Mum Rá – parte 1

Ontem eu fiquei inspirado ao ver no facebook o trabalho do Glauco Longhi e resolvi tentar fazer um esquema de molde tipo o dele, mas eu estou sem massa, e resolvi usar um restinho de amostras da Dimclay que tava parada empoeirando na minha gaveta.
Minha ideia é testar o processo que estávamos discutindo no fórum de pintura de como fazer pele realista usando silicone de platina. Espero que dê certo, já que o processo é destrutivo para a matriz.
O meu medo é que estou usando resto de massa e 99,9% dela é da macia, o que significa que ela estraga só de pensar em encostar ela. E aqui tá um calor dos diabos. Estou com medo de estragar a porra toda, hehehe. ;D

Acho que ao invés de ir direto para o processo com o gesso, eu vou experimentar usar alginato para fazer um “lifecast” dessa peça e só então gerar a pele em silicone de platina.
Aqui estão as fotos do Mum Rá no estagio atual. A escala é pequena por causa da pobreza mesmo. (silicone de platina custa os tubos da grana e eu estou sem massa) Hahaha.
%name Mum Rá   parte 1

%name Mum Rá   parte 1

%name Mum Rá   parte 1

Nesta imagem aqui em baixo, está a parte que me deu mais trabalho, que é bolar uma arcada dentaria que fosse ao mesmo tempo realista e similar aos dentes do desenho. Eu dei uma estudada no personagem e vi que os desenhistas mudavam os dentes dele de cena em cena. Então pensei em dentões largos, que fossem limados para gerar pontas como os caras fazem na Indonésia. O crânio do Mum Rá eu também fiz meio alongado, não só porque ele é de outro planeta, mas porque há um forte componente egípcio nele e os faraós tinham as cabeças deformadas para parecer com os “deuses”. Aqui tem um link que fala disso.

Evidentemente este lance da cabeça não deve aparecer porque o manto vai cobrir.
%name Mum Rá   parte 1

Eu espero conseguir chegar num resultado aceitável em termos de realismo. Mas como é experimento, não dá para garantir. No caso, é por isso que não fiz o manto nem as faixas, pois vou fazer isso de tecido real. Aqui está uma montagem da escultura com a cena do desenho, que dá uma ideia de como vai ficar (isso num mundo ideal, sem problemas nem cagadas)

%name Mum Rá   parte 1

No fim eu pretendo também fazer um trabalho com pelos e fibras, pra acentuar o realismo e a ilusão da escala. O foda vai ser achar fibras que estejam na escala do boneco. Ele só tem uns 6 centímetros de altura.
O olho aqui nesta peça é uma esfera de rolamento, mas devo usar aquela técnica que usei no olho do lobisomem sinistro para fazer o olho fantasmagórico do Mum Rá. Os dentes também deverão ser de resina auto polimerizável.
Vamos ver se dá certo.

Artigos relacionados

Comments

comments

31 comentários em “Mum Rá – parte 1”

  1. Posts como esse apenas olho e admiro! heheheh

    Algumas coisas que você escreve são para um público específico, por conta dos termos técnicos. E de modelagem eu não entendo patavina nenhuma! hahahahahahaha

  2. Philipe, não sei se “foge ao seu padrão”, mas eu acho que ficaria maneiríssimo você fazer um boneco de algum atleta que você goste. Têm uns da McFarlane que são legais demais, acho que naquele esquema seria foda. Abração, parabéns pelo blog!

    • Pelo trailer que eu vi vai ser uma bosta o filme. Uma pena. Thundercats merecia um tratamento classe A tipo X Men/ homem de Ferro, etc. Com um visual e efeitos tipo de Avatar. Ia ser foda.

  3. philipe, eu me interessei por escultura lendo akee no blog, parabens e, estava e começar com gesso, a diclay e a Ssculpey sao caras, eh uma boa opçao para começar???

    • Cara a dimclay é mais barata do que a super sculpey, mas você precisará comprar silicone RTV e resina para tirar o molde e fazer uma peça rígida para poder pintar dar acabamento e eventualmente vender, o que deixa o preço bem mais caro que comprar super sculpey. A polyclay compensa muito para peças do tipo que eu faço “one of one kind”.
      Neste caso aqui eu estou tentando estudar uma tecnica nova que é de fazer uma pele realista não só visualmente quanto ao toque. Vai ser um desafio. (está sendo) Estou agora bem naquela etapa em que não sei se deu certo ou se eu estraguei a porra toda, hahaha.

      Mas respondendo a sua pergunta, pára começar eu recomendo ou epoxi (durepoxi ou similar) ou polyclay (existem marcas nacionais como a Bozzi)

  4. Demais… As rugosidades estão foda, especialmente esse pescoço, as pelancas meio soltas… E esse lance de silicone, a idéia é tirar um molde e fazer uma cópia inteira no material? Como fica a durabilidade, dá pra pintar em cima, ou a tinta é misturada direto no silicone?

    • Pelo que estudei é alta a durabilidade do silicone de platina. Dá pra colorir sim. Passei a tarde de ontem estudando processos para colorir o silicone. Existem corantes especiais pra ele. Geralmente, importados. Estou tentando usar meus dotes de alquimista para criar uma maneira barata de colorir esta porra sem precisar vender a minha alma ou o meu rim. Vamos ver no que dá. Fica ligado a qualquer momento eu vou dar um update neste boneco. Talvez ainda hoje!

  5. Philipe;
    Sentiu minha falta?!
    -…Não. Quem é você?! oO
    -A maluca que tava tentando ler o blog inteiro e comentava em posts de dois anos atrás. Lembra?! Não?! Então;
    Desculpa fugir do assunto do post mas…
    Acabei de ler o seu blog inteirinho (quero minha camiseta “Mundo Gump – Eu li”, onde pego?!)!! =]
    Foram 6 anos em 6 meses, me sinto meio que “direto do túnel do tempo” xD Parabéns pelo conteúdo dele… Obrigada por ter aumentado minha cultura em 20o%… Pela atenção, por me fazer querer ser foda como você… Por me inspirar a começar a fazer o curso técnico em Comunicação Visual(aliás, nem sei se te agradeço por isso, pq tá ficando OSSO o.o xD)…Enfim. Aliás, sobre isso, se não for abusar de sua nobreza, poderia me dar alguns nomes de designers interessantes (pode ser estrangeiros, mas preferência a brasileiros)?! Tenho um trabalho para… Digamos que era para duas semanas atrás, mas que pretendo entregar quarta que vem (justamente por não achar ninguém interessante, e tenho certeza que nesse aspecto você me entende: entregue atrasado, mas entregue com… Paixão.). Em troca, te prometo (outra vez) comprar seu livro, um dia. =]

    Enfim, Mumm-rá. Meu Deus, a criatura de meus pesadelos infantis o.o. Eu também adorei o pescoço, e os dentes. Vou pesquisar mais sobre o link dos faraós o.o

    • OI Helena,. desculpa a demora em responder seu comentario eu acabei passando batido por ele.
      Fico feliz que tenha conseguido ler tudo. Mas aí, eu não sou foda não. EU sou apenas um sem sossego.
      Fico feliz que tenha entrado num curso de CV. Vai ser muito bom pra você.

      • Assuntos por tópicos aqui:
        -Ok. Talvez você não seja o foda dos fodas, mas para os meus padrões atuais você é foda sim.
        -Huhauhauha, eu também fico feliz que tenha conseguido (foi, na verdade, quase que um projeto!)
        -Sem sossego. Gostei da definição.
        -É, espero que sim. Mas você não sabe como é difícil. Faço o ensino médio de manhã e vou ao curso de noite, só posso ir me deitar à meia-noite e tenho que acordar à 6 da manhã. Mas se matar faz parte. É bom… =]
        -Sobre o designer: Poxa, queria facilitar pedindo uma coisa bem específica, mas nem dá. Obviamente, criativo (doh). Bom, gostaria que ele puxasse também pro artístico e… Eu não gosto muito dessas coisas “modernosas” e “design” e minimalista. A não ser que seja isso feito de forma genial, então tá valendo. Enfim.

        E desculpa os comentários quilométricos.

        • Vou limitar aos que conheço pessoalmente. Um cara que faz design de produtos que eu gosto muito é o Bernardo Senna.
          Nessas coisas de monstros, efeitos especiais e arte digital, eu admiro muito o trabalho do Alex Oliver. Com um trabalho muito no digital, eu admiro o Fausto de Martini, Em design veicular eu admiro muito o trabalho de um amigão chamado Rubem Floriani.

    • Catu este é um exemplo de como a leitura das pessoas que estão por fora pode ser distorcida pela mídia. Quem olha o Mercadante entrando no maglev que eu ajudei a construir literalmente, metendo a mão na massa, pode pensar que ele está entrando no veículo que levitou. Isso é apenas o mockup em tamanho natural, feito em madeira e fibra de vidro para demonstrar o design que a minha empresa em parceria com o Instituto Nacional de Tecnologia desenvolvemos. Isso aí não levita. O que levita é uma base de alumínio que parece mais um tapete voador.
      Mesmo que esses politicos filhos da puta, que contingenciaram o dinheiro de pesquisa este tempo todo, praticamente MATANDO o maglev resolvessem liberar dinheiro agora, não creio que haveria mais tempo hábil para colocar em operação para a copa. Talvez só para os jogos olímpicos. Muitas questões técnicas que precisavam ser estudadas, planejadas e desenvolvidas não foram. É irresponsabilidade da Coppe vender este projeto como uma solução pronta e imediata assim. Não é.
      Mas sabe o que é isso? Desespero de causa. Os laboratórios ficam sem verba, e sem grana para comprar material e insumos específicos, desenvolver tecnologia de ponta é impossível.
      O triste é constatar que materias assim são emplemáticas da merda que é o Brasil. O político vai, diz que vai apoiar, que é a solução, que vai arrumar grana, que isso que aquilo, fz umas bravatas, posa para fotos ao lado do engenho e rapa fora pra nunca mais dar as caras. E pior, faz um LOBBY DO CARALHO PRA MATAR O BAGULHO, PORQUE TEM INTERESSES FINANCEIROS ESTRANGEIROS QUE MOLHAM A MÃO.

        • Opa, não tinha lido mesmo, hehehe. Tava envolvido aqui com o boneco. Foi mal.
          Pô indicar designer legal, tem muita gente maneira no Brasil. Faz o seguinte, me diz que estilo de trabalho vc acha mais legal que eu te digo um cara nessa linha. Designer de Produto ou programação visual?

  6. Seus posts sobre bonecos são sempre legais. Uma das muitas cerejas do bolo no teu blog.
    Tomara que dê tudo certo!
    Esperando ansioso pela sequência!

    • Fico feliz que goste. Não imaginava que este boneco ia me dar tanto trabalho. Hoje no fim do dia eu vou postar como ele está. Vou postar só de noite, porque tenho que comprar resina, já que a que eu tinha ficou velha e não tá catalisando.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.