Como as salsichas são feitas?

Tem gente que diz que salsicha é feita com carne velha, podre, de cavalo, e leva até jornal velho miolos de porco e toda sorte de porcarias não aproveitáveis de criaturas mortas na sua composição. Mas a verdade é que podem dizer o que quiserem, eu adoro comer salsicha.  Ser algo meio… nojento, faz parte da “graça” de comer uma salsicha, que poderíamos dizer, é a “alma” de um bom cachorro-quente, ou como dizemos por aqui: PODRÃO.

Diz o ditado que:

“Leis são como salsichas; é melhor não saber como são feitas”.

A frase lapidar, do chanceler alemão Otto Von Bismarck (1815-1898), se tornou célebre em todo o mundo e ajudou a espalhar o boato de que as salsichas são feitas de ingredientes duvidosos e em ambientes nada limpos. Talvez as coisas fossem assim no tempo de Bismarck, mas hoje em dia, as coisas são bem diferentes.

“O processo de produção desse embutido é industrial e segue as normas de higiene do Serviço de Inspeção Federal (SIF). Pode ter certeza que as empresas que têm certificação não usam ingredientes duvidosos para preencher a salsicha”, afirma Marise Rodrigues Pollonio, professora da Área de Carnes e Derivados da Faculdade de Engenharia de Alimentos da Unicamp.

Mesmo sabendo que elas podem aumentar o seu risco de ataque cardíaco em 42% de acordo com um estudo feito em Harvard, as salsichas dominam o mercado mundial de alimentos há décadas.

Pesquisadores da Escola de Saúde Pública de Harvard analisaram 20 estudos de diversas partes do mundo envolvendo mais de 1 milhão de pessoas, sobre os efeitos da carne processada na saúde – já se sabia que seu consumo pode estar relacionado a casos de câncer de intestino. A pesquisa descobriu que 50 gramas diários de alimentos como bacon, salsicha e presunto podem aumentar o risco de problemas cardíacos em 42% e de diabete tipo 2 em 19%. Cinquenta gramas é o mesmo que duas fatias finas de bacon ou a salsicha de um cachorro quente simples.
fonte

Como as salsichas são feitas?

Mas afinal, DO QUE É FEITA A SALSICHA?

A matéria-prima da salsicha que vai no cachorro-quente brasileiro são carnes suína, bovina e de frango. Só que nada de carne de primeira – o que entra na composição do alimento são aquelas partes menos nobre, que sobraram da fabricação de outros produtos. Mas o que dá mesmo sabor ao produto são o sal e os temperos, que variam de acordo com o fabricante, mas que costumam ter alho, cebola, pimentas em pó e outras especiarias. Depois, ainda são acrescentados os ingredientes chamados extensores, que têm a função de melhorar a ligação entre a água e as gordura. Na embalagem, eles vêm descritos como proteína de soja, amidos e carragena. Por último, para que o produto tenha maior durabilidade, entram em cena os aditivos, como nitrito de sódio e fosfatos.
Na primeira etapa de produção, as carnes e a gordura são moídas até formar uma massa bem fina, à qual serão acrescentados os outros ingredientes. Com tudo bem misturado, a massa vai se tornar um “embutido”. Ou seja, ela é colocada dentro de um envoltório de plástico, que vai dar o formato ao produto. A salsicha é, então, cozida em banho-maria até atingir 72º. Em seguida, o produto passa por um processo de resfriamento e é retirado das “tripas artificiais”. “Nessa etapa, a salsicha pode receber um banho de corante para ficar com uma cor que seja atraente ao consumidor”, explica Marise Pollonio. Depois dessa etapa, o produto está pronto para ser embalado e distribuído. fonte

Como as salsichas são feitas?

Agora que você sabe que não vai ver cabeças de peixes podres, jornais velhos, cabras de sacrifício demoníaco evisceradas sendo moídas em moedores de carne junto com pedaços de gente, fetos de aborto, tumores, pedacinhos sortidos à vinagrete vindos do lixão do IML, já pode assistir ao processo de fabricação da salsicha:

Related Post

12 comentários em “Como as salsichas são feitas?”

  1. Poxa Philipe, comprei hoje 2 kilos e já comi 4 hot dogs. O que é que eu faço com o resto agora? É gordura pra caramba! Mas eu acho que vou comer todinhas é fim de mês e o bicho ta pegando! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Um grande abraço amigão

  2. Como dizia aquela frase, o que não mata engorda, então, eu que sempre comi salsicha e nunca reclamei do gosto, e nunca me fez mal, não vai ser porque ela é feita das piores carnes possíveis que vou deixar de comer. haha

    • Eu não acho que sejam as piores carnes possíveis, é uma questão de aproveitamento de um material que tinha condições de consumo mas que seria descartado por um misto de questões comerciais e culturais.

  3. Olá Philipe, parabéns pelo novo site!
    Estou sempre pesquisando sobre alimentação pois sou estudante de gastronomia.
    Sei que muitos fabricantes utilizam “ingredientes” como a bochecha e lábios dos animais, coração, fígado, rins, estômago, pele, tendões e até os miolos. No máximo tem 60% de carne de verdade, o resto é…

  4. meu sogro ainda insiste em dizer que salsicha é feita com a galinha inteira (cabeça, pés, penas e tripas) como se não existisse vigilancia sanitária, ou como se as empressas não tivessem medo de colocar um produto ruim no mercado para tomar um processo gigantesco se alguem passase mal ou morrece. pura ignorância.

  5. Sempre ouvi esses boatos, mas se referindo a Mortadela! Que carnes pouco nobres como da face, vísceras e até ossos e bicos dos animais são triturados e usados como ingrediente para a fabricação do produto.

  6. Engraçado o pessoal que come orelha e é de porco em uma feijoada com nojinho de comer bochechas e labios… Embutido é feito de carne BOA que tem uma ruim… horrivel é desperdicio!

    eu me amarro numa mortadela defumada, vou continuar comendo ( e olha q nem defumadas de verdade elas são…)

    Toda carne é de um cadáver né… ficar de frescurinha com alimento é besteira

    • É assim também que eu penso. Uma vez que optamos por comer defuntos, então no fundo no fundo, é TUDO nojento. Mas isso não me impede de comer e achar bom. Eu adoro uma feijoada.

    • A feijoada e o sushi são os meus pratos preferidos e prediletos!
      As orelhas, rabo e os pés de porco já são tradição na receita. Feijoada sem isso não tem sabor de feijoada!
      Na salsicha é diferente.
      Bochecha, miolo, tendões, etc não fazem parte da receita tradicional. As empresas colocam pra baixar o custo, e ganhar em cima do povo…

  7. Todas as comidas tem seus segredos mas naum deixaria de comer as coisas q gosto por issso ok ok tipo o corante vermelho é feito de uma besourinha chamada chonilha naum é por isso q vou parar de comer e beber oq é feito de corante vermelho como biscoito,danones,etc mas falando sério quando a gente descobre tem vontade de nnca mais comer nada q leva isso áí vc acaba esqueçendo e come fiquei mais de um mes sem tomar danoe de morango -_-

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

shares