Fotos chocantes do mercado úmido da Indonésia

Sharing is caring!

Ao que parece as pessoas insistem em não aprender a lição. “Mercados úmidos” são muito populares em alguns países asiáticos, não só na China. Nesses mercados, gatos, cães, morcegos e outros animais exóticos são massacrados e vendidos, muitos ainda agonizando a compradores ávidos pelo sofrimento de suas “compras”.

Fotos chocantes do mercado úmido da Indonésia

Fotos chocantes do mercado úmido da Indonésia

Embora o governo e os prestadores de serviços de saúde estejam pedindo aos vendedores que retirem morcegos e outros animais silvestres das prateleiras, os vendedores do mercado extremo de carne de Tomohon, em Sulawesi, dizem que não estão nem, aí para doenças e que os negócios estão crescendo. Até turistas curiosos fazem a viagem para experimentar a carne exótica. Em média, um vendedor pode vender de 50 a 60 morcegos por dia e até 600 em feriados.

 

Fotos chocantes do mercado úmido da Indonésia

Fotos chocantes do mercado úmido da Indonésia

Fotos chocantes do mercado úmido da Indonésia
Eu tb me impressionei com o tamanho mastodôntico dessa jeba!

Fotos chocantes do mercado úmido da Indonésia

Estudos sugerem que o coronavírus, que apareceu em Wuhan, na China, pode ter se originado em morcegos em um mercado que vende animais selvagens ilegais antes de passar para os seres humanos. Um mercado exatamente igual ao da Indonésia. E assim vamos nós buscando nossa destruição pela estupidez e egoísmo.

Fotos chocantes do mercado úmido da Indonésia

10 comentários em “Fotos chocantes do mercado úmido da Indonésia”

  1. Cara sei que isso é da cultura deles comer esse tipo de animal.Mas chega a ser angustiante e extremamente nojento ficar vendo essas fotos e depois quando aparece uma doença da vida igual ao corona vírus e a gente não sabe de onde veio,tá aí a fonte de toda origem dessa praga e desgraça.?

    Responder
  2. “Estudos sugerem que o coronavírus, que apareceu em Wuhan, na China, pode ter se originado em morcegos em um mercado que vende animais selvagens ilegais antes de passar para os seres humanos”.

    Caraca, daqui a pouco não vou nem mais poder comer carne. O mundo vai virar vegano por causa de fakemia.
    Já estou até criando galinha faz um ano para o caso de proibirem a venda de carne no futuro!
    Vou sentir falta de boi e porco, pois isso não dá pra criar no meu terreiro!

    Responder
  3. Salve Philip

    Gabriel falando aqui. Moro na chapada dos veadeiros.

    Cai no seu blog sem querer procurando umas paradas de cadas alternativas, em um link de uma casa geodesica.

    Queria te mandar uma msg mas o blog nao tem a parte “fale cum nóis “?

    Sera que vc chegou a fazer sua casa esfera ? Alias tem uma galera aqui que ia curtir trocar uma ideia comsica com vc, amigos da chapada. Pessoal das antigas.

    Me conta ai sobre a casa !
    Meu zap eh 62 9 9993 8940

    Abras!
    Gabriel leite

    Responder
    • Tem sim, lá em cima, no cantinho: “contato”
      Estou precisando dar um trato melhor no layout aqui do site. Ele é muito grande e é complicado de lidar

      Responder
  4. Os asiáticos, de maneira geral, possuem uma cultura que come de tudo por um simples motivo: sobrevivência.
    Não se pode culpar esse ou aquele povo. Apenas pelo fato da China possuir uma superpopulação, eles já se submetem infinitamente mais vezes ao risco de mutações virais, do que nós, ocidentais dos climas tropicais.
    Aliás, não se sabe a origem do covid-19. Não esqueça que o ressurgimento do H1N1 em 1977, de acordo com “the new england journal of medicine”, provavelmente se deu em decorrência do vazamento em laboratório na extinta URSS.
    “Bodes expiatórios” são usados desde que o mundo é mundo, a peste negra, por ex, inicialmente foi atribuída aos judeus, antes de se descobrir a maldita herança de Genghis Khan (que faz relação direta com a miséria em algumas regiões do continente asiático).
    Não culpe a miséria de um povo, culpe quem coloca esse povo na miséria.

    Responder
    • Verdade, há suspeitas de que esse vírus foi fabricado em laboratório, afinal após a pandemia na China houve um crescimento na economia do país. Quem tem interesse nesse tipo de coisas são os grandes laboratórios, já que os lucros são estupendos com os medicamentos que controlam a epidemia.
      Culpar pessoas que já tem uma cultura de miséria e pobreza, apenas para sobriviver não é lógico, nem humano. Não concordo com esse tipo de negócios (vender animais bizarros), porém há que se levar em conta outros fatores, ao invés de disseminar ódio à um povo pela sua cultura.

      Responder
  5. Ei Philipe, ficou sabendo disso aqui?
    Esse corona não é nem uma gtipezinha!
    https://www.tercalivre.com.br/covid-19-e-menos-mortal-que-a-gripe-comum-em-pessoas-com-menos-de-50-anos-diz-instituto-frances/

    Responder
  6. Fica tranquilo Philipe. Quando nossos vereadores terraplanistas tomarem o controle, não deixaremos isso acontecer!

    https://veja.abril.com.br/brasil/niteroi-vai-multar-em-r-180-quem-estiver-na-rua-sem-necessidade/amp/?__twitter_impression=true

    Responder

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.