembra quando a Maria Julia Coutinho também sofreu preconeito racial? lembre aqui

O que foi feito a respeito?
somos todos maju Somos todos otários

Se você chutou mais uma hashtag trendtopiqueira de “somos todos”, acertou na cabeça! Segundo o G1,no Twitter, a hashtag #SomosTodosMajuCoutinho chegou ao topo dos tópicos mais comentados. Beleza, acho importante que questões de preconceito racial (a estupidez que já começa no nome do problema, já que só existe raça humana) se torne trendtopic, pelo menos as pessoas estão falando de algo importante a ser falado. Mas esse “somos todos” me incomoda pra caralho.
Antes de Maju ser escrotizada na internet por ter mais melanina do que alguns gostariam que ela tivesse em sua pele, outro cara ganhou direito a ter uma hastag somos todos. Foi o médico Jaime Gold, esfaqueado na Lagoa Rodrigo de Freitas por um bandidinho de merda, parte de uma quadrilha que HÁ ANOS, ANOS, A-N-O-S, assalta e rouba bicicletas naquele mesmo lugar. O cara queria roubar a bicicleta dele e esfaqueou o médico que morreu.
Aí…
stodosjaimegold Somos todos otários

Alguém resolveu criar uma improvável hashtag #somostodosjaimegold, que talvez por soar meio mórbida e até um tanto desrespeitosa por um cara assassinado, parece que não emplacou muito. As estatísticas parecem indicar que o povo que curte um “somos todos” tem uma certa predileção por usar esse incrivelmente criativo mecanismo em casos de preconceito racial.
Antes de Maju, antes de Taís Araujo, teve o caso do Daniel Alves, que num jogo do Barcelona, foi atacado por gritos de “macaco”, e no episódio alguém jogou pra ele uma banana. Daniel, para ódio supremo dos retardados racistas, comeu a banana que lhe jogaram. Rapidamente, chuta só o que aconteceu?
neymar posta foto segurando uma banana 1398638018753 956x500 Somos todos otários
Virou moda posar segurando banana com a Hashtag #somostodosmacacos. Lembro que na época uma menina me escreveu perguntando se eu não ia “aderir” posando com uma banana. Coitada, deve estar esperando isso até hoje, junto com minha foto de criança no dia das crianças e meu perfil coloridinho para simpatizar pela causa gay.
Ao que parece, “somos todos” se tornou um selo de luta por qualquer coisa que envolva algum tipo de injustiça.
Outro episódio que e recordo vagamente foi daquele travesti espancado pela polícia, a Verônica Bolina:

Presa num domingo, acusada de agredir uma senhora depois de uma discussão em seu prédio em São Paulo, o caso causou rebuliço por supostamente retratar abuso de poder de policias e transfobia da mídia. Esse caso ganhou repercussão quando ela também teria agredido um carcereiro e tirando parte da orelha dele com uma mordida, durante a transferência de cela no 2º Distrito Policial no Bom Retiro. O site G1, o Diário de SP e o Jornal Hoje divulgaram as fotos do carcereiro sem a orelha e a versão da polícia na matéria “ataque de travesti a carcereiro só parou após tiros para o alto, diz polícia”. Mas não ouviram a defesa e nem a versão da acusada, tratada o tempo todo como homem.
IMAGEM TRAVESTI Somos todos otários

Sem entrar no mérito se a travesti mereceu levar porrada ao tentar matar a velha, ou arrancar aos dentes a orelha do policial, o importante é que:

banner.fw 6 Somos todos otários

Mas a situação da Veronica bolina causou desdobramentos. Logo surgiriam outras Hashtags, lembrando principalmente da senhora Laura, atacada por Verônica, no estopim da confusão. Adivinha só:

somos todos laura Somos todos otários

Mas se você pensa que acabou aí, está enganado. Na sequencia surgiriam outras hashtags na festa sem limites do “somos todos”:

laura 2 Somos todos otários

Até mesmo somos todos PM já rolou! Foi o caso do Somos todos Silveira, um Pm assassinado numa rebelião ocorrida num complexo prisional. Leia mais aqui. 
Pm Somos todos otários
Logo, o somos todos havia se espalhado de modo indelével pela sociedade brasileira. De travestis a macacos, e desaguando inacreditavelmente na empreiteira envolvida em escândalos de corrupção:

%name Somos todos otários
Acho que faltou o Lula aí.

E falando em escândalos de corrupção, é claro que outros atores da peça não ficariam de fora da farra do “somos todos”:


sergio moro somos todos Somos todos otários

Claro que a marketagem eleitoral brasileiro também não ia deixar passar essa explosão avassaladora de criatividade:

10603256 533087116794616 275998047999537128 n Somos todos otários

paloma Somos todos otários
PUFAVÔ!

Tudo virou motivo para “sermos todos”. A Paloma foi uma que se não me falha a memória, “caiu na net” (teve fotos/videos eroticos publicados sem autorização).

A explosão criativa não se limitou ao Brasil e contagiou até mesmo a Argentina, quando o procurador  Alberto Nisman foi assassinado ao investigar a presidente Cristina Kirchner, naquele caso que está muito mal contado até hoje.

20150119182101970afp Somos todos otários

Coletivos diversos, mas principalmente os coletivos negros e os grupos feministas, parecem ter adorado essa inacreditável inovação criativa revolucionária:

10250210 498397280285702 2393846491323288695 n Somos todos otários

colagempaulista 002 Somos todos otários

somostodascharonunes Somos todos otários

Bom, acho que você entendeu meu ponto.

Como esta merda começou?

Essa indigência criativa do “somos todos”, como toda febre imbecil e acéfala que aparece, proveio do clássico método cientificamente conhecido como “chupar”. Chuparam essa desgraça de algum francês que criou o “Je suis Charlie”.
247C75E500000578 2900835 image a 2 1420654166340 Somos todos otários

Surgida da comoção pelo massacre terrorista no jornal que vivia de provocar o Islã, o slogan “Je Suis Charlie” ganhou o mundo.
Tudo bem, confirmando a máxima do velho guerreiro, que diz “nada se cria, tudo se copia”, eu esperei que a febre de copiar o “Je suis” fosse perder força, mas o efeito foi inverso, o que me leva a questionar as bases criativas que regem o mundo babaca que conhecemos hoje.
Então, hoje, me deparo com a bizarra e intragável notícia de que a Dilma resolveu torrar 56 Milhões em publicidade do Governo Federal. Sim, não estou louco, são 56 MILHÕES para convencer os estúpidos populares desse meu Brasil brasileiro, que tudo está bem, tudo está lindo e maravilhoso e que já estamos vivendo naquele paraíso utópico que era a campanha eleitoral dela, catalizando no Brasil olímpico e suas promessas de ouro no esporte.

O Brasil olímpico é festa, e emoção, é alegria. São os violinistas tocando enquanto o Titanic afundava.

Desculpa o mau jeito aí, mas PUTA QUE PARIU!

O governo de merda que nós temos, cortou grana da EDUCAÇÃO, justamente na pasta da PÁTRIA EDUCADORA, não liberou nem R$ 1,00 (UM REAL) para tapar buracos nas estradas, paralisou um monte de obra de infraestrutura, disse que precisava voltar a CPMF para o país não quebrar… E agora:
1447082656991 Somos todos otários

Clica nesse lixo aí em cima para ler a matéria.
Detalhe, isso aí é só para 15 dias. Não estou nem citando aqui o orçamento de publicidade institucional do governo, outra montanha de dinheiro sem fim da ordem de R$ 243.998.167,00!

A verdade, meus amigos, é que o Governo mais uma vez vai cuspir mentiras na cara do povo, sob a desculpa esfarrapada de “deixar mais claro para o povo o que está sendo feito”. Ora bolas, essa porra está completamente desgovernada. O Brasil deu ruim, estamos fodidos e agora nem matando o capitão dessa nau não vai resolver. Para o Governo, nosso dinheiro é infinito e deve ser usado para o interesse institucional do governo, para interesses privados dos amigos do rei e de toda corja de ratos que orbita o poder. O nosso interesse enquanto nação se resume a atender as estatísticas, mesmo que para isso seja necessário recorrer a manobras “criativas” e fraudes deliberadas.

Para o governo federal, #somostodosotarios

Artigos relacionados

17 comentários em “Somos todos otários”

  1. Cara, há Controvérsias quanto à origem dessa expressão, o “je suis charlie” foi em decorrência do massacre do jornal de mesmo nome ocorrido em 7 de janeiro de 2015. O outro que o Daniel Alves comeu a banana foi antes em 27 de abril de 2014, como pode ver quase um ano antes. Agora a origem certa do termo eu não sei, só sei que não foi com o Charlie Hebdo.

    Pode ser feita uma pesquisa reversa no google para e saber quando surgiu a expressão, pelo que pude apurar parece mesmo que foi com o episódio do Daniel Alves…

    • pois é, falar q simplemente foi chupado de algum frances do caso “je suis chalie”, qndo no caso do daniel alves aconteceu quase um ano antes é falta de pesquisa…

      realmente isso pode ter vindo de fora do pais, aliás fazemos isso muito bem (movimento antropofágico ta ai pra mostrar q não é de hoje)

      mas usar isso p falar q é algo escroto é o complexo de vila-lata agindo q alguns brasileiros tem…

      #somostodosantropofagicos ahahahah

  2. As redes sociais, assim como tudo na vida, tem dois lados: O lado bom e o ruim. O ruim é bem esse exemplo dado por você Philipe. O lado bom é, por exemplo, poder encontrar familiares e amigos de infância, fazer novos amigos e diminuir a distância entre as pessoas…

    • Só pelo lado bom que ainda mantenho aquilo, e tb porque é meio que um trabalho pra mim estar lá. Até um amigo da minha esposa perguntou a ela se sou vagabundo pois sempre me vê no facebook o dia todo. Ele só esquece que:
      1- Eu sou o DONO da empresa e blogueiro, trabalho NA internet.
      2- Ele é funcionario publico e se sabe que eu estou o dia todo no facebook, acho que a Dilma deveria perguntar a ele que diabos ele esta fazendo la em hora de trabalho, hehehe.

      • Pois é Philipe, eu também mantenho o Facebook pelo pouco que o ‘lado bom’ me oferece… Mas esse ‘lado bom’ ainda me atrai, em boa parte, por causa do meu próprio comportamento. Explico: Como eu não exponho os detalhes da minha vida – fotos sobre o que eu estou comendo ou bebendo, lugares aonde eu estou, selfies e mais selfies -, as pessoas acabam me deixando de lado, rs… e eu acabo fugindo de polêmicas e bate papos sem objetivos.
        Acho que somos da mesma geração (tenho 35 anos) e até um tempo atras, eu achava que ‘antigamente’ é que era melhor… Que as pessoas eram mais educadas, que não existia tanta polêmica, que as pessoas não se ‘ofendiam’ tanto. Mas hoje penso diferente… Todo mundo sempre foi assim: Mal educado, ofendem e xingam os outros de graça, se intrometem na vida dos outros (“É vagabundo? Vejo ele on line o tempo todo…”), etc, etc… A internet apenas potencializou tudo e deu voz e vez aos imbecis… Só temos que fazer a nossa parte e ficarmos longe do que pudermos.

  3. Cara, a internet tem umas paradas que realmente dá nos nervos. è muita raça de gente abitolada, fanática em se expressar para o ‘mundo”. As pessoas estão cada vez mais esquecendo da vida real..e se enfiando nessas questões virtuais, deixando para lá o que realmente importe, que são as ações de verdade, na prática. Não dão um bom dia para o vizinho, para o velhinho da rua, mas na internet postam fotos bonitinhas todo santo dia que começa para os amigos virtuais…..chega a dar nojo! O nível tá cada vez pior

  4. o dia que uma pessoa equilibrada postar na internet, o mundo pára. Principalmente em blogs. Por incrível que pareça, os poucos que se salvam são os ‘gore’

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.