Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp

Você teria coragem de entrar num restaurante que é especializado em servir pênis?

Sim, isso mesmo. O restaurante serve apenas Pênis para as pessoas dispostas a pagar por uma bela jeba de diferentes animais.

Note o ar solene do garçom ao trazer um indisfarçável pinto de jumento para você saborear

O restaurante existe mesmo e fica em Guolizhuang, em Beijing e serve pinto de cobra, de ave, de cervo, de porco, de boi, e até de cachorro (eca!). Enfim, é pinto que não acaba mais. Os pratos vem cheios de decorações belíssimas, (para talvez disfarçar o aspecto repugnante de comer um pinto de bode…)

Nem todos os pratos são grotescos. Alguns são bem diferentes, como estas rodelas de pênis cortados como estrelas. (não sei de que tipo de bicho é este pênis.)

O pênis de boi, com testículos e tudo, é decorado com uma bela caminha de alface e uma linda escultura de um dragão feita na abóbora.

O pinto desse bicho aqui (cruz credo!) é misturado com rodelas de pinto de cachorro doméstico em uma cama de alface com pedacinhos decorativos de brócolis. Os proprietários afirmam que o pinto desse treco tem sabor de rodelas fritas de lula. Hummm. Gostoso. Fonte

Que foi? Tá com nojo? Bem, talvez você prefira algo menos estranho. Algo mais digamos, natural…

Que tal então esta maravilhosa sopa de morcego, (com pêlos e tudo!)

Parece que a moça aí da foto tem coragem pra encarar. Mas pela cara dela, deve ser meio ruim.

Esta sopa bizarra é servida em um restaurante num paraíso chamado Palau, na paradisíaca Micronésia:

Mas se vocês pagarem minha viagem pra lá, eu como três pratos de sopa de morcego.

Filmo, e publico aqui!

Um restaurante especializado em servir… Adivinha o quê?

Comments

comments

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

18 ideias sobre “Um restaurante especializado em servir… Adivinha o quê?

  • 3 de maio de 2008 em 18:56
    Permalink

    Beijing e Pequim são o msm lugar.

    Resposta
  • 3 de maio de 2008 em 22:05
    Permalink

    Cobra e ave? Hehehe…

    Apenas lembrando que répteis e aves não têm pênis e se reproduzem pelo “beijo cloacal“. Algumas poucas espécies têm o que se chama de pseudopênis (um exemplo grotesco aqui), mas são exceções e obviamente não apresentam os clássicos testículos embaixo.

    Resposta
  • 3 de maio de 2008 em 22:11
    Permalink

    Bom, minha resposta foi um pouco incompleta, especialmente para o caso dos répteis. O caso é que embora apresentem cloaca, os répteis tiveram a evolução de muitos órgãos semelhantes a pênis – semelhantes o suficiente para perderem o “pseudo” na classificação dos zoólogos. Muitos desses pênis são bastante criativos na solução de problemas diversos na fecundação, como os dois semi-pênis dos iguanas.

    Resposta
  • 4 de maio de 2008 em 1:22
    Permalink

    Nojo, nojo, nojo!!! 🙁 🙁 🙁

    Resposta
  • 4 de maio de 2008 em 10:56
    Permalink

    [quote post=”1861″]gumas poucas espécies têm o que se chama de pseudopênis (um exemplo grotesco aqui), mas são exceções e obviamente não apresentam os clássicos testículos embaixo.[/quote]

    Pois é, mas testículo é testículo e pênis é pênis. Se isso aí do pato não for um pênis enorme, deve ser alguma tripa ou solitária, hehehe. Eu até já coloquei este pato no meu post do animal com o maior pênis do mundo… Seja como for que a ciência prefira chamar estas coisas, o fato é que os caras lá da China comem amarradões achando que vão ter mais tesão. :happy:

    Resposta
  • 4 de maio de 2008 em 16:01
    Permalink

    …troquei o teclado…
    vomitei no outro.

    Resposta
  • 5 de maio de 2008 em 12:01
    Permalink

    Os traveco que sairam com o Ronaldo queriam dar um beijo cloacal nele…, a chineisinha com bochecha de kiko tem cara que curte um pênis ainda vivo… :B

    Resposta
  • 5 de maio de 2008 em 13:52
    Permalink

    [quote comment=””]Mas se vocês pagarem minha viagem pra lá, eu como três pratos de sopa de morcego.

    Filmo, e publico aqui![/quote]

    ahh..tinha q ser o prato da primeira foto… hehehe

    Resposta
  • 5 de maio de 2008 em 19:12
    Permalink

    Aqui no RS, no interior, há o costume de comer os testículos dos touros, em dia de castração. Quando meu padrinho criava gado, dia de castração era sempre dia de festa! Muita bola de ex-touro (então boi) já comi quando era menina! E posso dizer, é gostoso! Mas o pinto, confesso que jamais.

    Uma observação: só aquele dragão de abóbora já pagava o almoço. Eu não o comeria, mas levaria para casa, para enfeitar a sala.

    Resposta
  • 8 de maio de 2008 em 21:36
    Permalink

    duvido que voce comeria tres morcegos se nos pagassemos.comeria 1 e meio,daria uma olhadela no amigao do boi e vomitava tudinho! :B

    Resposta
  • 9 de maio de 2008 em 10:56
    Permalink

    ” Em chuva de pinto pega o primeiro e senta em cima”

    nesse caso seria melhor assim:
    “Em chuva de pinto pega o primeiro e come”

    Mew que nojento, só não vomitei por que já vi minha gata comendo u rato enquanto eu jantava…e não vomitei

    Resposta
  • 12 de maio de 2008 em 0:14
    Permalink

    Eu não vejo diferença entre comer um pênis, testículo, cérebro, pulmões, músculos, fígados, ou qualquer parte de qualquer animal. Carne é carne. Os seres humanos comem até o material dos ossos (tutano) e ficam com nojo disso.
    É a mesma coisa quando ficam com nojo de bife de cachorro, mas as pessoas encaram bife de porco numa boa. É igual na minha opinião.

    Ah, eu sou vegetariana. 😉

    Resposta
  • 12 de maio de 2008 em 10:45
    Permalink

    O estranho não é que o chinês coma o pinto dos animais. O estranho é ele achar que fazendo isso ele vai poder dar uma carga de 220 na patroa. :lol2:

    Resposta
  • 23 de janeiro de 2013 em 13:24
    Permalink

    E daí?… Alguém pagou a sua viagem? Cade o vídeo? .. por acaso não lá que servem cerebro de macaco, vivo e morto na hora e na frente do freguês?

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Alerta: Conteúdo protegido !!