A estranha bola de espelhos que gira ao redor da Terra

Existem milhares de objetos girando ao redor do nosso planeta nesse exato minuto. Um deles é essa esfera estranha e curiosa.

Trata-se de um satélite da NASA, lançado ao espaço nos anos 70. Ela se chama LAGEOS.

O LAGEOS basicamente é uma esfera de alumínio com um núcleo solido de bronze, contendo 426 retrorefletores espelhados. Ele não tem NENHUM sensor ou eletrônica.

O núcleo de bronze do Lageos: Só serve para fazer peso!

Como pode um satélite sem eletrônica? Ele usa um sistema bem engenhoso:

Basicamente, da Terra os cientistas mandam um raio Laser para o satélite e ele retorna o raio. Com isso foi possível receber um volume IMPRESSIONANTE de dados. Inclusive mudanças do eixo da Terra e questões da geodinâmica do planeta, como a movimentação das placas tectônicas. O volume colossal de dados que uma simples bola de espelhos gerou, estimulou a NASA a lançar outra: O Lageos2 que ajudou ate a confirmar teorias de Einstein entre outras dezenas de dados científicos.

PAra que funcione é preciso que lasers atinjam os espelhos da bola. Esses lasers são emitidos da Terra para o espaço por estações de monitoramento do solo localizadas em muitos países (incluindo os EUA, México, França, Alemanha, Polónia, Austrália, Egito, China, Peru, Itália e Japão) têm variado para os satélites e dados dessas estações estão disponíveis em todo o mundo para os investigadores que estudam a dinâmica da crosta terrestre.

Tudo com uma ideia super simples: Uma bola cheia de espelhos.

De acordo com a NASA os 2 LAGEOS ficarão orbitando a Terra por 8,4 MILHÕES DE ANOS!

Isso quer dizer que há uma possibilidade de que o LAGEOS sobreviva a um possível cataclismo de extinção da vida na Terra e por isso ele ganhou uma placa do Carl Seagan para caso o alien o encontre depois que formos evaporados da Terra:

A placa inclui os números de 1 a 10 em binário. No canto superior direito é a terra com uma seta apontando para a direita, indicando o futuro. Ela mostra um #1 indicando uma revolução, igualando 1 ano. Em seguida, mostra 268435456 (em binário; 228) anos no passado, indicado por uma seta para a esquerda e a disposição dos continentes da Terra naquela época. O presente é indicado com um 0 e ambas as setas para frente e para trás. Em seguida, o arranjo estimado dos continentes em 8,4 milhões de anos, com uma seta virada para a direita e 8388608 em binário (223). LAGEOS aparece no lançamento no ano 0, e caindo para a Terra no diagrama de 8,4 milhões de anos.

(eu acho que um alien não vai entender nada, mas dane-se, kkkk)

fonte

Receba o melhor do nosso conteúdo

Cadastre-se, é GRÁTIS!

Não fazemos spam! Leia nossa política de privacidade

Philipe Kling David
Philipe Kling Davidhttps://www.philipekling.com
Artista, escritor, formado em Psicologia e interessado em assuntos estranhos e curiosos.

Artigos similares

Comentários

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Últimos artigos

Gripado

O dia da minha quase-morte

Palavras têm poder?