fbpx

bizarro

Mulher desesperada resolve vender a alma no Ebay

Escrito por Philipe Kling David · 57 segundos de leitura >

Ela disse que sua alma está levemente usada mas ainda em boas condições.
Pode parecer inusitado, e de fato é, que alguém esteja tão sem dinheiro que vislumbre somente a venda da própria alma no site de leilões como forma de ganhar alguma grana. A mulher, identificada apenas com o nome de Lori N. tem uma história não muito agradável para contar.
Ela trabalhava como escritora freelancer e levava uma vida normal, até que um dia, após sofrer um acidente automobilístico por culpa de um motorista bêbado ficou em coma. Quando ela acordou do coma, teve um derrame, e descobriu simultaneamente que tinha quebrado a clavícula, fraturado a pélvis, pernas, pescoço, esterno, costelas, e ainda por cima teve um colapso hepático.
Como se isso já não fosse o bastante, ela também perdeu um dos seios no acidente. Com tamanha desgraceira, ela perdeu a fé.


Lori N. diz no anúncio que vê a venda de sua alma como uma forma de alguém a salvar através de oração ou conversão e que espera que pessoas religiosas se interessem em salvá-la.
A oferta minima para entrar no leilão pela alma de Lori é 2000 dólares.

Pessoalmente, minha opinião é que essa Lori N. talvez nem exista de verdade e seja apenas o golpe de alguém muito malandro que vai arrancar dinheiro de pessoas tão bem intencionadas e inocentes quanto Ned Flanders, pagando pelo leilão de sua alma com um ridículo papel, como já fez Bart Simpson.

fonte

Escrito por Philipe Kling David
Designer, blogueiro, escritor e escultor. Seu passatempo preferido é procurar coisas interessantes e curiosas para colocar neste espaço aqui. Tem uma grande atração por assuntos que envolvam mistérios, desconhecido e tecnologia. Gosta de conversar sobre qualquer coisa e sempre tem um caso bizarro e engraçado para contar. Saiba mais... Profile

Uma resposta para “Mulher desesperada resolve vender a alma no Ebay”

  1. Ué, minha alma, se é que ateu tem alma, também está á venda. Quem se interessar entre em contato. Ao contrário da moça, eu posso provar que existo. Além disso, o comprador pode fazer o que bem entender com ela. Oferecer a Deus, vender ao diabo, sacrificar (?!) em nome de Amon-Ra… pagamento adiantado. Onde eu assino?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.